01.07.2016

Parafina líquida, Petrolato e Óleo Mineral em Produtos Capilares

Ultimamente tenho recebido muitos questionamentos sobre a parafina líquida, o petrolato e o óleo mineral em produtos capilares, além dos sulfatos, e aproveitei pra pesquisar um pouco e buscar informações em fontes confiáveis, ou seja, com químicos e dermatologistas.

Pra começar, é preciso esclarecer que, tecnicamente, petrolato não é o mesmo que parafina e óleo mineral. Mas, como a função deles nos produtos capilares é basicamente a mesma, vamos tratar todos como uma coisa só, com as devidas ressalvas.

parafina líquida óleo mineral petrolatos cabelos juro valendo ju lopes

Petrolatos, parafina líquida e óleo mineral

O petrolato (petrolatum nos rótulos dos produtos) é um derivado do petróleo, assim como a parafina líquida, a parafina sólida, a cera e o óleo mineral, dentre outros, que, nos cabelos, tem a função de lubrificar, proteger os fios das agressões térmicas e criar um filme de proteção ao redor do fio para, supostamente, “segurar” a hidratação

E é aí que começa o problema, porque sustenta-se que esse filme protetor vai se acumulando nos cabelos, impedindo, assim,  que os ativos de tratamento cheguem ao córtex dos fios, o que deixa as madeixas opacas e sem brilho, dentre outras coisas. Alega-se, ainda, que em muitos casos o acúmulo é tão grande que a remoção dessa substância só pode ser feita com shampoo antirresíduos.

Só que a coisa não é tão simples como parece, mas vamos por partes.

É fato que a parafina líquida, o petrolato e o óleo mineral (e também os silicones) formam um filme ao redor dos fios, assim como qualquer outra substância oleosa, inclusive os nossos amados óleos vegetais. Esse filme protetor vai impedir que o fio do cabelo perca água para o ambiente, ou seja, ele vai reter a “água”, vai manter a hidratação, e isso é uma coisa boa, lógico.

Existem estudos, inclusive, que comprovam que os petrolatos são mais eficientes em evitar a perda de água que os óleos vegetais, e, olhando por esse ângulo, eles seriam bons. Acontece que os petrolatos (óleo mineral, parafina líquida, etc) não possuem nenhum valor terapêutico, não tratam o fio do cabelo, já que não possuem nenhum nutriente, então eles não servem como tratamento, ao contrário dos óleos vegetais.

Não é tão simples como parece….

Só que isso não significa que um produto capilar que contenha petrolato/parafina/óleo mineral não preste, porque tudo vai depender da composição, vez que, em muitos casos, essas substâncias são utilizadas como um “veículo” para os ativos de tratamento.

Então, se o produto tiver petrolatos, mas também uma concentração boa de ativos de tratamento, uma composição balanceada, que realmente tenha potencial de tratar o cabelo, não é a presença da parafina (ou de algum outro derivado de petróleo) que vai impedir isso.

parafina líquida óleo mineral petrolatos cabelos juro valendo ju lopes

O problema maior, pra mim, não é a presença de petrolatos, mas a ausência, na imensa maioria dos produtos, de bons ativos em concentração suficiente para realmente tratar os cabelos, e aí, nesse caso, o produto vai dar aquela “maquiada” básica e nada mais. Entende a diferença?

A grande questão não é a presença dos petrolatos, mas o seu uso como “tratamento”, porque isso ele jamais será, bem como ausência de ativos que realmente consigam tratar os cabelos, como expliquei nesse post aqui.

Quanto a alegação de que os petrolatos vão se acumulando nos cabelos a ponto de impedir a penetração de ativos de tratamento, não encontrei nenhum estudo científico comprovando isso, e conversando com o Anderson, que é químico, ele explicou que mesmo que os petrolatos não sejam solúveis em água, os tensoativos presentes nos shampoos conseguem sim removê-los.

