28.12.2017

Superstições de Réveillon Para Um Ano Incrível

As "mandingas" Que Não Abro Mão!

Como estamos todas na vibe do ano novo, o post de hoje é com as superstições de réveillon, porque se tem uma coisa que eu sou, além de muito cismada, é supersticiosa! hahaha

Acredito muito em justiça e, consequentemente,  na lei do retorno, então óbvio que a nossa vida acaba sendo um reflexo de tudo o que somos, falamos, fazemos e sentidos.

Mas também acredito em energia, na forma como ela pode impactar o que a gente sente, fala e faz, e por isso minhas “superstições” estão muito ligadas a isso, sabe?

E como a energia precisa fluir pra que a vida possa “andar”, acho essencial aproveitar essa semana antes da virada do ano, que é tão simbólica, pra fazer uma faxina das boas.

superstições de réveillon simpatias ano novo juro valendo

Abrindo espaço para o novo!

Começo pela minha mesa de trabalho, quarto, banheiro e casa, finalizando na carteira, e jogo fora tudo que não serve mais, como papéis, revistas, coisas quebradas, produtos acabados e tudo o mais.

As coisas que estão em bom estado mas que não uso frequentemente ou que, por algum motivo, não me trazem alegria ou não refletem mais quem eu sou, separo pra doar, e sempre fico livre de tudo antes da virada.

Gosto de deixar limpo, organizado e cheiroso, com espaço de sobra para que o novo chegue.

Isso é coisa, aliás, que a gente deveria ter o costume de fazer todo mês, de evitar acúmulos, mas nem sempre dá tempo, né?

Aproveito essa faxina pra olhar ao redor e ver tudo o que preciso remover, e aqui tô falando de pessoas, sentimentos, comportamentos e situações. O que não for bom, o que não fizer mais sentido, o que não fizer mais bem precisa sair. É um momento de decisões, sabe?

Porque só com tudo “limpo”, sabendo o que não quero mais, posso, uns dias depois, analisar o que quero e “trazer” isso para os meus dias. Mas, falo disso detalhadamente em outro post!

Superstições de revéillon

No dia 31, antes do sol se pôr, tomo algum banho de folhas ou de sais, como o que mostrei ontem aqui no blog. 

Sinto uma leveza boa e gosto disso, assim como passar esse momento apenas com pessoas que gosto muito, que me fazem bem, a quem faço bem.

Calcinha e sutiã sempre novos, mas lavo antes com alfazema (aquele perfume de criança). Gosto de usar roupa nova e da cor do ano (esse ano é rosa, mostrei nesse post), não uso nada bege e, de jeito nenhum, coisas que me apertem.

E sempre amarro fitas de várias cores na calcinha pra “atrair” coisas boas! Pra quem quiser uma noção de quais cores escolher, basta olhar esse post aqui.

Ouro, muito ouro! haha

Como quase sempre viro o ano na praia, uso rasteira, preferencialmente dourada. Os orientais dizem que a energia entra pelos pés, e o dourado representa sabedoria e ouro, então tá tudo certo! haha

Falando nisso, gosto de “ouro na pele” pra virar o ano, então tô sempre com meus balangandãs. Tem até um post aqui, de uns 2 anos atrás, falando de bijus da sorte, e recomendo muito a leitura (inclusive parei pra reler hoje, porque né, bora garantir as coisas! hahaha).

Dinheiro no Bolso!

Ah, e grudo uma nota de R$2,00 ou de R$20,00 dentro da sandália, a que usa no pé direito, e aí depois da virada piso forte no chão e peço as coisas que mais quero (saúde, proteção, amor, trabalho, viagens, conquistas, etc). Só tiro a notinha quando chego em casa, daí coloco na carteira e gasto no dia 02, porque dinheiro precisa rodar!

Isso foi dica de Adriana Kastrup, tô seguindo direitinho e tem dado certo, viu?

Quando acaba a “muvuca” vou pra algum lugar onde possa ficar em silêncio, quieta, agradeço por tudo o que aconteceu durante o ano e faço 3 pedidos específicos, objetivos e bem detalhados, de coisas que quero conquistar durante o ano, sabe?

Sobre a ceia de ano novo, recomendo esse post aqui!

E vocês, têm algum ritual, alguma simpatia, alguma superstição de réveillon? Divide com a gente!

