Vizcaya
18.08.2016

Kit Antiidade: Os Produtos Que Tenho Amado!

Pele jovem por muito mais tempo!

Faz tempo, e não é pouco, que cuido da minha pele, e vejo isso como um investimento com retorno garantindo, porque, com o uso dos produtos certos, incluindo os antiidade, a pele vai ficando cada vez melhor, o que significa que não vou precisar me preocupar tão cedo com procedimentos mais invasivos.

Quando começar a usar produtos antiidade?

Muita gente tem dúvida sobre quando começar a usar esse tipo de produto, e a regra é que a gente comece com os cuidados básicos o mais cedo possível, porque, como diz meu nutrólogo, o envelhecimento começa no útero! hahaha

Brincadeiras à parte, os cuidados precisam sim começar cedo, e depois dos 25 eles passam a ser “obrigatórios”, porque é quando a produção de colágeno começa a cair, a pele começa a “mudar”, a manchar mais facilmente e as linhas e rugas começam a aparecer.

produtos antiidade juro valendo ju lopes

Quem começa a cuidar mais cedo, lá pelos 20, sai na frente, porque nessa idade a performance metabólica é mais eficaz, então os resultados são melhores, mas nunca é tarde demais pra começar!

O importante é entender que é muito mais vantagem prevenir que remediar, tá? E pra entender um pouquinho mais sobre isso, sugiro esse post: Quando Começar a Usar Produtos Antiidade.

Os produtos antiidade que estou usando

O meu foco maior é proteger a pele pra evitar a formação de manchas, a piora do melasma, a degeneração do colágeno e o envelhecimento precoce.

Pra isso, aposto num bom protetor solar e opto por produtos, além da sua função “original”,  que também ofereçam proteção solar. O que tenho usado há meses é o Bioré Bright Face Milk, que é maravilhoso para peles oleosas, e nas últimas semanas tô testando o Hidratante Multiprotetor Diurno Make B, do Boticário, que tem FPS 50,  PPD alto (+++) e proteção infravermelho.

Uso o ácido retinoico manipulado (já falei sobre os benefícios dele aqui) 2 ou 3 vezes na semana, e é o tipo de produto que uso há anos no inverno e não abro mão, porque faz muita diferença! Pra saber mais sobre ele, dá uma olhadinha nesse post: Ácido retinoico – Faz maravilhas na pele!

Também uso uma vitamina C tópica, pois ela funciona para várias coisas:  ilumina, clareia, refina os poros, atenua rugas, estimula a síntese do colágeno, tem ação antiidade e por aí vai.

produtos antiidade juro valendo ju lopes

Até o final da semana passada estava usando a Nutridetox-C, do Boticário, que é bem boa, mas acabou e voltei para a manipulada, que tem 20% de vitamina C e também ácido hialurônico (5%), que hidrata ajuda demais a pele, como falei nesse post aqui.

Essa vitamina C manipulada é aquela antiguinha da ArtVitta (post aqui, vende aqui), só que agora ela é potencializada pelo ácido hialurônico e tô achando boa, mas preciso de mais tempo pra ver os efeitos e resenhar direitinho pra vocês, tá?

Fora isso, tô usando o Clair, da Profuse, um clareador super leve que pode ser usado durante o dia e tem resveratrol, ácido kójico, alpha-arbutin e vitamina C, além de proteção solar (FPS25).

Já faço um post mostrando como encaixo cada um na minha rotina, mas adianto que não é necessário usar tudo isso. Um bom protetor solar, preferencialmente com antioxidantes, um ácido que ajude na renovação da pele, algo que tenha ação clareadora e um hidrante dos bons é mais que suficiente.

Mas, aí vai depender do seu gosto e do seu bolso, né? Se fosse pra escolher apenas uma coisa, ficaria com um filtro solar maravilhoso, seguido do ácido retinoico e da vitamina C, coisas que não costumo abrir mão!

Ah, também tomo bastante colágeno, tô usando o DMAE em cápsulas e comecei com o Nutricolin, mas falo sobre eles em outro post!

E vocês, o que usam? O que acham que vale muito, que não dá pra abrir mão? Dividam comigo!

Beijos, Ju♥

Siga nossas Redes Sociais ⇒ Instagram ♥ Snapchat ♥ Twitter ♥ Pinterest ♥Facebook⇒   @jurovalendo

 

Vizcaya
10.06.2015

Suavicid para Clarear Manchas

Um dos meus compromissos pra esse inverno é voltar na minha dermato e fazer exatamente tudo o que ela mandar, porque, como falei nesse post aqui, fui meio negligente esse ano, parei de usar as fórmulas prescritas e passei a testar alguns produtos “de farmácia”,  inclusive o Suavicid.