Minhas impressões

Aleguei que quando usava rotineiramente muitos produtos com petrolatos, sobretudo aqueles bem baratinhos, que não possuem quase nada de ativos, sentia que os fios ficavam mais pesados e opacos, como se realmente tivesse um acúmulo maior ali, e ele disse que se o produto tem uma quantidade muito grande de petrolatos e eu sinto esse “peso”, devo usar uma quantidade menor do produto (porque ele é “pesado” mesmo) ou suspender o uso, porque ele não se adequou ao meu cabelo, pois, como acontece com todo tipo de produto, tem cabelo que reage bem e tem cabelo que não reage.

O que percebo, e isso não tem nada de científico, é experiência do dia a dia mesmo, é que nas épocas em uso mais o pré shampoo não noto tanto esse “peso” (e acúmulo), assim como nos últimos tempos, em que tenho usado shampoos para cabelos oleosos e uma quantidade menor de finalizadores.

Mas, acredito que meninas com cabelos mais finos, as que usam muitos finalizadores com petrolatos, bem como as que são partidárias do no poo/low poo tenham mais problemas com essa substância, porque, via de regra, ela deixa os produtos um pouco (ou muito) mais pesados que os produtos que contém apenas óleos/manteigas vegetais.

Outra coisa que vale ressaltar é que a alergia de contato aos petrolatos é uma realidade, então é preciso saber se você tem ou não alergia a essa substância, já que ela é largamente utilizada em produtos cosméticos devido ao baixo custo, mas também porque ela não interfere nas características organolépticas e possui uma consistência que praticamente não se altera, o que é bem importante na produção dos cosméticos.

Usar ou não?

Quanto a mim, em relação ao cabelo, não tenho problemas em usar produtos com petrolatos, desde que meus fios respondam bem, porque quem manda aqui são eles rs, mas é claro que prefiro produtos que, ao invés deles, tenham óleos e manteigas vegetais, que tratam os fios, que são mais naturais e não geram um impacto ambiental tão grande quanto os derivados de petróleo.

Mas isso é a minha opinião, é a minha experiência, é o que funciona pra mim, e você, só você, pode saber, através da tentativa e erro, o que funciona melhor pra você. E o que funciona melhor pra você é o que você deve usar!

Beijos, Ju♥

Siga nossas Redes Sociais ⇒ Instagram ♥ Snapchat ♥ Twitter ♥ Pinterest ♥Facebook⇒   @jurovalendo

Escreva seu comentário

* Preenchimento obrigatório. Seu email não será divulgado.
Quer que sua foto apareça no comentário? Clique aqui.
19 comentários
  1. Daiane  01/07/2016 - 20h48

    Oi Ju.
    Adorei a matéria. E estou vivendo bem isso. Fiquei 4 meses fazendo low poo, pq ouvi muitos comentários benéficos a respeito. Comprei produtos, pesquisei muito, tive paciência e esperei ansiosa pelo dia em que as coisas começassem a funcionar. Mas para meu desespero, não funcionou. Meu cabelo ficou pior do que antes. Seco, com Fritz, etc. A única coisa que ficou Boa foi o brilho dos fios. Meu cabelo é ondulado e sempre foi bonito. Quase nunca hidratava ou fazia qualquer procedimento, mas resolvi mesmo assim experimentar a técnica, na esperança de que fosse mais prático. E não foi. Claro, que essa foi a minha experiência e não estou afirmando que a técnica low/no poo seja ruim. Mas acredito que não seja assim tão milagrosa quanto promete.

  2. Isa  01/07/2016 - 22h32

    O que você acha da inversão capilar? Vc nunca responde

    • Ju  02/07/2016 - 10h43

      Isa ,eu nunca testei o método, então não tenho como te dar a minha opinião. Beijos <3

  3. Carolina  03/07/2016 - 16h08

    Olá! Ju, estou com um super dúvida! Comprei a máscara da Inoar Proteínas do Trigo e Macadamia e não sei exatamente se ela é uma máscara de hidratação, nutrição ou reconstrução! Faço progressiva e meu cabelo é descolorido. Na descrição do produto fala que é uma hidratação profunda, um tratamento nutritivo! Mas a máscara contém queratina e eu li que as proteínas do trigo são usadas geralmente em máscaras de reconstrução. Não sei em qual etapa do cronograma capilar devo usar! Se puder me ajudar, ficaria muito grata! Adoro as suas dicas! Meu cabelo é outro desde que comecei a acompanhar seu blog!!!