Beijos, Ju♥

Quer mais dicas como essa? Siga nossas Redes Sociais ⇒ Instagram ♥ Snapchat ♥ Twitter ♥ Pinterest ♥Facebook⇒   @jurovalendo

27.12.2017

Banho da Sorte The Body Shop

E já que a virada do ano está chegando, que tal um banho da sorte com arruda e sal grosso, hein?

Eu gosto muito de banhos, de qualquer tipo, e água, pra mim, é sagrada. Sempre que entro no mar saio com a energia mais leve, mais fluída, mais “limpa”. Banho de cachoeira me revigora. E cresci tomando “banhos de cheiro”, porque pra tudo minha avó tinha uma folha diferente.

banho da sorte the body shop arruda sal grosso juro valendo

Talvez por sempre ter vivido na fazenda, em contato direto com a natureza, sem acesso rápido e fácil a remédios, ela conhecia plantas como ninguém, e eu, que sempre adorei tudo aquilo, acabei conhecendo um pouco também.

Conhecendo e acreditando na energia das plantas, e uma que é boa pra danar é a arruda, né? Vó dizia que não tinha coisa melhor “pra olho e inveja”, e junto com o sal grosso ela ajuda a neutralizar as energias ruins, proteger e, assim, abrir espaço para atrair coisas boas.

Esse é um banho simples que a gente pode fazer em casa, assim como muitos outros, mas como também adoro umas frescurinhas e uns sais de banho, comprei vários na The Body Shop mês passado, inclusive o Banho da Sorte.

banho da sorte the body shop arruda sal grosso juro valendo

Banho da Sorte com arruda e sal grosso

De acordo com o rótulo, trata-se de um ritual para afastar a má sorte e o mau-olhado que pode ser usado no banho ou para purificar a casa.

A indicação é pra usar na banheira, e usei assim, mas dá pra usar no chuveiro também! Já encontrei em “armarinhos”, mas você também pode mandar fazer “toucas”, daquelas de banho, com um tecido mais fininho e com bordas que dê pra amarrar, porque aí é só colocar os sais dentro e “vestir” a touca no chuveiro.

banho da sorte the body shop arruda sal grosso juro valendo

A água dissolve o sal e funciona muito bem. Mas, se não quiser ter esse trabalho ou não achar a touca na sua cidade, coloque os sais de banho em uma vasilha, misture com água morna e despeje no corpo como último enxágue. O efeito é o mesmo!

Já pra usar na casa, a marca indica dissolver o sal numa vasilha com água morna, misturando bem, e deixando atrás da porta. Aqui a gente faz diferente: usa essa água pra “passar pano” no chão, sabe? Acho que assim a coisa fica muito mais efetiva!

banho da sorte the body shop arruda sal grosso juro valendo

Banho da Sorte The Body Shop: é bom?

A embalagem é de um cartonado grosso, e dentro tem um saquinho com 65 g de sal granulado. O sal é mais grossinho, verde e tem um cheiro bem gostoso.

Deixa a água bem escura e, usando na banheira, achei relaxante. Como todo banho de sal, ele parece que tira aquele “peso”, sabe?

É gostoso sim e acho a ideia bem legal, sobretudo pra quem não tem acesso ou não sabe como preparar banhos de folhas, bem como pra levar numa viagem, como a de réveillon, por exemplo.

banho da sorte the body shop arruda sal grosso juro valendo

Eu vou levar ele e o douradinho, mas não acredito, e aqui é uma opinião minha, que o efeito seja o mesmo do banho de arruda feito na hora com as folhas fresquinhas.

Tanto acho isso que uso esse banho de sais da cabeça aos pés, ao contrário dos outros, que uso do pescoço pra baixo.

Isso significa que não é bom? De jeito nenhum, acho ótimo, uma delícia e uso mentalizando toda sorte do mundo. E como eu acredito, ela vem! ;)

Ele custa R$15,90 nas lojas da marca (compre aqui), assim como o Banho da Fortuna (tem mica dourada e deixa tudo brilhando, adorooo hahaha) e o Banho do Amor, que tem o cheirinho dos produtos da linha Lolita.

banho da sorte the body shop arruda sal grosso juro valendo

Vi no site da The Body Shop agora que tá tendo promoção desses banhos, e comprando 3 só paga 2. Recomendo o da sorte e o da fortuna, gostei mais!

Alguém já testou? Conta aí o que achou!

