02.10.2016

Painel de Leitores Protótipo: Como fazer?

Vou aproveitar que no domingo faço posts que fogem um pouco da nossa “programação normal” pra falar do meu Painel de Leitores Protótipo, que já falei lá no Face algumas vezes e muita gente, sobretudo outras blogueiras, perguntam como funciona.

Apesar de blog ser algo pessoal, sempre tive em mente que blog se faz para o leitor, e eu escrevo pra ser lida. E, se quero ser lida, tenho que conhecer muito bem os meus leitores.

Quero conhecer a ponto de conseguir cumprir, todos os dias, a promessa de que em cada post vocês vão encontrar aqui o que é importante pra vocês, o que é útil para as suas vidas, o que vai fazer diferença no seu dia a dia.

Por isso, cada post que eu faço, cada produto que escolho testar, cada tema que abordo leva em conta não só os meus, mas os interesses, necessidades e desejos de vocês, porque isso aqui não é feito pra mim, é feito pra nós.

Portanto, conhecer e, mais que isso, compreender os meus leitores sempre foi o ponto central aqui do blog, mas as pesquisas anuais, com perguntas prontas, não me davam o que eu queria, que era a acesso a realidade e ao dia a dia de vocês.

painel de leitores protótipo juro valendo

Painel de leitores protótipo

Foi aí que, pesquisando como as emissoras de TV conseguiam analisar o comportamento dos telespectadores pra “antecipar” seus desejos, cheguei no Homero Icaza Sánches, que foi considerado o “bruxo” da TV Globo, justamente por que conseguia entender o público de tal forma que sabia, antecipadamente, quanto cada programa da emissora teria de audiência.

Depois disso conversei com amigos que trabalham com publicidade e com pesquisa de produtos e conheci o painel de leitores protótipo, e aí, metódica que sou (Mércurio em Virgem, né mores? rs), coloquei no papel tudo o que achei relevante nos métodos de pesquisa que tive acesso e montei o meu próprio painel.

Primeiro a gente faz o óbvio: pega os dados estatísticos primários (no Analytics tem muita coisa!), como idade, sexo, cidades, etc, cruza essas informações e determina, com base nos resultados desse cruzamento,  10 tipos básicos (aqui eu tenho como base o 100%).

Com base nesse cruzamento eu sei, por exemplo, que 60% das minhas leitoras estão em capitais, mas a leitora que está numa capital do Sudeste é, a princípio, diferente da que está numa capital do Nordeste. Que a leitora que está em uma capital do Nordeste, mas é da classe B, tem expectativas, desejos e realidade diversa da que, estando na mesma capital, é classe C.

E mesmo que as duas sejam classe C e estejam na mesma capital, e aí já entra a parte de observação da realidade dos meus protótipos, elas não fazem parte do mesmo grupo se, por exemplo, uma é casada, tem filhos e trabalha fora e a outra estuda, é solteira e não trabalha.

Mas não fazem parte não porque uma é casada e a outra é solteira. Não fazem parte porque, por causa disso, muitos dos seus interesses diários, escolhas e desejos são diferentes.

Essa parte de estatística é, pra mim, a pior, porque sou de humanas, né? rs Mas, conversei com um professor do curso de Matemática da Uesb (a universidade daqui) e ele me ajudou.

Quando consigo os resultados da parte estatística e transformo isso nos 10 tipos básicos, chega na parte que mais gosto: transformar isso em bonecas e, depois, “em gente”.

Compro 10 bonecas (no meu caso são 9 bonecas e 1 boneco) e transformo-as com base naqueles dados estatísticos. Cada uma tem uma idade média diferente, uma cidade, uma classe social e por aí vai.

Feito isso, procuro entre as minhas leitoras, nas redes sociais (é por isso, também, que sempre tô futucando e curtindo o Face e o Instagram de vocês! rs), as que se encaixam em cada um dos perfis que estabeleci, porque não existe “um leitor”, existe um grupo de leitores diferentes unidos por interesses em comum, e eu não posso, se quiser atingir a todos, focar em apenas um.

