01.06.2018

Luz Visível, Manchas, Melasma e Proteção Solar

Desde que comecei o Peles Que Contam Histórias, mostrando minha rotina de cuidados no stories, tô prometendo um post sobre luz visível, proteção solar e melasma, e hoje ele saiu! rs

Nos próximos dias teremos posts diários do Especial Protetor Solar, porque tem muita coisa que precisa ser esclarecida, e vou tentar explicar tudo de forma simples e clara, tá?

Antes de começar, é importante que a gente tenha em mente, sempre, que a ciência traz novas informações todos os dias, e isso é maravilhoso, pois significa que estamos evoluindo o tempo todo.

E isso quer dizer, também, que o que era verdade há 5 anos atrás, por exemplo,  pode não ser hoje.

Porquê? Porque a verdade de 5 anos atrás levava em conta os estudos, metodologias e tecnologias disponíveis na época, e tudo isso vai evoluindo com o passar do tempo, o que, não raras vezes, leva a novas descobertas.

luz visível

Em 2013, quando comecei a tratar direitinho meu melasma, a orientação era usar um protetor solar com PPD (proteção UVA, que expliquei nesse post aqui) acima de 12, aplicar o produto 4 vezes ao dia e usar a quantidade correta, que é de 1 colher de café (2 ml), mais ou menos, para rosto, orelhas, pescoço e cabeça (caso você seja careca).

Naquela época não existia a preocupação que existe hoje com luz visível, e o uso do filtro solar com cor não era tão indicado justamente por causa da quantidade correta de uso, porque se com o branquinho a maioria das pessoas não consegue aplicar 1,5 ml (mais ou menos, caso você não seja careca), imagina o com cor?

Só que de lá pra cá muita coisa mudou. Novos estudos, novas descobertas, novas tecnologias, novos produtos e a preocupação com a luz visível!

O que é luz visível?

Simplificando, luz visível é toda “luz” que enxergamos a olho nu. Ou seja, a luz do sol e de fontes artificiais, como as lâmpadas fluorescentes, a tela dos computadores, do celular, do tablet,  da TV e por aí vai.

Além de poder desencadear ou piorar alguns problemas de pele, como urticárias e melasma, por exemplo, a luz visível está muito relacionada com o surgimento e a piora das manchas, sobretudo no rosto, já que ela induz a pigmentação.

Existem pesquisas em andamento que sugerem que ela pode causar os mesmos danos que os raios UVA, inclusive câncer de pele.  Pode, também, contribuir para a produção de radicais livres, o que significa que induz, indiretamente, a danos no DNA.

luz visível manchas

Proteção contra a luz visível e melasma

A proteção contra a luz visível tem a ver com cor, qualquer cor, com a concentração do pigmento e uma cobertura efetiva. FPS (UVB) e PPD (UVA) não entram nessa equação.

E todo mundo precisa de proteção contra a luz visível, todo mundo, e quem tem manchas e melasma deve ter um cuidado ainda maior, já que ela piora o problema.

Eu, Ju, uso protetor solar com cor, porque foi o recomendado pela minha dermatologista, mas qualquer cor, inclusive a da maquiagem (base, etc), pode proteger a pele da luz visível, já que o óxido de ferro presente é o mesmo e vem, em regra, com concentrações altas.

Isso não significa que qualquer cor vai proteger contra a luz visível, porque isso vai depender da concentração de pigmentos, da quantidade de produto que você usa e da cobertura oferecida.

E quanto mais cobertura, melhor, porque, de forma bem simplificada, a luz visível só não atinge a sua mancha se ela não for vista após a aplicação do produto. Então, se você não vê a mancha a luz visível também não verá.

Protetor Solar com Cor ou maquiagem?

Tem que opte pelo protetor solar com cor e quem prefira usar o protetor solar branquinho + base/corretivo/etc para proteger a pele da luz visível, e nos dois casos a proteção pode ou não ser efetiva, então anota direitinho as dicas abaixo, sem esquecer que rotina de fotoproteção é individualizada e deve ser indicada por um dermatologista, sempre!

O protetor solar com cor pode substituir o protetor branco e proteger contra a luz visível desde que seja usado na quantidade correta, oferecendo a cobertura necessária.

