28.07.2015

Melasma: 8 Cuidados Essenciais Pra Tratar o Problema

Uns dois ou três anos atrás, numa consulta dermatológica, coloquei o rosto dentro de uma maquininha e fiquei em estado de choque com a aparência interna da minha pele, porque a verdade é que “por dentro” ela parecia extremamente manchada, mesmo que externamente a coisa fosse infinitamente mais branda. Foi aí que comecei um relacionamento sério com o tal do melasma, essa praga.

Nesse aparelhinho vi manchas mais claras e mais escuras, e minha dermato explicou que as manchas claras é que eram as mais problemáticas, porque significava que o pigmento estava mais profundo.

Então, eu teria que levar a coisa a sério pra evitar que, em pouco tempo, a minha pele ficasse, a olho nu, como estava lá na maquininha.

Ela me orientou direitinho, como expliquei nesse post aqui, e receitou algumas coisas, que já postei aqui no blog, mas já falo mais sobre isso.

De lá pra cá, venho cuidando da pele, claro que com alguns “escorregões”, e quero compartilhar o que mais tem feito diferença!

Tratamento Para Melasma em 8 passos

melasma como tratar

1. Melasma ? Filtro solar é rei!

Eu moro em uma cidade extremamente quente, e isso facilita, e muito, o surgimento e a piora das manchas, então a recomendação número um, a mais importante, é caprichar no protetor solar!

Mas não é qualquer protetor solar, porque ele o ideal é que ele tenha o PPD acima de 12, coisa que é pouco divulgada por aqui.

A questão é que são os raios UVA os maiores causadores de manchas, e a medida de proteção desses raios é o PPD, que quase não aparece nos filtros solares nacionais.

Expliquei tudinho sobre isso nesse post aqui e recomendo demais a leitura: Como Identificar a Proteção Contra os Raios UVA.

A princípio, a recomendação era que eu aplicasse o protetor solar 4 vezes ao dia, mesmo estando dentro de casa (Sim, mesmo dentro de casa a gente precisa aplicar filtro solar, e expliquei isso nesse post aqui), e eu só parei de seguir essa recomendação quando comecei a usar o Bioré Rosinha, meu filtro solar preferido (resenha aqui), que tem o PPD super alto e é mega resistente, do tipo que só sai com demaquilante bifásico, mas se vou me expor diretamente ao sol, reaplico mesmo assim, porque prevenção é tudo!rs

No mais, minha dermato disse que filtro solar com cor não era indicado no meu caso, e expliquei os motivos nesse post aqui, e que a aplicação do filtro solar,  pra ser eficaz, deveria ser feita numa quantidade que, nem de longe, eu pensava em usar, e sugiro que você leia esse post aqui pra entender certinho como a coisa funciona.

Ou seja, tem melasma? O investimento maior tem que ser no filtro solar, seu melhor amigo, então pague pelo melhor, e pague sem pena!

2. Filtro solar em cápsulas 

Além do filtro solar de uso tópico, minha dermato recomendou um reforço: o filtro solar em cápsulas!

O meu é formulado com picnogenol, vitamina C, vitamina E, selênio e zinco, e tomo uma cápsula ao dia, mas nunca quando tomar café, já que o café interfere na absorção da vitamina C, o que acabaria com o efeito do bonitinho aí.

Postei a fórmula do meu filtro solar em cápsulas nesse post aqui, mas existem alguns que são vendidos em farmácias, e falei mais sobre isso nesse post aqui.

melasma como tratar

Ele funciona como um coadjuvante, que vai garantir ainda mais proteção pra pele, então nem pense em substituir o filtro de uso tópico por ele, tá?

E sim, sinto uma diferença bem boa com ele, que, além de proteger a pele, é rico em antioxidantes e previne o envelhecimento.

3. Melhor Clareador

Sim, os clareadores são maravilhosos e vão ajudar a combater o problema, clareando as manchas, mas nem pense em usar um produto desse tipo sem orientação do seu dermatologista, porque os riscos de ganhar manchas maiores e mais difíceis de sair são enormes!