Depois de encontrar os meus leitores protótipo, converso com eles e estabelecemos uma parceria, onde tenho acesso total a seus perfis nas redes sociais, pra que eu possa acompanhar o que eles dizem e, assim, entender o que querem e, mais ainda, o que não querem, assim como observar o que não dizem, que é o que me diz muita coisa, por mais louco que pareça.

Tenho, com todos, um encontro mensal (por skype, whatsapp, etc), onde a gente conversa sobre o que está acontecendo em suas vidas, quais são seus novos interesses, quais os produtos que estão usando, o que estão gostando ou não, e todos eles têm acesso total a mim o tempo todo pelo whatsapp, e aí a gente fala de tudo, de todas as besteiras do dia a dia, das neuras, das impressões sobre vários assuntos e produtos e por aí vai.

Esse acompanhamento é fundamental, porque todos nós mudamos todos os dias, e assim mudam as necessidades, os gostos e a própria vida, então é essencial prestar atenção nessas mudanças pra entender os novos desejos e as novas fases na vida de cada um e, assim, não repetir velhas fórmulas.

Acompanho e observo meus leitores protótipos todos os dias, de muitos já sou amiga mesmo, e isso me dá uma visão muito mais ampla do que cada um quer, porque consigo ter acesso a informações que nenhuma pesquisa me daria.

painel de leitores protótipo juro valendo

Sei onde moram, como moram, como querem morar, o que e quando leem, o que compram, querem ou não querem comprar, como se comportam nas mais diversas situações, quais são seus hábitos, suas expectativas, seus desejos latentes e por aí vai.

Tenho centenas de milhares de prints de cada reclamação que vocês fazem nas redes, e aqui é de todo mundo, de cada elogio, de tudo o que vocês falam e que pode, de alguma forma, me ajudar a melhorar e deixar o blog como vocês querem.

Já até mostrei por aqui uma vez (veja aqui) muitos prints de comentários fofos de vocês desde que criei o blog, lembram? Pois é, eu faço isso com tudo, com cada comentário, em todos os lugares, porque sozinha não consigo responder todos eles, mas guardo e levo cada comentário comigo pra entregar  exatamente o que vocês querem.

Com base em todas essas informações, cada boneca, que representa um grupo de leitor, ganha “vida”. Cada uma é caracterizada de forma diferente, com corte, cor de cabelo, maquiagem, roupa, sapato, acessório, produtos que usa, etc. É tipo “brincar” de boneca, sabe?

Pra agrupar mais informações, cada uma tem um caderninho, que fica ao seu lado aqui na minha estante de leitoras protótipo, e esse caderninho, escrito a lápis, ganha novas informações todos os dias.

Cada mudança é anotada, cada compra, cada detalhe do que é falado e postado vai pro caderninho.

Dá um trabalho danado, um trabalho que nunca acaba, mas dá também uma satisfação imensa de ver que consigo, de alguma forma, conhecer vocês a tal ponto que, como leio por aqui quase todos os dias, a gente mais parece amiga de infância.

Vocês sempre falam que “adivinho” o que vocês querem, mas não é adivinhação, é observação mesmo (culpa de Escorpião, que manda no meu mapa! rs), só.

E isso também faz TODA a diferença no crescimento do blog, toda, porque, afinal, qual a probabilidade de um blog do interior da Bahia, de uma cidade super pequena, onde não tem sequer um shopping, onde não tenho acesso a quase nada, crescer na velocidade que a gente cresce? E, mais que isso, crescer quando a grande maioria dos blogs estão diminuindo e perdendo espaço pro YouTube?

Nós crescemos todos os meses, sem exceções, temos mais de 3 milhões de visualizações de páginas por mês, e de um público que não é, via de regra, o público comum dos blogs de beleza, já que a imensa maioria desse público tem mais de 30 anos.

Além de ser essencial para o crescimento, vem aí o mais importante: meu público é extremamente fiel. São pessoas que, desde que começaram a acompanhar o blog, continuam acessando regularmente, são pessoas que estão aqui o tempo todo.

Isso faz com que esse crescimento, que é sim maravilhoso, não seja vazio. Existe uma relação de confiança por trás desse crescimento, existe a reafirmação diária daquele “contrato” que falei no início do texto, que aqui vocês vão encontrar o que procuram, da forma que procuram, na linguagem que gostam.

