13.01.2015

Cauterização Capilar: O Que É e Quando Fazer!

Uma coisa que venho notando com frequência e que ainda existe muita “confusão” em relação a alguns procedimentos realizados nos cabelos, inclusive a cauterização capilar, então resolvi fazer posts mais explicativos sobre isso pra que a gente saiba exatamente o que esperar de cada coisa, sabe? Vou marcar esses posts na Tag “Por um fio”, assim fica mais fácil vocês acharem!

cauterização capilar

Cauterização Capilar: o que é?

Já expliquei o que é cauterização nesse post aqui, quando a comparei  com a reconstrução, mas, simplificando, a cauterização capilar  é uma espécie de reconstrução, no sentido de repor o “cimento capilar”, ou seja, aminoácidos e/ou proteínas, o que é essencial para a reestruturação da fibra capilar.

Ela tende a ser mais potente que a reconstrução ou, como chamam por aqui, ela pode ser entendida como uma reconstrução capilar profunda que usa fonte de calor para “cicatrizar” a cutícula dos fios, fazendo com que os ativos depositados permaneçam no cabelo por mais tempo.

Já vi algumas cauterizações capilares sem fonte de calor, inclusive da L´Oréal, e a minha opinião é a seguinte: com ou sem fonte de calor, se vai repor aminoácidos ou proteínas, é uma reconstrução, podendo ser mais ou menos profunda a depender da composição. Só que, pra mim, cauterização tem que ter fonte de calor, até porque se você olhar o sentido da palavra (queimar com cautério) vai ver que tem a ver com fonte de calor, sabe? É tipo um “queimar” pra reter, pra estancar a coisa.

cauterização capilar

No mais, após qualquer tratamento no cabelo, inclusive hidratações, prefiro usar fonte de calor e passar 48 hs sem lavar os fios pra reter os ativos ali por mais tempo, o que garante um resultado melhor.

O que a cauterização capilar faz?

Como uma reconstrução profunda (com fonte de calor!rs), o que a cauterização capilar faz é agir no interior do fio para recuperá-lo, devolvendo os nutrientes perdidos e “cicatrizando” o cabelo em seguida, como que pra reter os ativos ali dentro e restaurar os cabelos.

Então, cauterize esperando que o cabelo seja, aos poucos, restaurado, que a elasticidade seja recuperada, que o cabelo fique mais saudável, com menos frizz.  Em muitos casos, ela ajuda a alinhar os fios, mas que fique claro que cauterização não alisa cabelo. Quem alisa cabelo é alisante, cauterização trata.

cauterização capilar

Quando cauterizar?

Já fiz um post aqui explicando direitinho quando cauterizar, e eu indico que se tenha muito cuidado pra evitar que o cabelo fique ainda pior, porque esse não é um tratamento pra qualquer cabelo, mas sim pra cabelos que precisam de uma dose mais que extra de cuidados.

Quais cabelos são esses? Cabelos muito danificados, cabelos com alisamento, relaxamento e escova progressiva, cabelos descoloridos frequentemente e cabelos elásticos.

Aqui vale lembrar que quando o cabelo está muito danificado ou elástico, como em caso de corte químico, não se deve começar a tratar pela cauterização. É preciso, primeiro, reconstruir pra fortalecer de alguma os fios, já que tanto o calor da chapinha quanto a tração da escova pioram o estado dos fios, levando, muitas vezes, a quebra.

cauterização-capilar

Dicas extras

  1. Quem vai “dizer” de quanto em quanto tempo fazer a cauterização é o seu cabelo, e isso vai depender do estado dele.
  2. O Depois! Após a cauterização,  deixe o cabelo sem lavar por 48 hs pra que as proteínas e aminoácidos fixe no interior dos fios e o resultado seja melhor.
  3. Após as 48 hs, quando for lavar os fios, use uma máscara mais emoliente, mais nutritiva, já que a cauterização faz reposição de proteínas, o que pode deixar os fios um pouco duros.
  4. Nada de exagerar! O excesso de nutrientes é tão prejudicial (e causa os mesmos “sintomas”) quanto a sua falta.
  5. O ideal é que a cauterização seja feita no salão, sobretudo se o cabelo estiver muito estragado. Mas, nada impede que você faça em casa. Existem muitas cauterizações boas no mercado (prefiram as de marcas conhecidas), e já dei por aqui a receita de uma cauterização caseira que é sucesso, é só clicar aqui.

