31.03.2015

Óleo Não é Tudo Igual!

Eu sou apaixonada por óleos, vivo falando deles aqui e cada vez mais percebo que existem muitas dúvidas, pois óleo não é tudo igual e é preciso saber as diferenças entre o óleo vegetal, o óleo essencial e o óleo mineral, porque só entendendo pra que serve cada um é que a gente pode tirar o melhor proveito de cada, né? Vamos conhecer cada um deles!

Óleo Vegetal

O óleo vegetal é composto, basicamente, por ácidos graxos e glicerol, e é extraído, quase sempre, de sementes e frutas, via de regra por prensagem a frio, não sendo solúveis em álcool nem evaporando. Cada óleo vegetal possui um complexo diferente de ácidos graxos e nutrientes, então cada um possui propriedades específicas e age de um jeito.

oleo-nao-e-tudo-igual

O mais importante, e isso precisa ficar claro, é que os óleos vegetais realmente tratam a pele e o cabelo.

Óleo Essencial

O óleo essencial, menos comum nas nossas conversas, é um blend de substâncias voláteis extraídos de cascas, flores, raízes, pétalas, frutos, caules e folhas, sendo que a sua extração se dá, via de regra, por compressão, destilação a vapor ou com o uso de solventes.

Esse tipo de óleo, muito utilizado na aromaterapia, é extremamente concentrado e deve ser usado em pouquíssima quantidade, sendo indicado não só no uso “estético”, mas também pra tratar doenças físicas e até emocionais.  Ou seja, também é um tratamento.

Óleo Mineral

O óleo mineral (petrolatos, parafina líquida, etc) é produzido a partir da destilação do petróleo, e na indústria cosmética ele é amplamente utilizado, é só olhar o rótulo dos produtos que você vai encontrar o danado em produtos de cabelo, hidratantes corporais e muito mais. O fato de ser muito mais barato que os óleos vegetais é, com certeza, a maior razão do seu uso pela indústria, mas não é só isso, pois ele possui uma consistência que praticamente não se altera, o que é extremamente importante na produção dos cosméticos, ao contrário dos óleos vegetais, não interfere nas características organolépticas e é de fácil incorporação nas fórmulas dos produtos.

Acontece que o óleo mineral não trata nada, nem pele nem cabelo, não tendo valor terapêutico, funcionando como uma “maquiagem”. Ou seja, se a intenção é tratar de verdade, o certo é usar um óleo vegetal, já que o óleo mineral não oferece nutriente nenhum.

Existe muita polêmica sobre o uso de óleos minerais em produtos cosméticos, a Dani até fez um post aqui sobre isso, e a minha opinião, com base em todos os estudos que já li e de todas as conversas que já tive com quem trabalha com isso, é a seguinte: tudo depende da composição, porque ele funciona, também, como um veículo para os ativos de tratamento.

oleo-nao-e-tudo-igual

Assim, se a máscara tem óleo mineral mas tem uma composição balanceada e uma alta concentração de ativos que tratem os cabelos, eu vou continuar usando e gostando. Acontece que essa não é a regra e a grande maioria dos produtos contém muito óleo mineral e quase nada de ativos que tratem os fios, e nesse caso eles não passam de maquiagem.

Simplificando: o óleo mineral não trata, é fato, mas só pela sua presença em um produto não se pode afirmar que esse  produto não vai tratar, tudo depende da composição e da concentração de ativos.

Resumindo: óleo não é tudo igual!

O óleo vegetal e o óleo essencial tratam de verdade, possuem potencial terapêutico e eu prefiro, claro, que um produto tenha óleo vegetal ao invés de óleo mineral, e já mostrei aqui meus preferidos.

O óleo mineral, ao contrário, não trata nada, é maquiagem, mas isso não significa, necessariamente, que ele seja tudo de ruim, pois pode ser útil pra muitas coisas.

Assim, por exemplo, se você quiser fazer umectações no cabelo ou quiser potencializar uma máscara, o certo é usar um óleo vegetal, que é um tratamento. Pode usar óleo mineral? Poder pode, mas não deve, porque sim, ele vai dar emoliência, mas não vai tratar, que é o que realmente importa, e falei disso nesse vídeo aqui.

Aí vocês perguntam: Ju, e os óleos finalizadores? Não indico usar óleo finalizador pra tratar o cabelo, com raríssimas exceções (esse da Nuxe pode!), porque quase todos são compostos por muito óleo mineral/silicones.