Como faço minha fotoproteção

Quando estou em casa, aplico duas camadas de protetor solar sem cor, geralmente com FPS mais baixo, e finalizo com o protetor solar com cor, com FPS 70, PPD alto, que cobre bem as minhas manchas. Às vezes, quando preciso, de última hora, me expor mais diretamente ao sol, acrescento o Protetor em pó da Adcos.

luz visível melasma proteção solar

No caso de exposição direta ao sol, uso uma camada de protetor branquinho com FPS mais alto (50 ou 70, e PPD sempre maior que 12) e duas de protetor solar com cor, pra chegar na quantidade correta de 1,5 ml, ou então as 3 camadas do protetor com cor.

Ah, sempre aplico o protetor em camadas, sobretudo os que têm cor ou FPS maior, porque como eles são mais densos e minha pele é bem oleosa, facilita, sabe?

Minha dermato recomenda que eu use sempre as 3 camadas de protetor com cor, mas se vejo que a cobertura está adequada, que usei a quantidade recomendada e que não estou vendo a mancha, não vejo problema em continuar usando as duas versões, até porque não tive piora no melasma.

Mas essa é uma opção minha, me sinto mais confortável dessa forma, e se, em algum momento, tiver algum problema, sei que a responsabilidade também é minha.

No post de amanhã explico isso direitinho, e o protetor com cor que uso é o Anthelios Airlicium da La Roche-Posay.

Proteção com maquiagem

Alguns produtos, e é preciso ficar atenta a isso, possuem uma quantidade pequena de pigmento, apenas pra uniformizar a pele ou disfarçar o efeito esbranquiçado. Esses não são suficientes para proteger completamente a pele da luz visível, então é importante acrescentar cor depois de sua aplicação para ter a cobertura adequada.

Pra quem opta pelo protetor solar branquinho + maquiagem de alta cobertura, tem que lembrar que o protetor precisa ser aplicado na quantidade correta, e a maquiagem precisa cobrir completamente as manchas.

Qual a melhor opção?

O ideal, sempre, é conversar com o seu dermatologista e ver qual a melhor opção para você, de acordo com sua rotina, seus gostos e as necessidades da sua pele.

Tem muito mais coisas pra falar sobre isso, como tipos e associação de protetores, por exemplo,  e falarei de todas elas no Especial Protetor Solar, podem ficar tranquilas, tá?

Qualquer dúvida é só deixar nos comentários, e amanhã teremos um post maravilhoso, com indicações de produtos e dicas de duas pessoas que vocês precisam conhecer e seguir, porque sabem MUITO de pele, de melasma, de proteção solar!

E pra acompanhar tudinho do Peles Que Contam Histórias, é só ficar de olho nos stories, lá no Instagram (@jurovalendo, segue lá!), que tô salvando tudo nos destaques, em Peles.

Beijos, Ju♥

Bora papear mais? Siga nossas Redes Sociais ⇒ Instagram ♥ Snapchat ♥ Twitter ♥ Pinterest ♥Facebook⇒ @jurovalendo

25.11.2013

Protetor Solar Sun Max Color Sense – Stiefel

Só para o rosto uso dois tubos de protetor solar por mês, porque a recomendação da minha dermato é aplicar filtro solar quatro vezes ao dia e sempre usando 2 gramas em cada aplicação. Parece exagero, mas não é  e expliquei as razões nesse post aqui.

Por causa disso,  sempre procuro opções mais baratas, já que uso muito filtro solar no corpo também, e acabo gastando demais. Fora isso, minha pele é mega oleosa e opções realmente eficazes pra esse tipo de pele são poucas. Sim, promessas existem muitas, mas os resultados deixam a desejar na maioria dos casos.

sun max color sense

O que eu geralmente faço é isso: na rua uso o Minesol Oil Control, que é sequinho e funciona muito bem com maquiagem, e em casa uso os outros (sim, tem que usar filtro solar em casa também!), os mais grossos, oleosos ou que não deram muito certo por um motivo ou outro (nesse momento tô  alternando 6: Minesol Oil Control, Filtrum Ultra Seco, Coppertone Oil Free, Neutrogena Sun Fresh, Sundown  Toque Seco e Filtrum Alta Proteção). Além disso, tomo filtro solar por via oral.

filtro solar com cor

Só que eu queria um filtro solar com cor, e como não achei o da Adcos, que é maravilhoso, aqui em Jee, procurei outras opções na farmácia e acabei trazendo o Sun Max, porque já usei um protetor solar da marca (Sun Max Oil Control, que tem PPD de 16)  e gostei.

