Vizcaya
26.08.2014

10 Dicas Pra Quem Precisa de Pique Extra

No domingo tava organizando a lista de posts da semana e compartilhei no Insta (@jurovalendo, segue lá!) e no Face (curte lá menina!) e várias leitoras deram sugestões. Anotei tudo e já faço todos os posts, e vou começar pelo pedido da Mel, que disse que anda sem energia e pediu um post com dicas pra, simplificando, ter mais pique no dia a dia.

Quem acompanha o blog há mais tempo sabe que eu tenho Fadiga Adrenal Crônica, um problema ainda pouco diagnosticado, e por isso suplemento alguns hormônios e tomo alguns cuidados. Na Fadiga Adrenal você se sente exausto e sobrecarregado sem motivo aparente, então preciso de boas doses de “energia” todos os dias, de forma que acabei aprendendo um tiquinho sobre isso, né?

pique extra

Antes de começar, um aviso óbvio: eu só posso falar da minha experiência, do que funciona pra mim, e o certo é procurar um (bom) médico pra te orientar corretamente, já que as causas do cansaço podem ser muitas e todo tratamento deve ser individualizado.

1. Investigue

A minha primeira dica é investigar esse “cansaço”, porque a primeira tendência é achar que é normal, já que a gente vive no limite e sem tempo pra nada. Eu passei por 2 médicos e ambos, após os resultados dos exames de praxe,  disseram que eu estava estressada. Até que fui em um nutrólogo, que me pediu trocentos exames (além dos “básicos”)  e acabou descobrindo várias anormalidades, como contei nesse post aqui.

Os sintomas mais comuns da Fadiga Adrenal são esses: cansaço constante sem motivo, dificuldade em levantar pela manhã (mesmo que tenha dormido muitas horas), melhor sono é de 7 às 9 hs da manhã, redução dos níveis de energia entre 14 e 17 hs, “desperta” e fica cheio de energia após às 18 hs, redução da libido, desejo por alimentos muito salgados ou muito doces, sistema imunológico enfraquecido, não tem ânimo pra “aproveitar a vida” e dar conta das tarefas diárias passa a ser um desafio.

Pra quem quiser entender um pouco mais sugiro dois artigos: esseesse.

pique extra

2. Durma Bem

Se você não dorme bem nada funciona direito, não tem jeito. E não, não é normal não ter um sono reparador! Nessa confusão da Fadiga Adrenal eu não dormia nada, e em um dos exames foi detectada a baixa da melatonina, que é, simplificando, o hormônio do sono, e foi só regular isso pra voltar a dormir corretamente e não sentir mais tanto cansaço.

Falei mais sobre isso nesse post aqui.

3. Evite Carboidratos de Alto Índice Glicêmico

É muito, muito importante evitar esse tipo de alimento, que gera uma alta de energia momentânea mas causa a hipoglicemia de rebote, resultando  numa queda maior dos níveis de energia pouco tempo depois.

Parece besteira, mas a alimentação é determinante pra ter níveis adequados (e estáveis) de energia ao longo do dia. Portanto, reduza os industrializados, aposte em cereais, em carboidratos de baixo índice glicêmico, nos integrais, nas verduras, frutas e legumes.

Uma coisa que entrou na minha rotina e fez diferença foram as farinhas funcionais (maracujá, maça, banana verde, etc), que, simplificando,  ajudam a reduzir o índice glicêmico e evitam o pico tanto da insulina quanto do cortisol.

pique extra

4. Tome Sol!

Vocês já repararam que quando tomamos sol ficamos mais “vivas”? Não é por acaso, já que a falta de vitamina D  leva a perda da vitalidade, ao cansaço. O problema é que a grande maioria das pessoas têm deficiência de vitamina D, que interfere, direta ou indiretamente, em mais de 200 genes e em cerca de 10% das funções orgânicas.

Pra ter níveis adequados de vitamina D tem que tomar sol, e bastam 15 minutinhos por dia. Eu, por exemplo, não gosto de tomar sol, e mesmo suplementando a vitamina D (tópica) tento fazer esse esforço todos os dias. Faz muita diferença!

5. Reposição de minerais e vitaminas

É interessante medir os níveis de minerais no sangue e, caso seja necessário, repor o zinco, o manganês, o magnésio e o cálcio, além das vitaminas do complexo B e a vitamina D, que falei acima, já que essas substâncias estão relacionadas com a “energia”.

pique extra

6. Invista nos ômegas

É uma “cápsula” que não abro mão por vários motivos, inclusive porque a deficiência dos ômegas  torna as transmissões nervosas mais lentas, o que resulta em falta de concentração, cansaço e “preguiça”. Alguns alimentos são fontes ricas dos Ômegas, como o salmão e o atum,  mas suplemento porque não como peixe.

