13.02.2017

Não Uso, Mas Não Sou Contra a Pílula Anticoncepcional

Há mais de um ano parei de tomar a pílula, e fui contando todo o processo aqui pra vocês, mas sempre bati na tecla que mesmo não usando, não sou contra a pílula, e depois do último post sobre o assunto recebi vários questionamentos sobre isso, então achei melhor fazer um post, tá?

Claro que só posso falar da minha experiência, do que eu vivi, mas me parece óbvio, também, que antes de me posicionar contra ou a favor de alguma coisa, preciso analisar todo o contexto no qual aquela coisa está inserida, sua importância, seus prós e contras.

E, mesmo que hoje eu saiba que ela me fez mal, e inegável que ela foi um dos maiores pontos de mutação na nossa história, porque antes dela a mulher passava a vida inteira reproduzindo, tinha filhos e mais filhos, e só.

Não que ter filhos seja um problema, pois não é. O problema é não ter opção. O problema é que durante toda a sua vida, durante séculos, a mulher tinha filhos ano após ano, como se fosse uma fábrica de crianças. Não existia planejamento, não existia “o momento certo”, não existia escolha, e não ter escolha é escravidão.

A pílula, nesse contexto, significou liberdade, inclusive pra viver plenamente a própria sexualidade.

Não Sou Contra a Pílula Anticoncepcional

Óbvio que os tempos mudaram e existem muitos outros métodos, mas infelizmente nenhum é tão “aceito”, de tão fácil uso e acesso como a pílula. E sim, é preciso analisar as coisas por esse ângulo também, porque a gente precisa parar com essa mania de achar que a nossa verdade é a única, que o que é simples pra nós é para todos os outros porque não é assim que a banda toca.

Não dá pra ser simplista e demonizar a pílula, não dá!

Pra mim, que tenho acesso a informação e a bons profissionais, foi extremamente difícil, por exemplo, encontrar uma ginecologista que fizesse a medição do diafragma, que sentasse e me explicasse detalhadamente como deveria ser usado e tudo o mais.

Já se perguntou se seria fácil pra uma mulher sem acesso a informação, que não conhece o próprio corpo e tem vergonha de sua sexualidade fazer perguntas sobre o diafragma? Mais que isso, colocar o diafragma?

Dia desses, conversando com uma moça que mora em um povoado perto da fazenda de vó, ela disse que usava pílula, mesmo tendo problemas por causa dela,  porque o marido se recusava a usar camisinha, já que, pra ele, “camisinha não era coisa de macho”. E não, gente, ela não cogitava nenhuma outra possibilidade, porque naquele momento a única coisa que ela queria era comida na mesa, o marido do lado e nenhuma outra criança passando fome.

E não vem falar em machismo e em tudo aquilo que a gente já tá careca de saber porque a verdade é que, pra essa realidade, tão diferente da nossa, quando nem as necessidades básicas, que são barriga cheia e o mínimo de dignidade pra viver, são supridas, nada mais é ouvido, nada, garanto.

Ou seja, são realidades diferentes, e pra realidades diferentes não podemos propor as mesmas soluções porque a coisa não vai funcionar. O que é preciso é fazer o melhor, fazer o possível com o que se tem em mãos, cabô.

Não sou contra a pílula, sou contra a falta de informação

O que eu acho é que existe desinformação e irresponsabilidade saindo por todos os lados. Qualquer pessoa compra uma pílula anticoncepcional na farmácia sem indicação ou orientação médica. E o que não faltam são médicos que nunca pedem exames pra ver se o uso da pílula é ou não indicado para aquela pessoa, pra ver se está tudo bem com o uso do medicamento e coisas do tipo. Solicitar exames, aliás, é raro, mesmo nas grandes cidades.

Então, já que, nesse momento, é inviável sustentar que a pílula anticoncepcional não é uma opção, porque ela é útil sim pra muita gente, que a sua indicação e o seu uso sejam feitos de forma responsável, tanto por parte dos médicos quanto dos pacientes. Pode não ser o ideal, não sei, mas é, no atual cenário, a opção que me parece mais coerente.

