22.12.2014

Resultado dos Desapegos de Natal

Gostei muito de fazer o “desapego de Natal”, tanto que decidi que isso vai rolar no próximo ano todo! Todo mês algumas leitoras vão receber um kitzinho de produtos, e pra ser justa farei de duas formas: a aleatória, que beneficia todo mundo, mas também a que beneficia quem mais comenta/curte/etc, só que essa última será feita “de surpresa”, sem aviso e já começa essa semana… Vocês vão gostar! ♥

Bom, não é fácil ser “justa” sem sorteio, porque o certo é que todo mundo tenha chances iguais, né? Por isso utilizei critérios que não privilegiasse ninguém, que desse oportunidade pra todo mundo, que fosse, assim como em um sorteio, coisa de sorte mesmo… É claro que a coisa foi hilária porque envolveu namô e  acabei “descobrindo” que tenho, sem nunca ter tido, uma avó chamada Isabel… Pois é, tô achando que namô tá de treita, porque até o nome de vovó ele trocou!

desapegos

Dessa vez os “critérios” envolveram namô, mas a cada mês a coisa será diferente. Fiz 4 perguntas pra ele e de cada uma tirei uma pessoa:

  1. Se você tivesse uma filha, qual nome seria? Fernanda.
  2. Qual a última pessoa que você falou no telefone (#espertinha)? Dr. Ana Lúcia.
  3. Quantos anos seu pai tem? 69
  4. Das últimas 30 fotos, qual você mais gostou lá no insta? A que Frida está no colo.

Resultado

1. Pelos comentários do blog: Fernanda Tenório (a última Fernanda a comentar um post – foi o da dieta).

P.s: primeiro ele disse Isabel, e disse que era em homenagem a minha avó, mas eu não tenho nenhuma avó com o nome de Isabel! Vou investigar isso… Tem alguém aí que tenha uma avó chamada Isabel? Rai ai! rsrs

2. Pelo Facebook: Ana Lúcia (a primeira que encontrei – quase desisto, meu dedo cansou! rs).

3. Pelo twitter: @SicaScs ( contando do último pro primeiro, foi a 69º pessoa que curtiu/comentou no twitter)

4. A primeira pessoa que comentou nessa foto: @lubernardo77

Já vou mandar mensagem pras 4 e me respondam assim que puderem pra que eu consiga separar os kits de acordo com, pelo menos, o tipo de pele e cabelo de cada uma! Assim que elas responderem monto os kits e posto nas redes sociais, tá?

E um obrigada enorme pra cada uma de vocês, porque ó, vocês são demais! ♥

Beijos

Ju

21.12.2014

Sobre a Minha Dieta

Desde que comecei a postar mais coisas de dieta, inclusive receitas, tô recebendo muitas perguntas sobre qual a dieta, o que tô comendo e coisas do tipo, então resolvi fazer um post contando, mas antes quero falar dos motivos que me lavaram a encarar uma dieta de verdade.

Já falei por aqui algumas vezes, e não é segredo pra ninguém, que sempre fui fofinha, e pela minha estrutura corporal sei que jamais serei fininha. Tenho perna demais, bumbum demais,  braço de biscoiteira demais, minha estrutura óssea é larga e, pra completar, sou praticamente um bonsai de mulher, uma miniatura, um duende!

minha dieta

Não ser magra nunca me incomodou e nunca deixei de fazer as coisas que queria por isso, mas  estar (MUITO) acima do peso começou a me limitar e a me deixar triste, porque eu gosto de fazer trilha, eu gosto de subir montanha, eu gosto de ter controle sobre o meu corpo, e não conseguir, por exemplo, subir a fumaça ou o Pai Inácio (lá na Chapada) sem botar os bofes pra fora me deixou bem frustrada.

É como se o corpo se transformasse numa prisão porque, de certa forma, estava não só limitando o que eu deveria fazer, mas direcionando o que eu poderia fazer, e eu, que sou controladora pra caramba, não consigo lidar com isso, sabe? Não dá!

Eu adoro comer bem, adoro cozinhar (mas acho que ninguém gosta da bagunça que fica rsrs), adoro beliscar e acho que comer é um ato de prazer, e tem que ser, mas a partir do momento em que esse prazer começou a interferir em outros prazeres tão importantes quanto, achei que tinha chegado a hora de fazer alguma coisa.

Claro que já tentei fazer dieta muitas vezes antes, mas nunca tinha dado o “estalo” de que o peso em excesso estava tirando a minha liberdade e definindo as minhas escolhas, e eu, que tenho pavor de qualquer coisa que me prenda, também não quero mais lidar com isso.

minha-dieta

Fácil não tem sido, até porque é uma vida inteira construída com hábitos errados e eu tenho alguns poréns, como o fato de precisar tomar hidrocortisona todos os dias (tenho fadiga adrenal), o que incha demais, mas preciso fazer isso por mim, não importa o quão difícil seja.

Só que mais que uma mudança alimentar, é uma mudança de vida mesmo, de querer coisas mais naturais, de comer coisas que façam bem ao meu corpo e não só ao meus olhos.

E por isso resolvi cortar refrigerantes, trigo e qualquer outra coisa que não seja comida de verdade. O açúcar eu já tinha cortado no início do ano, mas como chocolate esporadicamente e um docinho aqui e ali, mas não tenho mais a dependência que tinha, sabe? Estou comendo mais verduras e legumes, além de castanhas e sementes, reduzi o sal, tenho tomado muitos chás (inclusive gelados, com limão e gengibre) e tô me sentindo muito bem assim.

