29.01.2016

Top 10 da Leitora: Jaqueline Ribeiro

Tem produto pra todos os gostos!

Vamos para o primeiro Top 10 da Leitora desse ano? E vamos começar com a Jaqueline Ribeiro, que tem 28 anos e é lá de Ribeirão Preto, em São Paulo.

A Jaque, que também tem um blog, o Quebrei a Regra, me disse que morria de vontade de participar dessa TAG, mas ficava com vergonha (super te entendo, Jaque, também sou mega tímida, acredite! rs). Ainda bem que a vergonha foi pra escanteio e ela mandou a listinha dos 10 produtinhos que ela não vive sem, né? Adoro conhecer os preferidos de vocês, adoro!

top-10-da-leitora-jaqueline-ribeiro

1. Máscara Reparadora Hair Remedy, Cadiveu, R$44,99: “Além de ter um cheiro delicioso, essa máscara deixa o cabelo macio, hidratado e reparado.”

2. Base Dermablend, Vichy, R$126,00: “Essa base é a minha queridinha, sua cobertura é alta, mas com textura leve e acabamento matte. A pele fica perfeita!”

3. Máscara de cílios Turbo Duplo Impacto, Eudora, R$35,99: “O que dizer dessa máscara??? Maravilhosaaaa!!!”

4. Removedor de cutícula, Agile, R$13,50: “Esse produtinho remove a cutícula sem precisar da ajuda do alicate. É tudo de bom e não vivo mais sem.”

5. Hidratante para banho Milk,  Nivea, R$12,50: “Eu adoro produtos práticos e esse hidratante me encantou na primeira aplicação.”

Tem resenha dele aqui.

6. Batom Flat Out Fabulous, MAC, R$73,00: “Esse batom é perfeito e dá um up em qualquer maquiagem.”

7. Gel de Limpeza Tonificante TEZ, Natura, R$31,70: “Me dei muitíssimo bem com esse produto. Ele limpa bem a pele mas ao mesmo tempo é suave.”

8. Shampoo a seco, Batiste, R$22,99: “Esse shampoo é o meu salva-vidas nos dias mais corridos.”

9. Dramatically Different Moisturizing Gel, Clinique, R$95,00: “Ele é livre de óleos e mantém uma hidratação equilibrada na minha pele, que é mista a oleosa.”

Tem resenha dele aqui, e eu adoro!

10. Protetor para os pés, Nexcare, R$10,74: “Depois que comecei a usar essa fita nunca mais fiquei com bolhas nos pés por causa de sapatos que ficavam machucando.”

Amo, não vivo sem e já falei dela nesse post aqui!

Jaque, adorei seus favoritos e já quero testar a máscara da Cadiveu, o Gel de Limpeza e o Removedor de Cutícula! Obrigada por ter participado, viu? ♥

Pra quem quiser participar dessa tag, é só enviar um e-mail pra [email protected] com seus 10 produtos preferidos, uma foto sua, idade e cidade onde mora. Ah, e não esqueça de explicar (em poucas palavras) porque gosta tanto de cada produto!

Tô esperando os e-mails de vocês, tá? E se quiser conferir os outros Top 10 da Leitora é só clicar aqui.

Beijos, Ju♥




29.01.2016

Creme de Tratamento Detox Capilar TRESemmé

Leve, suave e gostosa!

Depois de garrar amor no Shampoo Detox, fui praticamente obrigada pelas vozes, aquelas que atacam a cada vez que eu entro numa farmácia, a comprar o Creme de Tratamento Detox Capilar TRESemmé, porque né, se o shampoo já era bom, o creme de tratamento, na minha cabeça, era melhor ainda… Ótima justificativa para o consumismo investigativo! hahaha

Creme de Tratamento Detox Capilar TRESemmé

Creme de Tratamento Detox Capilar TRESemmé: promessas

De acordo com a marca, “o Creme de Tratamento Detox Capilar TRESemmé ajuda a cuidar das cutículas enfraquecidas e danificadas. Sua fórmula contém uma mistura de ingredientes botânicos, como chá verde e gengibre, conhecidos por suas propriedades antioxidantes, além de proteína do trigo. Não contém parabenos ou corantes. Para cabelos macios e suaves. Seguro para cabelos tingidos.”

Creme de Tratamento Detox Capilar TRESemmé

Olhando a composição, dá pra notar que o forte é mesmo a purificação dos fios, já que vem com gengibre e chá verde, além de glicerina, que é um agente umectante, proteínas do trigo e ácido lático.