7. Reduza o café e aposte no gengibre!

Eu sou louca por café, mas precisei reduzir porque sim, ele dá energia, mas também “rouba energia” do organismo, e em pouco tempo você está cansada de novo. Aí aprendi a substituir o café pelo chá de gengibre (e coloco nos sucos também), que é um “tônico geral”, dá ânimo e energia.

pique extra

8. Compostos energéticos

Existem algumas substâncias que aumentam os níveis de energia, mas é preciso muito cuidado com o consumo até por causa do “efeito rebote”, porque você fica com muita energia num primeiro momento e depois fica mais cansada ainda.

Já tomei um de açaí, que vende em cápsulas e em pó, e gostei, e  gosto do ginseng e do ginkgo (dizem que atuam como tônico geral do organismo). O guaraná em pó tem, em mim, um efeito similar ao da cafeína e logo depois fico mais cansada, então não acho interessante.

Tem também a marapuama e a maca peruana (vende em forma de chá também), e até acho interessante em casos pontuais, mas não pra uso constante. Fora que não se deve tomar nada disso sem indicação médica, porque mesmo sendo substâncias naturais existem efeitos colaterais e contra-indicações, né?

9. Faça exercícios

Pois é, tem que fazer! Eu tenho preguiça, não vou negar, mas é fato que quando a gente se exercita fica mais disposto e, aos poucos, a sensação de cansaço vai reduzindo.

pique extra

Pra quem, como eu, não é muito chegado na coisa recomendo escolher uma coisa que você realmente goste de fazer, sabe? Tente dançar, andar de bicicleta ou algo do tipo. E se for ao ar livre melhor ainda, porque já aproveita e toma um solzinho pra ajudar nos níveis de vitamina D!

10. O Essencial

O essencial é tirar, todos os dias, um tempo pra você, só pra você. Se você não fizer isso, se não relaxar um pouco fazendo alguma coisa que gosta, a cabeça não aguenta e, claro, você vai ficar esgotada.

Ah, e faça o favor (pra si mesma) de se afastar de gente que te suga, tá? Isso cansa mais que qualquer coisa na vida e a gente acaba ficando sem força e ânimo pra nada!

Alguém tem mais alguma dica?

Beijos

Ju

Vizcaya
Escreva seu comentário

* Preenchimento obrigatório. Seu email não será divulgado.
Quer que sua foto apareça no comentário? Clique aqui.
18 comentários
  1. Bruna Bussular  26/08/2014 - 12h03

    Nossa Ju, ameeei esse post!
    Eu vivo assim… cansada!
    É acordar 5:40 pra ir pra faculdade… chego e vou direto pra academia treinar, passo a tarde toda em estudo profundo, 18 horas pego no trabalho e largo 23 horas… até chegar em casa, tomar banho, preparar as coisas do dia seguinte, brincando eu deito pelo menos meia noite… queria tanto, mas tanto fazer tudo isso com disposição e não tão sugada como fico.
    Pra piorar minha facul estuda todo santo sábado. E sábado sim, sábado não eu tenho que trabalhar a tarde…. eu simplesmente ando “morrendo” nos domingos e não consigo mais nem sair direito com o bofe no sábado a noite. Em resultado, isso está me deixando triste e estressada…. :(
    As dicas são ótimas e vou procurar aproveitar algumas sim, embora o certo mesmo seria se dedicar apenas aos estudos, já que a carga é grande.
    Beijoooo

    • Ju  26/08/2014 - 12h33

      Bru, sua carga diária é enorme mesmoooooooo, mas veja se está tudo certinho no seu organismo, se não tá faltando nada, sabe?
      Beijos

  2. Alessandra de Almeida  26/08/2014 - 12h12

    Nossa Jú super me identifiquei com seu relato,,, vou investigar pois só não estou mais morgada pq sou só uma,,,cansada ao extremo!!Ótimas dicas, valeu mesmo,,,bjoss!!

  3. Audrey Betarelli  26/08/2014 - 12h29

    Ju, obrigada pela dica. Vou me consultar em um nutrólogo (pena que o seu é longe de SP), e ver se não estou com essa tal fadiga adrenal crônica, pois muito do que sinto tem a ver com o que vc escreveu. Tenho excesso de ferro no organismo, o que causa dores nos ossos, mas não esse cansaço inexplicável…
    Mais uma vez muito obrigada pelas dicas!!!
    Bjs.

    • Ju  26/08/2014 - 12h32

      Audrey, consulte mesmo!
      Passei meses péssima e achando que era estresse, sabe? É que muitos médicos sequer cogitam essa hipótese, então é bom investigar!
      <3 Beijos flor

  4. Roberta  26/08/2014 - 14h06

    Eu sou suspeita em falar desse assunto pois foi graças ao seu bloq que descobri que também tenho fadiga adrenal. Fiz muiiiitos exames de sangue e estou tomando suplemento manipulado de acordo com minha necessidade e tb uso as farinhas de maracujá, banana verde e linhaça antes do almoço e jantar. Uma coisa até simples de ser tratada e de diagnostico tão difícil. Ju vc acha que está faltando é especialização dos médicos sobre esse assunto?Porque quase ninguém trata ..