Sei que estou errada, mas comecei a usar o Suavicid por conta própria, porque tinha 2 tubinhos aqui, que deveriam ter sido usados tempos atrás pra tratar o meu melasma e acabei não usando. É que antes da minha dermato ter receitado minhas fórmulas, passei por uma outra dermato por causa de uma dermatite e ela receitou o Suavicid pra clarear minhas manchinhas faciais, só que comprei e não usei.

O que é e Para que Serve suavicid?

suavicid

Mas, como foi receitado por uma dermato e o produto  tem ativos que sempre usei, como o ácido retinoico (tretinoína) e a hidroquinona, achei que valia tentar até conseguir marcar com a minha dermato, sabe? Não está certo, eu sei disso, mas a fórmula dele é a mesma do Vitacid Plus, do Triderm e do Tri-Luma, que já usei antes e não tive problemas.

Antes de começar, já aviso que o Suavicid só é vendido com prescrição médica, então o intuito do post é somente contar a minha experiência sobre um produto bem conhecido. Ou seja, não dá pra fazer a louca e sair comprando, tem que falar com o seu dermato antes, e se ele achar que o produto é adequado pra você, aí sim, com a receitinha mão e acompanhamento médico você pode começar a usar,  até porque hidroquinona é um perigo e pode causar danos sérios, tá?

suavicid

Clareia Manchas sim!

O Suavicid é um creme dermatológico composto de 0,1% fluocinolona acetonida, hidroquinona 4%, tretinoina 0,5% (a famosa fórmula Kligman), indicado para tratamento de melasma e age clareando as manchas gradativamente, com resultados que aparecem após 4 semanas de tratamento.

A embalagem dele é de bisnaguinha e vem com 15g de produto. A textura cremosa, ele é amarelo esverdeado e o cheiro é confortável.

Ele só deve ser usado no período noturno, com a pele limpa, e não deve ser aplicado ao redor da boca, dos olhos e do nariz. A aplicação deve ser feita apenas na área da mancha e em quantidade bem pequena, espalhando bem até que o produto desapareça na pele.

suavicid-para-manchas-e-melasmaTenho usado 3 vezes na semana, e desde que comecei a usar suspendi o uso de produtos que possam irritar a pele, principalmente os que contém álcool, e não tive nenhum tipo de reação, como irritação ou vermelhidão na face.

Ele não deixa minha pele oleosa, não causou ressecamento nem deixou a pele descamando, e tem uma ação bem boa no clareamento da pele, o que comecei a notar, de forma suave,  já na terceira semana de uso. No mais, tem mantido meu melasma sob controle.

Apesar de ter gostado bastante, ainda prefiro a fórmula que minha dermato passou, que é bem mais completa, e acho que minha pele fica mais bonita com ela. Mas, enquanto não volto lá, o Suavicid tem segurado a onda direitinho!

Funciona na pele oleosa?

suavicid-para-manchas-e-melasma

Uma coisa que é preciso ressaltar é que o uso de filtro solar durante o dia, mesmo que você fique em casa, é obrigatório, porque os clareadores sensibilizam a pele, e se você não usa filtro solar a pele pode queimar e ganhar manchas ainda piores. Já vacilei uma vez, tempos atrás, e minha pele queimou mesmo, então não cometam esse erro!

E, outra coisa, quando estiver usando clareadores ou qualquer coisa que sensibilize a pele, não passe perfume ou nada que tenha álcool no rosto, porque isso pode irritar muito a pele.

Ele é vendido em farmácias (com receita médica!) e o preço é de R$36,00. Alguém já usou? O que achou?

Beijos, Ju ♥

Quer mais dicas como essa? Siga nossas Redes Sociais ⇒ Instagram ♥ Snapchat ♥ Twitter ♥ Pinterest ♥Facebook⇒   @jurovalendo

05.05.2014

Como Clarear a Pele do Rosto e Do Corpo?

Bora falar sobre manchas e sobre como clarear a pele? Bora, é pra já!

Ano passado fui na dermato e ela fez uma série de recomendações pra deixar minha pele mais uniforme e mais bonita ( O que aprendi com minha dermato sobre manchas de pele), e segui (quase) tudo direitinho. O problema foi que, quase ao mesmo tempo, meu nutrólogo detectou uma deficiência das grandes de vitamina D, e aí a coisa complicou, porque pra “suprir” essa deficiência eu deveria tomar sol todos os dias por alguns minutos (também uso vitamina D tópica).

