11.01.2015

Os Quatro Compromissos, Don Miguel Ruiz

Uma (re)leitura que marcou muito meu final de ano foi Os Quatro Compromissos: o livro da filosofia tolteca, do Don Miguel Ruiz. Faz muitos anos que li esse livro e ter “me batido” com ele nesse momento foi bastante significativo.

Tenho amigos que acham muito engraçada minha vibe mais natureba e espiritualizada, mas tenho a sorte de ter por perto pessoas que, mesmo não concordando com o que eu penso e até tirando sarro às vezes, compreendem e respeitam, tanto que o PDF desse livro que vou compartilhar hoje veio da Mama (a mesma que me deu a carteira vermelha, cês lembram?), minha amiga mais cética, que não acredita em nada e  acha que essa história de “acordar”, de despertar a consciência é piada pronta.

Só que eu acredito verdadeiramente nisso, eu tento, todos os dias, estar mais consciente em relação a tudo, tento ser melhor, tanto pra mim quanto pro mundo, e isso me faz bem, e se é assim eu tô no caminho certo, porque é o meu caminho.

os-quatro-compromissos

Tem uma parte do livro, aliás, que fala do que  os antigos mestres iluminados, como Buda, Osho e tantos outros, chamavam de “acordar”, mas falo disso daqui a pouco!

O livro conta a “lenda” dos toltecas, um povo sábio que viveu no México há milhares de anos atrás. Os “xamãs” toltecas acreditavam que a vida era um sonho (tipo a Maya dos indianos, um véu de ilusão), que esse mundo material que nós vivemos e todo o universo ao nosso redor não passa de luz e, portanto, de energia. Pra eles existia o sonho coletivo, formado por milhões de sonhos menores, e os sonhos individuais.

O livro fala da domesticação do ser humano, um conceito bem parecido com o que Nietzsche e Osho já falaram , e das dezenas de compromissos que nós firmamos com a sociedade, com nossos pais, família e com nós mesmos.

O problema é que muitos desses compromissos são devastadores pra nós mesmos, porque nós acreditamos neles e eles vão moldando o que nós somos, como agimos, como nos sentimos e, assim, determinando nosso futuro.

os-quatro-compromissos

E é aí que entram os quatro compromissos que você deve fazer pra transformar sua própria vida.

1º Compromisso: A Impecabilidade da Palavra

Esse é o compromisso mais importante, porque a palavra é mágica,  é o seu poder de criar (lembram que no Gênesis está escrito que “no início havia o Verbo, e o Verbo era com Deus, e o Verbo era Deus?” pois é…), e ela pode criar o bom e o ruim também, e por isso é essencial ser impecável com ela.

Como diz o livro “ser impecável com sua palavra é não usá-la contra você mesmo. Se eu o vir na rua e o chamar de estúpido, parece que estou usando a palavra contra você. Na realidade, estou usando minha palavra contra mim
mesmo, pois você vai me odiar por isso, e o seu ódio não é bom para mim. Portanto, se eu ficar zangado e com minha palavra mandar todo o veneno emocional para você, estou usando minha palavra contra mim.”

E nós, infelizmente, fazemos um péssimo uso da palavra o tempo todo. Vivemos julgando, culpando, amaldiçoando, expressando raiva, ciúme, inveja, ódio e tantos outros venenos ao invés de espalhar o melhor, o mais bonito, o amor, a alegria, a generosidade, a gentileza…

os-quatro-compromissos

2º Compromisso: Não Leve Nada Para o Lado Pessoal

Já falei disso aqui uma vez e ó, caiu como uma luva esse “compromisso”, porque a verdade é que levamos tudo pro lado pessoal, como se tudo fosse sobre nós, e não, não é, mesmo quando parece ser.

Quando levamos pro lado pessoal, absorvemos o “veneno” alheio. Isso é um erro porque, como diz no livro, “nada do que os outros fazem é motivado por você. É por causa deles mesmos. Todas as pessoas vivem em seu próprio sonho, em sua própria mente; estão num mundo completamente diferente do que aquele no qual vivemos. Quando levamos algo para o lado pessoal, presumimos que os outros sabem o que está em nosso mundo e tentamos impor nosso mundo ao deles. Mesmo quando uma situação parece pessoal, mesmo que os outros o insultem diretamente, não tem nada a ver com você.”

