Vizcaya
26.04.2017

Cuidados Com Os Fios: Vamos Simplificar?

Não é segredo pra ninguém que, como boa leonina, eu amo cabelo. Amo mesmo, e cuidar dos fios sempre foi um prazer pra mim, uma fonte de alegria, de relaxamento até. E é justamente sobre isso que quero conversar com vocês hoje, porque os cuidados com os fios precisam ser prazerosos, caso contrário alguma coisa me parece “errada”, sabe?

Não sei exatamente como ou quando, mas esse prazer de cuidar do próprio cabelo, e de se divertir com isso, começou a virar  uma cartilha militar, cheia de regras, dedos apontados, culpas e coisas que “tem que fazer”, tirando a graça e a leveza da coisa toda.

Se cuidar é maravilhoso, gente. É olhar pra nós mesmas com carinho, com gentileza, com amor. É investir na pessoa mais importante da sua vida: você. Mas isso, acredito eu,  deve ser feito com generosidade, sem extremismos e sem desespero.

cuidados com os fios ju lopes juro valendo

Digo isso por vários motivos. Já soube, lá no grupo, de menina que ficou preocupadíssima porque o cabelo encostou na pele e o hidratante que ela estava usando na pele tinha óleo mineral. Tenho amigas que não viajam pra praia pra não estragar o cabelo. Que não entram em uma piscina sem usar touca. Que viajam com 10, 15 produtos diferentes pra não “furar” o cronograma capilar.

Tem gente brigando na internet porque o outro usa e, veja só, ousa gostar de shampoo com sulfato. Que ama uma máscara que tem parabenos. Que “insiste” em usar shampoo, como se isso fosse um crime.

Não estou aqui para apontar o dedo nem pra julgar as escolhas de ninguém, ao contrário. Cada cabeça é um mundo, cada cabelo é uma sentença e cada um faça o que achar melhor e, principalmente, respeite o que o outro acha melhor pra si.

Só acho que as coisas podem ser mais simples, e leves

Pra muita gente o cronograma não funciona. Pra muitos outros, shampoo sem sulfato não é bom, não limpa de forma eficaz. Muitas pessoas não se deram bem com o low poo e com uma “dieta” livre de proibidos, assim como tem muita gente, inclusive eu, que analisa um produto pelo resultado que ele entrega no cabelo e não apenas pelo fato de ter ou não parabenos, silicones, óleo mineral e coisas do tipo.

E não, não tem NADA de errado nisso. E você não é melhor que nenhuma dessas pessoas só porque segue a sua cartilha. Ela pode ser maravilhosa pra você, mas você não é o mundo e nem é todo mundo, então as suas verdades só valem pra você, é simples.

Simplifiquem suas vidas (e os cuidados com os fios), pessoal!

Faz tempo que perdi o preconceito com produtos de qualquer tipo, e uso tudo que vejo pela frente, simplesmente porque me permito tentar e conhecer coisas novas sem julgar antecipadamente. Misturo máscaras, troco a ordem das coisas, uso o que tiver no banheiro, pulo na piscina da casa das amigas de roupa mesmo, sem nada pra proteger o cabelo, porque naquele momento deu vontade, e se o cabelo ficar verde, paciência, leite existe pra ajudar, a gente resolve depois.

O que não vou é me limitar por causa do cabelo, ué. Eu amo meu cabelo, mas ele, pra mim, simboliza liberdade, não prisão, não limitação.

Não vou entrar em pânico e achar que o cabelo vai acabar por causa de um óleo mineral que usei um dia desses. Não tô nem um pouco preocupada se não tô seguindo a ordem de hidratação, nutrição e reconstrução. Uso o que tiver em mãos, o que puder comprar e pronto.

Tento seguir uma rotina de tratamento? Sim, porque ela faz toda diferença,  mas de forma natural, sem neuras, e buscando simplificar cada vez mais, optando por produtos multiuso, que valorizem o meu dinheiro. E funciona, viu? Faço descoloração há mais de 20 anos e meu cabelo, muito mais que antes, é forte, tem volume, cresce super rápido, não tem pontas espigadas e, pra mim, é bem bonito.

