JuPost da Ju
17 abr 15

Guia Quebra-Galho: Demaquilantes “Gambi”

Beleza, Maquiagem

Olha só quem está de volta: nosso amado guia quebra-galho! E o de hoje é sobre demaquilantes “gambi”, aqueles que a gente “cria” quando precisa, mas não tem um demaquilante em mãos, sabe?

Não entendeu nada? Eu te explico: o guia quebra-galho cria soluções onde elas não existem, naquelas emergências de beleza onde a gente simplesmente não tem o que fazer. A solução, nesses casos, é lançar mão de um quebra-galho, com coisas que a gente já tem em casa, pra resolver probleminhas de beleza!

demaquilantes

Demaquilantes pra maquiagem básica

1. Glicerina: a glicerina é uma ótima opção pra remover a maquiagem, sobretudo aquela maquiagem básica, do dia a dia, sabe? E uma notícia boa é que meninas de pele sensível também podem usar, já que ela não irrita a pele.

É só aplicar um pouco de glicerina em um disco de algodão e limpar a pele, e de quebra você ainda dissolve as impurezas presentes na pele! Já ensinei por aqui uma receitinha de demaquilante com glicerina que é tudo de bom, barato (a glicerina custa, em média, R$3,00) e fácil de fazer, pra conferir é só clicar aqui.

A glicerina também tem muitos usos na beleza e nos cabelos, e falei sobre isso nesse post aqui. Vale conferir!

2. Geleia de Vaselina: a geleia de vaselina (uso a Vasenol) é 100% petrolatum, ou seja, não trata nada, mas tem muitas utilidades, inclusive remover maquiagem! Mas, calma lá, não indico pra passar no rosto todo não, mas pra remover batom escuro, remover glitter dos olhos e pra remover mais facilmente os cílios postiços. Ah, também remove facilmente maquiagem da roupa!

demaquilantes

Uso a da Vasenol, que não tem cheiro forte, mas nas farmácias você encontra muitas outras por um preço parecido (R$11,00). Como serve pra muitas outras coisas, como mostrei nesse post aqui, é um produto curinga pra ter em casa!

3. Shampoo infantil: shampoo infantil é tudo na vida! rs Sério, tem muitos usos, e vou mostrar isso em vídeo, e quebra o maior galho pra remover a maquiagem do rosto e, principalmente dos olhos. Pra quem tem blefarite alérgica (Presente!) ou pra quem costuma ficar com os olhos irritados, ele é tudo de bom!

Se a maquiagem é mais pesada, primeiro faço a remoção com o óleo infantil ou vegetal (já falo deles!), e depois lavo as pálpebras e o rosto com o sabonete infantil, e só depois que comecei a fazer isso parei de ter crises de blefarite.

Expliquei a forma de uso nesse post aqui ó.

4. Lenços umedecidos: Ahhh, não vivo sem lenço umedecido infantil não, minha gente, porque na hora do sufoco ele sempre me salva! Uso pra limpar as mãos (deixo no carro) quando estou na rua, uso pra limpar os pincéis de maquiagem (sempre após o uso, limpo e deixo secar um pouco) e uso também pra remover a maquiagem básica quando não tenho nenhum demaquilante em mãos.

demaquilantes

Ele não é indicado pra isso, mas quebra o maior galho! Vocês acham vários no mercado, e tô usando agora o de erva-doce, da Granado!

Demaquilantes pra maquiagem pesada

1. Óleo infantil e óleo vegetal: sempre  tenho em casa óleo infantil, já que ele serve pra muitas coisas (tem vídeo e post aqui falando sobre isso), e remove muito bem a maquiagem à prova d´água, inclusive aquela máscara de cílios que não sai nem com reza brava, sabe?

Adoro o da Johnson´s, mas uma leitora me avisou que o da Granado, que eu também já indiquei, é melhor por ser puro (e mais barato!rs).

O óleo vegetal é ainda melhor, por ser puro, e remove muito bem a maquiagem resistente, e de forma muito mais fácil que os demaquilantes bifásicos, e sem irritar a pele. Gosto do óleo de coco (falei dos seus usos na beleza nesse post aqui), mas nas emergências vale até o de oliva extra-virgem!

demaquilantes

Demaquilantes: faça você mesma!

E que tal aprender a fazer seu próprio demaquilante bifásico? Nesse post aqui ensinei o que faço de vez em quando (nunca mais fiz, porque preciso acabar os que tenho aqui!), e tem também a versão mais potente, que é melhor pra quem tem pele oleosa, que mostrei nesse post aqui.

A minha recomendação é que seja um quebra-galho mesmo, então façam numa quantidade menor.

Leite Colônia e Leite de Rosas Como Demaquilante

Sei que muita gente usa e ama, e confesso que já usei e gostei no início, tanto pra limpar a pele como para remover a maquiagem do dia a dia, só que a pele ficava sequinha no início e muito mais oleosa depois, e isso acontece porque esses produtos contêm muito álcool, o que causa o famoso efeito rebote, além de irritar a pele.