Beijos, Ju♥

Quer mais dicas como essa? Vamos papear nas redes sociais⇒ Instagram ♥ Snapchat ♥ Twitter ♥ Pinterest ♥Facebook⇒   @jurovalendo

26.12.2017

Protetor Auricular: Pra Quem Não Aguenta Mais o Barulho!

Desde que descobri, graças a vocês, o protetor auricular, minha vida, literalmente, mudouuuu!

Não suporto barulho. Não consigo produzir direito, muito menos me concentrar totalmente, e, como quase todo mundo, tenho vizinhos barulhentos, daqueles que acham que o bairro inteiro precisa ouvir a música que eles estão ouvindo, sabe?

Também tem duas escolas perto daqui de casa, onde as crianças, claro, gritam até a garganta cansar (não cansam, elas são mágicas rsrsrs). Pra completar, aqui ainda se usa o tal do “carro de som” para fazer propaganda, e é uma guerra de quem anuncia mais alto o dia todo, todo dia.

Vivia com o fone no ouvido, ouvindo aquelas músicas bem calminhas. Até que comentei isso no Facebook e várias vocês falaram de diferentes tipos de protetores auriculares, abafadores de ruídos e coisas do tipo.

protetor auricular juro valendo

Anotei tudo o que vocês sugeriram e fui procurar aqui em Jee, começando por um trocinho que parece um fone, mas na verdade é um Equipamento de Proteção Individual para quem trabalha em locais muito barulhentos.

Achei na casa de material de construção, mas o que encontrei, do tipo concha, que funcionava como um abafador de ruídos, não deu muito certo porque, pra usar por longos períodos, não achei confortável.

Apertava a cabeça e o ouvido, mas acredito que isso é uma característica do que comprei, não algo geral, sabe?

Aí fui pra farmácia e comprei duas versões que vocês indicaram: o Protetor de Ouvidos Nexcare, que protege contra ruídos e na caixinha diz que é indicado para dormir, e o Protetor de Ouvido de Silicone Nexcare, que é aquele de piscina, pra impedir a entrada de água.

Achei de várias marcas na internet, e eles são bem baratinhos, mas aqui só Nexcare mesmo.

Protetor auricular: os que uso

O primeiro é um plug de espuma moldável que a gente encaixa lá dentro do ouvido e a coisa fica muito silenciosa. Ele é fácil de colocar, é macio e não me trouxe nenhum tipo de problema.

A caixa vem com 2 unidades, e eu reutilizava por uma semana inteirinha. Nem lembro se podia ou não, mas estava fazendo assim e estava tudo bem, até porque ele é baratinho (R$3,90 a caixa, compre aqui) e fácil de manter.

Aí fui testar o de silicone e acabei gostando ainda mais, porque, higienizando direitinho, ele pode ser utilizado por bastante tempo.

Também é muito confortável, mesmo usando por um turno inteiro, por exemplo, e até o momento não me causou nenhum tipo de problema.

Esse custa R$21,40 o par, e vem com uma caixinha mais resistente pra guardar quando não estamos usando.

Já mostrei algumas vezes tanto no Facebook quanto no Stories, e várias leitoras disseram que começaram a usar pra estudar, trabalhar e/ou dormir melhor, porque o boy ronca, e até o momento ninguém relatou nenhum problema.

Já me falaram que não é bom usar o de silicone pra dormir, ou mesmo manter o uso por longos períodos, então tenho usado somente quando preciso de concentrar, quando estou trabalhando.

No resto do tempo, uso um fone bem macio e gordinho, e sigo com minhas musiquinhas relaxantes.

Qual é melhor?

Comparando, acho que o de espuma se adapta melhor ao ouvido, vez que é moldável. Contudo, ele é “descartável”.

O de silicone encaixou direitinho em mim e tem a vantagem de ser lavável e de fácil higienização, o que significa que pode durar muito mais tempo.

Então, o melhor vai depender do que você deseja, e do modelo que fica mais confortável em você, sabe? E sempre tendo o cuidado de usar somente para vedar a entrada do ouvido, não é pra empurrar o troço lá dentro, né?

Eu amo, não abro mão e,  com certeza, o protetor auricular tem me ajudado demais e me deixado menos irritada com o barulho.

Onde Comprar Protetor Auricular

Dá pra achar fácil nas farmácias e em lojas de materiais esportivos como a Netshoes (compre aqui), por exemplo, que tem vários modelos de marcas diferentes.