É preciso entender que o que o outro diz ou faz é decorrente dos próprios compromissos dele, não tem nada a ver com você. Portanto, o que os outros pensam sobre você, o que os outros falam ou sentem em relação a você não deve ter nenhuma importância, não deve ser levado pro lado pessoal porque isso é problema deles e não seu.

os-quatro-compromissos

3º Compromisso: Não Tire Conclusões

Nisso eu já fui mestra mestra: analisava e tirava conclusões de tudo. Tudo, claro, de acordo com o que eu via, sentia e pensava.

Isso é um absurdo porque eu só posso tirar conclusões de acordo com o meu ponto de vista, que é fruto das minhas experiências, só que cada pessoa tem um conjunto de experiências e uma mesma coisa pode ter milhões de significados.

Tem um trecho do livro que fala assim: ” Presumimos que todos enxergam a vida da mesma forma que nós. Presumimos que os outros pensam da mesma forma que nós,sentem da mesma forma que nós, julgam como nós julgamos e sofrem como nós sofremos. Essa é a maior presunção que o ser humano pode ter. Por isso, temos medo de ser nós mesmos em presença dos outros. Porque achamos que todos estarão julgando, nos vitimando, nos fazendo sofrer e nos culpando, como fazemos a nós mesmos. Portanto, antes que os outros tenham uma chance de nos rejeitar, nós já nos rejeitamos. É assim que funciona a mente humana.”

os-quatro-compromissos

4º Compromisso: Dê sempre o melhor de si

Esse é um compromisso que eu já tenho faz tempo e quero que ele se torne ainda maior porque ele só me trouxe coisas boas, sabe?

No livro fala que sob qualquer circunstância, sempre faça o melhor possível, nem mais nem menos. Porém, tenha em mente que o seu “melhor” nunca será o mesmo de um instante para outro. Independente da qualidade, continue dando o melhor de si, nem mais nem menos. Se você se esforçar demais para conseguir seu “melhor”, irá gastar
mais energia do que é necessário, e ao final seu “melhor” não será o suficiente. Quando você exagera, esgota seu corpo e vai contra si mesmo, sendo assim necessário mais tempo para alcançar seu objetivo. Se fizer menos do que seu “melhor”, vai sujeitar-se a frustrações, autojulgamento, culpas e arrependimentos.

Tem algumas partes do livro que, claro, eu não concordo, mas isso não invalida tudo de bom que ele tem. São coisas simples, que no fundo todo mundo sabe, mas que acaba “esquecendo” .

Claro que, no início, vez ou outra a gente tropeça, até pelo hábito, mas já firmei esses “compromissos” comigo e eles só têm me feito bem!

Vi o livro no site da Saraiva, mas está esgotado, mas tem o PDF  nesse link aqui. Alguém já leu? O que achou?

Beijos

Ju

Escreva seu comentário

* Preenchimento obrigatório. Seu email não será divulgado.
Quer que sua foto apareça no comentário? Clique aqui.
25 comentários
  1. Ana  11/01/2015 - 21h17

    Que presente Ju!!Já baixei!! Obrigada!!Ele é curtinho né? Bjs

    • Ju  12/01/2015 - 09h12

      Aninha, saudade de você! Um 2015 maravilhoso, viu? <3 <3 <3
      Ele é pequeno, não muito, mas a leitura flui rápido!
      Beijos

  2. Marta Marques  11/01/2015 - 22h54

    Oi Ju, tudo bem? Já tinha ouvido falar sobre ele, vi algumas vezes nas prateleiras das livrarias mas, sinceramente, nunca me chamou a atenção. No entanto, comentado desse jeito, fiquei curiosa em ler. Vou fazer isso agora! Parabéns pelo blog, é simplesmente maravilhoso! Bjs

    • Ju  12/01/2015 - 09h23

      Martinha, tudo bem sim, e você?
      Leia me diga o que achou! <3
      Beijos

      • Marta Marques  12/01/2015 - 14h05

        “Simplesmente, dê o melhor de si – em qualquer circunstância da sua vida.Não importa se você está doente ou cansado, se der sempre o melhor de si, não haverá forma de julgar a si mesmo.”
        Oie, Ju! Estou ótima, e me sentindo depois que meu comentário apareceu aqui (kkkkkkkkk). Li, adorei, e vou parar com essa mania de presumir e Prejulgar. Obrigada por essa pessoa maravilhosa, generosa, que tem conhecimento e não se importa de dividir com os outros. Tenha uma vida Longa e Feliz! Bjs

  3. Mellissa  12/01/2015 - 01h29

    Aai Ju, que graça de livro, adornos livros com esse tipo de conteúdo, alias, admiro muito suas leituras , vou ler já!