  4. Ana  03/07/2016 - 18h27

    Jú eu aboli todos os produtos artificiais e só uso naturais como aloe do meu quintal e oleo de coco .mas as pontas do meu cabelo não ficam hidratadas nunca do resto tudo maravilhoso tenho pele e cabelos bem secos o que devo fazer

  5. Suelen  04/07/2016 - 03h55

    Juuu q saudade de comentar aq! Hahahaha Tive baby e o tempo eh todo dele! XD Mas eu tinha q falar! Esse assunto eh polêmico!!! Eu acho que praticar o no/low poo só vale realmente a pena pra quem tem um problema que tem uma relação indireta com os derivados do petróleo: o ressecamento causado pelos shampoos de sulfatos fortes. Quem tem o cabelo cacheado e/ou crespo no geral sofre com o efeito do shampoo comum, e vai por mim: a coisa eh feia! Os sulfatos dos shampoos comuns retiram mais do que a sujeira, retiram a oleosidade natural do nosso cabelo, antes mesmo que essa chegue as pontas! Então, o vilão pra gente, nao eh o derivado do petroleo e sim o shampoo, mas, se passamos a usar sulfatos suaves ou outras formas de higienização do cabelo, passamos a evitar os derivados pq so os sulfatos fortes sao capazes de limpa-los corretamente! Eu por exemplo, ja testei uma infinidade de marcas, mas nenhum shampoo normal faz bem p o meu cabelo, foi quando passei para o low poo, mas os shampoos sem sulfato tbm nao resolveram, entao passei a praticar o no poo, e o meu cabelo ta bem melhor! Eh dificil, pois vc tem q abrir mao de muitos produtos, mas vale a pena! Bjo Ju e desculpa pelo textão!!!

  6. Pâmela  04/07/2016 - 06h37

    Oi Ju, eu tbm percebi que quando eu uso óleos para cabelos mineral, meu cabelo fica pesado e oleoso, fica uó!

    Obs: adoro o seu blog, suas resenhas são ótimas!

    Bjo

  7. Salete  04/07/2016 - 08h50

    Ju! gostaria muito de saber sobre a progressiva London, se tem ou não formol,

    • Ju  04/07/2016 - 09h15

      Sa, não conheço!
      Beijos

  8. Ju  04/07/2016 - 15h02

    Ju, tem como você fazer um post só sobre no/low poo? Meu cabelo é crespo (que é ressecado por natureza) e tem ficado ainda pior ultimamente, receio que seja o uso do shampoo. Já li/vi várias coisas sobre o low poo e até penso em aderir. A dúvida é se realmente vale a pena. Um post sobre esse assunto seria de grande ajuda! rs

  9. Aline  06/07/2016 - 16h35

    O grande problema de usar essas substâncias é q elas não hidrata e só máscara, alem de só serem retiradas com shampoo com sulfato, e o sulfato não tira apenas a sujeira do cabelo ele tira a oleosidade natural do cabelo ressecando demais. Por isso aderi ao low poo, meu cabelo precisa muito menos de hidratação por não usar o shampoo com sulfato e não resseca-lo. Tem meninas q falam q tentaram a técnica e não deu certo o q acontece é q qndo vc começa a técnica vc não máscara mais o seu cabelo com parafinas, petrolatos e óleo mineral ai vc vê a real situação do seu cabelo por isso a impressão q o cabelo piora, mas depois de um tempo o cabelo começa realmente a ficar tratado de verdade . Amo a técnica, acho muito eficiente e inteligente.

  10. Camila  07/07/2016 - 16h00

    Eu tenho o cabelo fino, oleoso com raiz lisa e comprimento ondulado, faço low poo e no meu caso foi maravilhoso, pois usando produtos com derivado do petróleo meu cabelo fica pesado e oleoso com facilidade e como consequência eu usava os shampoos mais limpantes da terra, era um circulo vicioso. Agora uso produtos mais leve e shampoo sem sulfato e tive uma melhora nítida na oleosidade, lavava todos os dias e agora a cada dois dias. Mas é aquilo, low e no poo é uma técnica e não uma regra, eu mesmo as vezes uso shampoo com sulfato, como se fosse um anti resíduos, não sinto prejudicar no meu cabelo. Eu obtive ótimos resultados, mas você pode não ter, só tentando mesmo para saber. Cada cabelo é uma sentença.

