Vizcaya
10.11.2016

Receita Caseira para Clarear Virilha

Essa semana fiz um post aqui sobre como clarear a virilha, e prometi voltar com um post sobre  receita caseira para clarear virilha, então vamos lá!

Sempre fui partidária de receitas caseiras, cês sabem. Muitas funcionam sim e quebram o maior galho. Mas, acho que tudo precisa ser feito com cuidado, porque existem receitas que funcionam, que não funcionam e também as que pioram o problema e fazem o maior estrago.

Quando se trata de pele, meu cuidado é mil vezes maior, porque sei o quanto isso é importante pra gente, o quanto uma mancha, por exemplo, nos afeta. Então, tudo precisa ser feito com responsabilidade, analisando os riscos que as substâncias a serem usadas oferecem,  que é exatamente o contrário do que ando vendo por aí.

Já vi dezenas de receitas para clarear a pele com Maizena, água oxigenada, vinagre,  talco, fubá, bicarbonato de sódio, aveia, arroz e até limão, o que, pra mim, é o pior.

receita caseira para clarear virilha

Creme Caseiro para clarear virilha

O que eu indico é procurar um dermatologista, pois ele vai indicar o melhor produto para o seu caso. Mas, caso nesse momento você não possa, algumas coisas acessíveis e seguras podem ajudar.

Pra começar, o óleo de rosa mosqueta, que é rico em vitamina C e em ácidos trans-retinoicos, e realmente ajuda a clarear, suavizar e regenerar a pele. Já falei sobre esse óleo nesse post aqui.

O Hipoglós também pode ajudar, e prefiro a versão de amêndoas, que contém vitamina A, E, lanolina, óxido de zinco  e óleo de amêndoas. Além de ajudar a dar uma suave clareada, por causa da vitamina A, é emoliente, então vai ajudar a evitar o atrito , que piora o problema. Já falei sobre o Hipoglós nesse post aqui.

Lembram da receitinha famosa da Glória Maria (post aqui)? Ela também pode ajudar!

O Bepantol, o Creme Nivea e outros hidratantes podem ajudar no sentido de prevenir o atrito e melhorar a textura da pele, mas não vão reduzir as manchas em si.

E é bom lembrar que o efeito dessas misturinhas é bem suave, tá? Esse final de semana vou postar lá no canal do Youtube uma receitinha caseira que é ótima para ajudar a clarear virilha e axilas, se inscrevam lá que, tenho certeza, vocês vão gostar!

Limão clareia a pele?

Limão não clareia a pele, e não importa se você usa durante o dia ou durante a noite, ele pode manchar, e manchar feio.

Ao entrar em contato com a pele, o limão, como já expliquei nesse post aqui, consegue penetrar na epiderme e por lá fica por até 7 dias, que é o tempo que a pele leva pra gerar a descamação. Durante esses 7 dias, mesmo que tenha sido aplicado a noite, o limão está ali na sua pele, de modo que o contato do sol, por menor que seja, pode levar a uma “queimadura” conhecida como fitofotodermatose, que, simplificando, causa manchas escuras, bolhas e pode deixar cicatrizes.

eceita caseira para clarear virilha

Ou seja, além de não clarear, ele pode causar uma mancha difícil de ser tratada, e falo isso por experiência própria. A minha mancha no buço foi causada por uma caipirinha na praia, mesmo com o rosto ensopado de filtro solar. Tem anos que gasto os tubos pra tratar e até hoje ela continua no mesmo lugar. Mais clara, porque trato muito, mas ainda aqui.

Então, nem pensem em usar nenhuma receita com limão pra clarear a virilha, não vai funcionar e pode piora muito o problema!

Maizena, fubá e aveia clareiam a pele?

Lembro que minha avó tacava Maizena na gente quando a pele irritava, e realmente “acalmava” a pele, mas ela não possui propriedades clareadoras.

A aveia, dizem, ajuda a clarear, mas não acredito que aplicar aveia com leite na pele vá clarear um tipo de mancha que, via de regra, é bem resistente. Fora que a aveia, assim como o fubá, que muita gente também usa, são substâncias granuladas, que geram mais atrito, e atrito, como a gente sabe, é uma das maiores causas dessas manchas.

Água Oxigenada e Bicarbonato de Sódio clareiam virilha?