Então não é pra usar? Pode usar de outras formas, pra finalizar, que é a função deles, e é claro que se você puder escolher o melhor é procurar produtos que tenham alto teor de óleos vegetais pra realmente tratar o cabelo, só que a gente não pode esquecer que, infelizmente,  ainda existem poucos produtos realmente livres de óleo mineral, e que eles tendem a ser mais caros, já que os óleos vegetais são mais caros, e muita gente não pode arcar com esses custos, não porque não queira, mas por não ter como mesmo.

Reduzindo o post em uma frase: quer tratar de verdade? Se jogue nos óleos vegetais. E o óleo mineral? Ele não trata nada, só maquia, mas olhe a composição e a concentração de ativos de cada produto, porque ele é usado como “veículo” para os ativos, e se esses ativos estiverem em alta concentração seus benefícios vão se sobrepor ao óleo mineral.

Beijos

Ju

Escreva seu comentário

* Preenchimento obrigatório. Seu email não será divulgado.
Quer que sua foto apareça no comentário? Clique aqui.
20 comentários
  1. Luciana  31/03/2015 - 15h25

    OI Ju tudo bem? Vou sair do assunto sobre o óleo, mas eu preciso saber se vc ja fez o post sobre o botox capilar de qualidade. Bjos

  2. Carol  31/03/2015 - 15h25

    Olá Ju, tudo bem? Primeiramente, quero dizer que adoro o seu blog, tem me ajudado muuito! Recentemente estou procurando uma máscara de hidratação/nutrição, que não contenha petrolatos. Você poderia indicar algumas marcas? Desde já agradeço pela atenção. Beijos gata!

  3. Luciana  31/03/2015 - 16h56

    Oi Ju!

    Nada a ver com o post, mas será que o texto do link abaixo poderia lhe interessar? Ele fala sobre fadiga adrenal e consumo de carboidratos para mulheres que praticam uma dieta de baixo consumo de carbos. Achei interessante!

    http://www.paleodiario.com/2014/02/carboidratos-gentis-para-gaba-cortisol.html

    Eu mesma sigo uma dieta parecida com a sua há bastante tempo, com fins de saúde, a diferença é que como carne. Outro blog bem legal sobre o assunto é esse, que é escrito por um médico e traz muita informação que ainda nem está disponível em português:

    http://www.lowcarb-paleo.com.br/

  4. Elis  31/03/2015 - 23h55

    Juuuu!!! Já disse isso antes lá no insta e vou dizer de novo. Fui apresentada a vc pelo Google, rs, e estou fascinada, não canso de ler seus posts, são otimos, dicas perfeitas, tudo o que realmente procurava saber sobre cabelos, pele, saúde, menina, vc é ótima!!! Parabéns pela generosidade, por compartilhar conosco tudo o que aprende, é lindo demais ver pessoas assim. Não oare nunca!!! Eu não vou parar até ler todos, mais todos mesmo seus post, estou encantada e quero ser sua fã numero 1 rsrs, babo mesmo!!! Merece tudo o de melhor nessa vida!!!

  5. Camila Oliveira  01/04/2015 - 10h08

    Juuuu….. sua linda…. nao sei se te bato por deixar meu bolso a mingua ou se te cubro de beijos por ser tão maravilhosa com suas dicas kkkkk Acho quer nós mulheres teriamos que ter o bolsa cabelo bonito… pq né ooo troço caro deixá-los em ordem.
    “Mar minina” o que é essa mascara da Lanza MOI MOI?? Nao sei como eu pude viver 26 anos da minha vida sem ela… Jesus é pra casar e ter filhos por toda vida forever gente… segui sua indicação (que como sempre nao falha) e foi amor pela primeira vista. Na primeira aplicação meu cabelo ganhou uma forma que nem eu sabia que existia. Sumiu ressecado, frizz, ganhou forma…. gente to louca pra usar de novo.
    Todo dia to no seu blog e to acompanhando e amando demais seus videos… vc está se saindo muito bem.
    Confio demais nas suas dicas e quando é o que preciso (e o que eu nao preciso também kkkk) sempre compro ou procuro seguir.
    No momento estou usando a Moi moi, o pill food turbinado e fazendo as cauterizações caseiras. Tambem vez por outra faço a umectação e tambem uso o BIOCALE para matizar. Ah enfim faço tudo o que vc manda pq tu é fera no assunto… To louca pra ler o livro COMO EU ERA ANTES DE VC.
    Alias to louca pra te agarrar pq tua existencia mudou meus cabelos…. bj linda e obrigada pelo excelente trabalho, to sempre por aqui.