    • Ju  12/01/2015 - 09h13

      Mel, me conta o que achou! <3
      Beijos e boa semana

  4. Gabi Oliveira  12/01/2015 - 09h04

    Ju! Obrigada por compartilhar sabedoria! Minha semana começou melhor com a leitura do seu post! Tô lendo Mulheres que Correm com o Lobos, e Os Quatro Compromissos será o próximo da lista! Beijo, que a sua semana seja próspera e feliz!

    • Ju  12/01/2015 - 09h23

      Oi Gabi!
      Amo Mulheres Que Correm com Os Lobos! Depois que ler esse me conta!
      Uma semana linda pra você!
      Beijos

  5. Marta Carvalho  12/01/2015 - 10h39

    Obrigado Ju por nos presentear com essa dica maravilhosa e ainda disponibilizar ele em PDF…
    Adorei ler com a tua interpretação e precisava ler exatamente hoje isso, pois essa semana que vai ser tumultuada em minha vida.
    Palavras que me ajudam! Obrigado.
    Bjão

  6. Daniela Leroy  12/01/2015 - 15h33

    Oi Ju!

    Amo o blog e hoje fui escrever justamente sobre isso no Panelas, Sapatos e Pinceis, sobre a fofoca e o poder do silêncio. E vi este post, muito lindo!

    Óbvio que citei seu blog e o primeiro compromisso da impecabilidade da palavra. Coloquei link para minhas leitoras virem espiar seu cantinho. Espero que não se importe!

    beijinhos e linda semana

  7. Fernanda  12/01/2015 - 21h24

    Oi, Ju!! Tudo bem?

    Muito obrigada pelo post maravilhoso e pelo livro interessantíssimo!!!
    Um beijo grande e uma semana abençoada para você!

  8. Thais  13/01/2015 - 02h07

    Oi Jú, venho te acompanhando há um tempo e juro valendo que desde que conheci seu blog antes de comprar qualquer coisa eu venho aqui ver o que vc acha do produto, rs. Me identifico em muitas coisas que vc descreve da sua pele e também os pensamentos.
    Adorei a dica do livro e durante muito tempo eu me questionava o pq da maioria das pessoas exaltarem pontos negativos meus, quando eu só queria ter uma conversa leve e saudável, então passei por um processo muito introspectivo.
    Mas chegou um momento que isso também não tava dando certo, lógico tava faltando o equilíbrio, até que resolvi me matricular em uma academia de dança, isso mudou a minha vida. E naturalmente pessoas que compartilham de pensamentos bem próximos aos meus foram se chegando e atualmente só tenho a agradecer a esse momento positivo em vibração a minha volta, digo em sentido de amizade e eu gosto de qualquer tipo de relacionamento leve e aqueles que trazem muitas gargalhadas sabe? Enfim..

    E eu sempre fui amante das leituras e abdiquei muito nesse último ano, mas depois do post me animei e vou pegar as suas dicas agora também dos livros.

    Paz, Luz e muita sabedoria pra vc!
    Beijos.

    • Ju  18/01/2015 - 14h41

      Thai, é complicado, né?
      As pessoas meio que usam a crítica, e isso afeta demais… O certo é se afastar disso e estar sempre perto do que nos faz bem, e a dança é um santooooo remédio!
      Tudo de melhor pra você minha linda! <3
      Beijos

  9. Glaucia Silva  13/01/2015 - 14h27

    Adorei o post! É muito bom uma leitura que soma coisas boas pra nossa vida, e você sempre se preocupa em passar isso pra gente: Pra sermos um ser humano cada vez melhor e sempre aprendendo! Muito obrigada!

  10. Samara Gonzaga Ramos Félix  13/01/2015 - 20h53

    oi Ju.
    Otimo post, olhando teu post sobre esse livro me surgiu uma ideia e resolvi sugeri que vc post algo relacionado a marcadores de pagina. post it e outras sugestoes .
    bjs amada.

  11. Luiz Carlos Ribeiro  14/01/2015 - 12h06

    Muito inteligente este conteúdo, fiquei contente que pessoas possam ler e absorver bons resultados em seu texto.