Enfim, se for por um dia só, se não tiver outro jeito, vale arriscar, mas não recomendo, de jeito nenhum, o uso constante, e expliquei tudinho nesse post aqui!

Se quiser conferir os outros posts do Guia Quebra-Galho, é só clicar aqui!

Beijos, Ju ♥

 

SiPost da Si
17 abr 15

Look do Dia: Calça Pantalona e Blusa Com Costas Rendada!

Look do Dia, Moda

Calça Pantalona e Blusa Com Costas Rendada!

Calça Pantalona é tudo de bom!

A calça pantalona, super usada nos anos 70, está com tudo e não é de agora não! Personagens como a Helô, vivida pela Giovanna Antonelli (em Salve Jorge 2012/2013) e Paloma, que foi interpretada pela lindíssima Paola Oliveira (em Amor à vida 2013/2014) usavam e abusavam das maravilhosas calças pantalonas, cada uma ao seu estilo.

Calça Pantalona e Blusa Com Costas Rendada!

É uma peça muitíssimo versátil e pode ser utilizada tanto para trabalhar, quanto para brilhar em um tapete vermelho. Tudo vai depender das escolhas para a composição do look, mas, sem dúvidas, tanto numa ocasião, quanto na outra, ela irá te proporcionar muita elegância e conforto, além da praticidade, que nem sempre encontramos em alguns vestidos de gala por aí.

Calça Pantalona e Blusa Com Costas Rendada!

O look de hoje foi composto por essa calça pantalona divina, de cintura alta e na cor burgundy, que eu esqueci completamente o nome da loja em que comprei (só sei que foi no shopping que tem em Laguna),  e essa blusa, da Zara, em tom de bege, que tem as costas rendadas, o que deu todo um charme e tornou o look mais sofisticado. Escolhi um sapato nude para equilibrar o look e acessórios leves, porque a minha intenção foi deixar o look limpo e não tirar o brilho da calça, que é a minha protagonista de hoje.

Calça Pantalona e Blusa Com Costas Rendada!

Porém, pretendo usar esta calça de muitas maneiras, inclusive com um top cropped que eu tenho, e acho que vai ficar babado, e vou abusar nos acessórios sim, porque pode!

Calça Pantalona e Blusa Com Costas Rendada!

Espero que vocês gostem e se inspirem neste look para o final de semana! Não esqueçam de me contar o que acharam aqui abaixo nos comentários, ou lá no insta @simoneyoko.

Fotos e beleza por Laura Taniguchi.

  • Calça Pantalona Alin, Blusa Zara, Cinto e Clucth Birbby, Colar Brechó

Calça Pantalona e Blusa Com Costas Rendada!

Beijo

Si Yoko

JuPost da Ju
16 abr 15

As 5 Máscaras Capilares da Minha Vida!

Cabelos

Eu testo muitas máscaras capilares, vivo trocando de potinho, mas tem algumas que eu tenho amor, que quero pra sempre e que gostaria de ter uns tonéis, sabe? Ai gente, é que elas são puro poder, venham ver!

1. Moi Moi, Lanza

Essa máscara me salvou em um corte químico e é muito poderosa, principalmente pra quem está com os fios mais porosos e danificados. O resultado imediato dela não é muito surpreendente não, mas o uso contante prova o quanto ela é maravilhosa, sabe? Trata demais os fios, é muito cheirosa e eu amo, amo e amo!

Indico pra quem? Pra todo mundo, com qualquer tipo de cabelo! Ela é de hidratação/nutrição.

Tem resenha dela nesse post aqui e é vendida em lojas de produtos capilares (compre aqui)

máscaras-capilares-preferidas

2. Moisture Recovery

Essa máscara veio pra abalar o reinado na Moi Moi e é puro poder (tem comparação entre as duas nesse post aqui)! Sabe aquela máscara que derrete o cabelo completamente, que deixa os fios muito macios, muito “molinhos”, muito incríveis? Então, é ela!

Indico pra quem? Pra quem tem cabelos secos, ressecados, porosos, endurecidos pelo excesso de queratina e/ou quimicamente tratados. Ela é de nutrição/hidratação.

Tem resenha dela nesse post aqui e é vendida em lojas de produtos pra cabelos (compre aqui).

3. Repair Rescue

Amor de toda uma vida, sempre detesto nas primeiras vezes que uso, porque primeiro ela deixa meu cabelo duro, depois salva o bonitinho, literalmente! É o tipo de máscara que levanta defunto, que faz o cabelo extremamente danificado e elástico reviver. também encorpa os fios, melhora o aspecto das pontas, reduz a porosidade e doa brilho. É muito poder pra um potinho só, minha gente!

Indico pra quem? Pra quem está com os fios muito danificados, elásticos, com corte químico, pra quem descolore, faz luzes, mechas ou coloração, pra quem, enfim, faz químicas capilares. Ela é de reconstrução.