Tudo isso pode parecer muito complicado ou calculado, mas não é. É simples, e é, pra mim, a melhor forma de conhecer cada vez mais as necessidades de vocês, porque eu, Ju, faço o blog pra vocês, eu quero ser lida, e pra ser lida preciso alinhar o que quero escrever com o que vocês querem ler.

Claro que preciso melhorar em muitas coisas, mas tenham certeza que, todos os dias, faço o meu melhor!

Espero que vocês tenham conseguido entender direitinho, e pras amigas blogueiras que queriam saber um pouco mais sobre isso, sobre como fazer e tal, o que posso dizer é que o que funciona pra mim é bem diferente do que vai funcionar para você, porque não existe uma fórmula, mas uma coisa é certa: o leitor é rei (quem disse isso foi o Google! rs) e você precisa conhecê-lo, precisa.

Beijos e bom domingo, Ju♥

Siga nossas Redes Sociais ⇒ Instagram ♥ Snapchat ♥ Twitter ♥ Pinterest ♥Facebook⇒   @jurovalendo

26.08.2016

5 Coisas Sobre Usar Aparelho

Não é fácil! hahaha

Coloquei aparelho semana passada e em pouquinho tempo descobri que usar aparelho não é tão ruim como eu pensava, mas também não é tão simples, porque é cada vergonha que tô passando, que ó, só por Deus! hahaha

Mas, vamos por partes pra gente se divertir juntas! rs E, sim, já falo tudinho sobre ele, tá?

sobre usar aparelho nos dentes ju lopes juro valendo

1. Usar aparelho dói?

Não é novidade pra ninguém que sou covarde pra dor, né? Estava “meio” apavorada com isso, até porque quase todo mundo diz que dói muito, mas não senti absolutamente nada.

Não feriu, não tive nenhuma afta, a gengiva está normal e nada dói, só senti algum incômodo quando tentei (e logo desisti! rs) comer coisas mais durinhas, porque, sinceramente, até o momento não dá! rs

Claro que isso varia de pessoa pra pessoa, mas pra mim a questão da dor tá bemmm tranquila. Ainda bem!

2. Como comer com esse troço, gente?

Se não estou sofrendo com a dor, tô pagando todos os meus pecados quando vou me alimentar! rs

Sério, nos dois primeiros dias achei que passaria os próximos meses só na sopinha, suquinho e papinha, porque mastigar era impossível, mesmo coisas molinhas, como mamão, por exemplo.

Falando nisso, fui toda faceira comer meu mamão no primeiro dia e só consegui quando cortei ele todinho, em pedaços pequenos, e fui apertando os pedacinhos com a língua no céu da boca. Granola, castanha e similares? De jeito nenhum! rs

Ainda não consigo comer nada mais duro e já sei que tudo tem que ser cortadinho, senão vai doer e posso até quebrar o aparelho, mas isso tá sendo bom, sabia?

Sempre comi rápido, nem prestava muita atenção no que estava comendo, muito menos nas quantidades, e agora tô tendo que aprender a comer direito, ou seja, devagar e mastigando bem.

E, outra coisa chata: não sei quando vou me sentir segura pra comer na rua, por exemplo, porque fico achando que tudo vai grudar no aparelho e vivo com um espelhinho na mão o tempo todo! rs

3. Reaprendendo a escovar os dentes

Achei, de verdade, que tinha aprendido a escovar os dentes com 3, 4 anos, mas na primeira escovação depois de colocar o aparelho descobri que precisava aprender tudo de novo!

sobre usar aparelho nos dentes ju lopes juro valendo

Gente, que trabalho! Comprei a escova interdental e aquela de tufo único e gastei um tempão pra passar com cuidado e conseguir deixar tudo limpinho, porque tudo gruda no aparelho, tudo! Ele é, praticamente, um imã de comida, não tem condição! rs

Sério, deu bastante trabalho e demoro muito mais pra escovar os dentes agora, porque fico com medo de pesar na mão e quebrar o aparelho, medo de machucar a boca, medo de não limpar direito… Ó, é uma novela!