Ninguém precisa das centenas de produtos que são lançados todos os dias pra nos convencer de que cada um deles é essencial. Você precisa lavar, cuidar, proteger e finalizar (em muitos casos), mas não precisa de 10 produtos pra cada uma dessas etapas, sabe?

Claro que se você quiser, você pode e deve ter. O que não pode é querer impor isso aos outros, como se só os seus cuidados e os seus produtos fossem bons, fossem válidos, fossem certos, porque não é assim que a banda toca.

É preciso falar isso porque, de muitas formas,  me sinto responsável por vocês, e fico bem triste quando vejo um monte de gente frustrada porque acha que não pode cuidar do cabelo simplesmente porque não consegue comprar os milhões de produtos “tem que ter” que surgem a cada dia, ou porque não conseguem fazer o que todo mundo diz que é certo.

Tudo isso é uma grande besteira, gente. A gente faz o que pode, com o que tem, e pronto. No cabelo, na beleza e na vida é preciso simplificar, sempre!

Beijos, Ju♥

Quer mais dicas como essa? Vamos papear nas redes sociais⇒ Instagram ♥ Snapchat ♥ Twitter ♥ Pinterest ♥Facebook⇒   @jurovalendo

Vizcaya
Escreva seu comentário

* Preenchimento obrigatório. Seu email não será divulgado.
Quer que sua foto apareça no comentário? Clique aqui.
34 comentários
  1. Lídia Carla  26/04/2017 - 11h28

    Nossa!
    Traduziu meus pensamentos.
    Por isso gosto do seu blog e do grupo lá do Facebook.
    Importante é cuidar, se sentir bem, mas sem deixar de viver ou implicar com o outro.
    Adoro vc

  2. Carla  26/04/2017 - 12h15

    Ju, sua linda
    Tem como curtir 1000000 de vezes?
    ❤❤❤

  3. Flávia Giraldes  26/04/2017 - 12h53

    Adorei Ju! Esses dias o meu namorado veio, tentando ser o máximo delicado possível, me dar um toque de que estou gastando tempo e dinheiro absurdos com o meu cabelo, e eu não tive resposta. Acho que estou cruzando aquele limite do prazer de cuidar do cabelo e estou passando para a fixação, o que não tem sido legal. Seu texto veio em boa hora. Obrigada! Bjs

    • Ju  26/04/2017 - 16h57

      Fau, quando a gente cruza essa linha é bom parar e dar uma respirada, sabe? Eu trabalho com isso, eu amo cabelo, escrevo sobre isso todo dia, mas continuo achando que só faz sentido se for divertido, se for pra deixar todo mundo neurótico tá errado!
      Beijos <3

  4. Gabriela  26/04/2017 - 15h25

    Isso mesmo Ju, eu também “cansei” um pouco de tanta coisa, quando vc se da conta que só fala sobre cabelos, o que usar e como usar…..passa dos limites….
    E também tem o outro lado que é bom, que agora já estou numa fase onde podemos economizar muito dinheiro, pois já provamos muitos cremes etc, e sabemos agora o que da certo, e isso é ótimo. Passamos as fases! Bom post.

  5. Thais Melo  26/04/2017 - 15h54

    Ju,parabéns pelo post…inspirador e “cessa neuras”.
    Sempre fui pobre e até pouco tempo usava condicionador baratinho (o que tivesse no banheiro),shampoo de babosa,passava abacate nos fios e babosa…o resultado?meus cabelos sempre se deram bem com tudo isso,o que muda é nosso grau de exigência e a ampliação do conhecimento.
    Hoje sigo um cronograma sim,pois já senti na pele os efeitos benéficos,mas me dou ao luxo de,na correria do dia,me jogar no básico shampoo-condicionador-e-só,de vez em quando.
    A vida já é séria demais,para levarmos essa tensão para os nossos fios também.
    Obrigada pelo post! <3

    • Ju  26/04/2017 - 16h55

      Exatamente isso, Thai! Cresci usando Neutrox e minha mãe até hoje teima em lavar o cabelo com sabão de coco, não tem quem faça ela mudar, e se faz bem pra ela, cara, deixa lá, não tem que fazer circo em cima disso não!

