23.07.2018

Cuidados Com a Pele no Inverno: Minha Rotina

Meus cuidados com a pele mudam muito, e quem está acompanhando pelos Stories já deve ter notado isso, né? Mas, pra esse mês estabeleci um rotina básica de cuidados com a pele no inverno.

Isso porque, como trabalho com beleza, recebo bastante produto e acabo usando muita coisa. E muitas de vocês pediram um exemplo de rotina com poucos produtos, que seja prática, rápida e eficaz.

Já tinha feito um post para o Peles Que Contam Histórias falando de cuidados com a pele, daquele básico que vale investir. E hoje vou mostrar o que estou usando, a função de cada coisa e os resultados obtidos até o momento, combinado?

cuidados com a pele no inverno juro valendo

1. Cuidados Com a Pele no Inverno: Limpeza

Pele limpa é tudo e essa é uma tecla na qual eu bato há anos por aqui, né?

Já expliquei que “a pele deve lavada, em regra, duas vezes ao dia, com água em temperatura ambiente, para remover as impurezas e o excesso de sebo (no caso de peles oleosas), o que garante que a barreira existente entre a pele e os produtos usados para tratá-la seja a menor possível.

Isso é importante porque só com a pele limpa o aproveitamento dos ativos de tratamento será adequado. Simplificando: não adianta investir os tubos em um produto maravilhoso se a sua pele está suja, porque ele não vai conseguir agir de forma adequada.”

E pro inverno escolhi voltar a usar o Glycare Duo, da Mantecorp, um produto que gosto bastante por vários motivos. É sabonete e máscara facial ao mesmo tempo, tem ácido glicólico, que amo, niacinamida, óleos e manteigas vegetais, e consegue limpar a pele profundamente sem irritar ou ressecar.

Age super bem nos cravos, melhor ainda nos poros, entrega um resultado rápido, não dá efeito rebote, rende horrores e custa R$ 47,40 nas farmácias (compre aqui). Um verdadeiro achado!

Fiz resenha dele meses atrás, pra conferir é só clicar aqui.

2. Hidratação leve e eficaz

Como o inverno é a temporada dos ácidos (amooo), que tendem a sensibilizar mais a minha pele, que já é sensível e reativa, comecei a usar, após o sabonete, o Bepantol Derma Spray no rosto para hidratar e, gente, como faz diferença!

Tem dezenas de posts aqui sobre o Bepantol, e já tinha inclusive dado a dica de usá-lo antes do ácido retinoico, mas quando incorporei na rotina, usando todos os dias, percebi que ele faz muito mais que apenas suavizar a pele, sabe?

Dou uma borrifada no rosto, espero secar e, em seguida, aplico o ácido.

Além de hidratar, deixando a pele com viço, e sem melecar, deixar resquícios ou algo do tipo, anulou qualquer possível desconforto, como vermelhidão e irritação, por exemplo, que os ácidos geralmente causam na minha pele.

Não fico mais sem, e indico muito!

3. O rejuvenescedor tudo em um

Ao invés de usar vários produtos, cada um com uma função, apostei em um que é super completo: o Sérum Glycare, da Mantecorp!

É um rejuvenescedor com ácido glicólico nano e niacinamida que reduz os poros, melhora rugas e linhas de expressão, melhora a textura, maciez, firmeza e elasticidade da pele, estimula a renovação celular, auxilia na uniformização e no controle de oleosidade, ajuda a proteção contra o fotoenvelhecimento e pode ser usado no rosto, pescoço e colo.

Ou seja, é um produto curinga, que faz tudo de uma só vez, né?

E tudo isso com uma textura super leve, que espalha fácil e “some na pele”, deixando apenas uma suave sensação de sedosidade.

Ácido glicólico funciona demais pra mim, inclusive já falei sobre ele nesse post aqui, mas esse sérum tá me surpreendendo muito! Em pouco mais de 20 dias de uso já vejo muita diferença na pele, coisa que contei aqui ó.

Ele custa R$177,00 (compre aqui), mas rende muito e dura, por baixo, uns 3 meses ou mais, viu? Já faço uma resenha completa!

4. Proteção

Minha rotina de proteção varia muito e depende do meu grau de exposição solar durante o dia.E sim, não importa se é inverno ou verão, tem que usar protetor solar, viu?

No geral uso o Anthelios Airlicium Antioleosidade FPS 30, que é super sequinho e maravilhoso, e complemento com uma camada de cor pra proteger a pele da luz visível.

