Vizcaya
16.05.2016

4 Dicas Para Organizar a Vida

E deixar tudo muito melhor....

Não é novidade pra ninguém que eu, a desorganizada mais organizada de todas, sou meio neurótica com organização, né? Por isso, o post de hoje é com 4 dicas para organizar a vida em vários níveis, e não só no nosso espaço físico.

Preciso disso pra viver, gente, e se tudo não estiver em seu devido lugar, não só coisas, mas pessoas e situações, eu não consigo render direito, sabe como é? E, metódica que sou (culpa do meu Mércurio em Virgem, eu sei! rs), faço listas e mais listas pra manter tudo, absolutamente tudo em ordem. #Chata

4 Dicas para organizar a vida

1. Organize seu espaço físico

Sobre isso já falei aqui algumas vezes e tem, inclusive, o PDF de um livro que pode ajudar muito: a Mágica da Arrumação, da Marie Kondo. Leiam, leiam e leiam!

A gente só deve ter em casa o que realmente usa, o que precisa, o que ama. Caso contrário é preciso desapegar, descartar, dar fim, porque quando a gente guarda coisas que não fazem mais sentido, coisas quebradas, coisas velhas, lembranças que não fazem bem, roupas que não usamos mais ou algo do tipo, não abrimos espaço pro novo, a energia fica estagnada e a vida emperrada.

Depois de descartar tudo o que não faz mais sentido, organize o seu espaço de forma que você encontre tudo facilmente. Além de facilitar a vida, dá uma sensação maravilhosa de que não só a casa, mas também a vida está com tudo em seus devidos lugares. Recomendo!

2. Organize seu dia a dia

Você precisa ter uma agenda, um planner, um bloco de notas ou qualquer outra coisa que te ajude a organizar teus dias, semanas e meses, porque isso, além de facilitar demais a vida e fazer com que o tempo renda muito mais, evita a procrastinação.

dicas para organizar a vida juro valendo

Todos os dias de noite anoto tudo o que preciso fazer no dia seguinte, separando por horários, mesmo as menores coisas, porque assim tenho noção do tempo que gasto para fazer cada coisa, do tempo que tenho “sobrando” e do que posso ou não encaixar ali. Como tudo vai funcionando como um reloginho, isso aumenta muito a minha produtividade, e adoro a sensação de ir riscando cada coisa da listinha, sabe?

Também anoto, no planner semanal/mensal, as coisas que preciso fazer naquela semana/mês, como ir ao dentista, ir ao médico, levar meus bichinhos no veterinário e coisas do tipo.

3. Organize a “lista do agora”

A lista do agora são aquelas coisas práticas que a gente quer fazer mas acaba enrolando. É a atividade física que sempre fica pra próxima semana, a dieta que a gente jura que vai começar na segunda, o pilates que já deveria ter começado faz tempo, a drenagem que sempre esquecemos de marcar e coisas do tipo.

Como é muita coisa que a gente quer fazer e pouco tempo pra tudo isso, fiz uma lista enorme com todas essas coisas e fui cortando tudo o que não conseguiria começar nesse exato momento, deixando apenas as coisas que realmente daria conta de começar a cumprir já.

Isso é importante porque dá a sensação de que a gente realmente está conseguindo realizar o que se propõe, e isso dá ainda mais pique pra fazer mais coisas e, ao mesmo tempo, tira das costas o peso da culpa de tudo aquilo que a gente gostaria, mas não dá conta de fazer.

dicas-para-organizar-a-vida-juro-valendo

4. Organize os seus sentimentos e relações

Por mais que a organização externa seja importante, a organização interna é essencial. Fazer uma faxina, de tempos em tempos, pra mandar pra longe todas as pessoas, relações e sentimentos tóxicos é básico, assim como priorizar quem te faz bem, evitar quem te faz mal, quem te deixa pra baixo, quem só chega com coisas ruins.

Colocar um ponto final em relacionamentos que não te preenchem mais, que não fazem mais sentido, dizer não quando você não quiser algo, aprender a dizer sim pra você mesma e tornar mais belas as relações que são indispensáveis na sua vida também são formas de se organizar internamente, e você precisa fazer isso por você sempre.

São 4 dicas simples, como quase tudo por aqui, mas que fazem uma diferença enorme na vida! Tentem e voltem pra contar! Ah, e se quiser conferir mais posts de organização, é só clicar aqui!