A embalagem é plástica, conta com tampa de rosquear e vem com 400g de produto. A textura é cremosa e grossinha, ele é branco, então não interfere na pigmentação dos fios, e o cheiro é suave, levemente docinho e gostoso.

Creme de Tratamento Detox Capilar TRESemmé

Creme de Tratamento Detox Capilar TRESemmé: Resultados

A máscara condiciona bem os fios e amacia os fios, suavizando as cutículas. Não é do tipo que “derrete o cabelo” e não se propõe a isso, afinal trata-se uma máscara detox, né?

Depois de seco noto que o cabelo ganha mais peso, mas não é peso de ficar oleoso ou nada do tipo, é peso de ficar “comportado”, mas sem reduzir o volume. Os fios ficam sim mais alinhados, com movimento e mais leves. Ah, e ganham brilho também, coisa que notei principalmente na raiz, onde não tenho química (luzes).

Creme de Tratamento Detox Capilar TRESemmé

Ela dá uma reduzida boa no ressecamento, é leve  e dá uma suavizada nos locais onde o cabelo está mais poroso, sendo uma ótima máscara para manutenção, pra ir intercalando com uma máscara de tratamento mais poderosa, sabe?

Custa R$12,90, é vendida em mercados e farmácias, e eu compraria novamente, até porque é uma excelente base pras nossas “misturinhas”, viu? Aliás, amanhã vou ensinar uma por aqui que é babado!

Creme de Tratamento Detox Capilar TRESemmé

Alguém já testou? O que achou? Conta aí, menina, oxe!

Beijos, Ju♥

28.01.2016

Orgulho do Dia: O Juro Valendo é o 2º Blog de Beleza Mais Acessado do País

Tô muito orgulhosa, gente!

Ontem fui dormir eufórica, e hoje acordei orgulhosa, porque não é todo dia que que a gente fica em 2º lugar como o blog de beleza mais acessado do país, né? A matéria, do Daniel Lajes, saiu ontem no site da Exame  e encheu meu coração de alegria.

Tô orgulhosa sim, orgulhosa de mim, da Si, de vocês e do que nós construímos, porque eu não faço isso aqui sozinha, isso não é um monólogo, é um diálogo, e dos melhores, mais verdadeiros e divertidos, porque aqui a gente fala de tudo, concorda, discorda, e tudo na maior alegria, sem briga, sem confusão.

melhores blogs de beleza juro valendo blog mais acessado no mundo

Fiquei imensamente emocionada com os comentários que li ontem após publicar essa matéria na Fan Page, porque eu senti daqui, como sinto todos os dias, que o carinho e a torcida são verdadeiras. Porque vocês vibram por mim, por nós. Porque vocês confiam em mim, porque vocês acreditam na minha palavra, porque vocês sabem que eu respeito e sempre vou respeitar cada uma de vocês, e que isso pra mim é mais importante que qualquer outra coisa, porque o meu compromisso é, sempre foi e sempre será com vocês.

E eu me sinto honrada de poder fazer parte da vida de vocês, de saber que mesmo daqui, do outro lado da telinha, no interior da Bahia, eu sou “ouvida”, que minha opinião é importante pra vocês, que vocês confiam nela. Mais que isso, eu sinto um orgulho danado de ver, saber e sentir que aqui vocês se sentem a vontade, que se sentem em casa mesmo,  que pra vocês eu não sou só uma blogueira, porque o que a gente constrói aqui todos os dias é muito mais do que isso…

Muito obrigada por tudo, eu com vocês sou, sempre, muito mais… E essa vitória é nossa!

Beijos, Ju e Si ♥

28.01.2016

Sobre Não Menstruar… Por 18 Anos!

Foi bom enquanto durou!

Pensei muito antes de escrever esse post, porque, afinal, falar sobre menstruação, ou melhor, sobre não menstruar,  é, digamos, íntimo demais. Mas, acredito que a gente já tem intimidade suficiente pra falar de tudo, porque é com vocês que passo a maior parte do meu dia, é pra vocês que conto não só quais são meus cosméticos preferidos, mas os meus medos, as minhas perdas,  as minhas neuras, as minhas dúvidas, as minhas conquistas e vitórias, a minha vida, enfim.

E essa semana, lendo uma matéria que compartilhei no meu perfil pessoal do Facebook, fiquei com muita vontade de falar sobre isso por aqui… Mas vou começar a história do começo, tá?