Vinha usando, há meses, como última camada, o Anthelios Airlicium Antioleosidade FPS 70 com cor, da La Roche-Posay, mas desde a última semana tô usando a base Dermablend, da Vichy, que tem uma cobertura super alta.

Com essa rotina minha pele tem respondido bem demais: a oleosidade está sob controle, os poros estão bem mais fechadinhos, ela está com a textura suave, mais uniforme, viçosa e luminosa.

Pra minha surpresa, também está menos sensível que nos últimos 3 meses.

A única coisa que tem me incomodado é a região abaixo dos olhos, que amanhece super inchada e demora mais da metade do dia para voltar ao normal.

Mas, vou resolver isso com minha dermato!

Agora contem aí quais os cuidados com a pele no inverno que vocês não abrem mão e os produtinhos que têm usado!

Já testou algum dos que falei aqui? Conta aí o que achou!

Pra acompanhar todos os posts do Peles Que Contam Histórias é só clicar aqui. E se quiser ver tudo em tempo real é só ficar ligada nos stories lá do Instagram. Inclusive, tô salvando tudo nos destaques, em Peles, tá?

Beijos, Ju♥

Bora papear mais? Siga nossas Redes Sociais ⇒ Instagram ♥  Twitter ♥ Pinterest ♥Facebook⇒ @jurovalendo

27.06.2018

Protetor Facial Payot City Care FPS 60

Tempos atrás recebi alguns produtos faciais da Payot, inclusive o Protetor Facial Payot City Care FPS 60, que já mostrei, junto com a Vitamina C da marca, lá no Stories algumas vezes.

Fazia tempo que não testava nada deles, e coloquei os dois pra jogo, mas confesso que fiquei confusa com esse protetor facial…

Vem comigo que te explico!

Protetor Facial Payot City Care FPS 60

Protetor Facial Payot: as promessas

De acordo com a embalagem, “trata-se de uma emulsão para todos os tipos de pele, com proteção UVA e UVB (FPS 60), ação antipoluição, antioxidante e combate ao estresse epidérmico.

Diz no rótulo que a ação dos raios UV, o ressecamento e a oxidação da pele são acelerados pelos efeitos do meio ambiente. E, por isso, a Payot desenvolveu uma emulsão com alto nível de proteção solar, para proteger a pele das agressões que ela sofre nos grandes centros  urbanos, como variações de temperatura, ar condicionado, neblina, fumaça, fumo, poluição e iluminação artificial.

O City Care é uma inovação tecnológica, um dermocosmético com múltiplos níveis de ação: atua como um potente protetor solar, agindo contra os raios UVA e UVB. Tem fórmula antipoluição, que combate os efeitos das agressões diárias para evitar o estresse epidérmico.

Protetor Facial Payot City Care FPS 60

Possui ação anti-idade, textura oil free e confere a pele hidratação intensiva.”

Seu uso não é indicado em bebês e crianças, e não oferece nenhuma proteção contra insolação.

Não é testado em animais, e conta com ativos como Factor ARL, Matrixyl e Gatuline Age Defense.

O que ficou confuso pra mim foi o seguinte: é um protetor solar com benefícios adicionais ou é um dermocosmético que oferece proteção solar?

Porque ele diz ser um protetor facial diário, não diz ser um protetor solar facial diário, entende? E proteção pode ser contra várias coisas, ué.

Acho que nisso aí a marca pecou e deixou espaço para dúvidas, porque eu, sinceramente, até hoje não sei se é ou não um protetor solar, embora na farmácia conste como.

O site da marca me parece desatualizado, pois o City Care que consta lá é o Clinicien, nome que não aparece nesse aqui…

Protetor Facial Payot City Care FPS 60

Resenha do Protetor Facial Payot City Care FPS 60

A embalagem é plástica, de bisnaguinha e vem com 50 g de produto. A tampa é de flip-top e o buraquinho por onde sai o produto é do tamanho certo para evitar desperdícios.

A textura é cremosa, mais leve e fluída. Ele é bem clarinho e tem um cheiro super gostoso, que em nada lembra protetor solar. Acho ótimo!

Espalha fácil e, mesmo sendo bem leve, demora um pouco de ser absorvido. Aplico em camadas, e ele demora a “secar”, sabe? A parte boa é que não craquela.

Não deixa a pele oleosa, melequenta nem nada do tipo. Mas, a sensação de que tem algo ali, como um filme invisível, permanece por um bom tempo.

Protetor Facial Payot City Care FPS 60

A princípio a pele fica bem esbranquiçada, o que é mais comum em protetores com alta proteção, mas aos poucos esse efeito vai desaparecendo.