O fato é que fazia anos que eu corria do sol e minha cor oficial era de “fantasminha com icterícia”, porque como os raios solares são responsáveis por mais de 80% do envelhecimento, achei que correr do sol fosse uma boa ideia. Fora isso, sempre usei muito ácido, então tinha mesmo que ficar longe do sol.

clarear a pele

Mas como o nutrólogo mandou, tive que voltar a me expor ao sol, e agora no verão notei umas manchas (ninguém vê, mas eu juro que elas estão aqui!), além da que tenho acima dos lábios (tomar caipirinha na praia dá nisso…), daí surtei, né? Gosto de pele limpa, uniforme e bonita, e é assim que quero a minha, sem desculpas.

Daí conversei com uma amiga minha que é dermato (só vou marcar com a minha dermato em junho), e ela me explicou mais ou menos o que existe pra clarear a pele, pra deixá-la mais uniforme.

A pele mancha por vários motivos, mas o fato é que a mancha se forma porque ela (a pele) vai produzir mais melanina com o intuito de ficar mais resistente, e se a agressão, que pode ser o atrito da pele, os raios solares, picada de inseto e outras coisas, for crônica, a mancha fica cada vez mais “resistente” e difícil de sair.

Como Clarear a Pele do rosto?

Como as manchas são bastante comuns, diversos ativos clareadores são lançados pra combater o problema, e não existe “o melhor clareador”, existe aquele que é melhor pra determinada mancha, pra determinada pele, pra determinada situação. Ou seja, a indicação é individualizada e todos possuem “prós e contras”.

clarear a pele

Os mais usados são os seguintes:

1.Retinoides

Os retinoides são os derivados da vitamina A, e eu já falei por aqui do ácido retinoico, que é o ativo que nunca abro mão. Ele não é exatamente um clareador, embora ajude a clarear a pele, mas funciona bem pra potencializar a ação dos outros clareadores, como dá pra ver na fórmula que usei pro período noturno (post aqui).

2. Hidroquinona

É um dos ativos mais usados e dos mais eficientes, mas jamais deve ser utilizado sem indicação e acompanhamento médico, já que pode causar efeitos colaterais nem um pouco agradáveis, como manchas de pele. Já usei o Glyquin e o Tri-Luma, que dá pra comprar em farmácia com receita médica, mas prefiro as versões manipuladas porque dá pra  colocar tudo sob medida pras minhas necessidades. Vários países já proibiram o uso desse ativo, mas ele ainda é considerado o mais potente. A que eu uso é a hidroquinona de grau farmacêutico (Hidroquisan), que é mais segura que a comum.

3. Ácido Azeláico

Já falei desse ácido nesse post aqui, e usei por um tempão, mas cismei que ele tem cheiro de dendê e não quis usar mais. Ele é ótimo pra ajudar a controlar as espinhas e é bastante usado como despigmentante na concentração de 15%. O bom dele é que é menos fotossensibilizante que o ácido retinoico, por exemplo, mas é menos potente que a hidroquinona.

4. Ácido Mandélico

Também já usei e já falei dele aqui no blog. A ação dele não é potente, mas pra mim foi uma ótima opção por muito tempo porque ele não irrita tanto a pele como o ácido retinoico e dá pra usar no verão, e como aqui é “verão o ano todo”, já que o sol é de rachar, os riscos são menores, sabe?

Como clarear a pele do corpo?

clarear a pele

5. Arbutin

Dos despigmentantes vendidos sem receita médica, ele é o mais potente e o uso é seguro, não causando muitos efeitos colaterais. Nas farmácias dá pra achar o Klassis, que usa esse ativo, o ácido glicólico (também tá no Glyquin) e o ácido kójico.

6. Ácido Kójico

A grande vantagem do ácido kójico é que ele pode ser usado durante o dia sem problemas, além de ser seguro e não apresentar tantos efeitos colaterais como a hidroquinona. Pra quem mora em locais muito quentes, é uma boa opção.

7. Vitamina C

A vitamina C é outra coisa que uso muito, sempre, e já falei algumas vezes por aqui, mas o efeito dele como clareador é suave, de modo que ela geralmente vem associada a outros ativos. Eu adoro, porque acho que dá uma “iluminada” boa na pele, sabe? Na fórmula que usei ano passado tem vitamina C também, tanto na noturna quanto na diurna.

Claro que existem outros ativos e tratamentos, mas esses são, via de regra, os mais usados. Vocês usam ou já usaram algo para as manchas?

Beijos

Ju

O que você acha do JV?
Ju, amo seu blog!!! suas dicas!!! vc é maravilhosa com sua opinião honesta!!! Sempre quando quero comprar algum produto venho aqui pra ver o que…