Aliás, a solicitação de exames e o acompanhamento do paciente são coisas tão obvias que sequer deveriam ser lembradas por aqui, mas, infelizmente, não é o que acontece.

E vocês, o que acham disso?

Beijos, Ju♥

Bora ficar bem juntinha? Então vem comigo nas redes sociais! ⇒ Instagram ♥ Youtube ♥ Snapchat ♥ Twitter ♥ Pinterest ♥Facebook⇒   @jurovalendo

14.11.2016

Sobre Parar de Tomar Anticoncepcional: 9 Meses Depois

No final de outubro fez 9 meses que resolvi parar de tomar anticoncepcional, e de lá pra cá tantas coisas mudaram que nem sei como começar.

Hormônio, com certeza, é uma coisa que mexe muito com a gente, e a queda deles, por causa do uso prolongado da pílula (no meu caso), afetou absurdamente a minha vida em vários níveis.

Não demonizo a pílula, jamais faria isso, mas se soubesse antes o que sei hoje, se tivesse sentido na própria pele, teria procurado outras opções.

parar de tomar anticoncepcional

Porque sim, a parte boa é maravilhosa, não dá pra negar. Mas quando a conta chega o preço, pra mim, é alto demais pra pagar. Algumas coisas eu nem percebi o quanto estavam erradas, porque foram tantos anos naquele ritmo que a gente  acaba acreditando que “é assim”, sabe?

E não, não é.

O apetite pela vida que tenho hoje, nunca tive antes, em nenhum momento. Nunca me senti tão viva. Nunca senti tanto, aliás.

Sobre Parar de Tomar Anticoncepcional: 9 Meses Depois

Tem a parte ruim? Claro. Tô muito mais sensível que sempre fui, e vejo isso claramente em determinada época do mês. Engraçado isso porque eu, que sempre fui mais “linear”, agora tenho fases, as coisas “ondulam”, por assim dizer. Mas isso, de certa forma, é bom.

Me conheço mais, entendo mais claramente os sinais do meu corpo e me sinto muito melhor, mesmo com a pele mais oleosa, e o cabelo também.

Ainda estranho não querer esganar o mundo na TPM e, ao invés disso, entrar na melancolia, coisa que nunca foi uma característica minha. Ainda tô aprendendo a lidar com isso, a ter mais paciência comigo e a não tentar  passar por cima desse tipo de sensação, de sentimento.

Cada pessoa, com certeza, reage de uma forma a suspensão do anticoncepcional,  e como meus hormônios estavam completamente fora de controle, todos extremamente baixos, senti muito mais a mudança nas atitudes e sensações que na parte física. Porque sim, seus hormônios mandam em você, vai por mim!

Tô repondo os hormônios, fazendo todo o acompanhamento médico e, sinceramente, não cogito, nem por um segundo, a hipótese de voltar a tomar pílula anticoncepcional, como expliquei no vídeo abaixo.

Quero fazer um segundo vídeo sobre isso respondendo as dúvidas de vocês, então deixem aqui nos comentários, tá? E acompanhem tudinho lá no Youtube (se inscreva aqui), porque a grande maioria dos vídeos não aparecem por aqui.

Alguém aqui já suspendeu o anticoncepcional? Como foi? Divide aí com a gente, é sempre bom saber! E já fiz város posts sobre isso aqui, ó:

Beijos, Ju♥

Quer mais dicas como essa? Vamos papear nas redes sociais⇒ Instagram ♥ Snapchat ♥ Twitter ♥ Pinterest ♥Facebook⇒   @jurovalendo

10.11.2016

Receita Caseira para Clarear Virilha

Essa semana fiz um post aqui sobre como clarear virilha, e prometi voltar com um post sobre  receita caseira para clarear virilha, então vamos lá!

