Vizcaya
06.10.2015

Tornozeleira: Onde Comprar?

Ai, elas são tãooo charmosas...

Claro que, tendo um encosto de chacrete e amando balangandãs, eu também uso “enfeite nos pés”, né? Adoro tornozeleira, adoro, e não fico sem!

Esse final de semana mostrei uma lá no insta (@JuroValendo, segue lá!) e no Face e várias meninas adoraram, daí achei que valeria um post, até porque tenho dificuldade em achar as danadas em lojas virtuais, só comprei em duas, aliás, na Amo Muito, que sempre tem umas delicadinhas, e na Beth Souza, que é de onde vem a maioria das minhas, porque o estilo das peças de lá é muito a minha cara!

Acho que são charmosas e deixam os pés mais bonitinhos, sabe? E, quase sempre, prefiro as maiores! Ah, falando nisso, tenho visto umas no Pinterest de enlouquecer, e tô desejando horrores pra usar na praia, só não sei onde encontrar por aqui!

tornozeleira onde comprar

Mas, olhem só o tanto de tornozeleira linda que achei:

  1.  Pulseira multiuso cigana, R$45,00 (compre aqui)
  2. Tornozeleira beha, R$129,00 (compre aqui)
  3. Tornozeleira bryant, R$99,00 (compre aqui)
  4. Tornozeleira patuá, R$45,00 (compre aqui)
  5. Tornozeleira grace, R$79,00 (compre aqui)
  6. Tornozeleira ponto de luz, R$22,00 (compre aqui)
  7. Tornozeleira stacy, R$65,00 (compre aqui)
  8. Tornozeleira stone, R$29,00 (compre aqui)
  9. Tornozeleira coração, R$24,00 (compre aqui)
  10. Tornozeleira buzio, R$ 35,00 (compre aqui)
  11. Tornozeleira nomad, R$59,00 (compre aqui)
  12. Tornozeleira âncora, R$32,00 (compre aqui)
  13. Tornozeleira senhor do bonfim (compre aqui)

tornozeleira onde comprar

Um monte de coisas lindas, né? Tenho algumas daí (o último pezinho é meu! rs), e tento sempre escolher as que posso usar como pulseira, como tornozeleira e também no braço, porque acho que quanto mais versátil uma peça, melhor, já que a gente usa mais e o preço acaba compensando, né? Pois é, a pão dura aqui pensa em tudo! hahaha

Vocês gostam e costumam usar esse tipo de peça? Compram onde? Preferem as mais delicadinhas ou as maiores? Sempre fui mais de dourado e delicado, mas tô numa fase muito cigana, querendo coisas maiores e mais chamativas, usando prata, cordinhas e tudo o mais. Como a gente muda, né? rs

E ó, tô aqui babando na 2 e na 3… E vocês gostaram mais de qual? Ah, pra conservar as bichinhas é só seguir os truques que mostrei nesse post aqui, e se elas já tiverem escurecidas, usa a flanela mágica, a que mostrei nesse post!

Beijos, Ju♥

Vizcaya
22.09.2015

A sua moda não me representa

não mesmo!

Dia desses estava conversando com uma amiga, dona de loja, e ela começou a reclamar da crise, da queda nas vendas e da concorrência, e resolvi fazer uma pergunta que martela na minha cabeça faz tempo: porque 99% das lojas só vendem roupas pra um tipo específico de “corpo”?

Ela respondeu que o nicho dela não era plus size, e eu disse que não estava falando disso. Expliquei, então, que na maioria das lojas que entrava não existiam roupas pra quem não fosse do “tamanho certo” e com medidas que se encaixem no, supostamente, ideal.

Ela me disse que isso não existia, que era coisa da minha cabeça, e como achei que ela não estava entendendo, resolvi exemplificar com amigas em comum: falei da Sara, que é magra, mas bem alta, e tem a maior dificuldade do mundo em encontrar uma calça que não fique “no meio da canela”, um vestido que fique no joelho e não na coxa, uma camisa social que consiga “chegar” ao punho. Ela é advogada e faz roupas sob medida, pois raramente encontra alguma coisa que sirva.

a sua moda não me representa

Falei da Daiane, pequena e magrinha, que só encontra jeans em lojas para crianças e adolescentes. Falei da irmã dela, a Larissa, que, assim como eu, tem o quadril bem grande, as coxas grossas e a cintura fina, corpo que, aliás, é comum por aqui. A Larissa tem a maior dificuldade em encontrar calças ou shorts, e a solução é comprar 2 números maiores e mandar ajustar na cintura.

