31.03.2014

Receitinha de Acidificante Caseiro Com Vinagre

Essa receita é antiga e circula há tempos pela net, mas como no último post sobre máscaras e condicionadores muita gente falou que usava acidificantes e tal, achei que seria legal colocar uma receitinha fácil, barata e eficaz de acidificante caseiro, né?

A química capilar pode desequilibrar o pH dos fios, que deveria ficar entre 4.5 e 5.5, e esse desequilíbrio deixa os fios mais porosos, com aquela sensação de que nada funciona direito no cabelo, sabe?

Quando isso acontece é preciso equilibrar o pH dos fios, e isso a gente faz com acidificantes (ele estabiliza o pH, por assim dizer), como o da K.Pro, que é ótimo. Mas, quem nao quiser gastar dinheiro com isso pode se valer dessa receitinha:

Acidificante Caseiro Com Vinagre

Acidificante Caseiro:Você vai precisar de

  • 30 ml de vinagre
  • 150 ml de água

Como Usar Acidificante Caseiro :

Você vai misturar os dois “ingredientes” e aplicar nos fios como último enxágue. Daí é só retirar o excesso, usar um finalizador (leave-in, caso você use) e secar como quiser.

 Qual Resultado Esperar?

O vinagre possui o pH entre 2.5 e 4.5, ou seja, um pH ácido e bem baixo, então ele vai fechar as cutículas, alinhar os fios e doar brilho, já que quando os fios estão alinhados, o luz reflete mais e o cabelo brilha.

acidificante caseiro

Pra quem está com os fios porosos essa receitinha é mágica, porque com o pH equilibrado os fios parecem “segurar” melhor os ativos de tratamento das máscaras e reduzir a porosidade.

Eu uso vinagre de maça de qualquer marca, mas alerto que ele não deve ser usado todos os dias (de jeito nenhum!), já que contém álcool, que é uma substância que resseca os fios. No mais, acidificar o cabelo todos os dias, com um produto de pH tão baixo, pode causar danos aos fios, porque tudo demais é sobra, né? O ideal é usar de 10 em 10 dias, mais ou menos, quando os fios estão bem detonados. Quando o cabelo for melhorando, dê um tempo maior.

Eu, Ju, uso uma vez ao mês, porque é aquilo que falei no post anterior: no meu cabelo produtos de pH muito baixo (menos que 3)  dão um efeito ruim a longo prazo. Claro que isso varia de cabelo pra cabelo, e aí você vai ter que testar pra ver como vai funcionar melhor no seu.

acidificante caseiro

Quem deve Usar?

Eu indico mais pra quem faz químicas capilares, e também em casos onde o cabelo, mesmo sendo tratado, parece não melhorar, sabe? Quando o cabelo não melhora com nada o problema pode ser o desequilíbrio do pH, já que estando com as cutículas abertas ele não “segura” os ativos de tratamento.

+ Receitinhas Pra Cabelos

Beijos, Ju

Quer mais dicas como essa? Vamos papear nas redes sociais⇒ Instagram ♥ Snapchat ♥ Twitter ♥ Pinterest ♥Facebook⇒   @jurovalendo

31.03.2014

5 Dicas Pra Quem Quer Ficar Loira

loiro

Já tive tantos tons de loiro e já mudei esse cabelo tantas vezes que  acho difícil cair em alguma cilada hoje em dia, porque “água mole em pedra dura, tanto bate até que fura”, né?

E eu aprendi foi errando mesmo e pagando caro pela minha teimosia e também por não questionar, por não observar, por não meter o bedelho na coisa, e tem 5 coisinhas básicas que eu aprendi e que vocês precisam aprender caso queiram ficar loiras (um loiro lindo, claro!).

1. Teste da Mecha

Ninguém toca em meu cabelo pra nada se não fizer um teste da mecha antes, porque se existe uma coisa que pode evitar desastres é esse teste, que é fácil de fazer e não toma tempo de ninguém.

cabelo loiro

Tá achando que é frescura, né? No dia que você tiver o primeiro corte químico (Nossa Senhora das Madeixas nos livre desse mal!) esse achismo fica pra trás, porque só quem já viu o cabelo partir e cair sabe o desespero que é passar por isso, que pode ser previsto e evitado pelo teste da mecha.

O teste da mecha, aliás, deve ser feito antes de todo e qualquer  procedimento químico, e isso inclui alisamentos, relaxamentos, progressivas, colorações, descolorações e por aí vai.

