15.04.2019

Banho de Creme Umectante Com Óleo de Coco Bio Extratus

Nutrição Poderosa!

A resenha de hoje é do Banho de Creme Umectante com Óleo de Coco, da Bio Extratus, que promete hidratação e nutrição profundas para cabelos desidratados.

Amo óleo de coco, amo cheiro de coco e meu cabelo costuma funcionar muito bem com produtos mais nutritivos, porque né, ele clama por óleos.

Então fiquei bem curiosa quando a linha foi lançada, no final do ano passado.

Venho usando faz bastante tempo, alternando com outros produtos, e inclusive já fiz resenha aqui do Finalizador Umectante da linha, lembram?

E é, sem sombra de dúvidas, das melhores linhas nutritivas que já testei!

Banho de Creme Umectante Bio Extratus: As Promessas

De acordo com o site da marca, “esse banho de creme possui fórmula antirressecamento com alto poder umectante.

Age na fibra capilar de dentro pra fora, conferindo hidratação máxima, nutrição profunda e reparação dos danos. “

Além de óleo de coco, de abacate e pantenol, é rica em proteínas e aminoácidos vegetais, o que resulta numa composição bem equilibrada para tratar os fios.

Não contém petrolatos nem parabenos, é liberada pra Low Poo e tem o pH de 4.0.

A forma de usar é bastante simples: após lavar os cabelos com shampoo, aplique o Banho de Creme Umectante massageando mecha a mecha.

Banho de Creme Umectante Com Óleo de Coco Bio Extratus

Para intensificar o tratamento, use touca de hidratação. Deixe agir por 2 minutos, enxágue em seguida e finalize como desejar.

Resenha do Banho de Creme Umectante Bio Extratus

A embalagem é plástica e resistente, conta com tampa de rosquear e vem com 250g de produto. A marca disponibiliza também as versões com 90g, 500g e 1kg.

A textura é bem cremosa, com boa densidade e cheiro super gostosinho. Ela é clarinha, então não interfere na pigmentação dos fios.

Fácil de aplicar, a sensação, no momento do uso, é que o cabelo “chupa” o produto. E sinto muito mais isso quando ele está mais ressecado, sabe?

Amolece de imediato, deixando o cabelo “derretido igual manteiga no cuscuz quente”, do jeito que a gente gosta!

Banho de Creme Umectante Com Óleo de Coco Bio Extratus

Durante a aplicação já dá pra sentir o poder nutritivo dela, que realmente é bastante emoliente.

Os fios secam extremamente macios, “molinhos”, mais alinhados, com menos frizz e com as pontas bem mais “comportadas”.

Nisso, aliás, ela é imbatível, porque mesmo quando as pontas estão mais “esturricadas” e ressecadas, ela amacia e nutre de tal forma que a aparência muda completamente.

Nutrição super potente!

Outra coisa que percebi é que quanto pior o cabelo estiver, melhor será o efeito dela.

Banho de Creme Umectante Com Óleo de Coco Bio Extratus

E isso, aliás, várias leitoras já comentaram comigo, inclusive a Tai, que me mandou mensagem falando que já gostava muito, mas que depois de retocar a cor garrou amor, porque viu um efeito muito maior.

E aqui faço uma observação: ela é extremamente potente, uma nutrição poderosa, então tem que dosar direitinho a quantidade.

Eu, que amo usar muito produto, uso o equivalente a uma moeda de 1 real e só, porque se usar mais que isso acaba pesando, sabe?

Acho ótimooooo, porque assim economizo e ela dura muito mais! hahaha

Então, ela vai bem pra todos os tipos de cabelo, é só dosar a quantidade e a frequência.

Banho de Creme Umectante Com Óleo de Coco Bio Extratus

Pra completar, o preço é super bom: R$22,90 em farmácias e mercados, por um produto potente, que entrega um resultado excelente e rende muito!

Quem já usou? Conta aí pra gente o que achou! E deixa nos comentários quais produtos vocês querem resenha, tá?

Ah, e pra ver mais posts do Por Um Fio é só clicar aqui.

Beijos, Ju♥

Quer mais dicas como essa? Siga nossas Redes Sociais ⇒ Instagram ♥ Twitter ♥ Pinterest ♥Facebook⇒ @jurovalendo

*Publicidade

09.04.2019

Banheiro Pequeno: Como Reformar Gastando Pouco

Vamos falar sobre banheiros? Ou, mais especificamente, banheiro pequeno: como deixar visualmente maior e reformar gastando pouco.

Além de, é claro, deixar o ambiente equilibrado, levando em conta, também, algumas coisas do Feng Shui.

Uma das minhas prioridades quando mudei eram os banheiros, que realmente me incomodavam.