  6. Malú  26/04/2017 - 15h56

    Oi Ju,

    Primeiro comentário….te acompanho já faz um bocado de tempo, rsrs. Mas hoje, com teu post, venho lhe parabenizar pelo lindo texto.
    Vejo tantas coisas nos grupos de cabelos pelo facebook……tantas neuras, gente invejando o que os outros podem ter e ela não….isso acaba causando dor ao coração.
    Faço o cronograma, mas não sigo a risca…..uso o que estou com vontade e muitas vezes o que dá tempo para ser feito…..sabendo lavar bem o cabelo, já faz uma enorme diferença.
    Vamos viver mais, ter mais amor no coração….pois já basta o que vivenciamos todos os dias. Falta muito amor de Deus no coração. Lamentável.
    Ahhhh, pinto meus cabelos em casa…..já faz mais de 20 anos, sempre testando novas tintas profissionais….mas estou apaixonada na nova Majirel Hight Lift (misturo a 12.1 com a 12.11), fica lindo o cabelo….só pinto a raiz, pois já tenho um bocado de cabelos brancos……hehehehehe (46 anos), e o restante do cabelo, desamareladores neles, já deixam bem bonitos.
    Um carinho em teu coração. Admiro muito teu trabalho. Beijocas da Malú

    • Ju  26/04/2017 - 16h54

      Oi Malu, seja bem-vinda! <3
      Pois é, infelizmente o que era pra ser divertido e prazeroso tá virando uma prisão, uma coisa cheia de regras, o que é uma pena! Amo internet, é o meu trabalho, é o que eu escolhi pra mim, mas acho que existe muita vida fora dela e que a gente precisa saber dosar, sabe? Sair da net, ir viver, esquecer esse tanto de regra boba e ponto. Faz um bem enorme!
      Menina, onde acha essa tintura?
      Beijos <3

  7. Andréia  26/04/2017 - 15h59

    Era tudo que precisava ser dito! Já entrei e saí de vários grupos no Facebook exatamente porque não tenho paciência pra essa picuinha coletiva, esse fundamentalismo bobo. O mundo tá ficando chato… Pra que isso?!! Vamos ser felizes, né não???

    • Ju  26/04/2017 - 16h50

      Exatamente, tá um saco isso aí, coisa de menina de quarta série, apenas!

  8. renata  26/04/2017 - 17h43

    JU, vc é 10!! Conseguiu traduzir o que eu realmente tenho pensado nos últimos anos porque já me afoguei em dívida por comprar produtos mts caros para fazer coisas diferentes no cabelo. Infelizmente nem todos me surpreenderam com o resultado :( . Então, seguindo o que eu usava anteriormente e com suas dicas e das suas maravilhosas leitoras que contribuem pra caramba, aqui e no grupo, venho testando produtos de fácil acesso até então discriminados por mim.
    É isso, hoje tenho poucos produtos e vou usando de acordo com a minha rotina, às vezes sigo o cronograma, às vezes não porque optei por deixar de ser paranoica rsrsrs. Lembro que na minha adolescência eu levei um secador de cabelo para a casa de praia da minha tia e toda vez que voltava da praia escova o cabelo…vc tem noção de como isso foi ridículo e escravizador? kkkkk Hoje sigo o que está na bandeira de MG: Liberdade ainda que tardia. bjs