Beijos, Ju♥

Siga nossas Redes Sociais ⇒ Instagram ♥ Snapchat ♥ Twitter ♥ Pinterest ♥Facebook⇒   @jurovalendo

Vizcaya
19.04.2016

#JuDeCasa: 10 dicas de faxina que aprendi com minhas leitoras

E que funcionam muito bem!

Cês sabem que eu sempre fui péssima com essas coisas de casa, né? Nunca tive talento, mas sempre fui meio obcecada com limpeza e esse ano decidi, como contei nesse post aqui, mudar um pouco as coisas, e vocês deram tantas dicas de faxina legais que resolvi reunir num post, porque ó, todas funcionaram muito bem!

Aliás, vou precisar de muitos posts pra mostrar os truques que tenho aprendido com vocês, com Deide, com as tias, com os primos (sim, até eles sabem mais que eu! haha) e por aí vai, mas aos poucos a gente vai falando sobre cada uma delas, tá?

Dicas de Faxina das Boas

Uma coisa que aprendi é que além da família Cif (sim, tem a família toda e eu tô viciada nesse negócio! rs), não pode faltar em casa álcool, vinagre branco e bicarbonato de sódio, porque eles servem pra praticamente tudo! Ah, acetona, água oxigenada e amônia também… Pois é, dá pra trazer o salão de beleza pra faxina! hahaha

dicas de faxina juro valendo ju lopes

1. Para limpar os móveis

A Bruna comentou aqui no blog que pra limpar os móveis da casa ela faz uma misturinha com 1 copo de água (200 ml), 20 ml de álcool e um “apertão” de Lustra Móveis. Aí é só colocar no borrifador, ir borrifando na flanela e limpar os móveis. Funciona demais!

2. Para lavar a louça sem “perder o braço”

Amo cozinhar e detesto lavar louça, principalmente panelas, e essa dica da Eduarda, reforçada pela Danny num comentário aqui no blog, é show de bola: mistura dois dedinhos de vinagre branco no pote do detergente de lavar louça e, sempre que for usar, sacode.

Gente, é incrível como isso reduz o esfregão! A louça, mesmo quando tem coisa grudada, do tipo que não quer sair por nada, sai muito mais fácil! Uma maravilha, mas já aviso logo: cuidado com a quantidade de espuma! hahaha

3. Para deixar o rejunte do banheiro limpinho

Banheiro tinindo de limpo é item de primeira necessidade, né não? Tenho pavor a sujeira, e quando é no banheiro a coisa fica pior ainda. E a Sandra deu uma dica boa aqui nos comentários: após o último banho do dia, borrife água sanitária nos rejuntes (não precisa esfregar nem nada), pois isso evita que eles escureçam e que acumule limo.

Pois é, por causa de vocês meu banheiro agora tem borrifador de água sanitária e saponáceo (Sapólio, que uso pra limpar a pia todo dia rs).

dicas de faxina juro valendo ju lopes

4. Para limpar azulejos

A Carla deu essa dica no Face, testei nos azulejos da cozinha e deu super certo! Pra limpar os azulejos (os meus são brancos, não sei se vale para os escuros) misture numa vasilha 1 litro de água e 2 tampinhas de amoníaco, e aí você pode colocar a mistura em um borrifador, ir borrifando e esfregando com uma flanela, ou então embeber a flanela na mistura e esfregar nos azulejos.

Gosto de passar uma “primeira mão”, deixar agir uns 10 minutinhos, pra evitar essa história de ficar esfregando (#preguiça), e depois passar o pano umedecido na mistura novamente. Fica limpinho!

5. Para limpar fórmica branca

Os móveis do meu quarto foram todos planejados, são todos de fórmica branca, e além de ficarem amarelados, sempre aparecem manchas de produtos de maquiagem, caneta, lápis e coisas do tipo, sabe?

Para tirar as manchinhas, a Ana Paula ensinou um truque fácil: basta molhar um pedaço de algodão com acetona e passar sobre a mancha, esfregando até sair. Sai tudinho, gente!

E quando a fórmica branca está muito amarelada, ela ensinou a usar a misturinha de 200 ml de água, 1 colher de bicarbonato de sódio e 10 ml de vinagre. Coloca a mistura em um borrifador, espalha no móvel todo, deixa agir um pouquinho (uns 5 minutos) e, em seguida, limpe tudo com uma flanela limpa e úmida (usar só água).