No mais, só o seu dermato, após avaliar a sua pele, vai definir qual o melhor tratamento pro seu caso, quais produtos são os mais indicados pra clarear as manchas, estabilizar e impedir que elas voltem.

Minha dermato receitou uma fórmula pro dia e uma pra noite, que usei por vários meses e deram excelentes resultados, mas por teima parei de usar, porque queria testar outras coisas aqui pro blog, mas agora em agosto volto lá e peço minhas fórmulas de novo!

Postei as fórmulas aqui no blog, mas só a título de referência, porque, ainda bem, elas não podem ser feitas sem receita, o que é muito bom, porque, como falei acima, esse tipo de produto tem que ser receitado por um dermatologista, de acordo com as necessidades da sua pele.

Pra quem quiser conferir, a fórmula pro dia é essa aqui e pra noite é essa aqui (é só clicar onde está em negrito).

4. Cuidado com o anticoncepcional!

Não existe uma causa definida para o melasma, mas sabe-se que ele está relacionado com fatores como a exposição solar, a gravidez, a predisposição genética, ao uso de determinados medicamentos, a fatores hormonais e, também, ao uso de pílulas anticoncepcionais.

Isso significa que quem tem melasma não pode usar pílulas anticoncepcionais?

Não, isso significa que é essencial conversar com o seu dermato e com o seu dermatologista sobre a melhor opção pro seu caso, que geralmente contém uma quantidade menor de hormônios.

melasma como tratar

5. Mantenha o estresse e a ansiedade sob controle!

Apesar de não existirem provas “definitivas” sobre isso, minha dermato ressaltou que tanto o estresse quanto a ansiedade pioram o melasma.

Depois disso fui procurar informações na net, vi vários estudos sobre o assunto e acho que faz todo sentido, já que, quando o estresse e a ansiedade tomam conta, liberamos diversos hormônios que podem sim agravar o problema.

6. Resistência a insulina: cuidado!

Outra coisa que minha dermato explicou foi que, apesar de não existem, ainda, provas científicas, é fato que a resistência a insulina também está relacionada ao melasma, assim como o excesso de peso, coisa que a Dr. Denise Steiner também já abordou nesse post aqui.

Ou seja, se você, como eu, tem resistência a insulina, é preciso tratar isso, tanto pra melhora da sua saúde quanto pra obter melhores resultados no clareamento das manchas.

7. Depilação: escolha o melhor método!

Quem depila o buço precisa ter bastante cuidado com o método escolhido, porque quando o método agride a pele, como a cera, por exemplo, a tendência é que a pele pigmente mais, o que causa manchas.

E, conselho de amiga: fuja dos cremes depilatórios!

Já vi vários casos em que eles causaram manchas de difícil remoção.

Eu, que tenho medo do laser, uso a pinça, tanto no buço quanto na sobrancelha, que é uma opção mais segura.

8. Mudança de hábitos e melasma

Se você quer que as suas manchas clareiem e que seu melasma não piore, tem que mudar de hábitos.

É preciso evitar a exposição solar em horários de sol mais forte.

É preciso proteger o rosto não só com filtro solar, mas com o uso de chapéu quando vai a praia ou piscina.

É preciso fazer do filtro solar o seu melhor amigo, usar corretamente os clareadores recomendados e ter disciplina, o que é chato sim, mas é melhor, muito melhor do que ficar com a pele toda manchada, né?

E se você tiver mais alguma dica, compartilhe aí!

Beijos, Ju♥

10.06.2015

Suavicid para Clarear Manchas

Um dos meus compromissos pra esse inverno é voltar na minha dermato e fazer exatamente tudo o que ela mandar, porque, como falei nesse post aqui, fui meio negligente esse ano, parei de usar as fórmulas prescritas e passei a testar alguns produtos “de farmácia”,  inclusive o Suavicid.