Sobre não menstruar

Menstruei pela primeira vez com 11 anos, e até os 15 vivia, mensalmente, dias de terror. Tinha cólicas absurdas, do tipo que a gente vai pro hospital e fica lá até a coisa melhorar, e minha TPM era monstruosa, uma coisa completamente fora do normal, porque eu surtava, literalmente.

sobre não menstruar

Isso atrapalhava minha vida de muitas formas, porque se nem eu conseguia conviver comigo durante 10 dias do mês, imagino como era difícil para as outras pessoas, porque a coisa era mais ou menos nesse nível: se você olhasse pra mim eu chorava porque você olhou, se não olhasse eu chorava porque você não olhou.

E isso sem falar que eu não tinha a menor condição de sair de casa menstruada, porque sentia tanta, mas tanta cólica que vomitar e desmaiar de dor era de praxe. Ficava trancada no quarto, no escuro, porque enxaqueca era um daqueles “presentes” que jamais deixava de vir.

Lá pelos 15 anos descobri Elsimar Coutinho, li muito do que ele falava sobre a suspensão da menstruação e conversei com minha ginecologista, que, a princípio, foi contra. Ela sugeriu que eu começasse a usar anticoncepcional e disse que isso amenizaria todos os meus problemas de mocinha. Não funcionou, e aí, finalmente ela concordou que, mesmo eu sendo tão nova, essa era a melhor opção.

Então, suspender a menstruação, naquela época, era uma necessidade, e foi algo que me deu uma qualidade de vida que, até então, eu não tinha. Meu humor ficou estabilizado, não perdia mais vários dias do mês trancada em casa, não era mais frequentadora assídua de hospital e senti uma liberdade que é impossível explicar em palavras.

E foi assim por muitos anos, 18, pra ser mais exata (Namô que fez as contas, cês sabem, eu sou de humanas! hahaha) até que deixou de ser…

Continuo achando que a pílula anticoncepcional é uma vitória pra nós, mulheres, vitória essa que contribuiu (e contribui) muito para a liberdade sexual, para o  planejamento familiar e até pra emancipação feminina. E acho, também, que não menstruar é uma maravilha, e que ter essa opção é mais uma vitória.

Só que tudo tem seu preço,  e a minha conta resolveu chegar, infelizmente. E chegou em forma de descontrole hormonal absoluto, com níveis extremamente baixos de LH, FSH, Testosterona, Dehidroepiandrosterona, Estradiol e Progesterona, que, inclusive, eu já fazia reposição há mais de dois anos.

Fiz dezenas de exames e todos os meus médicos (nutrólogo, ginecologista, ortomolecular, etc) disseram a mesma coisa: que esse quadro, associado a vários outros sintomas, estava relacionado com o uso contínuo e prolongado da pílula anticoncepcional e que eu deveria pensar na possibilidade de suspender o uso, até pra ver como o meu organismo iria reagir.

Relutei absurdamente por muitos  motivos: detesto menstruar, tenho receio da TPM violenta voltar, assim como as cólicas, e gosto demais da liberdade que é ficar livre do que eu sempre chamei de sangria inútil (viva Elsimar Coltinho!).

Mas, depois de muito conversar com os meus médicos, decidi não só parar de usar a pílula de forma contínua, mas de suspender temporariamente o seu uso, por 6 meses, pra ver como o meu organismo reage.

E foi assim que ontem, depois de mais de 18 anos, eu parei de tomar a pílula. Tô me sentindo orfã! hahaha

Aos poucos vou atualizando vocês, contando como tô me sentindo, como estão meus níveis hormonais e coisas do tipo, mas antes de terminar quero que vocês saibam que o fato de uma coisa ter acontecido comigo não significa que vai acontecer com vocês, não significa que a pílula é o mal do mundo ou algo do tipo, porque não é, e prova disso é que, ao longo dos anos, ela ajudou e ajuda muita gente, e me ajudou absurdamente por muitos anos.

Alguém já passou por isso? Divide comigo!

Beijos, Ju♥

Página 1 de 912345
O que você acha do JV?
Amo as dicas, resenhas...enfim, tudo aqui no JV é um serviço público e de grátis rsrs , sigo as dicas da Ju e até hoje…
As leitoras mais incríveis da vida
  • Pela janela do carro e mesmo assim foi bonito de ver! #blogbellealmeida #pordosol #sunset
  • Chás para o cabelo! By @ohhlollas
#cabeloslindos 
#cabelossaudaveis 
#jurovalendo 
#sejoga
  • Partiu #ruacoberta ! A tarde toda com essas queridas  lá no espaço #EuAlmaDeFlores aqui em #Gramado ! #jurovalendo #coisasdedivas #antigosfranzoi
Quer ver a sua foto publicada aqui no blog?
Poste no instagram uma foto com a hashtag
#JuroValendo