Sempre fui partidária de receitas caseiras, cês sabem. Muitas funcionam sim e quebram o maior galho. Mas, acho que tudo precisa ser feito com cuidado, porque existem receitas que funcionam, que não funcionam e também as que pioram o problema e fazem o maior estrago.

Quando se trata de pele, meu cuidado é mil vezes maior, porque sei o quanto isso é importante pra gente, o quanto uma mancha, por exemplo, nos afeta. Então, tudo precisa ser feito com responsabilidade, analisando os riscos que as substâncias a serem usadas oferecem,  que é exatamente o contrário do que ando vendo por aí.

Já vi dezenas de receitas para clarear a pele com Maizena, água oxigenada, vinagre,  talco, fubá, bicarbonato de sódio, aveia, arroz e até limão, o que, pra mim, é o pior.

receita caseira para clarear virilha

Receita caseira para clarear virilha : o que ajuda

O que eu indico é procurar um dermatologista, pois ele vai indicar o melhor produto para o seu caso. Mas, caso nesse momento você não possa, algumas coisas acessíveis e seguras podem ajudar.

Pra começar, o óleo de rosa mosqueta, que é rico em vitamina C e em ácidos trans-retinoicos, e realmente ajuda a clarear, suavizar e regenerar a pele. Já falei sobre esse óleo nesse post aqui.

O Hipoglós também pode ajudar, e prefiro a versão de amêndoas, que contém vitamina A, E, lanolina, óxido de zinco  e óleo de amêndoas. Além de ajudar a dar uma suave clareada, por causa da vitamina A, é emoliente, então vai ajudar a evitar o atrito , que piora o problema. Já falei sobre o Hipoglós nesse post aqui.

Lembram da receitinha famosa da Glória Maria (post aqui)? Ela também pode ajudar!

O Bepantol, o Creme Nivea e outros hidratantes podem ajudar no sentido de prevenir o atrito e melhorar a textura da pele, mas não vão reduzir as manchas em si.

E é bom lembrar que o efeito dessas misturinhas é bem suave, tá? Esse final de semana vou postar lá no canal do Youtube uma receitinha caseira que é ótima para ajudar a clarear virilha e axilas, se inscrevam lá que, tenho certeza, vocês vão gostar!

Limão clareia a pele?

Limão não clareia a pele, e não importa se você usa durante o dia ou durante a noite, ele pode manchar, e manchar feio.

Ao entrar em contato com a pele, o limão, como já expliquei nesse post aqui, consegue penetrar na epiderme e por lá fica por até 7 dias, que é o tempo que a pele leva pra gerar a descamação. Durante esses 7 dias, mesmo que tenha sido aplicado a noite, o limão está ali na sua pele, de modo que o contato do sol, por menor que seja, pode levar a uma “queimadura” conhecida como fitofotodermatose, que, simplificando, causa manchas escuras, bolhas e pode deixar cicatrizes.

eceita caseira para clarear virilha

Ou seja, além de não clarear, ele pode causar uma mancha difícil de ser tratada, e falo isso por experiência própria. A minha mancha no buço foi causada por uma caipirinha na praia, mesmo com o rosto ensopado de filtro solar. Tem anos que gasto os tubos pra tratar e até hoje ela continua no mesmo lugar. Mais clara, porque trato muito, mas ainda aqui.

Então, nem pensem em usar nenhuma receita com limão pra clarear a virilha, não vai funcionar e pode piora muito o problema!

Maizena, fubá e aveia clareiam a pele?

Lembro que minha avó tacava Maizena na gente quando a pele irritava, e realmente “acalmava” a pele, mas ela não possui propriedades clareadoras.

A aveia, dizem, ajuda a clarear, mas não acredito que aplicar aveia com leite na pele vá clarear um tipo de mancha que, via de regra, é bem resistente. Fora que a aveia, assim como o fubá, que muita gente também usa, são substâncias granuladas, que geram mais atrito, e atrito, como a gente sabe, é uma das maiores causas dessas manchas.