A proposta é muito boa, e até o PPD dele é alto (+++), mas não o suficiente pra minha pele, pois o meu PPD mínimo é de 12 ou ++++, e os 3+ significa um PPD entre 8 e 16, como eu não tenho certeza se é ou não maior que 12, prefiro os que vêm indicando qual o PPD ou que tenha ++++. Já fiz post sobre isso aqui e é bom ler, porque proteção UVB (FPS) tá relacionada com as queimaduras solares, e quem quer a pele protegida das manchas tem que procurar um filtro solar com proteção UVA (PPD) alta, que seja maior que 12 ou  que seja ++++.

sun max color sense

Pois bem, além de ser +++, esse protetor não tem perfume,  o FPS é 35, é não comedogênico, hipoalergênico, a cor (bege médio) ficou perfeita na minha pele e cobriu muito bem as pequenas imperfeições, uniformizando a pele.

Ele é bem fluido e espalha com facilidade. Mas os benefícios acabam aqui, porque nunca, em toda a minha vida, vi um protetor solar mais oleoso que esse. Aliás, nem é oleoso, é brilhoso mesmo, porque a pele fica igual perna de passista de escola de samba!

sun max com cor

Fiquei chocada com o efeito e não posso acreditar que uma pessoa que tenha pele oleosa consiga usar esse produto apesar da informação no site  indicar que a textura é não oleosa. Seria uma excelente opção não fosse esse problema que, no meu caso, impossibilita o uso.

Paguei 66 Dilmas  na embalagem de 60 gramas.

Horror define!

Horror define!

Alguém aqui já usou?

Beijos

Ju

 

O que você acha do JV?
Acompanho há anos, é meu blog queridinho, com certeza ! <3 Não compro nada para cabelos ou pele sem antes ver se a Jú já…
As leitoras mais incríveis da vida
  • Das minhas vizinhas vaidosas, quem aí já usou o Vichy mineral 89 ?😍 @vichybrasil 🌼
.

A textura dele parece um gel super fluido e bem levinho. O ideal é usar 2 gotinhas pela manhã e duas à noite, com a Pele limpa. .

EU estou amando! 💙 ele deixa a pele incrível. É ótimo para pele oleosa, absorve super rápido e a pele respira tranquilamente. .

É bom usar antes do protetor solar. E ele substitui um hidratante fácil. .

Já usaram? Tem alguma sugestão de produto ?? Vocês são vaidosas ?? Me contem! Não me deixem no vácuo hahaha 🙌🏼🙌🏼😂😅
  • Bolo com creme de microondas e uvinhas congeladas... pode seguir a receitinha q fica perfeito de gostoso 😁😁 #meachando #jurovalendo #dessert #cremedelacreme #delicious
  • #Repost @jurovalendo (@get_repost)
・・・
Já falei desse finalizador aqui e no blog, é o Nutri Cachos, e ele foi meu escolhido pro #PapoNaPiscina! ☀️ Ah, e a escova verde foi junto pra fazer par! Hahaha (ela é super boa, desembaraça sem quebrar, e tem pra fios mais finos, normais e mais grossos). Pra se expor ao sol tem que usar finalizador com proteção solar, não tem pra onde correr, gente! O sol danifica demais os fios, e isso inclui muito mais que desbotamento, são danos na estrutura do fio mesmo.

E, ó que coisa boa, todos os finalizadores @bioextratus têm proteção solar!🙌🏻 E pra cada cabelo tem um finalizador adequado, é só procurar o que se adeque mais ao seu. ☺️ Já testou esse? Conta aí o que achou! Quer resenha de algum outro? É só dizer! 💗

#PorUmFio #BioExtratus #JuroValendo | Publicidade ✨
Quer ver a sua foto publicada aqui no blog?
Poste no instagram uma foto com a hashtag
#JuroValendo