Já viram uma receitinha com água oxigenada volume 10 e bicarbonato de sódio pra clarear a pele? Ela é ótima ara unhas amareladas, mas pra pele a coisa é diferente, amiga. São substâncias irritantes, que podem agredir a pele e causar queimaduras. E isso, claro, vai piorar, e muito, as manchas.

eceita caseira para clarear virilha

Ou seja, é preciso ter cuidado, gente. Evitem qualquer coisa que cause atrito e mantenha a região sempre hidratada, isso ajuda muito.

E não esquece: se inscreve lá no canal que no sábado tem uma receita para clarear virilha e axilas que é super boa, segura, barata e fácil de fazer. Espero vocês lá!

E se tiver alguma dica de receita caseira para clarear virilha que possa ajudar, divide aí com a gente!

Beijos, Ju♥

Quer mais dicas como essa? Siga nossas Redes Sociais ⇒ Instagram ♥ Snapchat ♥ Twitter ♥ Pinterest ♥Facebook⇒   @jurovalendo

Vizcaya
09.11.2016

Ácido Tranexâmico Para Manchas, Melasmas e Olheiras

Como vocês sabem, eu adoro ácidos, adoro! E hoje vamos falar sobre um deles, o ácido tranexâmico, que, entre outras coisas, é indicado para tratar manchas, melasmas e olheiras.

Ácido, pa mim, é amor! Eles podem até ser mais agressivos, mas agem mais rapidamente. E como mancha é um troço que incomoda, rapidez é tudo, né? E eficácia também, lógico! rs

Ácido tranexâmico: para que serve

O ácido tranexâmico (ATX) é mais conhecido por sua ação antifibrinolítica, sendo comumente utilizado no tratamento e profilaxia de quadros hemorrágicos. Mas, já há algum tempo ele vem sendo utilizado em hipercromias, que são as manchas decorrentes de desordens de pigmentação, ou seja, os melasmas.

ácido tranexâmico manchas melasma olheiras

Também é eficaz para tratar outros tipos de hipercromias que não as melanodérmicas, como as olheiras, por exemplo.

Ácido Tranexâmico para melasma

No Congresso Mundial de Dermatologia de 2015, bem como no último Congresso da Academia Americana de Dermatologia e no Congresso Brasileiro de Cirurgia Dermatológica o uso do ácido tranexâmico foi bastante discutido no tratamento do melasma, sobretudo quando utilizado por via oral.

É que essa substância previne a ativação do melanócito pela radiação ultravioleta e também por outros estímulos, como o estresse, o hormonal e o mecânico, por exemplo, o que o torna um importante adjuvante no tratamento do melasma.

É importante falar isso, porque até o momento não existe cura para o melasma. Trata-se de uma discromia crônica, de tratamento constante, o que garante a redução e o controle do problema, mas não a sua cura.

Se alguém te promete a cura, tá mentindo. Pode perguntar a qualquer dermatologista, tá? Tenho melasma no buço, trato há anos e ele nunca desapareceu. Está menos evidente, mais claro, mas continua lá. E no verão ele sempre piora, viu? Já aviso logo!

O ácido tranexâmico não é um clareador

Outra coisa relevante em relação a esse ácido, é que o seu mecanismo de ação está associado ao sistema de proteção da pele. Importante lembrar que o ácido tranexâmico não é um clareador, mas sim, como bem disse a dermatologista Denise Steiner, “um inibidor da cascata inflamatória gerada pelo sol, que após atingir o DNA das células (queratinócitos) que por sua vez repercute no melanócito devido à formação de plasmina.”

ácido tranexâmico manchas melasma olheiras

Seu uso oral, que também possui ação anti-inflamatória, já vem sendo utilizado por dermatologistas, assim como a versão tópica e injetável, que tem se mostrado a mais eficaz.  já existem trabalhos científicos do mundo inteiro que atestam a sua eficácia.

Seu uso no tratamento do melasma foi relatado pela primeira vez no final da década de 70, no Japão, e de lá pra cá muitos outros estudos foram feitos. Eles, inclusive, possuem um produto chamado Transino, que contém ácido tranexâmico,  piridoxina, cisteína, ácido ascórbico e piridoxina e pantotenato de cálcio que dizem ser milagroso para o melasma!

Aqui no Brasil, por exemplo, existe um estudo feito no ambulatório de residência médica em dermatologia da Universidade de Mogi das Cruzes, com pacientes com idade entre 23 e 52 anos, que usaram durante 12 semanas esse ácido na forma tópica e injetável.