Água Oxigenada e Bicarbonato de Sódio clareiam a pele?

Já viram uma receitinha com água oxigenada volume 10 e bicarbonato de sódio pra clarear a pele? Ela é ótima ara unhas amareladas, mas pra pele a coisa é diferente, amiga. São substâncias irritantes, que podem agredir a pele e causar queimaduras. E isso, claro, vai piorar, e muito, as manchas.

eceita caseira para clarear virilha

Ou seja, é preciso ter cuidado, gente. Evitem qualquer coisa que cause atrito e mantenha a região sempre hidratada, isso ajuda muito.

E não esquece: se inscreve lá no canal que no sábado tem uma receita para clarear virilha e axilas que é super boa, segura, barata e fácil de fazer. Espero vocês lá!

E se tiver alguma dica de receita caseira para clarear virilha que possa ajudar, divide aí com a gente!

Beijos, Ju♥

Quer mais dicas como essa? Siga nossas Redes Sociais ⇒ Instagram ♥ Snapchat ♥ Twitter ♥ Pinterest ♥Facebook⇒   @jurovalendo

08.11.2016

Como Clarear Virilha? #PapoCalcinha

Hoje tem papo calcinha por aqui, e o tema mais pedido por vocês foi, de longe, como clarear virilha ! Esse é um problema bem comum, que quase toda mulher, em algum momento, vivencia, então vamos papear sobre isso sim!
Mas, como sempre, vamos começar do começo pra ficar tudo bem explicadinho!

Virilha Escura: Quais as Causas?

Antes de falar em como clarear a virilha, é essencial descobrir o que causou esse escurecimento, qual a causa exata dessas manchas, pois para cada causa existe um tratamento diferente, e o problema não será resolvido enquanto o fator causal não for tratado.

como clarear virilha

Ou seja, é tratando a causa que se resolve o problema!

Como a virilha é uma região de “dobra”, com pele mais fina e sensível, é mais comum a ocorrência da umidade e também da hiperpigmentação, então é preciso ficar atento a vários detalhes, já que as causas dessas manchas podem ser muitas.

Pra não deixar o post imenso, vou citar apenas as mais comuns:

  • Alterações hormonais, como as que ocorrem na gestação, por exemplo.
  • Alergias e irritações
  • Depilação (cera, lâmina e cremes depilatórios)
  • O atrito da pele com a roupa
  • O atrito de uma coxa com a outra, comum em quem tem pernas mais grossas e/ou é mais cheinha.

Além disso, existe uma patologia chamada acantose nigricans, que gera um tipo de lesão com machas de aparência aveludada nas áreas de dobras e pregas cutâneas, como na virilha,  que está relacionada, dentre outras coisas,  a diversas doenças, como a resistência à insulina, a diabetes, ao carcinoma gástrico, a obesidade, distúrbios endócrinos, além do uso de alguns medicamentos, como corticosteroides, contraceptivos orais (a pílula!), a insulina e o hormônio do crescimento, por exemplo.

Então, só um médico pode, ao vivo, determinar qual a real causa do escurecimento da sua virilha e, assim, recomendar o tratamento adequado.

Como evitar que a virilha fique escura e que o problema piore

Alguns cuidados básicos, que podem ser facilmente inseridos na nossa rotina, reduzem o risco de manchas na virilha e evitam que o problema piore, que elas fiquem maiores e mais escuras. Os principais são esses:

como clarear virilha

1. Evite depilar com lâmina. O atrito, nesse caso, é maior. Caso não tenha outra opção, use cremes ou espuminhas deslizantes. Uso um sabonete íntimo da Nivea que é próprio pra isso e amo, porque sou covarde pra dor e não encaro nenhum outro método! haha

2. Cuidado com a depilação com cera. Se a sua pele é sensível e/ou alérgica, evite a depilação com cera, sobretudo a quente. Jamais se exponha ao sol imediatamente após a depilação a cera.