Se tiverem alguma dúvida deixem aí nos comentários, tá?

Beijos, Ju♥

Quer mais dicas como essas? Vamos papear nas redes sociais⇒ Instagram ♥ Snapchat ♥ Twitter ♥ Pinterest ♥Facebook⇒   @jurovalendo

22.07.2014

Cauterização de Cistina: Pra Salvar o Cabelo!

Uma das receitas mais curtidas aqui no blog é a da cauterização caseira (post aqui), que é boa, barata e muito eficaz, e desde a primeira vez que fiz (e amei!) fiquei tentando criar alguma outra versão, já que essa eu encontrei na net.

A questão é que não encontrava algo satisfatório pra substituir a queratina, sabe? Queria um blend de aminoácidos com textura líquida, e isso, convenhamos, não é fácil de achar!

Até que  usei pela primeira vez a Cistina (post aqui), da Biocale, e decidi tentar, vez que ela é um praticamente uma plantação de aminoácidos. E que bom que eu testei, porque deu muito certo!

cauterização de aminoácidos

Vocês vão precisar de:

  • 15 ml da Cistina
  • 15 ml de Bepantol
  • 5 ml de Protetor térmico

Como Fazer a Cauterização de Cistina?

Lave o cabelo com um shampoo antirresíduos ou um shampoo para cabelos oleosos. Remova o excesso de umidade e aplique uma máscara de hidratação e/ou nutrição, deixando agir por 5 minutos. Depois disso é só enxaguar o cabelo, remover com a toalha o excesso de umidade e pentear os fios.

Em seguida misture os 3 “ingredientes”, preferencialmente num borrifador pra facilitar a aplicação, aplique nos fios e deixe agir por 20 minutos. Após esse período seque os fios com um secador, e quando o cabelo estiver todo seco, pranche de mecha em mecha.

Essa mistura deve permanecer no cabelo por 48 horas, então o correto é lavar 2 dias depois. Se o cabelo ficar mais “áspero” é normal pois trata-se de uma reconstrução, mas quando enxágua esse efeito desce pelo ralo e os fios ficam mais alinhados, mais fortes, mais brilhosos e mais macios.

É um tipo de cauterização diferente da outra só em relação aos reconstrutores, já que essa tem muitos aminoácidos e outros tipos de proteínas que “alimentam” os fios.

No meu cabelo funcionou muito bem e os fios deram uma boa revitalizada, sabe? Como a Cistina é um produto um pouco mais caro (custa 90 Dilmas), quem não puder investir pode (e deve!) continuar fazendo a cauterização caseira com queratina!

cauterização de cistina

Observações:

1. Se o seu cabelo for muito grande ou muito cheio a quantidade pode variar, mas aí você deve “medir” de acordo com o seu cabelo. Essa quantidade é suficiente para um cabelo médio e cheio.

2. Tem que ser, claro, Bepantol líquido, e se não tiver como medir dá mais ou menos 1 tampinha e meia (Nesse post aqui falo sobre como usar Bepantol nos cabelos)

3. Pode usar o protetor térmico que quiser, o que você tiver em casa.

4. A Cistina é termoativada, então ela funciona melhor com o calor térmico, o que, nesse caso, é ótimo!

5. A frequência ideal é de 1 vez ao mês, mas dependendo do estado do cabelo pode ser feito mais vezes.

6. Cabelos danificados, fragilizados e com química são os que mais se beneficiam desse tipo de tratamento.

Enfim, é  uma excelente opção pra quem já tem a Cistina em casa ou pra quem pretende testar, pois assim dá pra usar de outra forma que não na máscara, né?

Beijos, Ju

Quer mais dicas como essa? Vamos papear nas redes sociais⇒ Instagram ♥ Snapchat ♥ Twitter ♥ Pinterest ♥Facebook⇒   @jurovalendo

04.04.2014

Cabelo Emborrachado: Pode “Tratar” Com Progressiva?

Essa é uma pergunta que  recebo aqui com certa regularidade, e a Lu tá até fazendo um “questionário” sobre isso no blog dela (na verdade sobre o fato da progressiva tratar ou não o cabelo), daí achei que seria legal falar um pouquinho sobre o assunto.