Sei que estou errada, mas comecei a usar o Suavicid por conta própria, porque tinha 2 tubinhos aqui, que deveriam ter sido usados tempos atrás pra tratar o meu melasma e acabei não usando. É que antes da minha dermato ter receitado minhas fórmulas, passei por uma outra dermato por causa de uma dermatite e ela receitou o Suavicid pra clarear minhas manchinhas faciais, só que comprei e não usei.

O que é e Para que Serve suavicid?

suavicid

Mas, como foi receitado por uma dermato e o produto  tem ativos que sempre usei, como o ácido retinoico (tretinoína) e a hidroquinona, achei que valia tentar até conseguir marcar com a minha dermato, sabe? Não está certo, eu sei disso, mas a fórmula dele é a mesma do Vitacid Plus, do Triderm e do Tri-Luma, que já usei antes e não tive problemas.

Antes de começar, já aviso que o Suavicid só é vendido com prescrição médica, então o intuito do post é somente contar a minha experiência sobre um produto bem conhecido. Ou seja, não dá pra fazer a louca e sair comprando, tem que falar com o seu dermato antes, e se ele achar que o produto é adequado pra você, aí sim, com a receitinha mão e acompanhamento médico você pode começar a usar,  até porque hidroquinona é um perigo e pode causar danos sérios, tá?

suavicid

Clareia Manchas sim!

O Suavicid é um creme dermatológico composto de 0,1% fluocinolona acetonida, hidroquinona 4%, tretinoina 0,5% (a famosa fórmula Kligman), indicado para tratamento de melasma e age clareando as manchas gradativamente, com resultados que aparecem após 4 semanas de tratamento.

A embalagem dele é de bisnaguinha e vem com 15g de produto. A textura cremosa, ele é amarelo esverdeado e o cheiro é confortável.

Ele só deve ser usado no período noturno, com a pele limpa, e não deve ser aplicado ao redor da boca, dos olhos e do nariz. A aplicação deve ser feita apenas na área da mancha e em quantidade bem pequena, espalhando bem até que o produto desapareça na pele.

suavicid-para-manchas-e-melasmaTenho usado 3 vezes na semana, e desde que comecei a usar suspendi o uso de produtos que possam irritar a pele, principalmente os que contém álcool, e não tive nenhum tipo de reação, como irritação ou vermelhidão na face.

Ele não deixa minha pele oleosa, não causou ressecamento nem deixou a pele descamando, e tem uma ação bem boa no clareamento da pele, o que comecei a notar, de forma suave,  já na terceira semana de uso. No mais, tem mantido meu melasma sob controle.

Apesar de ter gostado bastante, ainda prefiro a fórmula que minha dermato passou, que é bem mais completa, e acho que minha pele fica mais bonita com ela. Mas, enquanto não volto lá, o Suavicid tem segurado a onda direitinho!

Funciona na pele oleosa?

suavicid-para-manchas-e-melasma

Uma coisa que é preciso ressaltar é que o uso de filtro solar durante o dia, mesmo que você fique em casa, é obrigatório, porque os clareadores sensibilizam a pele, e se você não usa filtro solar a pele pode queimar e ganhar manchas ainda piores. Já vacilei uma vez, tempos atrás, e minha pele queimou mesmo, então não cometam esse erro!

E, outra coisa, quando estiver usando clareadores ou qualquer coisa que sensibilize a pele, não passe perfume ou nada que tenha álcool no rosto, porque isso pode irritar muito a pele.

Ele é vendido em farmácias (com receita médica!) e o preço é de R$36,00. Alguém já usou? O que achou?

Beijos, Ju ♥

Quer mais dicas como essa? Siga nossas Redes Sociais ⇒ Instagram ♥ Snapchat ♥ Twitter ♥ Pinterest ♥Facebook⇒   @jurovalendo

07.05.2015

Buço Manchado: Como clarear o buço?

