Vizcaya
05.08.2019

Pele Macia No Inverno: O Básico que funciona!

Pele macia no inverno é amor pra vida, né, gente? Eu, por exemplo, que tenho a pele do corpo extremamente seca, que piora bastante nessa época, ficando “fubenta” e descascando, sei que não é lá muito fácil conseguir esse feito.

E, pra completar, morro de preguiça de ficar passando um tanto de trem na pele, quero mesmo é coberta, oxe! rs

Mas como minha pele sofre muito nessa época e esse ano tá bem mais frio, separei vários produtinhos pra um kit básico de salvação com sabonete hidratante, óleo corporal, hidratante potente e um produtinho salva-vidas.

Acontece que, ainda bem, hoje já temos muitas opções de produtos com mais de uma função, e aí a gente pode usar menos produtos, gastar menos tempo e dinheiro, né?

Então vamos começar pelas dicas básicas e certeiras!

como ter pele macia no inverno

Pele Macia no Inverno: Cuidados Básicos

1. Começando pela missão impossível,  nada de banhos muito quentes e demorados, porque isso piora o ressecamento.

2. Escolha um sabonete neutro (os de glicerina são ótimos!) ou algum que tenha uma boa ação hidratante (adoro o da Dove!) , ou, ainda um creme de limpeza pra ajudar a não deixar a pele ressecada.

3. Óleos de banho, óleos corporais ou mesmo um sabonete em óleo, como o Natural Oil, da Nivea, que adoro, são uma mão na roda!

Eles ajudam a formar a “capinha” de proteção que evita a perda de água para o ambiente, o que mantém a pele hidratada.

Sei que muita gente não gosta de óleos, mas além das opções mais leves já existe a versão em gel. Sim, isso mesmo, e inclusive testei um da L´Occitane Au Brésil e garrei amor com força.

4. Por último, vamos pro hidratante, né? Existem opções aos montes, e tudo vai depender das necessidades da sua pele e do quanto você quer e pode pagar nele.

Dá pra encontrar excelentes produtos nos mercados, por preços super bons. E a gente não pode esquecer que existem formas de potencializar aquele hidratante mais fraquinho, não é mesmo?

Tem tudo explicadinho nesse aqui: Hidratação corporal – potencializando seu hidratante!

Pra quem quiser opções, tem várias nesses posts aqui, ó:

Produtos para todos os gostos e bolsos!

Falando nisso, em mercados e farmácias é possível encontrar muitos produtos acessíveis que dão conta do recado direitinho.

Ou seja, é só adequar o que você precisa ao seu orçamento e garantir os produtinhos pra deixar a pele macia no inverno, né?

No próximo post vou deixar opções de todos esses produtos, para todos os bolsos, combinado?

E se tiver algum produtinho babadeiro pra indicar é só deixar nos comentários!

Beijos, Ju♥

Quer mais dicas como essa? Vamos prosear no Instagram  ♥ Pinterest ♥Facebook⇒ @jurovalendo

Vizcaya
22.07.2019

FOREO LUNA Réplica X Original: O Que Compensa Mais?

Desde que inseri o LUNA 2 na minha rotina de cuidados faciais, várias de vocês questionaram sobre as versões fakes, e achei que seria interessante, depois de tanto tempo de uso, testar e fazer uma comparação com a FOREO LUNA réplica.

Uma das maiores dúvidas de vocês está relacionada a diferença real entre as duas versões, sobretudo nos resultados e na segurança no uso, e se essas diferenças compensariam o uso da réplica, que é infinitamente mais barata.

foreo luna réplica fake

Pra começar, fiquei confusa com a variedade de versões fake da FOREO existentes no mercado. São muitas, e o interessante é que todas que fuçei contavam com a informação de que o aparelho possuía a mesma tecnologia de pulsações sônicas usada pela FOREO.

Daí eu já cismei, porque veja bem, não tem como ter a mesma tecnologia porque ela é patenteada. O que tentam fazer é criar um produto visualmente parecido e mentir dizendo que a tecnologia e, consequentemente, os resultados, são os mesmos.

Acho que, ao invés de criarem imitações, deveriam ter a honestidade de fabricar aparelhos de limpeza facial sem esse apelo, sabe? Porque isso, além de induzir muita gente a erro, é pirataria, e eu, Ju, não compactuo com esse tipo de coisa.

foreo luna réplica e original

Só pra vocês terem noção, um tempinho atrás um caminhão com mais de 5 mil unidades de falsificações do LUNA tombou na China, e muito mais disso entra no Brasil o tempo todo, o que é um rombo na economia, gente, não dá!