Esses são apenas 3 exemplos de uma realidade muito maior, de uma parcela gigante da população que não se encaixa no que é vendido nas lojas. Só pra dar uma noção mais exata, os dados oficiais apontam que mais de 52,5% da população está acima do peso,  o que significa que mais da metade das pessoas do país, logo de cara, não cabem, via de regra,  no que é vendido nas lojas, que raramente vai além do 46.

Mas ó, nem é preciso fuçar dados e pesquisas, é só sair do automático e olhar para os lados pra perceber que a grande maioria simplesmente não se encaixa no tal do padrão, da modelagem ou de sei lá o quê que é vendido.

E sabe o que é mais engraçado? É que essa parcela gigante de mulheres é tão (ou mais) consumista que as que “se encaixam”. Essas pessoas estão sedentas por ter o que nunca tiveram: roupas que lhe sirvam. Só que elas não acham.

E nem venham me falar em lojas específicas para as magrinhas, para as pequenas, para as altinhas ou para as gordinhas, porque na minha cabeça loja de mulher tem que vender roupa de e para mulher, e uma mulher não deixa de ser mulher por ser mais ou menos alta, mais ou menos magra, mais ou menos gorda e por aí vai.

Sim, eu sei que é impossível que em uma única loja a gente encontre peças que caibam perfeitamente em todo tipo de corpo, até porque são dezenas de particularidades, mas é preciso ampliar o leque de opções, mudar as fórmulas e criar coisas novas, porque a forma como a coisa funciona hoje não representa grande parte da população.

A mim, pelo menos, não representa, e o que parece é que, implicitamente, estão me dizendo que a menos que eu me adeque a “modelagem ideal”, eu simplesmente não o direito de escolher o que vestir, eu tenho que me contentar com o que achar, com o que der, porque simplesmente não tenho outra opção.

Tem coisa mais cafona e limitada que isso? Tem não!

Beijos, Ju♥

21.09.2015

Blusa Ciganinha: Achados de Fast Fashion

Linda de viver!

blusa ciganinha como usar onde comprar

Eis uma coisa que eu amo: blusa ciganinha! Aliás, não só blusa, mas vestido também! Uso desde sempre, acho mega charmosa e a cara do verão!

É uma tendência forte pra temporada, e como sei que muita gente adora, nada melhor que fazer um achados de fast fashion com essa peça, né?

blusa ciganinha como usar onde comprar

Blusa Ciganinha: Como usar

O mais legal dela é que funciona bem pra todo tipo de corpo e é super versátil, já que, a depender do tecido dela, dos acessórios e das outras peças que compõem o look, ela “cabe” em diversos ambientes e ocasiões.

Como tende a ser mais larguinha, o ideal é que a parte de baixo seja mais sequinha, e aí vale tudo: shorts, bermudas, saias, jardineiras e calças de todos os tipos. Mas, se ela for do tipo mais justinha, dá pra usar tranquilamente com uma parte de baixo um pouco mais volumosa, é só ficar de olho nas proporções.

blusa ciganinha como usar onde comprar

E se você, como eu, é uma apaixonada por acessórios, essa é a peça ideal pra caprichar neles! Fica linda com brincos enormes, com colares incríveis, com pulseiras maravilhosas (as de manga mais curta), mas cuidado pra não usar “tudo junto ao mesmo tempo” e acabar “pesando na mão”, heim?

blusa ciganinha como usar onde comprar

Blusa Ciganinha: Onde comprar?

E é claro que, se é tendência, dá pra achar um monte de opções lindas e baratas nas lojas de fast fashion, né? Olhem só as que encontrei:

blusa ciganinha como usar onde comprar

blusa-ciganinha-como-usar-onde-comprar

Gostaram das opções? Eu amei e já quero um achados de fast fashion com vestido ciganinha, que é lindo demais! Ah, pra ver mais achados de fast fashion é só clicar aqui, e deixem sugestões de coisas que vocês gostariam de ver nessa tag!

Beijos, Ju♥

O que você acha do JV?
Ju, amo seu blog!!! suas dicas!!! vc é maravilhosa com sua opinião honesta!!! Sempre quando quero comprar algum produto venho aqui pra ver o que…