    • Ju  27/08/2014 - 09h09

      Rô, lembrei de você quando tava escrevendo o post! ;)
      Então, acho que falta conhecimento mesmo, tem que ser médicos específicos, porque eu passei por dois excelentes médicos e nenhum sequer cogitou, sabe? Não largo o nutrólogo mais nunca! rs
      Vc tá se sentindo melhor?
      Beijos

      • Roberta  27/08/2014 - 09h42

        Bom dia Ju, tem 5 dias que comecei o tratamento e estou me sentindo melhorzinha…rs
        Lendo os comentários das meninas aqui vi uma que falou sobre a tireoide, os sintomas da fadiga em alguns aspectos se parece bem com da tireoide. Em umas das minhas consultas tentando descobrir o que tinha a médica me fez repetir o exame 3 vezes, pq todos os sintomas batiam com tireoide e o exame dava negativo. Só uma observação Ju, ás vezes na cidade da pessoa não tem nutrólogo ( meu caso)mas existem nutricionistas que tb tratam a fadiga adrenal. Queria deixa esse link pras meninas que quiserem assistir onde a Dra Fernanda Granja fala do problema. Bjus

        http://www.drafernandagranja.com/2013/08/fadiga-adrenal-video-programa-voce.html

  5. Mel Martins  26/08/2014 - 16h42

    Ju, amei, amei, amei…palavras não definirão o quanto amei esse post. E pensa numa pessoinha que se viu no primeiro item. Vou procurar um médico com certeza!! Como sou professora, ele de cara dirá que estou estressada… e estou mesmoooo!!Mas vou exigir exames…eu sinto que vai além disso. Ando dormindo mal e quando resolvo pegar no sono de verdade, despertador toca!! Sobre o item da alimentação, falou perfeito…os carboidratos em geral me destroem…já fiz dietas de baixo carboidrato e eu renasci!! Preciso mudar muitos hábitos sim!!! E vou tentar. Imprimi esse post e colei na porta do guarda-roupa para não esquecer de me “amar” mais..rsrs…
    Obrigada, Ju, de coração!!!
    E sucesso sempreeee!!!
    bj

    • Ju  27/08/2014 - 09h11

      Mel, linda, que bom!
      Procure um nutrólogo, ´serio… Te digo isso porque passei por endócrino e clínico e nenhum cogitou isso, sabe? Os dois disseram que era estresse…
      Eu também vou dar uma geral nos meus hábitos, eu acabo começando bem e vou escorregando” rsrsr
      Boa sorte pra vc Mel!
      Beijos <3

  6. Janaina  26/08/2014 - 19h35

    Nossa Ju…muito obrigada pelo post…várias dicas bacanas!Uma outra coisa que também deixa a gente bem cansada e esgotada é problema na tireóide…eu tenho hipotireodismo e é assim que me sinto sempre..cansada, mesmo sem fazer muito esforço…mas vou procurar saber se não tenho também Fadiga Adrenal Crônica…pq mesmo tomando o remédio da tireóide direitinho ainda me sinto mal, sem coragem…o único sintoma que vc relatou que não tenho é a falta de sono…pelo contrário, no meu caso é excesso…mesmo dormindo horas e horas seguidas nunca estou descansada o suficiente… :\

    • Ju  27/08/2014 - 09h08

      Jana, que bom que você gostou! :)
      Hum, dessa eu não sabia não, obrigada pela info!
      Beijos

  7. Eliane Rocha  27/08/2014 - 11h19

    Ei Ju, gostei muito do seu post, me identifiquei com os sintomas mas sempre achei que fosse normal estresse e cansaço. Vou procurar um nútrologo. Beijos mil!

  8. Alessandra  27/08/2014 - 17h15

    Nossa, eu simplesmente tenho os mesmos sintomas que você relatou. Vou verificar urgente isso. Obrigada Ju.

  9. Juliana Bravo  07/08/2015 - 19h56

    nossa ju…to assim agora,leio varios posts sobre exercicios fisicos mas sem vontade de levantar da cama,e ainda mais com essa crise ta dificil…marido sem emprego,faltando tudo em casa…ta dificil ju!

  10. Eliane Maria  15/09/2015 - 09h55

    Oi Ju….me achei nessas tuas dicas, eu sou um poço de cansaço e indisposição rsrrsrsrsrsr to tentando fazer de um tudo pra melhorar, ja fiz todos os exames de ser virada do avesso e estou ótima, mas sou bem preguiçosa também, fiquei bem animada com as tuas dicas e já anotei tudo….a última mesmo tenho feito rsrsrsrrs grande beijo

  11. Luciano Pereira  28/12/2015 - 11h04

    Então tenho esses problema! nao tenho vontade de fazer nada, fadiga e nao tenho nem animo para brincar com meu filho de 3 anos e meio…em qualquer lugar que chego quero dormir, é difícil mais preciso procurar um medico.
    muito obrigado!

O que você acha do JV?
Bom dia , eu não conhecia o blog mais entrei hoje e adorei , tem muitas dicas , orientações, e as explicações não são pela…