24.01.2019

Minha Sala Vermelha!

#JuDeCasa

E já que agora temos uma casa sendo decorada, vamos falar um pouco de decoração, né? E pra começar, vamos pra minha sala vermelha, que é o cômodo que está mais ou menos pronto.

Digo mais ou menos porque acredito que casa a gente monta como vive a vida. É aos poucos, com o passar dos anos, pra que cada canto tenha uma história.

E essa sala ainda precisa de muitas histórias pra contar, assim como eu tenho muitas coisas pra viver rs.

Mas, vamos pra história da sala vermelha, né?

sala vermelha parede vermelha

Sala Vermelha? Sim!

Nunca tinha pensado em uma sala vermelha, e estava muito em dúvida das cores de cada ambiente. Só sabia que queria muita cor, que cinza não entraria aqui e que ambientes totalmente brancos estavam fora de cogitação.

Paredes brancas me dão uma sensação de vazio enorme, falta vida, sabe?Paredes cinzas também, e sempre me lembram dias cinzentos, não gosto rs.

Por outro lado, amo cores fortes, mas sóbrias. Sou louca por aquele verde mais fechado, púrpura, amarelo ocre, laranja, preto e vermelho, aquele que é quase cor de ameixa.

A questão é que o forro de todos os cômodos é de madeira, o que escurece, e essa sala, que é a de jantar, fica exatamente no centro da casa, então não tem nenhuma janela.

Ou seja, o ideal era optar por tons mais claros pra deixar a coisa mais iluminada.

sala vermelha juro valendo

Mas, por algum motivo, cismei que ela teria paredes vermelhas, além de luzes quentes, branco, dourado e madeira.

Paredes vermelhas e feng shui

Ah, vale ressaltar que fiz uma consultoria de Feng Shui logo que mudei (já faço um post sobre), porque gosto muito da ideia de harmonizar a casa de acordo com os 5 elementos.

E, pela análise do Feng Shui, a parte de trás da sala, que é bem pequena, pega o Guá que é regido pelo elemento fogo, então seria legal colocar ali algo dourado, vermelho, laranja ou verde, que é a cor do elemento madeira, que alimenta o fogo.

Aí baixei o aplicativo da Coral e da Suvinil e fui testando as cores. Escolhi o Veludo Clássico, da Coral, um vermelho fechado lindo, que fica mais quente ou mais frio a depender da iluminação.

Pintei as duas paredes do fundo de vermelho, e no restante da sala usei o tom base da parte interna da casa, o Algodão Egípcio, da Suvinil, que é um bege bem clarinho.

As paredes parecem amarelinhas, mas não bege, é por causa das luzes, que são quentes!

No Feng Shui o bege representa o elemento terra, que traz uma maior sensação de aconchego e, dizem, estabilidade. Também tem a ver com novos começos, o que acho maravilhoso.

Antes de mandar fazer os móveis (e comprar outros), já tinha muito claro que, apesar de desejar um ambiente mais aconchegante, intimista e quente, não teria nada além do necessário, porque luz e espaço são essenciais pra mim.

E foi aí que começou a minha saga de desenhar móveis (tu reparaaaa hahaha) e descobrir formas de baratear as coisas, porque, meu povo, tudo de casa é caro!

Mesa planejada? Temos!

Queria uma mesa redonda, com tampo branco leitoso e a base triangular. Achei várias lindas, mas todas estavam fora do meu orçamento.

sala vermelha juro valendo

Sério, sem as cadeiras, a mesa mais em conta que achei, do jeito que eu queria, custava R$1800,00.

Aí fui na marcenaria ( a Moreira, foi Ney quem fez tudo aqui em casa, recomendo de olhos fechados!), fiz um desenho daqueles que menino de 3 anos faz melhor hahaha, e com o tampo branco lacca, que é aquele mais brilhoso, ela saia por R$600,00.

Mandei fazer e fui orçar o vidro branco leitoso, do mais fininho, só pra cobrir mesmo, e quase caí pra trás: mais de R$400,00! Resolvi “deixar de querer” o branco leitoso, né?

Quase 2 meses depois fiz um novo orçamento, junto com outras coisas, e ele saiu por R$200,00. Aí eu mandei fazer! rs

Na base da mesa usei o Larnaca, da Duratex, e o diâmetro é 1.18 (amo esse número rs).

As cadeiras comprei aqui em Jee, na Allure, e são da Pollus. O tom da madeira é lindo, o forro é linho, parecido com o meu sofá, e elas são bem confortáveis.

sala vermelha juro valendo

Buffet com base de metal dourada

Aproveitando minha “vocação” (muitos risos!) pra desenho, decidi, depois de olhar em todas as lojas da cidade, encomendar o buffet/aparador na marcenaria, porque, novamente, os preços não cabiam no meu orçamento.