Todo mundo já deve ter percebido que eu tenho o buço manchado, né? Já falei disso por aqui e, juro valendo, é uma das coisas mais chatas de tratar, porque essa mancha é praticamente um encosto, não me larga por nada, embora esteja bem mais discreta.

No meu caso, a causa da mancha foi, digamos, “farrista”… Sabe caipirinha?

Pois é, tomar caipirinha no sol escaldante aqui da Bahia não é uma boa ideia, e depois de um final de semana a base de caipirinha, num verão delicioso, ganhei manchinhas persistentes que testam minha paciência há mais de dois anos!

Ah, sim, limão mancha a pele sim, então cuidado com essas “receitas caseiras” pra clarear a pele, viu? Já vi algumas com limão, e até fiz um post aqui falando sobre isso (Receitas caseiras pra clarear a pele: funcionam?), e o meu conselho é jamais aplicar limão na pele, jamais!

buço manchado queimado como tratar

Como Tirar Mancha do Buço

Pra começar, a melhor recomendação que posso fazer: procure um dermato! Garanto que você vai gastar muito menos do que se insistir em “tratar por conta própria”, porque esse tipo de mancha não sai facilmente, e no geral o dermato indica algum produto manipulado, que tem uma concentração maior de ativos e sai mais barato.

Além disso, o tratamento adequado vai depender da causa da mancha, que pode ser em decorrência dos raios solares, do uso do anticoncepcional, da depilação, de alterações hormonais, da gravidez, da predisposição genética, dentre muitas outras coisas. Ou seja, é preciso saber a causa pra, aí sim, indicar o melhor produto, o melhor tratamento.

A minha dermato, por exemplo,  deu várias recomendações essenciais pra tratar essa e outras manchinhas na minha pele, como mostrei nesse post aqui.

buço-manchado-queimado-como-tratar

Como clarear o buço? Filtro Solar é Rei!

A coisa mais importante pra quem está tratando manchas é o filtro solar. Não vai adiantar nada usar produtos e fazer tratamentos em consultório se a sua pele não estiver devidamente protegida o dia todo, todo dia.

Uma coisa que aprendi com minha dermato é que, no caso de manchas e melasma, o protetor solar só será realmente eficaz na proteção se o PPD for maior que 12. Nunca ouviu falar disso? Então, deixa eu te contar: o responsável pelas manchas são os raios UVA, e pra ver qual a proteção oferecida contra esses raios a gente precisa olhar qual é o PPD, que não vem em quase nenhum filtro solar.

Mas, fiz um post aqui mostrando como identificar tudo certinho (clique aqui), e o protetor que uso hoje é o Bioré rosinha (resenha aqui), uma maravilha que tem feito muita diferença na minha pele!

Como moro numa cidade muito quente, uma das mais quentes do país, e como isso piora tudo, minha dermato também recomendou a ingestão de cápsulas de protetor solar, porque sim, isso já existe, e embora não substitua o filtro de uso tópico, ajuda muito na proteção! Falei dele nesse post aqui ó:  Filtro Solar em Cápsulas.

Ah, e a fórmula do meu filtro solar em cápsulas tá nesse post aqui (clique aqui), e é o que uso até hoje e não abro mão!

buço-manchado-queimado-como-tratar

Buço Manchado: É preciso reaplicar o filtro solar!

E aqui vale dizer: o filtro precisa ser reaplicado ao menos uma vez ao dia, mesmo que você fique dentro de casa. Eu reaplicava 4 vezes ao dia por recomendação da dermato, mas depois do Bioré rosinha, que é extremamente resistente e só saí com demaquilante bifásico, não sinto essa necessidade.

Se você usa outro protetor e trabalha fora, vale dar uma olhadinha nesse post aqui pra saber como reaplicar o filtro solar sem remover a maquiagem.

E, mais uma coisa: tem que aplicar o filtro solar do jeito certo, nas quantidades certas, senão não vai adiantar, e sobre isso falei nesse post aqui.