O aspecto da pele, depois que o produto “assenta”, é de hidratação e viço. O toque fica suave e gostoso, não pesa e não acrescenta brilho ou oleosidade. Mas também não segura e lá pela metade do dia meu rosto começa a brilhar na zona T, mas é o brilho natural da minha pele.

Gostei mais do efeito dele usando a Vitamina C da marca, que tem uma ótima ação hidratante, antes (já falo sobre ela, e essa versão nova é, pra mim, um hidratante com ótimo sensorial e só).

Mas, entrega um resultado bom na pele, só não tive coragem de me expor diretamente ao sol com ele, porque realmente fiquei em dúvida sobre a proteção UVA, que teoricamente seria de 20, 1/3 da UVB, e porque não consegui descobrir se é um tudo em um ou se é um protetor solar propriamente dito.

Protetor Facial Payot City Care FPS 60

Preço e onde comprar o Protetor Facial Payot

Custa R$72,90 na Araújo e gostei como um produto multifuncional. Mas, nesse momento, não consigo avaliar corretamente a questão da proteção solar propriamente dita.

Acho que a informação precisa ser muito clara e precisa, e, nesse caso, me deixou confusa.

Vou entrar em contato com a marca e, depois disso,  testar mais vezes, daí atualizo vocês, tá?

Alguém já usou? Conta aí o que achou! E pra companhar mais dicas de pele, clica aqui no nosso Peles Que Contam Histórias!

Beijos, Ju♥

Bora papear mais? Siga nossas Redes Sociais ⇒ Instagram ♥ Snapchat ♥ Twitter ♥ Pinterest ♥Facebook⇒ @jurovalendo

19.06.2018

Sérum Facial Pot Pourri Marina Smith

Hidratante e Antioxidante para peles mistas e oleosas

Meninas de pele mista ou oleosa, atenção aqui: se você tem dificuldade de achar um hidratante que não deixe a pele melequenta e brilhosa, testa o Sérum Facial Pot Pourri, da Marina Smith, ele é amorrr!

Tô, inclusive, pra soltar um post com os melhores hidratantes faciais para peles oleosas e ele tá na lista, porque funcionou bem em todos os testes que fiz e, embora essa seja uma resenha de primeiras impressões, entrega um resultado bem bom.

Gosto de testar esse tipo de produto em climas diferentes pra ver como a pele reage, sabe? E esse consegui testar aqui em Jee, que é quente e seca, em Salvador, que é quente e úmida, mas venta, e em Belém (e na floresta), que é quente, muito úmida e tem um calor abafado, sabe?

Sérum Facial Pot Pourri Marina Smith juro valendo

E, independente do clima e da umidade, ele funcionou bem, não deixou a pele oleosa nem “derreteu”. Um achado!

O que é o Sérum Facial Pot Pourri

De acordo com a embalagem, o Sérum Facial Pot Pourri é um hidratante, protetor e antioxidante para peles mistas e oleosas. Ou, como disse a Marina, “um pout porri de coisas boas pra pele”. 

A fórmula é super concentrada e completa,  e contém Ácido Hialurônico, Biosaccharide gum-1, matrikinas Pal-GHK e Pal-GQPR, vitamina B3 (Niacinamida), vitamina B5, Aloe Vera e Chá Verde.

Juntos, esses ativos ajudam a hidratar, reparar, acalmar, melhorar a resistência  e elasticidade, além de oferecer ação antioxidante, que protege a pele do envelhecimento precoce.

Sérum Facial Pot Pourri Marina Smith juro valendo

Amo ácido hialurônico e já falei dele muitas vezes aqui no blog, assim como a Niacinamida, que minha pele ama.

Essa vitamina, que tem uma ótima penetração cutânea,  fortalece a barreira epidermal, melhora a hidratação do estrato córneo, reduz a secreção de sebo e ilumina a pele.

Isso significa que ela ajuda a evitar a propagação e dispersão da melanina e, consequentemente, o escurecimento (manchas) da pele.

Outro ativo que tenho prestado atenção e que consta na fórmula do produto é o Biosaccharide Gum-1, que forma uma espécie de filme que melhora a hidratação, deixando a pele macia e suave, reduz a irritação causada por outros ativos e ajuda na estimulação da síntese de colágeno, o que proporciona mais firmeza na pele.

Sérum Facial Pot Pourri Marina Smith juro valendo

Ah, ele não contém parabenos, corantes, álcool, perfume nem ingredientes de origem animal (nem realiza testes em animais).