Além de escuros, com tudo bem antigo (a casa tem quase 20 anos…), eles são pequenos, e o do meu quarto tinha pouquíssima ventilação, mas sobre ele a gente fala em um outro post.

Nesse, vamos falar do banheiro social, tá?

Queria clarear, modernizar, iluminar, deixá-lo mais funcional, só que gastando pouco.

Revestimento para Banheiro Pequeno

Pra começar, queria trocar o revestimento dele todo, mas não queria colocar revestimento em todas as paredes.

Queria a opção de mudar de cor se tivesse vontade, de colocar um papel de parede, essas coisas, sabe?

Achava que isso só funcionaria em lavabos, mas pesquisando na internet vi que não. E aí conversei com a Mari, minha leitora e arquiteta maravilhosa, que fez o projeto do meu quarto, e ela me explicou várias coisas.

O importante era que a área molhada (chuveiro) fosse toda revestida. Na parte seca, tomando os devidos cuidados, com o tipo de massa, tinta e produtos adequados, dava pra manter as paredes sem revestimento.

Isso me deixou feliz por 3 motivos: menos gastos, manutenção mais fácil e pouco “rejunte”.

Revestimento, a gente sabe, custa caro (gastei R$690, e foi pouquíssimo revestimento).

banheiro pequeno

Manutenção em parede com revestimento é muito mais trabalhoso que em parede sem revestimento, e se um cano estourar ou tiver um vazamento é bem mais fácil e barato pra ajeitar quando não tem revestimento.

No mais, rejunte é um troço que suja e acumula sujeira muito facilmente.

Pensando em tudo isso, escolhi um porcelanato retificado branco e sem brilho para toda a área molhada (ou seja, dentro do box todo) e o chão.

Branco é ótimo pra ambientes pequenos e escuros, e também é neutro, então poderia colocar a cor que quisesse nas paredes da área seca.

O Box

Os vidros do box eram escuros, o que pesa e diminui o ambiente, e já estavam bem desgastados.

Troquei por vidros transparentes e mais resistentes, e usei o kit de montagem mais simples e básico. Gastei R$660,00 aí.

Troquei o chuveiro por um da Lorenzetti que saiu por R$59,00 na promoção, e pedi pro pedreiro fazer um nicho para colocar produtos com o próprio porcelanato.

Depois de pronto, pedi pra marmoraria fazer a moldura com o mármore bege Bahia, o mesmo usado na bancada da pia, e paguei R$66,00.

Achei ótimo, porque o nicho completo nesse mesmo mármore saia por R$250,00.

banheiro pequeno

Coloquei daqueles ralos maiores e retangulares pra não ter problemas com o escoamento da água (tinha antes, mesmo com a inclinação correta).

As paredes da área seca

Me deram a opção de cobrir os azulejos da área seca com massa acrílica, um outro produto que é específico pra isso (vou pegar o nome e passo pra vocês quando falar da parede da cozinha!) e depois pintar.

Mas, optei por remover tudo, até porque tinha cupim nesse banheiro e eu não sabia se era só na porta ou se eram subterrâneos, como tinha na parte de trás da casa.

Então removeram tudo, fizeram toda a preparação e depois pintaram com um bege bem clarinho, o Algodão Egípcio, da Suvinil, que é a cor “base” da casa.

Troquei o vaso sanitário por um branco (R$199,00, já com o assento e tampa) e mudei de lugar, deixando ele, a pia e o chuveiro em uma só parede.

Isso dá a impressão de que o ambiente é maior. Fora que é mais funcional, né?

banheiro pequeno

Pia e Bancada de banheiro pequeno

Reaproveitei a pia, branquinha, pequena e em ótimo estado, e achei ótimo porque ô trem caro é pia!

Troquei o “ralo” da pia, que estava enferrujado, por um com vedação, porque né, moro “no meio do mato” e é bem comum que saiam bichos pelos ralos.

Também troquei a torneira (comprei da Lorenzetti, R$150,87) e os acessórios (pra toalhas, papel higiênico, etc). Escolhi um kit básico, mas bonito e bem resistente da Celite, com 5 peças, que saiu por R$214,00.

Não consegui aproveitar o mármore porque ele estava rachado, e aí aproveitei pra mudar do branco pro Bege Bahia, que adoro, harmonizava bem com o tom das paredes e tem um preço ótimo.

Como é pequeno, o preço também foi razoável: R$360,00.

Marcenaria para banheiro pequeno

Com a pia instalada, encomendei na marcenaria (a Moreira, não tem melhor aqui!) um móvel branco com um gavetão na parte de baixo pra colocar toalhas e a parte de cima aberta, sem fundo, tipo um nicho, onde coloquei cestinhas brancas de vime que comprei no mercado.

