Vizcaya
28.10.2014

Cabelos Destruídos Pela Água: Sim, Acontece!

Tempos atrás uma leitora veio conversar comigo sobre o cabelo dela, que não melhorava nunca, e eu desconfiei logo da água, porque ela pode sim detonar o cabelo. Existem vários problemas relacionados a água, e muitos deles têm a ver com os tratamentos que são feitos pela empresa de distribuição de água, com a limpeza das caixas de água ou com os canos de ferro e de cobre.

O “xis” da questão são os tais dos resíduos metálicos, e nesse casos os mais comuns são os derivados de ferro, de cobre e de alumínio. Como possuem um peso molecular bem baixo, esses resíduos penetram facilmente nos fios, de modo que o contato com a água e o oxigênio leva, como bem disse o visagista Felipe Restine, a oxidação do metal, que enferruja dentro da fibra capilar.

água pode estragar cabelo

Isso, aliás, já foi alvo de matéria no The International Journal of Cosmetic Science, e em muitos casos esses resíduos ficam, inclusive, impregnados como manchas azuladas ou esverdeadas logo abaixo da torneira da pia ou do chuveiro.

E não para por aí, porque dentro da fibra capilar esses resíduos vão “expandir”, o que resulta em um cabelo frágil, danificado, poroso e quebradiço, levando, em último caso,  a destruição da estrutura dos fios. Em alguns casos, e isso é fácil de notar nos fios mais claros, o cabelo vai ganhando uma tonalidade esverdeada.

Em relação aos tratamentos feitos na empresa de distribuição de água e nas limpezas das caixas d´água não temos muito como “prevenir” (mas tem como remediar!), mas no caso dos canos de ferro ou mesmo de cobre  sim, e não se deve usar essa água aquecida (água quente) para lavar os cabelos.

cabelos destruídos pela água

Imagem do livro “A verdade sobre o seu cabelo”

Em todo caso, é recomendado usar a cada 10 dias um shampoo que tenha um maior poder de limpeza, e se você não pode usar um shampoo antirresíduos (post aqui sobre eles), use um shampoo pra cabelos oleosos, que é um pouco mais adstringente e possui um maior poder de limpeza (tem opções nesse post aqui).

Outra dica bem importante é apostar nos acidificantes, também conhecidos como acidulantes, pois eles vão ajudar a remover o metal do cabelo, além de regular o pH dos fios, selando as cutículas em seguida.

Já deixei aqui a receita do acidificante caseiro, que é feito com vinagre (post aqui), mas também existem as versões comerciais, e desses o que mais gosto é o da K.Pro, o pH Balancer, que custa uns R$50,00 e pode ser encontrado em lojas de cosméticos e em lojas virtuais.

São muitos os  problemas causados pela água (como a presença de calcário, por exemplo), mas como são casos mais pontuais a gente papeia sobre eles em outro post, tá?

Beijos

Ju

O que você acha do JV?
Bom dia , eu não conhecia o blog mais entrei hoje e adorei , tem muitas dicas , orientações, e as explicações não são pela…