4. Fio dental é um problema!

Mas, pior que escovar é usar o fio dental, te garanto! Aliás, quem inventou aquela praga daquele passa fio? Já assisti todos os tutoriais possíveis (juro! hahaha) e entreguei os pontos, não dá!

Eu não tenho coordenação motora pra passa fio, aquele treco parece uma agulha de costura, uma espinha de peixe e me fez desistir depois de 40 (!!!) minutos.

Achei que não conseguiria usar fio dental, já estava meio desesperada, mas agora já tô conseguindo, só que sem o tal do passa fio. E, claro, demorando muito mais.

5. Eu, a pata!

Sempre fui bicuda, e o aparelho me dá a sensação de estar ainda mais. Tô me sentindo uma pata, sabe? hahaha

Muita gente diz que é impressão minha, mas não é. A parte de baixo dos meus lábios parece mais “inchada”, como se tivesse feito preenchimento, a de cima está mais “pra frente”, o que deixa a expressão facial diferente.

E isso sem falar que meu sorriso mudou totalmente, né? Ainda não consigo sorrir direito de aparelho, acho que fica tudo torto e estranho e acabo colocando a mão na boca.

Ah, e às vezes embolo pra falar, a voz sai esquisita, parece que tô com uma batata quente na boca! hahaha

Fora isso, ter um objeto estranho na minha boca 24 hs por dia não é legal e não sei se algum dia isso vai melhorar, se vou acordar e não lembrar que ele está ali, porque a verdade é que me sinto como se tivesse uma daquelas dentaduras de vampiro, aquelas de festa de criança, na boca o tempo todo.

Acho que aos poucos isso tudo melhora, né? Espero!

E você, já passou por algum perrengue por causa do aparelho? Divide aí que já vou me preparando! haha

Beijos, Ju♥

Siga nossas Redes Sociais ⇒ Instagram ♥ Snapchat ♥ Twitter ♥ Pinterest ♥Facebook⇒   @jurovalendo

11.08.2016

Quereres de Aniversário

No próximo domingo, dia 14, é meu aniversário (e de minha mãe também! ♥), e, pensando na minha listinha de quereres, vi que a maioria das coisas que estou desejando não são exatamente “compráveis”.

Mas, como sempre tem aquelas coisinhas que a gente fica de olho, resolvi fazer um post só com as coisas que tô querendo pra esse mês e outro falando mais do que quero pros meus 34 aninhos (pois é! rs).

Tô comprando com muito mais consciência, apenas o que realmente preciso, sem aquela loucura de “quero porque é lindo”, sabe? Uma libertação isso aí, de verdade!

quereres-de-aniversário

Vestidos, muitos, por favor!

Cês sabem que botei pra fora quase todo meu armário, né? Falei disso nesse post, e agora preciso de vestidos práticos e que me deixem sempre arrumadinha pro dia a dia.

Achei vários na Amaro, que tem um preço ótimo e um monte de coisas lindas (e tá em promoção, gente!), e amei um pretinho da coleção da Elle pra C&A! Sério, ele é bem anos 50, muito clássico, muito básico, muito eu!

No mais, é como eu gosto: tem manguinha, é justinho na parte de cima, rodado na parte de baixo e marca a cintura. Chega às lojas dia 23 de agosto e quero pra ontem!

Carteira Vermelha

Só uso carteira vermelha, e como a minha já está velhinha, coloquei o namorado pra ir em todas as lojas que eu gosto e achar uma pra mim, fotografando tudo e mandando pelo whats app, claro! hahaha

É que dizem que carteira a gente não pode comprar, tem que ganhar (mas pode escolher! haha), e como só ele tem paciência pra isso e já conhece meus gostos e manias, só ele poderia comprar, né?

Depois de rodar tudo e mandar trocentas fotos, decidi por uma da M.Officer que é bem divididinha, grande e lisa, do jeito que eu gosto!

Sutiãs

Sabe quando a gente compra uma coisa uma vez, acerta e não muda mais? Sou eu com os sutiãs da Liz e da Hope! Eles são confortáveis, têm o caimento perfeito, qualidade, duram bastante e o 44D cai como uma luva, então sempre aposto neles.