O estudo concluiu que, na forma injetável, 66,7% dos pacientes notou melhora no melasma. Já no uso tópico, 37,5% dos pacientes sentiram diferença.

O uso injetável é o que vem sendo mais utilizado, justamente por ser mais eficiente, e o tratamento varia de pessoa para pessoa. Geralmente são indicadas de 6 a 8 aplicações, que são semanais.

As manchas amenizam bastante e a manutenção do resultado depende muito dos hábitos do paciente, sobretudo do uso do filtro solar diariamente, e da forma correta.

ácido tranexâmico nas olheiras

Existem vários tipos de olheiras, e cada uma pede um tratamento diferente, porque as causas são diferentes.

ácido tranexâmico manchas melasma olheiras

No caso das olheiras mistas, que é o tipo mais comum, o ácido tranexâmico é indicado e pode ser de grande ajuda, já que, dentre outras coisas, previne a pigmentação induzida pelos raios UV.

Como qualquer outro tratamento para olheiras, ele não garante a cura, muito menos sozinho.  Até porque, ,vale lembrar,  olheira é o tipo de coisa que você vai precisar tratar sempre (a depender da causa). Ah, e os produtos tópicos ajudam a prevenir a formação das olheiras e amenizar a sua aparência, mas não  fazem milagre.

Já vi vários produtos manipulados para olheiras contendo esse ácido e outros ativos, e os preços não são super altos, ficam abaixo de R$100,00.

Quem pode usar?

Como qualquer outro produto, existem contra indicações. E, nesse caso, é preciso tomar bastante cuidado, sobretudo no uso oral e injetável. Ele não deve ser usado em pacientes com coagulação intravascular, por causa do risco de trombose, e em pacientes que tenham pré-disposição a trombose.

No caso do uso oral, vamos simplificar: ele é um anti hemorrágico e pode causar trombose, cujo risco é ainda maior pra quem faz uso da pílula anticoncepcional. Ou seja, a maioria das mulheres.

Então, nem pense em fazer a louca e usar sem orientação médica, tá? Só o seu médico pode dizer o que é melhor para o seu caso, se essa ou outra substância, e se você pode ou não usá-la.

ácido tranexâmico manchas melasma olheiras

Pele manchada: mais informações

Vou deixar alguns links que podem ajudar quem tem manchas, tá?

Alguém já usou esse ácido? Conta aí o que achou, quero saber!

Beijos, Ju♥

Quer mais dicas como essa? Siga nossas Redes Sociais ⇒ Instagram ♥ Snapchat ♥ Twitter ♥ Pinterest ♥Facebook⇒   @jurovalendo

08.11.2016

Como Clarear Virilha? #PapoCalcinha

Hoje tem papo calcinha por aqui, e o tema mais pedido por vocês foi, de longe, como clarear virilha! Esse é um problema bem comum, que quase toda mulher, em algum momento, vivencia, então vamos papear sobre isso sim!
Mas, como sempre, vamos começar do começo pra ficar tudo bem explicadinho!

Virilha Escura:  Causas

Antes de falar em como clarear a virilha, é essencial descobrir o que causou esse escurecimento, qual a causa exata dessas manchas, pois para cada causa existe um tratamento diferente, e o problema não será resolvido enquanto o fator causal não for tratado.

como clarear virilha

Ou seja, é tratando a causa que se resolve o problema!

Como a virilha é uma região de “dobra”, com pele mais fina e sensível, é mais comum a ocorrência da umidade e também da hiperpigmentação, então é preciso ficar atento a vários detalhes, já que as causas dessas manchas podem ser muitas.

Pra não deixar o post imenso, vou citar apenas as mais comuns:

  • Alterações hormonais, como as que ocorrem na gestação, por exemplo.
  • Alergias e irritações
  • Depilação (cera, lâmina e cremes depilatórios)
  • O atrito da pele com a roupa
  • O atrito de uma coxa com a outra, comum em quem tem pernas mais grossas e/ou é mais cheinha.

Além disso, existe uma patologia chamada acantose nigricans, que gera um tipo de lesão com machas de aparência aveludada nas áreas de dobras e pregas cutâneas, como na virilha,  que está relacionada, dentre outras coisas,  a diversas doenças, como a resistência à insulina, a diabetes, ao carcinoma gástrico, a obesidade, distúrbios endócrinos, além do uso de alguns medicamentos, como corticosteroides, contraceptivos orais (a pílula!), a insulina e o hormônio do crescimento, por exemplo.