Interessante, né? Então vamos pra resenha!

Resenha do Sérum Facial Pot Pourri Marina Smith

A embalagem é plástica, vem com 30 ml de produto e a tampinha é de pump. Gosto que o buraquinho é bem pequeno e sai a quantidade exata, o que evita desperdícios.

A textura parece um gel fluído e leve, sem cor nem toque siliconado, e lembra muito o Minéral 89 da Vichy.

O sensorial é dos melhores: fácil de espalhar, ele é absorvido de imediato, sem deixar vestígios, sabe como é?

A pele não fica brilhosa, melequenta, oleosa, nada disso. O que fica é uma sensação de maciez e suavidade que deixa a pele com um viço bonito, coisa que a gente nota já no início.

Sérum Facial Pot Pourri Marina Smith juro valendo

Outra coisa que gostei demais é que ele não sensibilizou a minha pele, não irritou quando a pele estava bastante sensibilizada (ôooo glória!) nem causou nenhum desconforto.

Também rende muito, já que, no meu rosto, com dois pumps consigo “resolver” o problema.

E, pra completar, tem um mix de funções, agindo como hidratante e anti idade, o que o torna um produto bem funcional.

Pra quem não tem tempo, paciência ou não quer/pode investir em vários produtos, esse dá conta de várias coisas de uma só vez e entrega um excelente resultado.

Falando em resultado, não sei como é seu efeito a longo prazo, mas continuarei usando e divido com vocês, tá?

Sérum Facial Pot Pourri Marina Smith juro valendo composição

É, com certeza, um dos melhores hidratantes para peles oleosas que já usei, e indico fortemente!

Preço e onde comprar

Custa R$109,00 (compre aqui) e é vendido exclusivamente na loja virtual da Sephora, que deveria disponibilizar os produtos também nas lojas físicas, ué!

Alguém já usou? Conta aí o que achou! E me diz qual é o seu hidratante preferido, quero saber!

Beijos, Ju♥

Bora papear mais? Siga nossas Redes Sociais ⇒ Instagram ♥  Twitter ♥ Pinterest ♥Facebook⇒ @jurovalendo

17.05.2018

Anthelios Airlicium FPS 30: Protetor Solar Antioleosidade La Roche-Posay

Clássico dos clássicos para peles mistas e oleosas, o Protetor Solar Antioleosidade Anthelios Airlicium FPS 30, da La Roche-Posay, é um daqueles produtos que indico sempre, porque, além de muito eficaz, tem um sensorial que agrada demais!

E o sensorial sempre foi o grande problema dos protetores para peles oleosas, porque quase todos não só não ajudam no controle da oleosidade como pioram o quadro.

Anthelios Airlicium FPS 30

Não é o caso desse, que tá no rol dos melhores protetores para peles oleosas e me acompanha há tempos!

E como muita gente confunde essa versão com a [XL]-Protect, que tem uma embalagem muito parecida, fui na farmácia e mostrei as diferenças, porque várias de vocês comentaram no grupo do Facebook que tinham confundido.

Todas as versões antioleosidade, com e sem cor, possuem a tarja verde. Você pode conferir tudo isso nos destaques do Instagram, em Pele, ou no grupo fechado do Facebook, em Avisos (clique aqui).

Protetor Solar Anthelios Airlicium FPS 30: Promessas

O  Anthelios Airlicium FPS 30 conta com controle inteligente da oleosidade e umidade, redução imediata dos poros, sensação de pele limpa por até 9h e alta proteção UVA/UVB.

A tecnologia Airlicium contém micropartículas matificantes encapsuladas em 99% de ar, que oferece controle inteligente do brilho, ativado dinamicamente toda vez que a pele produz oleosidade ou umidade

Anthelios Airlicium FPS 30

Indicado para pele oleosa e/ou acneica, possui textura em gel-creme que vai além do toque limpo e seco: não deixa a sensação de filme oleoso, toque gorduroso ou pele brilhosa.

A fórmula é enriquecida com água termal de La Roche-Posay, oil-free, sem parabenos e resistente à água.

A proteção UVA, bem importante pra mim, que tenho melasma, é 13, dentro do que minha dermato indica para realmente proteger das manchas (todo mundo já sabe que consultar um dermato é essencial, certo? Não esquece!).

Protetor Solar Anthelios Airlicium FPS 30: Resenha

Anthelios Airlicium FPS 30

A embalagem é plástica, de bisnaga, com tampa de flip-top que trava bem e vem com 50g de produto.