Todo mundo sabe qual é o meu posicionamento sobre progressivas, né? Acho um absurdo que elas continuem a ser comercializadas como “tratamentos”, porque isso elas não são de jeito nenhum, e quem está falando isso é uma pessoa que passou anos acabando o cabelo com progressiva, até que quase ficou careca e queimou o couro cabeludo. Ou seja, não foi bom e só quem passa por isso sabe do que estou falando.

progressiva

Claro que quando o cabelo emborracha, que quando o cabelo fica muito danificado, frágil e quebradiço  a gente se desespera, porque, afinal, ninguém quer uma “palha de vassoura”  na cabeça, né?

Só que isso acontece porque o cabelo perdeu massa, perdeu nutrientes, e a única coisa que vai ajudar de verdade é repor esses nutrientes com hidratações, nutrições e, principalmente, reconstruções e cauterizações.

Suplementos como o Pill Food também podem ajudar na redensificação do fio, já que vai repor os nutrientes “por dentro”, mas o que faz diferença mesmo é a reconstrução e a cauterização, intercalada com hidratação e nutrição.

O problema é que nesse momento sempre aparece alguém pra “sugerir” uma progressiva pra tratar o cabelo. Oi? Desde quando progressiva “trata” cabelo? E quem, sendo responsável, vai indicar progressiva, que é uma química agressiva, pra um cabelo que já está detonado?

progressiva não trata

Várias “progressivas” são “enriquecidas” com proteínas e aminoácidos, o que, supostamente, seria bom, só que não é. Não é porque toda progressiva tem formol ou derivados, já que não existe a possibilidade de alisar o cabelo sem substância alisante, e se não tem substância alisante, só mesmo formol ou derivados, e quem diz isso é a própria ANVISA.

Nada que tenha formol ou derivados vai tratar o cabelo, mas vai maquiar num primeiro momento. A pessoa vai sair do salão com o cabelo liso e sem porosidade visível. Até que, passado um tempo, o cabelo começa a cair, a quebrar e aí a cabeleireira amiga vai indicar outra progressiva ou botox (o único que eu conheço que realmente trata o cabelo é o da L´Oréal) porque o cabelo estava “muito estragado” e uma só não foi suficiente.

E a pessoa vai continuar a fazer isso até que fique sem cabelo, porque formol e seus derivados não tratam nem fortalecem o cabelo, ao contrário. O que acontece é que forma-se um tipo de “capa” que “embalsama” o cabelo deixando-o com a aparência lisa e bem tratada, mas por dentro o cabelo piora a cada dia e em algum momento ele não vai aguentar, e aí… Adeus cabelo!

progressiva

Se o cabelo está estragado, trate e tenha paciência, não tem outra solução. O que você vai precisar fazer é investir em reconstruções, hidratações, cauterizações e nutrições capilares, e isso com regularidade, pra que, aos poucos, o cabelo melhore.

O problema aí é que a grande maioria não tem paciência pra esperar e quer resultados imediatos, e, nessa de “mágica”, acaba se jogando em progressiva só pra não ver o estrago, o que é uma ilusão, porque você pode não ver, mas ele está ali e vai crescer cada vez mais.

Ah, e que fique claro que o meu problema com as progressivas é a falta de clareza, só. Faz quem quer, lógico, mas a coisa precisa ser clara e o consumidor precisa saber exatamente o que está usando, sem ser enganado. Mas isso não acontece… Escondem o que tem na composição e cerceiam o nosso direito de escolha, o direito de não querer usar determinada substância, uma atitude pra lá de vexatória, pra dizer o mínimo.

Já falei muito de progressiva por aqui ó:

Beijos

Ju

 

20.03.2014

O Que É Melhor: Reconstruir ou Cauterizar?

Sempre que coloco alguma coisa aqui sobre reconstrução alguém pergunta se  cauterizar dá o mesmo efeito, se um é melhor que o outro e coisas do tipo, e pra deixar tudo bem claro resolvi fazer um post explicando.

Cauterização: O Que É ?

A cauterização é um tipo de reconstrução no sentido de que repõe aminoácidos e proteínas, o que ajuda na reestruturação da fibra capilar.  Só que, via de regra, essa reposição usa fonte de calor pra “cicatrizar” a cutícula dos fios e fazer com que os nutrientes que foram depositados permaneçam nos fios por mais tempo.