  12. Luciana  09/03/2015 - 22h41

    Oiiii Flor!!!!
    Baixei…vou ler e volto pra falar!!!
    Bjocas:)

  13. […] Quatro Compromissos,  é do Miguel Ruiz, é bem simples e falei dele por aqui no início do ano (veja aqui), lembram? Ele fala de quatro compromissos que precisamos firmar com nós mesmo pra transformar as […]

  14. Verezza  29/12/2015 - 01h03

    Ola!
    Tudo bem?
    Obrigada pelo link do livro.
    Gostaria de saber se você tem o link do livro O Quinto Compromisso, não consegui encontrar pra baixar.
    Muito obrigada!
    Bkost

  15. C1nt1a Cava  12/01/2016 - 13h48

    Muito obrigada por disponibilizar essa preciosa luz guia. Sou facilitadora de grupos (gratis) de estudo/desenvolvimento do autoconhecimento e autoamor e estou nos EUA. Apenas terminamos de estudar o livro “Os Prazeres da Alma” e já vamos iniciar “Os Quatro Compromissos”.
    Abraços a todos!
    Cintia
    Spiritual Activist & Empath

  16. […] livro que jamais sai da minha cabeceira e que fez e faz muito por mim é Os Quatro Compromissos, do Don Miguel Ruiz, que já falei aqui no blog, e quando vi que ele havia lançado, junto com o […]

  17. Brenda Braz  08/09/2016 - 10h53

    è maravilhoso, hoje me pego lembrando deles a toda hora quando vejo ou ouço algo…. é incrivel como tudo fica mais leve se levarmos os 04 compromissos a serio em nossas vidas. Gratidão pelo post

  18. maria  27/09/2016 - 22h44

    muito bommmm

O que você acha do JV?
Ju, flor, descobri seu blog faz poucos meses mas já estou fã! Suas receitas e dicas de beleza são maravilhosas. Sinto que estou conversando com…
As leitoras mais incríveis da vida
  • A alegria de chegar em casa e ver de pertinho algumas das embalagens da linha de produtos para cabelos que eu tanto sonhei! ✨✨✨🙌🏻😍 Ainda estão sem a arte, sem nada, era só pra que eu visse de perto mesmo, tocasse, sentisse se era exatamente como eu queria, sabe? Tudo branco, dourado e lindo!

A primeira embalagem é da máscara, e ela é maravilhosa, uma homenagem ao meu encosto de chacrete! Hahaha

A segunda é a do óleo, ela é em vidro e tem conta gotas, porque esse óleo é precioso demais, é poderoso demais pra desperdícios! ☺️ A terceira embalagem é a do Salva Fios, e é em spray! Tinha pensado em conta gotas, mas não achamos uma embalagem no padrão que queríamos e por um preço bom, então ficou em spray mesmo!

A quarta embalagem é a de um leave-in tudo em um, que tem exatamente todas as coisas que esperamos de um finalizador, inclusive proteção térmica e solar. 💥🌟💫
A última, em bisnaga, é do shampoo e do condicionador, porque cês sabem que esse é meu tipo preferido de embalagem, né? Dá pra usar até a última gota!😍 O primeiro produto a ser lançado será o Salva Fios, e logo depois a gente lança os outros, porque leva tempo para que todos os testes exigidos sejam feitos (6 meses, em média) e pra que, claro, tudo saia do jeitinho que a gente quer.

Aos poucos vou mostrando mais coisas pra vocês, já estamos estudando outros tipos de produtos, e todos vêm com o conceito de usar ativos naturais em conjunto com ativos de grau farmacêutico, justamente pra garantir um resultado mais eficaz num espaço menor de tempo. Juro Valendo que cês vão amar!❤️ #JuroValendo  #Jujuland
  • Antes e Depois 😍😍😍 #amomeutrabalho #delineado
#maquiagembh #inxtalove
#amomaquiagem #instagood
#makeupslaves #maquiagemdenoiva
#makebasica #makeupartist
#kryolanmakeup #kryolancosmetics
#amobatom #madrinhadecasamento
#catharinehill #lehpequenomakeup #blogueiras #blessed🙏 #automaquiagem #tutorialmakeup #hudabeauty #maccosmetics #bitarrabeauty #mk #jurovalendo #maqbellamakeup #makebyme
  • HIDRATAÇÃO POWER 💪🏻
Depois de platinar o cabelo novamente, é preciso cuidar muito! Hoje fiz uma super hidratação com o Tarja Preta da @lolacosmetics é com o Salva Fios desenvolvido pela @jurovalendo. Depois finalizei com o BB Cream da Lola antes de secar. Meu cabelo está brilhante e super macio. Esse trio é tão power que vai rolar até post no blog com detalhes!
.
.
.
.
#jurovalendo #lolacosmetics #hidratação #hidratacaocapilar #cabelos #cabelo #platinadas #loiro #vaidosa #rapunzel #dicasdecabelo #cuidadoscomocabelo #beleza #produtos #soscabelos #instago #instagram #instalike #cabelobonito
Quer ver a sua foto publicada aqui no blog?
Poste no instagram uma foto com a hashtag
#JuroValendo