Mas vamos às comparações:

FOREO LUNA Réplica X Original: Quais as Diferenças?

O aparelho que comprei é made in China e vem numa embalagem acrílica com uma caixinha escrito Dahora.

Acredito que seja uma réplica do FOREO LUNA mini 2, mas no site que pesquisei constava que era do LUNA 2.

luna fake

É pequeno, tem o design parecido com o da versão original, mas sem o nome FOREO, e vem com o cabo USB pra carregar.

Falando em carregar, começa aqui o minha primeira cisma: no fundo, ele tem uma tampinha de silicone no local de colocar o cabo USB pra, supostamente, evitar que o produto enferruje por dentro, e pelo que consta não é completamente à prova d´água.

O problema é que essa tampinha não evita que a água penetre na parte interna do aparelho, e é justamente por isso que a imensa maioria pifa após pouco tempo de uso.

E até aí tudo bem, ele para de funcionar, você perde R$30,00 e ok.

As Réplicas são seguras?

A questão, pra mim, é que produto pirata não tem certificação dos órgãos reguladores, e aqui estamos falando de um aparelho com estrutura elétrica, ou seja, que pode explodir, dar curto-circuito e por aí vai. Ainda mais com uso o contínuo dele ligado e correndo o risco de entrar água.

foreo luna

Pior: pra usar no rosto, e que tem contato direto com as mãos.

Agora tu já imaginou se, Deus nos livre, uma coisa dessas acontece? Eu vou me arrebentar e não vou ter a quem reclamar, a quem pleitear nada judicialmente, a quem responsabilizar, já que o produto é pirata.

Saindo da questão da segurança (ou falta de), vamos pro sensorial: não tem como comparar.

Os filamentos são mais curtos e o silicone é completamente diferente, sendo que o da parte de trás é ainda pior, todo duro, parece uma miniatura de escovão de esfregar chão.

Na minha pele, que é oleosa e sensibilizada, a fricção foi bem intensa e a pele ficou completamente vermelha, como se tivesse esfregado uma bucha daquelas durinhas, sabe? Foi bom não!

Os filamentos e silicone do LUNA 2, ao contrário, são bem macios, suaves, não fazem essa fricção ou causam qualquer desconforto na pele.

Outra coisa que me preocupa, sobretudo a médio prazo, é que não existe nenhuma garantia sobre a qualidade do silicone, principalmente no sentido de acumular ou não bactérias, o que pode ser péssimo para a pele, já que compromete a higiene e saúde da pele.

foreo luna réplica
Olha a diferença no tamanho e grossura dos filamentos…

No mais, não tem como saber se esse silicone é seguro ou se é tóxico.

Os Resultados são os mesmos?

Apesar de dizer que sim, ele não possui a tecnologia T-Sonic, que é exclusiva, patenteada e comprovada da FOREO, e ao invés de emitir pulsações, ele vibra com força, me lembrando, inclusive, uma outra coisa que é melhor não dizer o nome hahahaha

Sério, me senti usando um vibrador no rosto, e óbvio que isso não é benéfico pra pele, principalmente a longo prazo, né?

E em duas semanas de uso o que notei foi uma pele mais irritada, sem aquela sensação de maciez e sedosidade de uma pele realmente limpa que é famosa nos aparelhos da FOREO.Também não notei melhora nos poros.

Com o uso do da versão original, sinto a pele sendo limpa, sinto as pulsações, suaves e eficazes, e vejo os efeitos desde o primeiro dia de uso.

Pra quem não entende a diferença e a importância disso, sugiro fortemente a leitura da resenha que fiz do LUNA 2.

Pra completar, me senti mega insegura o tempo todo, com medo desse troço dar um piri-paque nas minhas mãos ou no meu rosto!

Já faço um post aqui com opções mais em conta de aparelhos de limpeza facial, inclusive da própria FOREO, que têm o valor bem menor que o do LUNA 2 e são originais, sabe?

 luna réplica
Minha pele é super sensível e reativa, e isso tem que ser levado em conta. Mas, quando uso o LUNA 2 a pele não fica irritada como quando uso a réplica. Essa, especificamente, achei um horror!

Qualquer coisa que envolva cuidados com a pele recomendo sempre investir nas versões originais, sempre, porque pele é cartão de visita, minha gente, não dá pra correr riscos desnecessários!