A textura é de gel-creme, ele é branco e o não tem cheiro de protetor solar (ô glória! hahaha). Isso faz uma diferença enorme pra mim, porque ninguém merece “cheiro de maresia” na cara todo dia! rs

É meu protetor do dia a dia, junto com a versão com cor FPS 70, e aplico em camadas, como venho mostrando no Stories, lá no Instagram (tá salvo nos destaques, em Pele).

Anthelios Airlicium FPS 30

A aplicação em camadas facilita tudo, porque se não usarmos o protetor na quantidade correta, a proteção fica comprometida. E a “dose” certa é de  1 colher das de chá para rosto, orelhas e pescoço.

Ele espalha facilmente, a absorção é rápida e consigo usar 3 camadas dele ou 2 dele e 1 do FPS 70 com cor sem esfarelar.

Aplicando tudo de vez (isso na quantidade ideal), ele fica esbranquiçado a princípio, lógico, porque é uma quantidade grande, mas a gente já sabe que o pulo do gato pra protetor solar é aplicar em camadas, né?

Anthelios Airlicium FPS 30

Usando apenas ele, logo após a aplicação  a pele fica lisinha, aveludada e seca, nada melequenta, mas com uma sedosidade boa, sabe?

Disfarça sim os poros, deixando-os menos aparentes, coisa que observo bem nas primeiras horas de uso, e segura o brilho por bastante tempo aqui em Jee, que é uma cidade quente e seca, e mais ainda em Conquista, que é fria.

Não irrita a minha pele, mesmo nessa fase mais complicada, onde ela está super reativa.

Anthelios Airlicium FPS 30

É  o protetor que mais uso no dia a dia, um achado para peles oleosas!

Preço e Onde Comprar

Ele custa R$ 77,15 na Drogaria São Paulo (comprei aqui) e é vendido em farmácias de todo país.

Pra conferir todas as opiniões das leitoras sobre o Anthelios Airlicium FPS 30 é só clicar aqui. Isso é muito bom porque a gente vê muitas opiniões diferentes, de meninas de peles diferentes, cidades diferentes, com climas diferentes,  né?

Alguém já usou? Conta pra gente o que achou! E pra acompanhar o nosso Especial Protetor Solar é só clicar no Peles Que Contam Histórias e ficar de olho no stories do Instagram (@jurovalendo), onde tem testes e usos de produtos em tempo real.

Anthelios Airlicium FPS 30

Beijos, Ju

Bora papear mais? Siga nossas Redes Sociais ⇒ Instagram ♥ Snapchat ♥ Twitter ♥ Pinterest ♥Facebook⇒ @jurovalendo

* Publicidade

Página 1 de 4112345
O que você acha do JV?
Acompanho há anos, é meu blog queridinho, com certeza ! <3 Não compro nada para cabelos ou pele sem antes ver se a Jú já…
As leitoras mais incríveis da vida
  • 📓📑📙📚
.
.
.
#bienaldolivrosp #bienaldolivro #bienal2018 #taacabandoasfotos #jurovalendo #foitop #leitura #lerévida #amoler
  • 🦄Mais que fofinhos 🦄
. 😏🙈
.
.
.
#bienaldolivrosp #bienaldolivro #bienal2018 #unicornio #unicornioparty #tevefotosim #taacabandoasfotos #jurovalendo
  • A uns 3 anos atrás eu estava em busca de referências sobre produtinhos de pele baratos, além de cremes baratos para poder fazer o cronograma capilar certinho. E daí joguei no google as palavrinhas de busca e quem me apareceu? Esta linda aí de cima: a Ju. E fiquei encantada e viciada no blog dela. Pois as resenhas são extremamente detalhadas e bem feitas. E ela é bem vida real sabe? Usa coisas que a gente pode comprar e ter um efeito massa, como também opções mais caras que estão no mercado. Além das resenhas de livros ❤, perfumes, de vida, experiências. Ela mostra que somos felizes e lindas do jeitinho que Deus nos fez, e que se não estamos satisfeitas, podemos mudar com equilíbrio, cuidado e a ajudinha de produtinhos de beleza corretos hahhaha
É mãe de varios bichinhos, o que só por aí já se percebe que é do bem 😊. É mãe do Ozzynho, de gatinhos, cágado e dos agregados que aparecem na casa dela, pois os animais conhecem onde existe amor 😍 #energiapositiva. 
A Leonina mais inshalá que existe! Bonitona cheia dos
Quer ver a sua foto publicada aqui no blog?
Poste no instagram uma foto com a hashtag
#JuroValendo