O que ele vai fazer basicamente é “medir” o grau de resistência dos fios, é verificar na prática se o cabelo aguenta ou não o procedimento químico que você quer fazer, se existe ou não incompatibilidade de ativos, tempo de pausa necessário e coisas do tipo. Ou seja, o teste da mecha é o que pode prevenir desastres!

E fazer isso é fácil demais: pegue uma mecha pequena na parte de “dentro” do cabelo, aplique um pouco do produto que você vai usar pra fazer a química e deixe agir pelo tempo necessário pra finalizar o procedimento (em casos de progressiva e alisamento, por exemplo, podem ter outros “passos”). Após retirar, observe as condições do cabelo, a elasticidade, a resistência, a porosidade e veja, em resumo, se o cabelo pode ou não “aguentar o tranco”.

descolorante cabelo loiro

O cabelo afinou? Ficou elástico? Muito poroso ou coisas do tipo? Engavete o projeto “loira do ano”, fortaleça o cabelo e só quando ele estiver recuperado pense em fazer o procedimento químico.

 2. Escolha um Bom Descolorante!

Ninguém dá atenção a isso, mas quem quer ter um loiro bonito e bem tratado precisa investir pesado em um bom descolorante! Um bom descolorante “abre” a cor em menos tempo e agride muito menos os fios, deixando a cor bem mais bonita.

Eu, Ju, não uso descolorante de farmácia nem a pau! Sinto muito, mas é uma economia das mais burras, porque o cabelo vai estragar mais e você vai gastar muito mais pra recuperar, e recuperar um cabelo detonado custa caro!

Existem excelentes descolorantes no mercado, e é uma coisa que você não vai precisar comprar com frequência, já que dura bastante. O meu preferido é o da Tec Italy, mas daqui a pouco coloco o post com meus 8 que mais gosto, tá?

cabelo loiro

3. Aprenda a Ter Paciência!

Não dá pra ser platinada do dia para a noite, e toda mudança no tom dos fios precisa ser gradual pra que o cabelo sofra o menos possível.

Meu cabelo já abriu do tom natural dele (castanho escuro) pro loiro claríssimo de uma só vez e algumas pessoas podem, a depender do cabelo e dos produtos utilizados, conseguir isso, mas é raro. É raro porque quanto mais escuro e grosso for o cabelo mais ele vai demorar pra “abrir” e muitas vezes são necessárias duas, três sessões de clareamento pra chegar ao tom que você deseja.

Comece aos poucos, até pra que o cabelo não fique tão detonado, porque o descolorante “remove” matéria do interior dos fios, o que deixa o cabelo mais fraco e vulnerável, e quanto mais “pancada” for a mudança, mais o cabelo sofre.

cabelos loiros

4. Escolha um Bom Profissional

Não dá pra economizar em química capilar, muito menos em “cor”, porque se o procedimento não for bem feito o cabelo acaba ficando feio e você insatisfeita, e não tem coisa pior, né? E quanto maior for a mudança, melhor tem que ser o profissional!

Esse é um investimento que evita perda de dinheiro no futuro, porque  “arrumar” um loiro feio custa caro!

5. Use Bons Produtos!

Antes de pensar na possibilidade de ficar loira saiba que você vai precisar tratar os fios com muito mais frequência, e o uso de bons produtos, que não são necessariamente caros, é pra lá de essencial.

produtos cabelo loiro

Tem um post aqui com o kit básico para cabelos loiros, e recomendo muito a leitura!

 + Cabelos Loiros

Fazendo isso, eu garanto que  os riscos de danos para os fios são bem menores!

Beijos

Ju

31.03.2014

A Vida Pode (e Deve!) Ser Muito Mais Bonita!

Não tem como controlar a grande maioria das coisas que acontecem em  nossas vidas, embora a gente viva se iludindo, porque, como bem diz Chico, ” a gente quer ter voz ativa e no nosso destino mandar, mas eis que chega a roda viva e carrega o destino pra lá”

Mas, a gente pode, e deve, fazer o melhor que a gente pode com as possibilidades que a gente tem. A gente pode ter uma vida mais florida, mais bonita, e temos  que fazer isso por nós mesmas, porque a gente quer, porque a gente precisa, porque a gente merece… Todos os dias!

vida bonita

É como a gente encara as coisas que faz toda a diferença, e são as pequenas coisas, as mais simples, que deixam nossos dias mais bonitos. É, é meio poético isso e nem um pouco “prático”, mas ó, funciona, viu?