  9. Loriani  26/04/2017 - 17h50

    Menina, defino seu texto como “um belo puxão de orelha dado com muita elegância” rsrs.
    Pra ser sincera, garrei raiva da expressão “tem que ter” em todos os aspectos: na moda, nos cosméticos, enfim…na vida.
    Já perdi não muito tempo e dinheiro com coisas que não precisava e nem sequer gostava tanto assim, só pra não me sentir um peixe fora d’água. E o pior é que agora todo mundo se acha no direito de dizer o que devemos ter…
    No fim das contas, depois de nadar, nadar e quase morrer na praia, cheguei à conclusão de que é melhor conhecer a si mesmo, seus gostos, suas necessidades e, principalmente, o que te deixa feliz e te faz bem.
    Ahh, meu shampoo tem sulfato…e meu cabelo nunca esteve tão bem cuidado. Com tudo de ruim que tenho lido sobre o dito cujo, estou começando a acreditar que sulfato não faz mal para o cabelo de gente feliz kkkkk.
    Beijão, amo seu blog!

  10. Tatiane  26/04/2017 - 20h30

    Arrasouuuuuuuu! Exatamente isso, cuidar do próprio cabelo tem que ser um prazer, um momento de descontração. Cuido dos meus desde que me entendo por gente, e amo!!! Testar cada produto e ser livre para isso, sem regras enterradas e sem ser por obrigação. Ou vc arrasa sempre. Te sigo a muito tempo e já aprendi muita coisa no seu blog. Bjs

  11. Dal Lopes  26/04/2017 - 20h43

    Texto perfeito! Penso da mesma forma, pra mim cronograma não faz diferença e a maioria dos produtos “liberados” deixam meu cabelo seboso. Até óleo de coco que todo mundo ama pra mim pesa, então uso de amêndoas e pracaxi. Sejamos mais livres e leves , o que é bom pra mim pode não ser pra outra pessoa, por isso amo seus pensamentos. Bju Ju

  12. susana  26/04/2017 - 22h53

    Arrasou como Sempre é bem isso msm somos livres e lindas adoro seu
    blog adoro vc sou sua fã bjs

  13. Nathalia  26/04/2017 - 23h20

    Ju, eu adorei a sua colocação! Você conseguiu por em palavras exatamente o que eu penso… tenho mais do que orgulho de seguir o seu site, não só pelas dicas de beleza e etc, e também pela pessoa que voce é.

  14. Sandra  26/04/2017 - 23h32

    #Juprontofalei !!!

    Nossa Ju te acompanho a pouco tempo , suas dicas são maravilhosas, e gosto adoro tudo que vc fala me ajuda bastante e simplesmente amei esse post, menina linda vc é uma luz na vida de todas nós e admiro muito seu trabalho Deus abençoe você Julindaluz !!

  15. Sandra  26/04/2017 - 23h48

    #JUPRONTOFALEI !!

    Ju sua linda à pouco te acompanho, adoro suas dicas, vc é uma pessoa muito iluminada pois se doa a nos ajudar com toda sua sabedoria e conhecimento de causa.
    Simplesmente adorei cada palavra desse post , super claro verdadeiro e muito necessário esse assunto pois tem muita gente que em nome dá vaidade ficam numa neura total com as madeixas ou com o corpo e por aí vai…. Menina Julindaluz te adoro e admiro seu trabalho continue assim Deus abençoe… Bjos Sandra

  16. Esmerina  27/04/2017 - 02h14

    Eu que não vou deixar de viver por causa do cabelo. Meu cabelo é lindo. Comprido. Amo meu cabelo, cuido, faço cronograma, mas moro numa cidade de Praia. Faço academia, trilha, ando de bike. Mas cuidar do cabelo deve ser uma coisa sem neura. não deixo de fazer nada do que gosto por causa do cabelo, gosto de viver, mergulhar em cachoeira , mergulhar no mar e rios. Moro numa terra abençoada. Estrago num dia cuido no outro. Viver é prioridade!

  17. Denise Mello  27/04/2017 - 06h45

    Falou e disse

  18. JESSICA DOS SANTOS  27/04/2017 - 08h19

    Amei! Amei, amei, amei, falou tudo!