  6. Ana Sales  01/04/2015 - 10h20

    Bom dia flor do dia..tenho uma dúvida..tenho um óleo essencial de camomila..posso aplica-lo na minha mascara de argila para o rosto?tô com preguiça de pesquisar..rsrsrsr..que feio né?
    Bjs e melhoras neste rosto…

  7. Claudia  01/04/2015 - 15h50

    Ju, amei seu post, você faz um trabalho sério aqui no blog, sempre procurando a fundo sobre o assunto! Estou aguardando o post sobre os shampoos sem sulfatos (;

    Beijinhos flor!

    • Ju  02/04/2015 - 10h38

      Obrigada Claudinha! <3

  8. Amanda Caroline  01/04/2015 - 21h31

    Oi Ju,faz uma resenha sobre o Glicopan Pet ta uma febre dele na internet,eu usei no meu cabelo e fiquei impressionada com o efeito!!!Uma coisa tão baratinha e tão milagrosa,deixa qualquer cauterização no chinelo rs.Bjos

  9. Mah  02/04/2015 - 10h15

    Ju, faz um post sobre spray da Bioextratus, segundo o rótulo é um “mega spray multifuncional” com queratina e óleo de argan… tenho usado como protetor térmico (no rótulo diz que pode ser usado sempre e uma vez para cauterização), só que deu um resultado tão bom, mas tão bom no meu cabelo, que tenho medo dele ter um monte de parafina e coisa que “não pode” … e meu cabelo que tá detonado ao invés de melhorar, só estar mascarando…

  10. Sandrinha  03/04/2015 - 07h33

    Menina, nunca tinha me ligado nas diferenças dos vários tipos de óleos. Gostei do post. :)

  11. Ray Melo Andrade  03/04/2015 - 18h42

    oi ju amo seu blog parabens pois ta cada dia melhor. queria saber daquela pomada da pantene tipo bisnaga pra idratacao nao acho mais em lugar nenhum , vc sabe se saiu de linha ???

  12. Mari  05/04/2015 - 13h59

    Ju, faz resenha dos produtos da Lola Cosmetics!!! A blogosfera endeusa e eu tê super curiosa pra saber a verdade. Tem o morte súbita, o Dream Cream, a linha espetacular… rsrsrs Bjo, post ótimo como sempre.

    • Ju  06/04/2015 - 10h20

      Mari, eu não sou fã da Lola não, sinceramente… E aqui não acho os produtos deles! :(

  13. […] fórmula contém óleo mineral, que muita gente não usa e que já falei um pouco nesse post aqui, mas tem também muitos ativos interessantes, além da proteína de trigo e do óleo de palmeira, […]

  14. […] expliquei por aqui que óleo não é tudo igual, e a forma de uso  de um óleo vegetal é bem diferente da forma de uso de um óleo essencial ou […]

  15. […] e parafina líquida, mesmo sabendo que eles não tratam os fios (falei sobre isso nesse post aqui: Óleo não é tudo igual!), porque, pra mim, tudo depende da composição e do efeito do produto no meu cabelo, mas não […]

O que você acha do JV?
Amo as dicas, resenhas...enfim, tudo aqui no JV é um serviço público e de grátis rsrs , sigo as dicas da Ju e até hoje…
As leitoras mais incríveis da vida
  • Conhecem o blog de minha amiga, @jurovalendo ? Passem lá... Escrevi algo legal... @isadorabacelar.r #amizade #jurovalendo #julopes #amor #meueuloiro #fidelidade #gastronomia #amando #mudanca #salvador #unifacs
  • Mudar de profissão nunca é fácil, bem sei como é difícil lidar com as dúvidas, as angústias e, também, com o julgamento alheio.

Mas acredito, também, que fazer algo que a gente ama não tem preço. Que alegria, felicidade e realização não têm preço.

A @isadorabacelar.r também acha, encarou a mudança e contou tudo pra vocês lá no blog. 💕
#MulherDe30 #MudeiDeVida #JuroValendo
  • Esse deveria ser o jeito certo de dar “valor” às pessoas! Não devíamos dar tanta importância ao quanto de dinheiro fulano tem, ou o status social de sicrano, mas sim como eles tratam as outras pessoas! Bom sábado pra nós! #blogbellealmeida #empathy #empatia
Quer ver a sua foto publicada aqui no blog?
Poste no instagram uma foto com a hashtag
#JuroValendo