A Mari, uma leitora e arquiteta maravilhosa, que fez o projeto do meu quarto (foi a única coisa aqui que teve projeto, gente, depois mostro tudo e explico direitinho), deu a ideia de fazer a base em metal dourado e eu amei!

Mandei fazer a base na serralheria e pintar com tinta automotiva num dourado mais fechado, e a parte de cima tem a frente ripadinha, todo em linhas retas, sem puxadores aparentes, com 3 portinhas.

Por dentro ele é todo naquele branco tradicional, que é o mais barato (mas a qualidade é a mesma), e por fora é Nogal Málaga. E sim, uso tons diferentes de “madeira” no mesmo ambiente, mas que “conversem”, porque não gosto de “conjuntinho”, de tudo combinado, me dá agonia rs.

Por dentro ele é dividido em prateleiras e é meu xodó, acho lindo de viver!

Espelho e luz, muita luz!

Acima dele tem um espelho bisotado, que vai até a altura da porta, porque apesar de amar espelhos enormes, sou louca por simetria e não queria, de jeito nenhum, que nada ficasse mais alto que a porta hahaha.

E não levei o espelho até o final da parede porque ele acabaria refletindo o muro que fica depois da cozinha, e não queria que ele refletisse isso, ué!

E no Feng Shui é ótimo que o espelho reflita a mesa de jantar, viu?

O pendente, que fica acima da mesa, comprei na liquida de uma loja aqui de Jee. Ele é de vidro branco leitoso e amei o “caimento” das bolinhas, achei delicado, apesar de “grande”.

Por último, a luminária de chão, que foi comprada para a sala de estar, mas que ficou muito melhor na sala de jantar!

Minha sala vermelha tem muita luz, claro, sempre tem alguma planta (quando é orquídea pequena que tá com flor, coloco o vaso na mesa, quando é da grande coloco na buffet), e a “árvore” que aparece em algumas fotos é o bambu mossô da da sala de estar, porque é óbvio que eu colocaria plantas em todos os lugares, né?

Falando em bambu, amoooo, e, olha que sorte, aqui no fundo tem uma plantação!

No fim, mesmo sem ter muita noção do que estava fazendo, ficou “muito eu”: é aconchegante, acolhedora, iluminada, quente e, mesmo pequena, espaçosa e ventilada, sabe?

Se vocês quiserem posso fazer posts com detalhes e coisas mais explicadinhas do Feng Shui e também de como baratear, sem perder a qualidade, nos móveis, sobretudo na marcenaria!

Pra quem se interessa por Feng Shui, aqui tem várias dicas. E vou postar muita coisa no Ju de Casa, combinado?

Cês gostaram? Várias meninas me disseram lá no Instagram que acharam que não daria muito certo essa parede vermelha, mas que depois de tudo “pronto” mudaram de ideia, e acho que tudo é a forma como a gente compõe, né?

Beijos, Ju♥

Quer mais dicas como essa? Siga nossas Redes Sociais ⇒ Instagram ♥ Twitter ♥ Pinterest ♥Facebook⇒ @jurovalendo

01.03.2017

Ideias Para a Jujuland

Uns 2 anos atrás, quando comecei a me dedicar o dia inteiro ao blog, senti a necessidade de montar um espaço só pra isso, uma Jujuland, e fiz umas duas reformas aqui em casa nesse período, mas nunca ficou exatamente como eu queria.

É que meu “escritório” ficava no meu quarto, que, na verdade, era o escritório de minha mãe antes de eu voltar a morar aqui em Jequié. Ou seja, é um espaço pequeno e por mais que meu marceneiro fizesse malabarismos pra transformar minhas ideias mirabolantes em realidade, sempre faltava espaço.

No início desse ano decidi mudar isso, mas como tenho outros planos, não queria construir outro cômodo, sabe? Então, resolvi transformar o que era meu quarto em um escritório, em um espaço onde eu apenas trabalhe. E vamos fazer isso esse mês porque, afinal, dia 18 de março comemoramos 4 anos de blog!♥

Muitas e muitas ideias pra Jujuland!

jujuland

Vou reaproveitar os móveis que já tenho aqui, inclusive mostrei no Stories, lá no Instagram, mas dando uma repaginada, porque todos foram planejados, tenho um marceneiro ótimo e meu dinheiro não aceita desaforo, né?

Só que, além de repaginar algumas coisas, preciso acrescentar outras, porque a ideia da Jujuland é um lugar onde eu possa escrever, gravar, fotografar, fazer meus “testes” e guardar todos os produtos que chegam aqui e que estavam espalhados pela casa toda.

Então, o meu armário fica exatamente onde está, e todas as prateleiras (são 12) e gavetas (3, bem grandes) ficarão reservadas para guardar os produtos que chegam, e aí precisarei de muitos cestinhos organizadores pra deixar tudo como o meu “Mercúrio em Virgem” gosta.