Mesmo sendo básicos, são incríveis, porque o sutiã certo faz MUITA diferença, gente, sério! Até já falei sobre isso aqui (O sutiã certo faz toda diferença), e como pra mim eles são “a tampa da panela”, preciso repor meu estoque.

Canon G 7x

Tô desejando muito essa câmera por algumas razões: ela é pequena, cabe no bolso, tem uma qualidade excelente para fotos e vídeos e, o mais importante, é fácil de usar (dizem!rs).

Já desisti das grandonas, porque é dinheiro jogado fora pra quem não entende nada de fotografia e, portanto, tem a menor noção de como usar, e essa parece perfeita pra mim.

Entende de fotografia? Então me ajuda: olha as informações dela e diz se posso me jogar sem medo! rs

Ah, também preciso de pinceis de maquiagem novos, mas nunca compro porque não sei escolher (hahaha), e de um notebook, porque o último Ozzynho derrubou no domingo e rachou, mas vou deixar isso aí pra setembro, porque esse mês tem aniversário demais pro meu bolso! haha

E vocês, o que estão querendo pra agosto? Quero saber!

Beijos, Ju♥

Siga nossas Redes Sociais ⇒ Instagram ♥ Snapchat ♥ Twitter ♥ Pinterest ♥Facebook⇒   @jurovalendo

03.08.2016

Parar de Tomar a Pílula Foi a Melhor Decisão da Vida!

Nunca, em nenhum momento, me imaginei dizendo isso, mas o fato é que parar de tomar a pílula foi a melhor decisão que tomei na vida!

Já contei por aqui (veja nesse post) que usei anticoncepcional de forma contínua por 18 anos, porque menstruar, pra mim, sempre foi um pesadelo. Fora isso, a liberdade de não precisar se preocupar com essa chatice, como sempre falei, era boa demais, então a hipótese de voltar a lidar com tudo isso sequer passava pela minha cabeça.

Até que meus hormônios ( LH, FSH, Testosterona, Dehidroepiandrosterona, Estradiol e Progesterona ) deram piti, saíram do controle e, no final do ano passado, apresentaram níveis extremamente baixos, o que explicava muitos dos sintomas que eu tinha.

E isso sem falar da fadiga adrenal crônica (nem tem nada a ver com a pílula, mas é um problema que tenho), que já vinha tratando há anos, do inchaço e das crises absurdas de dor de cabeça, coisa que quem me acompanha nas redes sociais lembra muito bem.

parar de tomar a pílula ju lopes juro valendo

Nada, absolutamente nada, melhorava a minha “enxaqueca”, e como com hormônio eu não brinco, preferi seguir a recomendação de meu nutrólogo, único, aliás, que pediu exame pra tudo isso aí, e, depois de conversar com minha ginecologista, suspendi a pílula.

Nos primeiros dias foi um Deus nos acuda, literalmente. Tudo ficou muito ruim, meu humor mudou completamente, a pele e o cabelo ficaram péssimos e eu quase peço arrego.

Mas, ao mesmo tempo, comecei a me sentir mais “viva”, mais animada, com muito mais disposição para todas as coisas. Ah, e isso sem falar na libido, que melhora absurdamente, né? E libido é tudo, gente, tudo!

O inchaço também começou a reduzir, assim como a vontade de beliscar o tempo todo, a alimentação acabou ficando mais equilibrada e, pouco a pouco, meus sintomas foram reduzindo, sendo que vários desapareceram.

Mas, o que mais me impressionou foi que as dores de cabeça que me deixavam enlouquecida por dias, coisa que sentia há anos,  simplesmente sumiram. Já senti dor de cabeça dia desses, mas foi por causa da gripe, e foi uma dor muito diferente da que costumava aparecer.

Ainda estou tentando me habituar com a melancolia que sinto uns dias antes da menstruação chegar, mas hoje, mais de 6 meses depois de parar de tomar a pílula, sequer penso na possibilidade de voltar.

parar-de-tomar-a-pílula-ju-lopes-juro-valendo

Claro que ela não é “a bruxa má”. Ela fez e faz muito pelas mulheres do mundo todo. Só acho que as coisas precisam ser mais claras, que os ginecologistas precisam mostrar quais são os riscos, solicitar exames, alertar, orientar, sabe?