Agora contem aí: já usaram algum desses aparelhos de limpeza fake? Como foi a experiência de vocês? Já usou o original (qualquer versão)? Divide com a gente o que achou!

Beijos, Ju♥

Vamos papear nas redes sociais⇒ Instagram ♥ Twitter ♥ Pinterest ♥Facebook⇒ @jurovalendo


16.07.2019

De Mãe pra Filha… de Filha pra Mãe

Já parou pra pensar no tanto de coisas que você aprendeu com sua mãe e com as figuras maternas na sua vida? Nos cuidados, rituais e produtos preferidos? Eu já, e isso é tão marcante pra mim que montei o “De Mãe pra Filha… De Filha pra Mãe”!

A ideia é mostrar o que a minha mãe me ensinou, o que aprendi vendo as coisas que ela usava, como usava, onde passava, qual sensação eu sentia vendo aquilo e como esses rituais impactaram a forma como aprendi a cuidar de mim mesma e, tempos depois, a dividir com ela esses cuidados, a, também, ensiná-la, e como se deu essa troca, sabe?

Mainha sempre cuidou muito do corpo, então o ritual de banho, cremes e unhas, por exemplo, é dela, aprendi com ela. E com produtos bem específicos, que já falei muitas vezes aqui no blog, porque passei a usar também por causa dela.

de mãe pra filha davene

Por outro lado, ela cuidou pouco dos cabelos e da pele do rosto ao longo da vida.

E esses foram cuidados que ela passou a ter por minha causa, que, de certa forma, “aprendeu” comigo. O primeiro protetor solar facial, por exemplo, foi na marra, 6 anos atrás, e hoje ela “tomou gosto”, tem o maior cuidado, frequenta a mesma dermato que eu e, inclusive, fez recentemente uma plástica na pálpebra (escondido hahahaha).

De mãe pra filha…

O primeiro produto que pensei pra esse projeto foi o Leite de Aveia, da Davene, que tem o cheiro do colo, do abraço quentinho, do aconchego da pele da minha mãe.

Lembro muito nitidamente dela saindo do banho de roupão (o vício em roupão também veio dela! hahaha) e aplicando o Leite de Aveia no corpo todo, e eu ali, pequenininha, querendo fazer igual.

Lembro da primeira vez que usei escondido (quem nunca?), de quando, já mocinha, ela passava em mim.

E eu, que ficava hipnotizada vendo ela sentada no banquinho da penteadeira (a dela era maravilhosa!) aplicando os cremes, comecei a ter preguiça, e aí ganhei meu primeiro potinho de Leite de Aveia junto com um roupão branco de cetim, nunca vou esquecer hahahaha.

de mãe pra filha de filha pra mãe

É um produto que me traz as melhores lembranças, que fez história, deixou uma marca e, literalmente, marcou minha vida.

E quando mostrei lá nos stories os vários produtos da marca (tem várias coisas legais, vou mostrando pra vocês), choveram comentários cheios de lembrança e saudade (olha lá nos destaques do instagram!).

E que delícia que é isso, né? Um produto que não só fez e faz parte dos cuidados com a pele, mas que também é um contador de histórias, a história das nossas vidas.

De filha pra mãe…

de mãe pra filha

Pele, e isso eu aprendi com mainha, é preciosa. E o que a gente faz com algo que é precioso pra gente? Protege, cuida.

Com o que? Com o que é valioso, importante, com o que traz as melhores sensações, e, porque não, com um produto que vem cuidando e protegendo a pele de quem amei (saudade, Vó! ♥ ), de quem amo (Mãe ♥ ) e de quem sempre vou amar (eu mesma ♥ ), e contando suas histórias há muito tempo…

E ajuda a contar também a minha, da forma mais bonita, macia, delicada e suave que for capaz… contar e celebrar a beleza da minha pele, e do que ela, dia a dia, vai se tornar, com um cheiro que é pra sempre e uma suavidade que não tem igual.

de mãe pra filha

Agora me conta: qual a tua história com o Leite de Aveia Davene? Quais rituais e cuidados passaram de mãe pra filha e de filha pra mãe?

Divide com a gente, todo mundo que saber!

Beijos, Ju♥

Vamos papear nas redes sociais⇒ Instagram ♥ Twitter ♥ Pinterest ♥Facebook⇒ @jurovalendo

O que você acha do JV?
Ju, amo seu blog!!! suas dicas!!! vc é maravilhosa com sua opinião honesta!!! Sempre quando quero comprar algum produto venho aqui pra ver o que…