Nos móveis que não estavam tão amarelados, limpou bastante na primeira vez, mas na minha bancada demorou mais, e agora tô usando a receitinha uma vez por mês pra deixar tudo limpinho!

6. Para limpar persianas

Persiana branca é , porque amarela fácil e fica com umas manchinhas chatas de sair, né? Sempre usei álcool pra limpar, mas segui a dica que a Mariana deixou lá no Face e ó, deu certinho!

Quando elas ficam muito amareladas ou as manchas são difíceis de remover, basta esfregar, com a ajuda de uma flanela, graxa líquida branca para sapatos. A bichinha fica “como nova” rs!

dicas de faxina juro valendo ju lopes

7. Para deixar o piso branquinho

Outra coisa que tava me dando trabalho era o piso, que aqui em casa é todo branco. Aí a Nayara sugeriu que eu fizesse uma mistura com 1/2 xícara de bicarbonato de sódio e 2 litros de água morna, espalhasse no piso, deixasse agir 10 minutos, usasse um “esfregão” pra espalhar bem e enxaguasse em seguida mas, ao invés de enxaguar, quase sempre uso um pano de chão molhado só na água (preguiça ou praticidade, você decide! hahaha). Dá super certo, tira a sujeira toda e deixa o piso branquinho!

8. Para deixar o rejunte do piso clarinho

Se no banheiro a dica é usar água sanitária pra deixar o rejunte limpinho, no resto da casa a dica é usar vinagre branco! A Laura falou que ela vai espalhando o vinagre branco no rejunte todo, em todos os cômodos, e isso com o “biquinho” da embalagem do vinagre mesmo. Daí ela deixa agir uns 20 minutos, usa uma escovinha (pode ser escova de dentes ou aquelas de limpeza) pra esfregar e, em seguida, passa um pano umedecido com água e detergente.

Eu, como sou prática, esfreguei tudo com uma vassoura de piaçava, daquelas que são bem durinhas, sabe? Funcionou super bem e não cansou meus joelhos! hahaha E o melhor é que bastou fazer isso uma vez, porque como uso o truque de deixar o piso branquinho toda semana (o nº7), nunca mais o rejunte ficou escuro!

P.s: pode abrir todas as janelas porque o cheiro de vinagre fica insuportável! rs

9. Para tirar manchas da pia do banheiro

Eu sou a louca do saponáceo, que já fica do lado da pia, mas testei a dica da Luana, de misturar água (1/2 copo), 1 colher das grandes de detergente (de lavar louça) e uma colher (das pequenas) de bicarbonato de sódio e jogar na pia devidamente “tampada”, deixando agir por 10 minutos e, depois disso,  esfregar com uma esponja e ó, deu certinho! A pia (a minha é branca) do banheiro fica limpinha, branquinha e brilhosa.

Ah, teve outra leitora, a Cida, que disse que pra tirar manchas de ferrugem da pia do banheiro basta tampar a pia e pingar, na parte onde tem a ferrugem, água oxigenada volume 10. Daí deixa agir 10 minutos e depois vai esfregando com um algodão. Essa eu não testei porque minha pia não tem esse tipo de mancha, mas vale a dica, né?

dicas-de-faxina-juro-valendo-ju-lopes

10. Para deixar o quarto cheiroso

Essa foi a única dica que não aprendi com uma leitora, mas quero dividir porque é boa demais! Quem ensinou, na verdade, foi o moço que veio limpar meu ar-condicionado, e funciona maravilhosamente bem pra deixar o quarto cheiroso!

Basta aplicar algumas gotas de óleo essencial (o cheiro que você preferir), essência ou aromatizador de ambientes naquela telinha que a gente tem que tirar do aparelho pra limpar a poeira que gruda, sabe?  Pois então, faço isso uma vez na semana e toda vez que ligo o ar-condicionado o quarto fica extremamente cheiroso.

Ufa, o post ficou enorme, mas tinha que dividir isso com vocês! haha E se tiverem mais dicas, podem mandar, viu? Já fiz mais posts sobre isso pro aqui, é só clicar no Ju De Casa, e se quiserem mais avisem nos comentários, porque aqui vocês mandam!

