07.01.2016

O Que NÃO Fazer em 2016

Pra ter um ano muito melhor!

O ano começou e, junto com a listinha detalhada de tudo o que quero fazer, resolvi que também teria uma listinha do que não fazer em 2016, daquelas coisas que mais me atrapalham e comprometem a vida. Acho que, em muitos casos, o que a gente não faz é até mais importante do que o que a gente faz, porque facilita e simplifica a vida, que é muito do que eu quero.

A primeira coisa a não fazer em 2016 é não dizer sim quando quero dizer não. A gente tem um certo “medo” de dizer que não gosta, que não quer, que não tá afim, e isso mesmo nas coisas bobas, como na escolha de um restaurante, de uma roupa, de uma comida e coisas do tipo, e acaba passando a vida fazendo coisas que, na verdade, não faria se estivesse sendo totalmente honesto com nós mesmos e com os outros, e isso deixa a vida e as relações muito menos autênticas, sabe?

o que não fazer em 2016

Outra coisa que, definitivamente, não vou mais fazer é absorver problemas alheios como se meus fossem e tentar resolvê-los. Sempre tive essa tendência meio paternalista e isso é péssimo pra mim, que fico sobrecarregada com o que não é problema meu, e para os outros, que perdem a oportunidade de aprenderem com os próprios problemas e, assim, crescerem.

Não vou me sabotar, e isso inclui não sabotar a dieta, a atividade física e meus tratamentos médicos, coisa que, inconscientemente, faço! Sempre exigi muito de mim em todos os sentidos, mas, talvez pra compensar, falhei constantemente nessas três coisas, e como sei que é pura descaração, vou bancar o general comigo mesma nesses três aspectos.

Não me contentar com o que já conheço é outra coisa fundamental esse ano. Quero experimentar coisas novas todos os dias, ler autores diferentes, testar sabores diversos, fazer esportes que nunca fiz, usar acessórios que nunca usei e conhecer milhares de outras possibilidades.

E pode parecer uma coisa pequena, mas dormir com o celular ligado é uma coisa que não vou fazer esse ano! Aliás, não só não vou dormir com o celular ligado, vou desligá-lo às 22hs, pro bem do meu sono e da minha qualidade de vida, porque todas as noites acordo incontáveis vezes com esse bendito piscando. Desnecessário!

No mais, não vou perder oportunidades de estar com quem eu amo, com meus primos e amigos, não vou deixar de viajar nem de aproveitar as coisas por receio de perder o foco, porque equilíbrio é tudo e a vida é curta demais pra viver focada em uma coisa só!

Minha listinha tá bem básica, mas certeira, e já imprimi e preguei no painel de cortiça que fica na parede em frente a bancada, assim a vejo todos os dias e trato de “não esquecer”.

Já pensaram em fazer algo parecido?

Beijos, Ju♥

 

06.01.2014

12 Resoluções de Ano Novo: 12 Semanas Pra Realizar!

Todo ano faço listas das coisas que quero fazer e sempre acabo deixando boa parte das resoluções inacabadas, mas esse ano decidi me dar prazos, porque assim é muito mais fácil de cumprir. Pior, estabeleci que, como tenho 12 resoluções principais, tenho 12 semanas pra dar andamento a todas elas.

Qual a motivação pra realizar essas coisas? Fiz um acordo com a Vivi de que só volto a ficar loira após essas 12 semanas, e somente se cumprir cada uma dessas “decisões”. Parece besteira, mas não é, porque sequer me reconheço morena, então sei que, em prol da “loirice”, minhas resoluções serão cumpridas!

resoluções de ano novo

Vou atualizando vocês toda semana aqui, explicando o que fiz e o que não fiz pra conseguir realizar cada uma dessa coisas, e diariamente vou postando no insta (@jurovalendo, segue lá!) e na Fan Page, tá? Me cobrem todossss os dias, por favor, porque a ajuda de vocês é essencial pra que eu consiga ir em frente!

1.Aprender a Ser Saudável

Eu adoro frutas e verduras, não como carne, mas tenho uma alimentação péssima, porque sou viciada em açúcar. Mas não quero só “cortar” o açúcar, quero ser saudável, quero comer de forma inteligente, quero dar ao meu organismo o que ele realmente precisa e não o que meus olhos querem.

ser saudável

Preciso reaprender a sentir o sabor dos alimentos e a fazer escolhas certas, e isso inclui evitar açúcar, gorduras ruins, frituras e esquecer o fast food amado.

2.Emagrecer

Nunca fui magra e isso nunca me incomodou de verdade, mas agora começou a incomodar e não quero conviver com isso, sabe? Se alguma coisa incomoda,  a gente tem que resolver e ponto, sem desculpas!

emagrecer

Acho que tratar a ansiedade (falo sobre isso logo abaixo) vai ajudar muito, mas tenho absoluta consciência que sou uma “viciada” em doces, e que isso precisa ser tratado. E é isso que vou fazer, mas com leveza, vivendo um dia de cada vez, porque é assim que se lida com vícios.

3.Me Exercitar Todos os Dias

Faço treinamento funcional e adoro, mas sou enrolada e vivo faltando. Não quero mais faltar, não quero mais desculpas, quero fazer o que precisa ser feito pra que eu me sinta bem. Nos dias que não der pra ir pro treinamento, vou andar, pular corda ou fazer alguma coisa que ajude a queimar calorias.