  11. Patrícia  13/07/2016 - 13h14

    Juu, vi aqui no seu site que você parou de fazer progressiva em 2013, se não me engano.. eu também parei, mas meu cabelo está com um volume imenso, cheio de frizz. Já comprei a máscara absolut control da Loreal, uso o aussie 3 minuts smooth (que é anti-frizz) e nada esta me ajudando T.T o que você fez para reduzir o volume do seu cabelo? O meu cabelo é ondulado e eu amo ele assim, mas estou desesperada por conta do volume e do frizz! MUITO OBRIGADA!

  12. […] O produto não contém parabenos, mas contém parafina líquida, e falei sobre essa “polêmica” nesse post aqui. […]

  13. Giane  11/11/2016 - 18h45

    Ju, me dá um help, comecei a pouco tempo a técnica de low poo e meu cabelo agradece, porem comprei pela internet uma mascara de reconstrução capilar que contem petrolatum e parafina, só descobri na hora que ela chegou :(, mas também contém uma boa formula de reposição de massa capilar, por isso quero usá-la, ( tipo de 15 em 15 dias), mas depois para eu retirar esse derivado de petróleo e a parafina, será que um shampoo com sulfato dá conta??? Obrigada, bjos! Amei seu blog, muito coerente! ;)

  14. Juliana  12/11/2016 - 00h48

    Adorei o texto, Ju! Sempre venho ver as postagens novas no seu blog, antes de aderir ao no poo e mesmo depois, pois acho suas colocações muito sensatas. Beijos e abraços!

  15. […] Achei a fórmula bem boa, balanceada, com ativos que ajudam a hidratar, nutrir e restaurar os fios. Contém óleo mineral, mas todo mundo sabe qual é minha posição sobre isso, né? Pra quem ainda não sabe, é só dar uma olhada aqui. […]

  16. Mari  08/05/2017 - 11h30

    Olha amei sua materia a pessoa que cuida dos meus cabelos tbm é química formada e usa parafina nos produtos dela em uma quantidade que se harmoniza com o resto dos componentes e ela poe muitos outras substancias que alimentam o cabelo… e caso alguem use o petrolato ou parafina enfim é so lavar com anti ressiduos que sai tudo… amei as informacoes ♡

O que você acha do JV?
A primeira vez que li o blog, foi minha prima que me marcou numa postagem de resenha de algum produto de cabelo. O que chamou…
As leitoras mais incríveis da vida
  • Tem dias que São Pedro não colabora, né?🤔🙄 Tão fazendo o que aí? Eu aproveitei esse dia cheio de nuvens pra tentar colocar em palavras o que tá aqui, no coração. Passa lá no blog, o post é pra você, vai!❤️
#JuroValendo
  • Meu #tbt de hoje é do pôr-do-sol mais incrível da minha Bahia, na Ponta do Mutá, com a melhor pessoa (depois de mim, claro 😎💃🏻! Leonina na veia, migas!✨😂), um espumante gelado e paz, muita paz... 🙌🏻 Essa cordinha aí é feita de rolhas, nada mais apropriado...😂 Saudades, férias antes das férias! Chega logo, férias!🙌🏻🎉 #peninsulademarau #barragrande #pontadomuta #sunset #obomdabahia #Bahia #JuroValendo
  • Gente, esse Mercúrio retrógrado tá me drogando, juro!🤔 Acordei cedo, muito cedo, pra gravar vídeo!🎬😳😱 Será uma doença? Gravidez (né não, garanto!😂)? Orégano estragado? Deide disse que é encosto, que tô precisando de uns banhos de folha 😂😂😂. O que cês acham???? [ As bijus lindas são @bethsouza.com.br , e lá cês têm 10% de desconto, só digitar o código jurovalendo ✨✨✨] .

#JuroValendo
Quer ver a sua foto publicada aqui no blog?
Poste no instagram uma foto com a hashtag
#JuroValendo