  19. Bárbara  27/04/2017 - 08h51

    Arrasou!! Acho isso também, a gente se vira com o que tem e temos que ficar satisfeitos com isso. Sempre damos um jeitinho pra tudo… Beijos

  20. Karol  27/04/2017 - 13h47

    Ameiii seu texto ju,na vida e em tudo é importante o respeito, equilíbrio e todos nós somos diferentes com gostos diferentes e cada um tem suas escolhas …

  21. Susana  27/04/2017 - 15h27

    Amei o que escreveu, também adoro meu cabelo e amo produtos novos, esperimenrar novos produtos. Mas não deixo de fazer o que tenho vontade por causa do cabelo. Adoro suas materias

  22. LIJANE SIQUEIRA DE SOUZA  27/04/2017 - 18h37

    Agora sim!!! Uma boa “lapada” na cara dessas mulheres que estão perdendo a noção do que realmente é importante! Uma coisa é gostar de se cuidar e poder fazer isso com o que tem; outra coisa é achar q isso é tudo q importa na vida, e não é. Acho q essas pessoas sofrem do mesmo mal q àquelas que vivem postando fotos e deixam de viver. Esse pessoal precisa de um profissional pra se tratar, pq a cabeça tá muito mal, estão muito vazias por dentro. Gosto quando vc fala assim Ju, “no murro e no pisão” .
    Beijos….Juliana f*da!!

  23. Lorrayne  27/04/2017 - 18h44

    Oi Ju
    Amo esse blog viu?!
    Nunca comentei mas tô sempre passando por aqui :-)
    Eu era cheia de preconceito com produtos baratos, não usava meeeesmo!! De tanto ir no papo de gente que acha que só produto caro que é bom , ficava até triste de não poder comprar o da marca tal que custa 150,00 reais !!!
    Mas graças a pessoas como vc,aprendi que produtos baratos podem ser bons sim!!!
    Hoje mesmo comprei o novo shampo e condicionador da Seda,o Bomba de Nutrição pra minha mãe, nos amamos!!!
    Faz resenha dele aqui no Blog, creio que muita gente vai gostar!!
    Bjos e parabéns! !!

  24. Poliana Santos  28/04/2017 - 20h57

    Maravilhosa, amei, seu tapa na cara de muito gente

  25. Lorrayne  29/04/2017 - 14h43

    Oi Ju
    Amo esse blog viu?!
    Nunca comentei mas tô sempre passando por aqui :-)
    Eu era cheia de preconceito com produtos baratos, não usava meeeesmo!! De tanto ir no papo de gente que acha que só produto caro que é bom , ficava até triste de não poder comprar o da marca tal que custa 150,00 reais !!!
    Mas graças a pessoas como vc,aprendi que produtos baratos podem ser bons sim!!!comprei o novo shampo e condicionador da Seda,o Bomba de Nutrição pra minha mãe, nos amamos!!!
    Faz resenha dele aqui no Blog, creio que muita gente vai gostar!!
    Bjos e parabéns! !!

  26. Cristiane Matos  01/05/2017 - 11h21

    Você é maravilhosa Ju, que bom que tem essa consciência de que a vida é mais que um cabelo e passa para ase suas leitoras . As vezes as pessoas perdem o limite, e, são textos como este que dão aquele estalo, aquela acordada para vida. Vamos nos cuidar, mas sem estresse pq no final é apenas um cabelo

  27. Joana Teixeira  02/05/2017 - 12h59

    Excelente artigo! Muitas mulheres acham que sabem tudo sobre o que se deve ou não fazer, mas o que importa é como o nosso cabelo reage :) Bj Ju

  28. Angela Pereira  02/05/2017 - 23h40

    Tá certíssima como sempre,tem gente pirando com essa história de cronograma capilar,deixando de viver.
    E toda hora aparece uma moda diferente,shampoo com isso shampoo com aquilo,…..tem coisas q dão certo pra uns e pra outros não.
    Shampoo sem sal,por exemplo,não da certo comigo,meu cabelo vira palha de aço, mas pra outros da certo.

O que você acha do JV?
Bom dia , eu não conhecia o blog mais entrei hoje e adorei , tem muitas dicas , orientações, e as explicações não são pela…