É vendida em lojas de produtos pra cabelos e tem resenha dela nesse post aqui.

máscaras-capilares-preferidas

4. Hair Growth Treatment

Essa máscara é uma prova de que amor de praia sobe serra! rs Tô amando muito o efeito dessa máscara, que acho péssimo enquanto ela tá no cabelo, mas amo quando enxáguo e vejo meu cabelo cada vez melhor, mais encorpado, mais forte e bem tratado.

É uma máscara de força, ou seja, serve pra fortalecer os fios e, assim, ajudar no crescimento, e tem uma excelente ação reconstrutora.

Pra quem indico? Pra todo mundo, só vai variar a frequência de uso!

É vendida em lojas de produtos pra cabelos (compre aqui) e tem resenha dela nesse post aqui.

5. Extreme-Up

Se o caso for de “falecimento capilar”, se a coisa ficar preta e o cabelo estiver partindo, só o Extreme-Up salva! Não é uma máscara, é um kit de tratamento, e é pra situações extremas, emergenciais, pra funcionar como uma UTI mesmo, sabe? Em caso de corte químico esse é “o” tratamento!

Pra quem indico? Pra casos extremos, pra quem tá com os fios muito fracos, pra corte químico e pra fazer antes da descoloração quando o cabelo já está fragilizado e mesmo assim você insiste em tacar química! É de reconstrução.

É vendida em lojas de cabeleireiros (é de uso profissional) e já falei dela nesse post aqui.

Agora contem aí quais são as máscaras mais incríveis pra vocês, aquelas que vocês mais amam, quero saber!

Beijos, Ju ♥

JuPost da Ju
15 abr 15

Diário da Dieta: Aprendendo a Não Desistir!

Saúde e Nutrição

Minhas duas últimas semanas foram péssimas pra dieta, por isso não teve diário da dieta por aqui. É que tive dengue, e uma das recomendações é tomar muito líquido, basicamente sucos e água de coco, o que não “cabe” na minha dieta, já que não posso comer açúcar, inclusive o da fruta, e carboidratos. Ou seja, passei 5 dias fazendo o que evitei em muitos meses e depois disso precisei foi de força pra não desistir, porque ó, não é fácil! rs

Acho incrível como o organismo se acostuma rápido com o que, no meu caso, não pode.  E o que acontece é que quando não como açúcar/carboidrato não sinto a menor falta, de verdade, mas se meto o pé na jaca uma única vez, e falo isso por causa do famoso “dia livre” da dieta, passo a desejar aquilo com força total. É praga, só pode!

dieta-aprendendo-a-não-desistir

E não tem jeito, gente, uma coisa “puxa” a outra e embora não tenha comido nenhuma gordice nessas duas semanas, comi coisas que não são permitidas pra mim, como banana e milho cozido (além de sucos e água de coco), e eu sei que isso, nesse momento, não é bom pra mim. Pra quem quiser entender um pouco mais sobre isso e sobre como funciona a minha dieta, o que pode e o que não pode, recomendo a leitura desse post aqui: Dieta cetogênica – Como funciona a minha dieta!

Mas, quando notei que estava saindo do prumo, respirei fundo, sentei em frente ao espelho e fui conversar comigo, sabe? Daria uma ótima peça de teatro, comigo “fazendo” vozes diferentes e tudo! hahaha

Falei (comigo mesma) do quanto já tinha perdido, do quanto estava me sentindo bem com aquilo, do quanto era bom ter o controle de mim mesma e do tanto que ter perdido tanto peso estava fazendo bem pra minha saúde, pro meu bem-estar e pra minha qualidade de vida.

dieta-aprendendo-a-não-desistir

Claro que uma “vozinha” ficava repetindo que uma bananinha a mais ou a menos não faria diferença, que milho cozido é uma delícia e que eu precisava ser menos rígida comigo mesma, mas passei cola quente na boca dessa voz, porque eu me conheço o suficiente pra saber que é de pouquinho em pouquinho que posso colocar tudo a perder.

Não engordei nada nesses últimos quinze dias, mas não perdi, o que é péssimo porque desmotiva. Também me senti mais inchada e com menos disposição. Pode até ser “psicológico”, mas o fato é que quando consigo vencer os meus impulsos me sinto mais forte e muito mais disposta, sabe?

Enfim, voltei com força pras minhas saladinhas e receitinhas gostosas, e tô muito mais tranquila porque sei que, sim,  ainda tenho um longo caminho pela frente, mas “voltei pra pista”, não tô parada no acostamento!

Pra ler os outros posts do diário da dieta é só clicar aqui e pra ver minhas receitinhas de dieta basta clicar aqui. Nesse post aqui tem meu antes e depois, e nesse aqui eu respondi 10 perguntinhas de vocês sobre a minha dieta.

Beijos, Ju♥

Página 1 de 39412345
Up