Beijos, Ju♥

Siga nossas Redes Sociais ⇒ Instagram ♥ Snapchat ♥ Twitter ♥ Pinterest ♥Facebook⇒   @jurovalendo

10.03.2016

4 Dicas Para Simplificar a Vida

Porque tudo pode ser muito melhor

A medida que o tempo passa o que mais quero é simplificar a vida, e quando mais simplifico, mais vejo que tem coisa que preciso simplificar, sabe como é? É tipo quando a gente faz um super desapego, meio com medo de mandar tanta coisa embora, mas aí, aos poucos, a gente vai percebendo que não precisa de tanto e que quer, cada vez mais, desapegar.

Desapegar de tudo um pouco, um pouco mais por favor, pra facilitar a vida, pra diminuir a carga, pra deixar tudo mais leve, como deveria ser. E algumas coisas têm me ajudado muito nisso, olha só:

Simplificar a vida: você pode!

1. Dê fim as relações tóxicas

Sabe gente que não acrescenta? Manda pastar. Sabe gente que suga, que enche o saco, que trava a vida, que só vem com problema? Manda pra longe, amiga, você não precisa disso! E para com essa historinha boba de que a gente precisa se sacrificar pelos outros porque ó, isso é a maior mentira que já te contaram, vai por mim!

Você está aqui pra construir uma bela história e, sinto muito, não dá pra perder tempo com gente que, ao invés de fazer o mesmo, passa a vida bancando a vítima e chorando pitangas. Relacionamentos só servem se te derem asas, se te fizerem bem. Não faz? Não precisa existir, simples assim.

E isso vale pra todas as situações na sua vida: se não acrescenta, se não te faz bem, se não te faz melhor, maior, mais forte, não serve.

2. Detox de alma cai bem!

Tem coisa pior que passar a vida carregando tanta raiva, tanta mágoa, tanto ódio, tanta coisa ruim dentro do peito? Ah, eu sei que já te magoaram muito, que já te feriram pra caramba e que o mundo nem sempre foi justo com você, mas, quer saber? Você também já foi tudo isso com uma porção de gente, muitas vezes nem sem perceber.

Sabe, as pessoas erram mesmo, e erram muito, o tempo todo, inclusive eu e você. Faz parte do jogo, e não adianta ficar carregando isso no peito por ano a fio. Nada de bom vai sair daí, então, de uma vez por todas, aprenda a perdoar, aprenda que, seja lá o que aconteceu no seu passado, já passou, não existe mais, e você precisa deixar pra lá.

A cada vez que você se lembra desses erros, dessa raiva, dessas mágoas, você pune o outro novamente pelo mesmo erro, você sofre novamente por algo que não existe mais, que já passou, e isso, sinto informar, é injusto. Passou, acabou, siga em frente, vivendo o presente, construindo o futuro sem o peso do passado.

3. Destralhe-se

Por mais louco que pareça, fazer faxina, tirar tudo que não te serve mais, que não te representa mais, destralhar os armários, as gavetas e a casa ajuda a destralhar a vida. Alguma mágica acontece quando a gente põe tudo em ordem e passa a viver só com o necessário, só com o que a gente realmente precisa e nos proporciona alegria, porque depois disso parece que a vida começa a “andar”, sabe?

A Marie Kondo fala bastante disso no livro dela, e recomendo que todo mundo leia, porque foi um livro que mudou muito a minha vida. Pra quem quiser, o PDF gratuito está nesse post: 5 coisas que aprendi com Marie Kondo e a mágica da arrumação.

4. Aprenda a dizer não

Não é uma palavra mágica, acredite! Polpa tempo, aborrecimentos e, principalmente, te faz ser mais honesta com você, com a sua vida e com os outros. Na medida do possível, só faça o que realmente quiser fazer, só vá onde quiser e pare, por favor, de dizer sim só pra agradar. Isso atrasa a vida e faz um mal absurdo!

A lista é pequena, e no início a gente acha que não dá conta, mas é só começar pra ver o tanto que a vida começa a mudar, e aí, ahh, aí a gente “pega ar” e simplifica tudo. Experimenta!

Beijos, Ju♥

O que você acha do JV?
Bom dia , eu não conhecia o blog mais entrei hoje e adorei , tem muitas dicas , orientações, e as explicações não são pela…