Buço Manchado: Ativos Que Ajudam a Clarear

Além dos uso constante de filtro solar, o dermato vai indicar algum produto com ativos clareadores específicos para ajudar no buço manchado, geralmente vendidos com receita, já que a concentração de ativos é mais alta.

Existem muitos, e os mais usados são a hidroquinona, eficaz mas controversa, os retinoides, o ácido azeláico, o ácido mandélico, o arbutin, o ácido kójico e a vitamina C. Já falei deles todos no post de como clarear a pele, e se ficou interessada é só clicar aqui.

buço-manchado-queimado-como-tratar

Além dos produtos de uso tópico, existem vários tratamentos feitos em consultório que ajudam bastante, como os peelings, a luz intensa pulsada e o laser fracionado, por exemplo.

Usei uma fórmula manipulada por muito tempo (e deveria estar usando ainda! rs), mas hoje uso vitamina C e ácido retinoico (tentando voltar…), mas já falo sobre tudo isso em vídeo, tá? Também fiz peeling e farei de novo agora no inverno, porque ajuda demais!

Buço manchado: Dicas Extras

1. Vale apostar em produtos (hidratantes e/ou filtro solar) que contenham ativos antioxidantes, como a vitamina C e a vitamina E, por exemplo, que ajudam a proteger a pele.

2. Existem suplementos que ajudam a prevenir as manchas e são bons coadjuvantes no clareamento, como os que contém ácido elágico e ômega 3 e 6, mas eles devem ser receitados por um dermato e podem ser manipulados.

3. Muito cuidado ao depilar o buço com cera e, principalmente, com cremes depilatórios, que são uma das maiores causas de mancha no buço. O ideal pra essa região é a depilação a laser, ou, pra quem, como eu, é “covarde pra dor”, o uso da pinça ou da mola.

buço-manchado-queimado-como-tratar

4. Jamais depile o buço antes de se expor ao sol. O ideal é dar uma pausa de 5 dias após o uso de qualquer método que arranque o pelo pela raiz, pois mesmo que a gente não veja, a região ficará irritada e mais sensível aos raios solares, manchando mais facilmente.

5. Ao se expor ao sol, use e abuse do chapéu! Depois dessa mancha eu nunca mais tomei sol sem chapéu, e daqueles de aba grande, pra proteger o rosto todo. Faz diferença!

BB Cream? Cuidado!

6. Muito cuidado ao substituir o filtro solar pelo BB Cream, porque, via de regra, eles não oferecem a proteção necessária, mas expliquei isso direitinho nesse post aqui.

Contudo, o uso de BB Cream ou base por cima do filtro solar é de grande ajuda, já que eles vão funcionar como uma barreira física contra os raios solares, o que não pode é substituir o filtro solar pela maquiagem, como falei nesse post aqui.

7. Embora não exista comprovação científica ainda, minha dermato fala que, segundo relato dos próprios pacientes, o estresse, a ansiedade e a resistência à insulina pioram as manchas. Portanto, cuidado aí!

Já passou por isso e tem mais alguma dica pra quem tem buço manchado? Compartilhe aí!

E se quiser mais dicas atualizadas sobre buço manchado é só conferir nosso Instagram!

Beijos, Ju ♥

Quer mais dicas como essa? Siga nossas Redes Sociais ⇒ Instagram ♥ Snapchat ♥ Twitter ♥ Pinterest ♥Facebook⇒   @jurovalendo

O que você acha do JV?
Simplesmente o melhor blog! Única blogger que eu confio de olhos fechados, se Ju falou, tá falado, tem discussão não! maravilhosaaaaaa! Não compro nada sem…
Óleo de Rosa Mosqueta Salva a Pele! Óleo de coco salva o cabelo! 5 Formas de usar Água Termal Cabelo Comprido em 5 dicas fáceis! Desodorante Natural de Cristal é tudo de bom! Pele bronzeada perfeita com 5 dicas infalíveis! Saiba qual argila é melhor pra sua pele! Cabelo Loiro No Verão: Como cuidar?