Alguém já usou? Conta o que achou! E se tiver mais dicas sobre esse tipo de produto é só deixar nos comentários, vou amar!

Beijos, Ju♥

Quer mais dicas como essa? Vamos papear nas redes sociais⇒ Instagram ♥ Snapchat ♥ Twitter ♥ Pinterest ♥Facebook⇒   @jurovalendo

22.12.2017

5 Séries da Netflix Pra Garrar Amor!

Acho muito engraçado estar aqui indicando séries da Netflix porque até bem pouco tempo atrás achava essa história de séries um saco. Não tinha muita paciência pra “entretenimento na TV”, na verdade, porque não foi um hábito que cultivei na vida, sabe?

A única coisa que eu gostava era de House, mas num dia de tédio resolvi experimentar o diacho da Netflix e morreu bucha de sena: viciei! hahaha

Como não tenho maturidade pra assistir um episódio por dia ou algo do tipo, sempre deixo para os finais de semana ou feriados, que aí vejo tudo de uma vez só, e das que assisti até o momento e, pra mim,  valem muito a pena são essas:

1. Vikings

séries da netflix

Amo Vikings, já falei dela por aqui, e recentemente chegou a segunda parte da quarta temporada, que eu, obviamente, devorei numa noite de sábado, né?

Tanto a história quanto os personagens são muito bem construídos e inteligentes, e a coisa toda é muito envolvente. Sério, a gente gruda os olhinhos na tela e não larga mais.

E Rollo, bom, ele só melhora… Deus benza! hahaha

2. Alias Grace

séries da netflix

Só a primeira temporada está disponível (e nem seu se virão outras), o que, obviamente, me acaba, mas a história de Grace Marks, baseado na ficção histórica de Margaret Atwood, é muito intrigante.

É uma obra de época (amo!) que tem como pano de fundo a história real de uma menina de 16 anos que foi condenada à morte pelo assassinato de um fazendeiro e sua governanta, conseguiu a clemência do júri e ficou presa por 30 anos.

Eu, que sou viciada em fazer perfis, cheguei ao último episódio sem conseguir decidir se Grace era culpada ou inocente, porque, no fim, tudo depende de como a gente escolha enxergar seus atos, seus traços, sua personalidade.

Ela parece tão inocente que, não raras vezes, tenho certeza que está jogando,  manipulando friamente e se divertindo com aquilo tudo, mas, quem sabe, né?

É uma série bem curtinha, tem só 7 episódios disponíveis, e recomendo muito!

3. Anne with an E

séries da netflix

Os 7 episódios disponíveis da primeira temporada foram mais que suficientes pra que eu desejasse muitos outros!

Anne Shirley é uma órfã muito inteligente, cheia de vida e “dramática (leonina, talvez… rs) que, por engano, vai parar na casa de um casal de irmãos solteiros e sem filhos.

E é difícil não se apaixonar por essa menininha tão corajosa, esperta e cheia de imaginação que, em muitos momentos, me levou às lágrimas. É difícil não se emocionar e a história é tão bem construída que, mesmo antes do “fim”, a gente fica querendo mais.

Amei muito!

4. Outlander

séries da netflix

Sou completamente apaixonada por Outlander, que também já falei aqui no blog, então nem vou contar muita coisa. Basta dizer que a segunda temporada já está disponível e você vai querer devorar tudo de uma vez!

5. Reign

séries da netflix

Como não amar Reign, hein? A série tem muito do que eu amo, principalmente personagens inteligentes, que vão evoluindo com o passar do tempo e mostrando muitas faces diferentes…

Eles não são apenas bons, muito menos ruins, são humanos, capazes dos maiores gestos de amor e, também, de crueldade, fazendo o julgavam necessário para sobreviver.

Se você curte séries históricas, pode se jogar sem medo!

Já assistiu alguma dessas séries da Netflix? Indicam outras?

Beijos, Ju♥

Quer mais dicas como essa? Vamos papear nas redes sociais⇒ Instagram ♥ Snapchat ♥ Twitter ♥ Pinterest ♥Facebook⇒   @jurovalendo

O que você acha do JV?
Acompanho há anos, é meu blog queridinho, com certeza ! <3 Não compro nada para cabelos ou pele sem antes ver se a Jú já…
As leitoras mais incríveis da vida
    Quer ver a sua foto publicada aqui no blog?
    Poste no instagram uma foto com a hashtag
    #JuroValendo