Aqui usei o MDF branco simples, que é o mais barato (guardem essa informação!), mas tem a mesma resistência que os outros.

Com ele também foi feito um nicho pequeno que fica acima do vaso sanitário e abaixo da janela, que foi mantida, onde tem cestinhas (comprei na feira, R$4,00 cada) com miniaturas de produtos.

banheiro pequeno

Gastei R$350,00 na marcenaria, e ainda faço um post explicando como realizar o milagre da marcenaria barata (e de excelente qualidade!), porque nisso, migas, tô mestra! hahaha

Iluminar e Ampliar banheiros pequenos

Para iluminar e ampliar ambientes usamos cores claras, luzes e espelhos, não tem erro.

Então, o revestimento branco e as paredes clarinhas já ajudaram bastante. Mas a janela continuava pequena e não tinha como aumentar. Além disso, o teto é de madeira, o que escurece, e eu queria manter, adoro madeira.

Minha solução foi colocar um espelho da base da pia até o topo da janela (encomendei na vidraçaria, custou R$99,00) com dois spots de luz fria acima do espelho, mas afastadas o bastante da parede para serem refletidas por ele.

Coloquei 3 outros spots, também de luz fria, na parede oposta, do lado oposto, pra equilibrar a iluminação.

No centro do banheiro coloquei um plafon branco redondo (R$29,90) com duas lâmpadas quentes.

Funcionou super bem e ele, inclusive, ficou mais claro que o banheiro do meu quarto, que tem uma janela bem maior e é branco (ainda vou melhorar essa iluminação!).

banheiro pequeno

Outros detalhes e valores

Usei rodapé de poliestireno branco da Arquitech, o mesmo da casa toda, que é bom, bonito, barato e fácil de colocar.

A encanação foi toda substituída, já que era antiga, e também gastei com materiais de construção, como cimento, rolos, fios e coisas do tipo, mas esse foi o menor gasto.

Precisei trocar a porta, que estava infestada de cupim. Comprei o kit na madeireira por R$129,00 e pintamos de branco, também ficou ótimo!

Com mão de obra gastei 1600 reais: 10 diárias do ajudante (R$500,00), que passou 4 dias quebrando e removendo tudo; 6 diárias do pedreiro (R$600,00), 2 diárias do pintor (R$200,00), 2 semanas de acompanhamento do mestre de obras, que daria R$600,00, mas como outras coisas na casa estavam sendo feitas ao mesmo tempo, dividi o valor por 2, daí dá R$300,00.

Além de fazer o acompanhamento de tudo, foi quem fez, também, toda a parte elétrica e hidráulica.

Meu orçamento era de R$5.000,00, e gastei uns 25% a mais que isso. Não consigo contabilizar com exatidão porque muitas coisas foram usadas no outro banheiro, na parede da cozinha e no restante da casa.

As economias

Se tivesse usado revestimento no banheiro todo, teria gastado o triplo do valor.

Como esse é um banheiro pouco usado, sobretudo pra banho, e como aqui é uma região quente e com baixa umidade, não tive problemas em não revestir a área seca.

Espelho básico e sem moldura é muito mais barato.

banheiro pequeno

Pesquisar muito e escolher peças boas e básicas faz muita diferença, porque vaso sanitário branco, por exemplo, achei de até R$1.700 reais.

Com os kits de banheiro é a mesma coisa, e pra mim compensou muito mais o kit do que as peças individuais, que sairia bem mais caro.

Box com ferragem básica e mármore branco é muito mais barato. Nicho pronto é lindo, mas, pro meu orçamento, caro. As molduras saíram bem mais baratas.

O mármore da pia pode deixar tudo muito mais caro (o metro pode chegar a R$2.000,00). O Bege Bahia ficou uma graça e tem um preço ótimo aqui.

Pia também pode custar caro, e foi mara poder reaproveitar a que já tinha.

Comprar o kit da porta na madeireira e pintar também fez diferença, porque em loja de material de construção a mais barata que achei custava quase R$600,00.

Marcenaria funcional, sem detalhes que encareçam (tem puxador que custa mais que o móvel…), é outra coisa que também faz diferença.

Claro que se você quiser um banheiro dos sonhos, e tem todo direito de querer, você pode optar por peças incríveis.

Eu queria mesmo um banheiro iluminado, visualmente maior, funcional, com materiais duráveis e de qualidade, mas que não fossem luxuosos (porque, óbvio, seriam mais caros), e gastando o mínimo possível.

Então, pra mim tá maravilhoso: agradou meus olhos e meu bolso!

No próximo post a gente fala sobre a parte do Feng Shui nos banheiros, tá? E pra ver mais posts do Ju de Casa é só clicar aqui!

