07.05.2014

4 Dicas Pra Acabar Com o Frizz

Uma das perguntas que mais leio por aqui é a tal da “como acabar com o frizz”!

Poucas coisas são tão irritantes quanto o frizz, é fato, e pra se ver livre desse bendito só mesmo cuidando pra evitar que ele se forme ou usando produtos que mascarem situação, porque a verdade é que nada vai fazer com que o frizz suma de forma definitiva.

É que o frizz pode ter várias causas, e permanecendo a causa, permanece o efeito, no caso, o frizz. E quais causas são essas?  Bom, as mais comuns são o excesso ou a  falta de umidade, a eletricidade estática, o ressecamento dos fios, a porosidade, as cutículas abertas, o atrito (como a toalha que usamos pra enxugar os fios, por exemplo ) e as variações climáticas.

Como acabar com o frizz

Simplificando: quer tratar, “acabar” com o frizz? Tem que tratar o que causa o frizz, porque ele não passa de um sintoma, de uma consequência. A origem do problema é aquilo que a gente já conhece: químicas capilares, excesso de secador e chapinha, falta de cuidados, descoloração, alisamento e progressiva.

acabar com o frizz

No mais, o frizz acaba sendo um reflexo de algo não está bem no cabelo, porque se o cabelo está quebrando, por exemplo, ele “arrepia”.

O que fazer então? Investir em uma rotina de tratamentos que  evite a formação do frizz e, ao mesmo tempo, usar produtos que ajudem a disfarçar e reduzir o problema seja porque ajudem na prevenção da quebra, porque fortaleçam os fios, porque hidratem profundamente ou porque simplesmente atuem maquiando o quadro.

Separei algumas diquinhas que uso pra controlar ou minimizar o problema.

1. Hidratar e Nutrir: Regras Básicas

Se o cabelo estiver ressecado, o frizz vai dar as caras, então trate de hidratar os fios. Eu gosto muito de produtos que tenham glicerina na formulação (Hidratação de Glicerina: Boa e Barata), já que ela ajuda não só a atrair, mas a manter a umidade dos fios.

Já a nutrição age em 3″frentes”, já que disfarça e minimiza o frizz existente, e previne a formação de um “novo frizz”. Nutrir os fios ao menos uma vez por semana, no caso dos cabelos mais secos, ajuda muito a resolver o problema. Já falei muito sobre nutrição aqui, aqui e aqui, então vale dar uma olhada.

O óleo que mais uso no cabelo, porque é o mais fácil de achar por aqui, é o óleo de coco, que consegue penetrar bem nos cabelos, e pra que o efeito seja melhor o ideal é fazer a aplicação a noite, porque é preciso que, pra que os benefícios sejam máximos, ele fique nos fios por, pelo menos, 8 horas.

acabar com o frizz

2. Lava Esse Cabelo Direito Menina!

A gente tem a mania de achar que cabelo é tipo lateral de Fusca, né? Ah, cês nunca bateram o carro na lateral de um fusca? Bati quando tava aprendendo a dirigir (foi a única vez que bati um carro) e a frente do meu ficou no chão, enquanto o Fusca teve leves arranhões. Ou seja, cabelo não é forte como a gente pensa, cabelo é frágil e se quebra facilmente, e quando estamos lavando os fios, eles estão esticados ao máximo, então qualquer coisa que você faça de forma mais agressiva vai fazer com que o fio quebre.

A regra, então, é lavar os fios com delicadeza, desembaraçar com cuidado e pentear devagar. Quando for remover o excesso de umidade com a toalha, apenas aperte o cabelo, e com cuidado. Não é pra esfregar a toalha no cabelo e muito menos torcer, como a gente costuma fazer. É que esse atrito é uma das causas do frizz e, a depender da intensidade, pode quebrar o cabelo.

3. Aprenda com Popeye!

Popeye não investe no espinafre quando precisa de força extra? Invista em aminoácidos, o “espinafre capilar”, pra fortalecer o cabelo, porque quanto mais forte ele estiver, menor será a quebra e, consequentemente, o frizz. Já falei muito sobre reconstrução por aqui, e essa semana ainda sai o Guia da Reconstrução, tá?

4. Anti frizz: Use um Bom Óleo Finalizador!

Não vivo sem e não existe nada melhor pra mascarar o problema!  É que os óleos finalizadores dão uma “assentada” imediata, reduzindo o arrepiado, além de ajudarem no brilho dos fios. Tem um post recente aqui com algumas sugestões de óleo bons e baratos que dão conta do recado, já viram?

Ah, e quando forem secar o cabelo, não esqueçam de usar um protetor térmico, melhor ainda se tiver ação defrizante!

Bom, isso é o que vem funcionando comigo, mas se alguém tiver alguma outra dica pra acabar com o frizz, conta aí!

Beijos, Ju

Quer mais dicas como essapra acabar com o frizz?Vamos papear nas redes sociais⇒ Instagram ♥ Snapchat ♥ Twitter ♥ Pinterest ♥Facebook⇒   @jurovalendo

O que você acha do JV?
Eu acho esse blog maravilhoso. A Ju fala de tudo com muita emoção, muito carinho e ao mesmo tempo muita verdade, muita seriedade. Isso é…