Tentei fazer a dieta Dukan, que eu mesma já me posicionei contra aqui no blog (contra ela e qualquer outra “dieta pronta”) porque vi muitos resultados positivos  ( a Faah perdeu 21 kg em 3 meses, confiram aqui) e ela realmente garante uma perda de peso rápida, mas não me adaptei. Tentei fazer o que meu nutri recomendou e achei que não conseguiria levar aquilo a longo prazo, então sentei e falei do tipo de vida que eu queria ter, do que eu topava abrir mão e do que não topava.

minha-dieta

No final disso tudo entendi que  quero continuar sentindo prazer em comer, mesmo na dieta, mas que quero descobrir novos sabores, fazer novas tentativas e usar e abusar de tudo o que eu possa comprar na feira, ou seja, legumes, verduras e frutas, só que essas últimas com cuidado por causa do açúcar, já que eu tenho resistência a insulina.

Isso significa o que? Que não vou lanchar um sorvete, vou lanchar uma fruta com castanha picadinha. Que vou comer muita salada e muitos legumes, que vou tomar muita água e muitos chás. Que vou, enfim, reeducar meu paladar, porque 32 anos comendo gordices vicia qualquer ser vivente, reeducar meu corpo e reeducar meu emocional pra conseguir ter a qualidade de vida que eu quero e preciso ter.

Aos poucos vou postando meus resultados por aqui, contando do cardápio, do que estou comendo e quero dicas de vocês, viu? Me ajudem! ♥

Ah, e quanto ao comboio de chocolates que chegou aqui em casa nos últimos dias e que mostrei no insta, esse vídeo representa certinho como está sendo minha atitude…hahahahahha

Beijos

Ju

19.12.2014

Carteira Vermelha: Pra Ter $orte no Ano Novo!

Vocês são supersticiosas? Eu sou, muito! Tenho umas cismas engraçadas, como dar fim em qualquer roupa que tenha usado num dia que aconteceu algo ruim, lavar as roupas com “água de alfazema” quando vou em algum hospital e por aí vai. Sei lá, acho que tudo é energia, sabe?  E as ruins não quero perto de mim! rs

E uma das minhas superstições mais fortes é da carteira vermelha, e como ganhei uma e postei no insta hoje (@jurovalendo, segue lá!), achei que seria legal falar disso por aqui!

Eu troco de carteira todo ano, porque minha avó dizia que “ano novo, cofre novo”, daí peguei a mania mesmo, e sempre compro vermelha, sempre! Já tive uma de outra cor mas, coincidência ou não, ela não deu sorte! rs

carteira vermelha

E porque vermelho? Porque, segundo os chineses, o vermelho purifica o dinheiro e traz sorte e prosperidade! Eles dizem que quando a pessoa paga alguma coisa ela vivencia, inconscientemente, dois sentimentos: a alegria de pagar uma conta e a “tristeza” , a dó de tirar o dinheiro da carteira. Então, o vermelho da carteira funciona como uma espécie de cura que age limpando as más energias.

Fora isso o vermelho é uma cor que atrai a sorte, que tem a ver com a multiplicação do dinheiro, então acho muitooooo digno apostar nele! rs

E já que estamos falando de carteira, de energia, de sorte, vamos pro lógico: carteira não é lixo! Ou seja, não pode fazer da carteira um depósito de papéis velhos, não pode deixar bagunçado (bagunça leva a estagnação da energia), só deve ficar ali o que realmente precisa estar ali.

Dizem que preto, prata, dourado e roxo também são cores boas pra carteiras, mas eu continuo apostando na minha vermelhinha que ela vem funcionando muito bem! rs

carteira vermelha

E separei várias pra vocês, pra todos os gostos e bolsos, olhem só:

  1.  Carteira  Calvin Klein Style Vermelha, R$ 179,99: compre aqui.
  2. Carteira Isabella Piu Palha Vermelha, R$ 79,90,00: compre aqui.
  3. Carteira Fellipe Krein Placa Vermelha, R$ 139,0: compre aqui.
  4. Carteira Couro Anna Flynn Master Vermelha, R$ 52,99: compre aqui.
  5. Carteira Lacoste Large Zip Wallet Scarlet,R$ 249,00: compre aqui.
  6. Carteira Lacoste Modern Vermelha, R$ 319,00: compre aqui.
  7. Carteira Couro Anna Flynn Chik Vermelha, R$ 45,99: compre aqui.
  8. Carteira Couro Anna Flynn Texture Vermelha, R$56,99: compre aqui.
  9. Carteira Couro Anna Flynn Geometric, R$ 59,99: compre aqui.
  10. Carteira Capodarte Textura Vermelha, R$229,90: compre aqui.
  11. Carteira Couro Anna Flynn Escama Vermelha, R$81,99: compre aqui.
  12. Carteira Couro Anna Flynn Urban Vermelha, R$ 63,99: compre aqui.

E se a sua carteira não é vermelha, vale colocar uma fita vermelha dentro dela ou, pra quem encontrar (eu quero!) um fio vermelho com as 3 moedas chinesas.

Alguém aqui já tem esse “costume” de usar carteira vermelha? Têm alguma outra superstição da sorte? Ah, lembrem de usar algo vermelho na virada do ano, porque esse ano é de Marte (post sobre isso aqui)!

Beijos

Ju

O que você acha do JV?
Eu acho esse blog maravilhoso. A Ju fala de tudo com muita emoção, muito carinho e ao mesmo tempo muita verdade, muita seriedade. Isso é…
Dicas para o perfume durar mais na pele! O Fim dos Cabelos Ressecados! Dicas de Beleza Rápidas Pro Inverno! Pontas estragadas nunca mais!