Funciona encher a casa de flores, de cheiros, de cores. Funciona sorrir mais, sorrir sempre, aliás, porque o riso é uma prece, e das mais sagradas. Funciona tratar as pessoas com carinho, funciona ter alegria dentro de si, funciona ser grato, todos os dias, pelo tanto de coisas boas que nos acontece, e só o fato de não acontecer uma coisa pior já é bom.

vida bonita

Mas o que mais funciona é tratar a si mesmo com amor, com respeito, com carinho. É isso, que parece tão fácil mas quase sempre é difícil, que torna tudo mais bonito.

Quem gosta de si mesmo não aceita nada menos que a beleza de todas as coisas. Quem gosta de si mesmo não se maltrata nem permite que o façam. Quem gosta de si mesmo sorri pra vida todos os dias e busca sempre o melhor.

vida bonita

Quem se ama de verdade vive a  partir de uma outra perspectiva, porque vive  a partir do coração, e gente assim sente mais, percebe mais, ama mais, sorri mais, celebra mais e espalha alegria. Gente assim tem luz, uma luz que não se vende, que não se compra, mas que vem de dentro e parece iluminar e aquecer os demais.

Experimente, todos os dias, adicionar “pepitas” de beleza em seus dias e veja como, em pouco tempo, tudo parece muito melhor, muito maior, muito mais bonito.

Beijos e boa semana!

Ju

30.03.2014

Botas Lindas e Confortáveis Pro Inverno!

O verão acabou de acabar e já comecei a pensar na estação que mais amo: o inverno! Amo e ainda vou morar em uma cidade fria, onde dê pra usar tudo o que eu gosto: muito tricô, casacos lindos e, claro, botas, muitas botas, de todos os tipos.

Queria poder usar botas todos os dias, e tenho muitas, de vários estilos diferentes, mas aqui em Jee não dá muito certo porque é quente demais. Mesmo assim eu compro e adoro quando tenho oportunidade de usá-las, mas cada dia mais tenho preferido as botas com salto pequeno, principalmente em viagens, porque conforto é, pra mim, o mais importante.

botas de inverno

A grande maioria das minhas botas (só tenho 12, não é tanto assim!) é da Carmen Steffens (não tenho nem nunca tive vínculo com a marca) porque elas funcionam certinho no meu pé, que é meio de pato (aberto na frente, sabe?), não apertam, são muito confortáveis e duram bastante. Como a “fôrma” deu certo, fico com receio de comprar outras sem referências e me arrepender.

Sapato, aliás, é uma coisa que eu prefiro comprar mais caro, porque sapato desconfortável acaba com meu humor, e sapato que “descole” ou coisas do tipo merece é lixo, né? Pra quase todas as coisas eu sou “aberta” a pechinchas, mas pra sapato a coisa muda um pouco…

Pois bem, fui procurar a versão preta da minha bota marrom (é a última da foto abaixo) da Carmen Steffens e acabei achando várias botas legais agora pro inverno! Essa bota marrom, que é a ultima da foto, eu tenho na cor preta e amo, porque o cano é removível, então fica maior ou menor a depender de como a gente queira usar. Acho ótima pra viagens e queria de várias cores!
Botas Inverno

Achei uma fofa de cano curto lá na Carmen Steffens, mas a da Marisa também parece bonitinha, só não sei quanto ao conforto, resistência e durabilidade.

Morri nessa bota  preta  da Shutz! Ô bota linda! O problema é que esse salto não é confortável pra bater perna, né? E se coloco uma bota dessas no São João (Inverno = São João = Melhor festa do ano!), vou tropeçar a cada metro e chegar em casa com a bichinha acabada!

Tão vendo aquela bota com detalhes “verdes”? Adoro esse tipo de bota, meio “cowboy“, pra usar com vestido soltinho e leve… Fico mais “caipirinha” ainda!

Olhei na Renner mas tinham poucas opções, e a única que achei bonita foi essa preta, mas o salto é alto e, mais uma vez, não conheço a qualidade e a resistência da peça.

As outras duas longas são da Carmen Steffens também e apaixonei na mais escura, porque não tem salto nenhum e parece ser muito confortável!

Vocês têm referências de botas confortáveis e resistentes? Avisem aí que preciso de opções!

Beijos

Ju

juro valendo

Página 1 de 1612345
O que você acha do JV?
Antes de conhecer o JV eu não sabia que existiam máscaras com fins diferenciados ... Pra mim "hidratação" era uma coisa só .. Hj entendo…