Pra que a gente exerça o nosso poder de escolha da forma correta é essencial ter consciência de tudo o que pode acontecer, de todos os prós e contras, e é isso o que está faltando.

E quanto a pergunta que todo mundo faz, sobre qual método utilizar, sempre acreditei que é preciso usar a camisinha, porque só ela vai proteger das doenças sexualmente transmissíveis, e um outro método, porque não sou o tipo de pessoa que corre riscos desnecessários em relação a minha saúde e nenhum método é 100% seguro.

Minha opção, além da camisinha, era o Diu de cobre, porque não quero (nem posso!) usar nenhum método hormonal, mas desisti, então, nesse momento, é só ela mesmo.

E sim, mesmo estando em uma relação estável, sempre vou usar camisinha, gente, não tem conversa, não tem essa de confiança não. Confio sim, mas em relação a isso não existe discussão possível, porque em primeiro lugar está, sempre, a minha saúde, e jamais me colocaria em risco, jamais.

As estatísticas estão aí pra provar que o maior índice de sífilis e HIV em mulheres é justamente nas casadas ou com relacionamentos estáveis, que, obviamente, não usam camisinha.

Então, a minha escolha (é uma questão de escolha e não estou aqui pra julgar quem escolhe diferente de mim) é sempre pela minha saúde, porque o amor é lindo, a paixão é uma coisa maravilhosa, o sexo é incrível, mas não vale o risco (desnecessário…) de “pegar” uma doença incurável.

Alguém mais já passou por isso, já parou de tomar? Pretende voltar? Compartilha aí com a gente!

Beijos, Ju♥

Siga nossas Redes Sociais ⇒ Instagram ♥ Snapchat ♥ Twitter ♥ Pinterest ♥Facebook⇒   @jurovalendo

Página 3 de 3112345
O que você acha do JV?
Ju, flor, descobri seu blog faz poucos meses mas já estou fã! Suas receitas e dicas de beleza são maravilhosas. Sinto que estou conversando com…
As leitoras mais incríveis da vida
  • Antes e Depois 😍😍😍 #amomeutrabalho #delineado
#maquiagembh #inxtalove
#amomaquiagem #instagood
#makeupslaves #maquiagemdenoiva
#makebasica #makeupartist
#kryolanmakeup #kryolancosmetics
#amobatom #madrinhadecasamento
#catharinehill #lehpequenomakeup #blogueiras #blessed🙏 #automaquiagem #tutorialmakeup #hudabeauty #maccosmetics #bitarrabeauty #mk #jurovalendo #maqbellamakeup #makebyme
  • HIDRATAÇÃO POWER 💪🏻
Depois de platinar o cabelo novamente, é preciso cuidar muito! Hoje fiz uma super hidratação com o Tarja Preta da @lolacosmetics é com o Salva Fios desenvolvido pela @jurovalendo. Depois finalizei com o BB Cream da Lola antes de secar. Meu cabelo está brilhante e super macio. Esse trio é tão power que vai rolar até post no blog com detalhes!
.
.
.
.
#jurovalendo #lolacosmetics #hidratação #hidratacaocapilar #cabelos #cabelo #platinadas #loiro #vaidosa #rapunzel #dicasdecabelo #cuidadoscomocabelo #beleza #produtos #soscabelos #instago #instagram #instalike #cabelobonito
  • Eu pedi um sorriso e ela deu uma gargalhada😂😂😂😍😍 #felicidadecontagia #maquiagemdenoiva #maquiagemdebutante #catharinehill #esfumado #delineadoesfumado #amobatom #amomeutrabalho #batommate #bitarrabeauty #blogueiras #blessed🙏 #justdoit✔️ #jurovalendo #inxtalove #inxtabloggers #lehpequenomakeup #ppf #brutaveresppf #pausaparafeminices #maqbellamakeup
Quer ver a sua foto publicada aqui no blog?
Poste no instagram uma foto com a hashtag
#JuroValendo