Na mesma parede do armário, onde fica o vão da porta, vou colocar um espelho pra cobrir toda a área, daí consigo fotografar “look no espelho”, né? haha

Na área onde ficava a minha cama farei o “cantinho” de gravação, e aí quero colocar um papel de parede, uma poltrona em confortável e uma mesinha “de canto”. Queria um papel de parede de “mapa”, só que preto e branco, ou alguma outra coisa que seja branco e preto, e ó, tá fácil de achar não! rs

A área de “trabalho” ainda está bemmm indefinida rs

jujuland

Minha bancada vai precisar subir uns 2 centímetros pra ficar da mesma altura da mesinha de apoio, que fica abaixo da janela e uso pra fotografar produtos. Queria, na verdade, fazer uma adaptação, juntar as duas e transformar tudo em um móvel só, sabe?

As prateleiras e estantes continuam no mesmo lugar, assim como o gaveteiro, e preciso encontrar uma cadeira maravilhosa que não acabe com minha coluna nem com o meu braço.

Ah, pensei também em um tapete preto bem grande, alguns quadrinhos, um lustre incrível e novos objetos decorativos de cores mais “vivas” pra quebrar um pouco o preto e branco que tanto amo. E, claro, quero uma máquina de café do meu ladinho, porque, gente, sem café eu não vivo!

E, sim, uma caminha pro meu estagiário modelo, porque né, impossível trabalhar sem Ozzynho deitado nos meus pés! hahaha

Vi algumas ideias no Pinterest, pensei em várias possibilidades durante o feriado e vou tentar fazer a coisa toda “sozinha”, mas hoje meu marceneiro vem aqui e vamos ver o que realmente dá pra adaptar, o que pode funcionar ou não no espaço que tenho, e aí, depois que decidir tudo, gravo um vídeo mostrando o antes e depois pra vocês, tá?

Já vou preparar uma listinha das coisas que quero comprar pra esse espaço  mostro aqui também, combinado? E tô aceitando ideias, viu? Sempre!

Ainda não é, exatamente, o projeto dos meus sonhos, porque o espaço não dá, mas é o que supre as minhas necessidades nesse momento.

Beijos, Ju♥

Quer mais dicas como essa? Siga nossas Redes Sociais ⇒ Instagram ♥ Snapchat ♥ Twitter ♥ Pinterest ♥Facebook⇒ @jurovalendo

27.07.2016

Dicas Para as Flores Durarem Mais no Vaso

#JuDeCasa

Quem me segue lá no Insta já percebeu que sou apaixonada por flores, né? Tenho muitas “plantadas” e compro toda semana pra colocar na mesa da sala, pois acho que levanta o astral e deixa o ambiente mais bonito, mas como aqui é muito quente, elas murchavam rápido, até que aprendi alguns truques para fazer as flores durarem mais no vaso!

flores durarem mais no vaso juro valendo

Cuidados básicos para as flores durarem mais

Pra começar, assim que a gente compra as flores, é importante cortar o talo de cada flor na diagonal, coisa que faço dia sim, dia não, quando troco a água do vaso.  Ah, sim, a água precisa ser trocada com frequência, e cada vez que a gente troca a água tem que lavar o vaso com sabão/detergente para evitar que as bactérias da água “antiga” contaminem a água nova.

Sempre que trocar a água, lave os talos em água corrente, e não deixe as folhas em contato com a água ou submersas. Isso tudo é bem simples, mas ajuda a aumentar a “vida útil” das flores no vaso.

Dicas pra prolongar a vida das flores no vaso

Mas, claro que existem truques pra fazer a coisa durar muito mais, né? Já testei várias dicas para prolongar a vida das flores e evitar que elas murchem rapidamente, e a que mais fez diferença, pra mim, foi a da vodka!

flores durarem mais no vaso juro valendo

Basta misturar uma colher (das de sopa) de vodka na água em que as flores estão (faça isso sempre que trocar a água), pois isso, dizem, inibe a produção de etileno, molécula que acelera o envelhecimento das flores.

Caso não tenha vodka em casa, pode colocar 2 gotinhas de água sanitária na água que também ajuda! Já testei colocar Listerine, aspirina e café, mas no calor que faz aqui a vokca e a água sanitária foram as que deram mais certo!

Alguém já tentou? Faz e me conta! E se tiver alguma outra dica, divide aí com a gente! E se quiser ver mais posts do #JuDeCasa é só clicar aqui!

Beijos, Ju♥

Siga nossas Redes Sociais ⇒ Instagram ♥ Snapchat ♥ Twitter ♥ Pinterest ♥Facebook⇒   @jurovalendo

O que você acha do JV?
Ju, amo seu blog!!! suas dicas!!! vc é maravilhosa com sua opinião honesta!!! Sempre quando quero comprar algum produto venho aqui pra ver o que…
As leitoras mais incríveis da vida
    Quer ver a sua foto publicada aqui no blog?
    Poste no instagram uma foto com a hashtag
    #JuroValendo