3. Sobre a depilação: qualquer depilação pode escurecer e manchar a pele caso ela cause alguma irritação maior. Isso acontece porque quando a pele está irritada, a gente vai coçar, a coisa pode inflamar e, claro, manchar.

4. Se a pele estiver irritada ou assada, não se exponha ao sol. Nesse caso, é indicado o uso de produtos com substâncias calmantes, como a aloe vera, o azuleno ou a alantoína. A água termal também ajuda!

5. Pra evitar o atrito excessivo, use cremes hidratantes, “deslizantes”. Bepantol (e genéricos) é ótimo pra isso, assim como a geleia de vaselina, da Vasenol. Mas, já faço um post com dicas pra evitar o atrito entre as coxas.

6. Nos dias mais quentes evite roupas muito apertadas e de tecidos sintéticos, que favorecem o atrito e pioram o problema.

Como Clarear Virilha

Existem vários tratamentos possíveis para clarear a virilha, tanto para uso em casa quanto feito em consultório. Mas, só quem pode indicar o melhor tratamento para o seu caso é um dermatologista! E não caiam na besteira de investir no creme que funcionou na amiga, na tia ou na prima, porque, como disse acima, para cada causa existe um tratamento específico.

como clarear virilha

Cremes com ativos clareadores e despigmentantes, como o ácido kójico e a hidroquinona, dentre outros, são bastante utilizados . Muitos deles são manipulados com ativos que ajudam a hidratar e acalmar a pele, o que já evita possíveis irritações que poderiam piorar o problema. Ah, e nesses casos o uso do filtro solar diário é essencial, viu?

Existem produtos vendidos em farmácias que também são utilizados, como o Clariderm, por exemplo, e já vi relatos aqui no blog de meninas que usaram o Glyquin XM e o Suavicid e se deram bem, mas, como já disse, o correto é que um médico identifique a causa e passe o produto adequado para o seu caso.

No consultório existem diversos tratamentos que funcionam super bem e entregam um resultado bem mais rápido, como o laser, a luz pulsada e os peelings (não é muito recomendado no caso de manchas causadas pelo atrito), e é consenso que a depilação à laser evita muito esse tipo de problema.

+ Como Clarear Virilha

Mas é preciso ficar claro, e isso qualquer dermato te confirma, que  você pode investir em todos esses tratamentos e nos melhores cremes clareadores, mas se não mudar os seus hábitos, se não combater as causas, seja o método de depilação, o uso de roupas muito apertadas e de tecidos sintéticos ou o excesso de peso, por exemplo, os resultados não aparecem.

E, caso apareçam, são pequenos e duram pouco, porque o essencial é combater ou controlar a causa.

No próximo post, que sai ainda essa semana, a gente fala sobre como clarear virilha com receitas caseiras, tá? E se você tiver alguma dica de como clarear virilha, compartilha aí com a gente!

E se quiser mais dicas de como clarear a pele, veja esses posts:

Beijos, Ju♥

Quer mais dicas como essa? Siga nossas Redes Sociais ⇒ Instagram ♥ Snapchat ♥ Twitter ♥ Pinterest ♥Facebook⇒   @jurovalendo

O que você acha do JV?
Antes de conhecer o JV eu não sabia que existiam máscaras com fins diferenciados ... Pra mim "hidratação" era uma coisa só .. Hj entendo…
As leitoras mais incríveis da vida
  • Como consegui sobreviver até hj sem isso!!!! Rsrsrs
#apaixonada #pocompacto #protetorsolar #adcos #jurovalendo #julopes #pele #cuidadoscomapele #sol #verao #proteçao
  • Receita do dia #repost #jurovalendo #vinho #domingocomvinho
  • A vontade é grande, mas a gente permanece seguindo as instruções da @gracebezerra_nutri ! #jurovalendo
Quer ver a sua foto publicada aqui no blog?
Poste no instagram uma foto com a hashtag
#JuroValendo