Nesse post AQUI expliquei quando usar a cauterização.

Reconstruir ou Cauterizar?

Reconstrução: O Que É?

Reconstruir é fazer reposição proteica, ou seja, é devolver aos fios proteínas e aminoácidos, nutrientes essenciais para a saúde do cabelo, porque sem isso não existe cabelo!  É a reconstrução que repõe o “cimento” que vai “unir” as cutículas dos fios, resultando em um cabelo com a estrutura restaurada, recuperada.

Ou seja, a reconstrução  é mais ampla, porque engloba qualquer processo que faça, de forma específica, reposição de proteínas, inclusive a cauterização, a queratinização e por aí vai.

Nesse post AQUI expliquei como saber que o cabelo precisa de reconstrução. Se você não sabe se o seu cabelo precisa de hidratação, nutrição ou reconstrução, é bom dar uma olhada nesse post aqui.

Reconstruir ou Cauterizar?

Reconstruir ou Cauterizar: Qual É Melhor?

Aqui não existe melhor ou pior, existe o que é mais indicado para o seu cabelo naquele momento.

Quem vai determinar se é o momento de cauterizar ou de reconstruir é o seu cabelo, os danos que ele possui. Ou seja, é preciso fazer um diagnóstico do cabelo, do estado do cabelo, e somente depois disso é que dá pra saber, com mais segurança, se é melhor usar um ou outro, já que cada cabelo possui necessidades e características próprias, e o que é remédio pra um cabelo pode ser veneno pro outro.

Eu, Ju, prefiro reconstruir primeiro, principalmente se o cabelo estiver muito danificado, porque a tração da escova usada na cauterização (pra secar os fios), bem como o calor térmico, pode detonar um cabelo que esteja muito fragilizado, por exemplo.

Reconstruir ou Cauterizar?

Assim, se o cabelo estiver muito detonado, eu reconstruo primeiro pra fortalecê-lo um pouco, de modo que possa aguentar a cauterização, sabe?

Ah, e vale lembrar que não pode exagerar na reconstrução e na cauterização, porque o excesso de proteínas é tão prejudicial quanto a sua falta!

Posts que podem ajudar:

Beijos

Ju

Página 1 de 3123
O que você acha do JV?
Sempre arrasando Jú Lopes! Acabei de ler a crônica na revista da Júlia Pinheiro, Achei perfeita a forma como descreveu a virada do ano para…
As leitoras mais incríveis da vida
  • Maquiagem formanda😍😍😍
Agende seu horário: 31 99254-8715

#desafioUPA #projetoUPA #maquiagemformanda #maquiagembh #maquiagembrasil  #lehpequenomakeup #brunatavaresppf #universodamaquiagem_oficial #nathaliateodoromakeup #alinepinheiromakeup #alcantaramakeup #makeupartist #makeclassica #delineadoringlot #delineadografico #delineado #bloggers #blogueirasbrasil #universodasnoivas #catarinehill #eyes #batommarykay #marykaybrasil #mk #jurovalendo #kryolanbh #kryolanbrasil
  • Aqueles olhos...🎵🎵🎵
Agenda aberta para cursos de auto maquiagem. 📲 3199254-8715

#amomaquiagem #amomeutrabalho #maquiagemformanda #maquiagembh #maquiagemcontagem #pausaparafeminices #brunatavaresppf #maqbellamakeup #universodamaquiagem_oficial #universodasnoivas
  • Hoje por aqui tô é fazendo festa de tanta felicidade, chegou os desapegos maraaaa da Ju Lopes @jurovalendo 😍❤👌🍀
E a pessoa aqui ficou ainda mais feliz quando viu os batons lindos dá @lizbranquela ( eram desejos de consumo, mais o orçamento não colaborava 😀 ).
Ju obrigado pelo carinho, pelo bilhetinho tão lindo, te desejo todo sucesso do mundo.
#EntendiTuaLetraSim 
#MeEmocionei
#MuitoFeliz
#JuroValendo 😘❤🍀😍🙏
Quer ver a sua foto publicada aqui no blog?
Poste no instagram uma foto com a hashtag
#JuroValendo