Beijos, Ju♥

Quer mais dicas como essa? Siga nossas Redes Sociais ⇒ Instagram ♥ Twitter ♥ Pinterest ♥Facebook⇒ @jurovalendo

08.04.2019

Bases Para Peles Maduras: Minhas Preferidas

Sempre que falo de maquiagem vocês pedem dicas de bases para peles maduras, e hoje separei as que mais tenho gostado pra mostrar pra vocês.

E, lógico, só posso falar dos produtos que já usei, de acordo com a minha idade (36 anos) e o meu tipo de pele (oleosa e sensível).

E antes de começar a falar especificamente de cada base, acho essencial falar do que vem antes, porque se não preparo a pele adequadamente o resultado muda.

Não dá pra aplicar a base na pele suja e sem hidratar, não dá! Se não hidrato antes, é muito mais fácil a base craquelar e marcar todos os poros e linhas possíveis.

Então, sim, faz muita diferença estar com a pele limpa e hidratada.

Outra coisa que, na minha pele, faz diferença é a forma de aplicar a base: com a esponjinha umedecida (geralmente uso água termal ou Bepantol solução, mas pode ser água também) consigo um efeito muito mais natural e bonito que com pincel.

Tenho várias esponjinhas aqui, e a pretinha da Klasme é a minha preferida. Super macia, deixa a pele bem bonita. Adoro!

Dito isso, vamos para as minhas bases preferidas do momento, né?

Top 4 Bases Para Peles Maduras

bases para peles maduras

1. Base Sérum FPS 18 nude Me, Natura Una

Já fiz resenha dessa base por aqui e amo para o dia a dia!

É super leve, fácil de aplicar, seca rápido, não pesa, não acumula nos poros, nas linhas nem nos “vincos” e deixa um efeito bem natural, de segunda pele mesmo.

A cobertura é leve, e justamente por isso acho mais indicada para o dia a dia. Mas, dá pra ir construindo camadas e chegar numa cobertura média, sabe?

Custa R$109,90 na loja virtual da Natura, mas tá saindo por R$94,35 na Sephora (compre aqui) e tem um ótimo rendimento.

2. Teint Idole Ultra 24H, Lancôme

Essa é a base da minha vida há anos!

O cheiro é maravilhoso, tem uma cobertura ótima, sem efeito de “máscara”, com um acabamento lindo, de pele rycah, sabe?

Aplico com a esponjinha úmida e além de não acumular nem marcar, dura bastante e dá uma segurada legal na oleosidade.

Pelo que vi hoje, ela foi substituída pela Teint Idole Ultra Wear, e assim que a minha acabar vou comprar a nova versão pra testar!

Custa R$223,00 na Época Cosméticos (compre aqui).

3.Base Dermablend, Vichy

É a base que cobre TUDO, que me salva quando meu melasma tá “atacado”, que mais dura e mais rende.

Basta um tiquinho de nada pra cobrir tudo, e pra que o acabamento fique como eu gosto, mais leve, aplico com esponja úmida e espalho bem.

Usando na medida, não marca nem deixa efeito de máscara. Mas, como ela tem uma cobertura muito alta, se exagerar na dose o bicho pega!

Ah, minha cor é a 25 Nude. E o pó dessa linha é o melhor da vida, nunca usei nada parecido, amo!

Custa R$146,61 na Sephora (compre aqui) e vale cada centavo!

4. Base Ultra HD Make Up For Ever

Outra base que gosto bastante é a Ultra HD, da Make Up For Ever, mas pra deixar o acabamento mais natural, com uma cobertura super boa, mas sem parecer máscara, só no truque!

Ou uso um hidratante mais pesado antes de aplicá-la ou então misturo, na mão mesmo, com uma gotinha de hidratante e espalho no rosto.

Usando assim, e espalhando com a esponja úmida, ela deixa minha pele próxima do efeito que gosto, coisa que expliquei quando fiz resenha dela aqui.

Minha cor é a Y315.

Ela custa R$178,50 na Sephora (compre aqui).

Já testou alguma dessas? Me conta o que achou! Tem alguma outra pra indicar? Indica aí!

E pra ver mais posts do Mais Que Make é só clicar aqui. Pra ver mais resenhas de bases clique aqui.

Beijos, Ju♥

Quer mais dicas como essa? Siga nossas Redes Sociais ⇒ Instagram ♥ Twitter ♥ Pinterest ♥Facebook⇒ @jurovalendo

O que você acha do JV?
Ju, amo seu blog!!! suas dicas!!! vc é maravilhosa com sua opinião honesta!!! Sempre quando quero comprar algum produto venho aqui pra ver o que…
As leitoras mais incríveis da vida
    Quer ver a sua foto publicada aqui no blog?
    Poste no instagram uma foto com a hashtag
    #JuroValendo