Então, só um médico pode, ao vivo, determinar qual a real causa do escurecimento da sua virilha e, assim, recomendar o tratamento adequado.

Como evitar que a virilha fique escura

Alguns cuidados básicos, que podem ser facilmente inseridos na nossa rotina, reduzem o risco de manchas na virilha e evitam que o problema piore, que elas fiquem maiores e mais escuras. Os principais são esses:

como clarear virilha

1. Evite depilar com lâmina. O atrito, nesse caso, é maior. Caso não tenha outra opção, use cremes ou espuminhas deslizantes. Uso um sabonete íntimo da Nivea que é próprio pra isso e amo, porque sou covarde pra dor e não encaro nenhum outro método! haha

2. Cuidado com a depilação com cera. Se a sua pele é sensível e/ou alérgica, evite a depilação com cera, sobretudo a quente. Jamais se exponha ao sol imediatamente após a depilação a cera.

3. Sobre a depilação: qualquer depilação pode escurecer e manchar a pele caso ela cause alguma irritação maior. Isso acontece porque quando a pele está irritada, a gente vai coçar, a coisa pode inflamar e, claro, manchar.

4. Se a pele estiver irritada ou assada, não se exponha ao sol. Nesse caso, é indicado o uso de produtos com substâncias calmantes, como a aloe vera, o azuleno ou a alantoína. A água termal também ajuda!

5. Pra evitar o atrito excessivo, use cremes hidratantes, “deslizantes”. Bepantol (e genéricos) é ótimo pra isso, assim como a geleia de vaselina, da Vasenol. Mas, já faço um post com dicas pra evitar o atrito entre as coxas.

6. Nos dias mais quentes evite roupas muito apertadas e de tecidos sintéticos, que favorecem o atrito e pioram o problema.

Como Clarear a Virilha: Cremes e tratamentos

Existem vários tratamentos possíveis para clarear a virilha, tanto para uso em casa quanto feito em consultório. Mas, só quem pode indicar o melhor tratamento para o seu caso é um dermatologista! E não caiam na besteira de investir no creme que funcionou na amiga, na tia ou na prima, porque, como disse acima, para cada causa existe um tratamento específico.

como clarear virilha

Cremes com ativos clareadores e despigmentantes, como o ácido kójico e a hidroquinona, dentre outros, são bastante utilizados . Muitos deles são manipulados com ativos que ajudam a hidratar e acalmar a pele, o que já evita possíveis irritações que poderiam piorar o problema. Ah, e nesses casos o uso do filtro solar diário é essencial, viu?

Existem produtos vendidos em farmácias que também são utilizados, como o Clariderm, por exemplo, e já vi relatos aqui no blog de meninas que usaram o Glyquin XM e o Suavicid e se deram bem, mas, como já disse, o correto é que um médico identifique a causa e passe o produto adequado para o seu caso.

No consultório existem diversos tratamentos que funcionam super bem e entregam um resultado bem mais rápido, como o laser, a luz pulsada e os peelings (não é muito recomendado no caso de manchas causadas pelo atrito), e é consenso que a depilação à laser evita muito esse tipo de problema.

+ Dicas de Como Clarear Virilha

Mas é preciso ficar claro, e isso qualquer dermato te confirma, que  você pode investir em todos esses tratamentos e nos melhores cremes clareadores, mas se não mudar os seus hábitos, se não combater as causas, seja o método de depilação, o uso de roupas muito apertadas e de tecidos sintéticos ou o excesso de peso, por exemplo, os resultados não aparecem.

E, caso apareçam, são pequenos e duram pouco, porque o essencial é combater ou controlar a causa.

No próximo post, que sai ainda essa semana, a gente fala sobre como clarear virilha com receitas caseiras, tá? E se você tiver alguma dica de como clarear virilha, compartilha aí com a gente!

E se quiser mais dicas de como clarear a pele, veja esses posts:

Beijos, Ju♥

Quer mais dicas como essa? Siga nossas Redes Sociais ⇒ Instagram ♥ Snapchat ♥ Twitter ♥ Pinterest ♥Facebook⇒   @jurovalendo

O que você acha do JV?
Ju, amo seu blog!!! suas dicas!!! vc é maravilhosa com sua opinião honesta!!! Sempre quando quero comprar algum produto venho aqui pra ver o que…