Vizcaya
01.04.2013

A Marcha das Vadias

Meninas, calma! Não estou ofendendo ninguém, leiam o post todo antes, ok?

O que é e onde surgiu?

A primeira Marcha das Vadias ocorreu na Universidade de Toronto, Canadá, no dia 3 de Abril de 2011, e foi a forma que universitárias de lá encontraram para protestar contra opiniões machistas, preconceituosas e descabidas que diziam que as universitárias do Campus, e todas as mulheres de uma forma geral, eram estupradas e abusadas sexualmente porque incitavam os homens a cometer o crime em razão das roupas que usavam.

Diziam (e ainda dizem e pensam assim) que a roupa da mulher sinalizava que ela estava se insinuando.


marcha-das-vadias

Só que, o que mais causou revolta nas universitárias de Toronto foi o fato de lá ser um lugar frio e nevar, logo, ninguém saía seminua e os ataques sexuais contra as mulheres eram frequentes.

Ninguém é culpada por sofrer abuso!!!!

As justificativas para culpar as mulheres pelo abuso que sofreram e sofrem todos os dias causou tanta revolta que mulheres do mundo todo e minorias em geral (homossexuais, transexuais, homens franzinos) aderiram ao movimento e, no Brasil, já é realizado em muitas cidades.

marchadasvadias

Afinal, não é a roupa que você usa que tem culpa! Ninguém sai de casa querendo ser abusada (cantadas de pedreiro e os chavões “ô lá em casa, ah se eu te pego” são abusos sim!) e muito menos estuprada, por isso o movimento ganhou tanta força e recebeu este nome (tradução genérica, em inglês é Slut Walk).

O culpado é o abusador e a sociedade, que, de certa forma, relaciona caráter com vestimenta.

vadias950x600

E o pior é que tem babaca (é, sou revoltada com retrógrados), que ainda acha que a mulher usa uma roupa para seduzir.

No próximo 3 de abril…

Por isso, meninas, no próximo 3 de abril, procure em sua cidade locais onde ocorrerão a Marcha e, caso queira, participe.

dois_de_julho_marcha

Muitas mulheres participam de lingerie, seminuas e há quem faça topless. Isso vai de cada uma. Na minha cidade, uma querida minha, a Vera, está reunindo um grupo para caminharmos juntas com cartazes e com roupas de uso diário, no entanto, ninguém será impedida de usar o que bem entender.

Beijos, Dani.

Vizcaya
Escreva seu comentário

* Preenchimento obrigatório. Seu email não será divulgado.
Quer que sua foto apareça no comentário? Clique aqui.
6 comentários
  1. Lay Costa  01/04/2013 - 10h10

    Detesto gnt machista, e o pior é que eu já vi até mulheres usando esses argumentos machistas pra atacar outras mulheres “indecentes”, como se alguma coisa pudesse justificar tamanha violência. Sinceramente, eu acho que, assim como a homofobia e o racismo, MACHISMO DEVERIA SER CRIME.

    • Dani Chaves  01/04/2013 - 11h27

      Lay, tudo bem?
      O grande problema são todos os excessos e pré-conceitos (desse jeito mesmo).
      E o que me irrita profundamente são os homens que acham que as mulheres vivem em função deles, que tudo o que fazemos é para, de alguma forma, chamar a atenção deles.
      Adorei seu comentário!
      Beijos!!!!

  2. Priscila Maximiano  02/04/2013 - 09h01

    Não sei se essa marcha é a solução, também sou vitima de trens lotados e homens sem vergonha, me sinto humilhada e violentada quando sou vitima desse tipo de assédio, mas acho que essa não é a solução, o problema é muito mais complexo

    • Dani Chaves  02/04/2013 - 11h09

      Oiii Pri!
      O problema é muito maior mesmo! Acredito que não seja a solução e que esta nem seja a intenção. O objetivo é mostrar que nos incomodamos com essa violência e que não é normal homens nos tratar assim. Acho até que é por isso que as mulheres usam lingerie, para chocar mesmo.
      Bjo

  3. Simone Andrade  26/04/2013 - 10h14

    Os homens abusam mesmo é de seu poder físico, pois nenhuma mulher ousaria violentar um homem, independente da roupa que ele usa! Afinal, vejo diariamente homens e rapazes andando apenas de bermuda ou mesmo shorts e sem camisa!!! Qual é a diferença para ser violentado???

    • Dani Chaves  26/04/2013 - 10h15

      Oi Si!
      A diferença é o machismo, a cultura que está arraigada nos homens e que faz com que eles se sintam superiores a nós.

      Beijos

O que você acha do JV?
Bom dia , eu não conhecia o blog mais entrei hoje e adorei , tem muitas dicas , orientações, e as explicações não são pela…