Captura de tela inteira 04012014 105120

4. Cuidar da Ansiedade

Eu sou muito ansiosa, quero tudo pra ontem, faço tudo pra ontem e não paro, sou acelerada total e extremamente focada, e isso pode ser ótimo, mas também complica porque  não consigo (mesmo) parar, simplesmente não consigo. Isso precisa mesmo ser controlado, porque atrapalha  a vida, só que nunca tratei porque a velha desculpa “não tenho tempo” sempre colou, mas isso acabou!

Captura de tela inteira 04012014 105323

Procurei um bom médico, comecei a ser medicada essa semana  e, de acordo com o que conversamos, em duas semanas, mais ou menos, começo a sentir melhoras.

5. Voltar a Fazer Reiki Todos os Dias

Acho muito importante separar um tempo durante o dia pra cuidar de mim mesma, me “centrar”, e o que mais me ajuda nesse quesito é o reiki, mas mesmo sendo mestre em reiki (ou seja, não preciso pagar pra que ninguém faça nem me deslocar pra algum lugar) acabo sem paciência pra fazer, sabe? O problema é que não consigo desacelerar pra fazer o reiki, mas me comprometi a fazer todos os dias.

Captura de tela inteira 04012014 105456

Além disso, voltei a usar florais, óleos essenciais e e aura soma, porque tudo isso ajuda a controlar minha ansiedade, que é uma carreta desgovernada.

6.Tomar Sol

É um absurdo que uma pessoa que more na Bahia, numa cidade conhecida como cidade sol, tenha deficiência de vitamina D, mas eu tenho, e isso me preocupa, já que a vitamina D está relacionada com cerca de 200 genes, ou seja, a coisa pode acabar complicando.

Captura de tela inteira 04012014 105620

Faço suplementação tópica de vitamina D, mas não está sendo suficiente, porque minha taxa continua muito baixa, então preciso tomar sol ao menos três vezes na semana, nem que seja meia horinha. Sairei de “fantasminha com icterícia” pra Saci Pererê (assim espero, porque vermelha não quero ficar! rs)!

7. Tratar a Pele dos Olhos

Não tô dando conta de recuperar os estragos que 8 meses sem dormir deixaram. Já expliquei por aqui o meu (ex) problema, mas o fato é que passei muito tempo dormindo bem pouco, e mesmo estando bem melhor agora, a pele em volta dos meus olhos continua problemática.

Captura de tela inteira 04012014 105759

Preciso largar de ser preguiçosa e aplicar os cremes nos horários certos, e farei isso por 12 semanas, daí no fim a gente vai saber se o bendito funciona ou não!

8. Ler 1 Livro Por Semana

Sempre li muito, todo tipo de coisa, mas no último ano foram só 31 livros e achei pouco pra mim, que já cheguei a ler dois livros por semana. A parte boa disso é que o “livro da semana” vai voltar pras pautas do blog!

Captura de tela inteira 04012014 105543

9. Acordar Mais cedo Pra Andar Com Ozzy

Tenho andado muito preguiçosa pra fazer caminhadas e sempre começo lá pelas 7 da manhã, o que não dá certo, porque o sol aqui tá muito forte e fico com receio de que a patinha de Ozzy acabe machucando. Fora isso, esse sol mais forte e o calor absurdo que faz por aqui faz com que eu acabe andando menos, e como quero (e vou!) emagrecer, é importante caminhar mais.

Captura de tela inteira 04012014 105804

10. Ser Menos Exigente Comigo 

Sabe gente que se cobra tanto e de tal forma que sente o estômago “queimar”? Sou eu. Acho ótimo ser obstinada, e isso me trouxe muitas coisas boas na vida, mas não preciso ser tão cruel comigo, sabe? Quero mais leveza na vida, e prometo “trabalhar” nisso todos os dias.

Captura de tela inteira 04012014 105439

11.Ter Disciplina

O penúltimo item da minha lista talvez seja o mais importante, porque sem disciplina as coisas complicam muito e tá aí uma coisa que nunca tive! Disciplina, já dizia Renato Russo, é liberdade, e essa é uma liberdade que quero ter. Já comprei um quadro pra anotar, de forma organizada,  todas as coisas que preciso fazer, porque acho que isso ajuda na formação do “hábito da disciplina”. Vamos ver se funciona!

Captura de tela inteira 04012014 110051

12. O Aprendizado Eterno: Não Reagir!

Uma das coisas mais importantes que aprendi na vida foi “não reagir”, porque quando a gente reage, acaba como fantoche dos outros e das situações, acaba como um ser previsível e facilmente manipulável. O problema, na verdade, não é o outro ou a situação, é a nossa reação, o que significa que quando a gente reage não tem poder nenhum, não tem controle nenhum da própria vida, e não é isso o que quero pra mim.

Captura de tela inteira 04012014 110159

O que os outros pensam, fazem ou falam não pode interferir no que nós somos, e isso é um trabalho interno diário, coisa que andei falhando, mas que “voltei a lembrar”.

O post ficou gigante, mas são essas as minhas 12 resoluções! E vocês, o que querem conseguir fazer esse ano?

Beijos

Ju

O que você acha do JV?
Eu acho esse blog maravilhoso. A Ju fala de tudo com muita emoção, muito carinho e ao mesmo tempo muita verdade, muita seriedade. Isso é…