Vizcaya
18.06.2018

Protetor Solar Para Melasma: Os Que Mais Gosto!

Hoje vou falar um pouco de protetor solar para melasma, do que eu tenho usado e tem se adaptado melhor na minha pele, mas antes precisamos pontuar algumas coisas.

Pra começar, eu só posso falar do que funciona pra mim, e isso tem a ver com a minha pele, a minha rotina, as minhas necessidades e expectativas, bem como o lugar onde moro, porque tudo isso conta.

Minha pele é oleosa e sensível, e moro numa cidade extremamente quente e seca, e quando, por exemplo, vou pra cidades que são quentes e úmidas ou frias e secas, percebo nitidamente que a ação do produto na minha pele muda.

Então, não tenho como saber como um produto vai funcionar em você.

Além disso, minha rotina de cuidados é orientada pela minha dermato, e ela é individualizada, claro, o que significa que ela é a adequada pra mim, pra minha pele, pra minha realidade.

Protetor solar para melasma!

Mas, existem dezenas de outras possibilidades e só você, junto com seu médico, pode saber qual é a melhor para você.

Então, a minha rotina de proteção é a que melhor tem funcionado pra mim, e é apenas a minha experiência, tá?

Protetor Solar Para Melasma: como é a minha rotina

No post sobre luz visível e melasma (leiam, é importante!) expliquei que além de um protetor solar com FPS e PPD ideias, é preciso usar “cor” para proteger a pele da luz visível, e cor pode ser protetor solar com cor ou maquiagem, a escolha é sua.

Em regra, prefiro usar o protetor solar branquinho + protetor solar com cor, mas isso varia muito.

para quando estou em casa

Quando estou em casa, não está muito quente e minha pele está “bem”, o normal é que eu use o Anthelios Airlicium Antioleosidade FPS 30, da La Roche-Posay (amo, tudo nele é muito bom!), e, por cima, aplique a versão com cor, de FPS 70, desse mesmo protetor solar.

Se preciso, de última hora, me expor, ainda que indiretamente, ao sol, aplico o Protetor em Pó da Adcos por cima.

E nos dias que a pele está mais oleosa (período menstrual, por exemplo) gosto de usar o Effaclar BB Blur Antioleosidade da La Roche-Posay, que é um pó uniformizador com FPS 25 (não é protetor solar).

Para dias de pouca exposição solar

Se vou bater perna na rua, gosto de usar o Idéal Soleil Anti-Idade FPS 50 da Vichy por baixo e o Anthelios Antioleosidade com Cor FPS 70 por cima.

Mas, posso substituir esse último por base, pó e corretivo ou pelo Nude Touch FPS 50 da Bioderma, um protetor  que também cobre bem meu melasma.

Para dias de maior exposição solar

Pra exposição direta ao sol, bem como quando a minha pele está mais sensibilizada e reativa,  “trabalho” com algumas opções rs:

1. Protetor solar branquinho FPS 70 + Protetor solar com cor FPS 70 (ambos da La Roche- Posay), finalizando ou não com o pó da Adcos.

A versão FPS 70 protege bem demais a minha pele e é um dos poucos que consigo usar quando a pele está muito sensível, sabe?

2. Bioré Bright Face Milk  (o meu acabou e não comprei outros ainda porque tenho muito protetor aqui, mas é um protetor que indico muito)+ Anthelios Airlicium FPS 7o com cor ou com maquiagem (base, corretivo e pó) por cima

3. Apenas o Anthelios Airlicium FPS 70 com Cor + Pó da Adcos.

E, gente, gosto demais de todos esses protetores por vários motivos, mas ninguém precisa de todos esses produtos, ok?

Dá pra proteger muito bem a pele com um protetor com cor, ou com o protetor sem cor + maquiagem, ou protetor sem cor e protetor com cor e por aí vai.

Vario sempre porque, por causa do blog, recebo muitos produtos, então quero fazer testes, ver como a pele reage e levar novas opções pra vocês, tá?

protetor solar para melasma

E, sim, existem muitos outros protetores legais, mas esses são os que venho usando há mais tempo e que tem funcionado bem.

Outras opções de Protetor Solar

Pra quem quer uma opção de protetor solar que funciona bem na pele mista e oleosa, entrega uma boa proteção e tem um preço mais em conta, o Toque Seco Antissinais da Nivea é uma das melhores apostas.

Ele tá disponível nas versões FPS 30 e 60, e é super bom!

Ainda como opção para quem tem melasma e peles oleosas, o Normalize Matte FPS 50, da Ada Tina, também funciona muito bem em mim. Protege bem, segura a oleosidade e esfarela pouco.

O Fluid Tonalizante FPS 40, da Adcos, é outro produto que adoro e já falei aqui muitas vezes.

Ele tem cor e uniformiza bem a pele, mas não tenho usado nos últimos meses porque ele não cobre completamente as minhas manchinhas acima dos lábios, sabe?

Pode funcionar bem pra quem tem manchas mais claras, então vale a indicação.

Vale lembrar que tô falando de protetor para melasma, mas já tô pensando em um post com versões para peles oleosas e com melasma.

É que a minha maior preocupação é proteger da melhor forma possível por causa das manchas, então o controle de oleosidade fica em segundo plano, embora todos respondam bem nesse quesito.

Outra coisa que é preciso lembrar aqui é que os protetores com FPS mais alto tendem a ser mais consistentes e deixar a pele mais esbranquiçada. E aí vale aplicar em camadas, aos poucos, pois o resultado fica bem melhor.

Já falei de muitos outros protetores aqui, e pra conferir é só clicar aqui, ó. 

Se tiverem dicas de protetores, deixem nos comentários, inclusive os mais baratex. Afinal, precisamos de dicas para todos os bolsos, né?

E quem tem melasma não pode perder as dicas de @melasmalifestyle no Instagram (confira aqui). Vou, inclusive, fazer um post com as dicas dela, que são maravilhosas. Recomendo fortemente!

preço e onde comprar protetor solar

Exceto o Bioré, que sempre comprei pelo Mercado Livre, e os da Adcos, vendidos na loja virtual da marca, todos os outros são vendidos em farmácias, inclusive as virtuais (veja aqui).

Beijos, Ju♥

Bora papear mais? Siga nossas Redes Sociais ⇒ Instagram ♥ Snapchat ♥ Twitter ♥ Pinterest ♥Facebook⇒ @jurovalendo

Vizcaya
25.05.2018

Advanced Pigment Corrector: O Clareador Facial da Skinceuticals

Faz tempo que prometi falar por aqui do Advanced Pigment Corrector, da Skinceuticals, um clareador facial (ok, despigmentante) maravilhoso que venho usando desde o ano passando e mostrando quase todos os dias no Stories, no Peles Que Contam Histórias.

Além do melasma acima dos lábios, tenho algumas manchinhas no rosto. Umas são da acne mesmo, e outras eu comparo com os roxos que aparecem nas minhas pernas: não sei como surgem, mas dão as caras sempre! hahaha

Moro numa cidade super quente e aprendi que depois dos 30 tudo mancha, então além de caprichar com gosto no protetor solar, sempre uso clareadores, sempre.

E o Advanced Pigment Corrector é um clareador que tem muitas coisas que amo!

Advanced Pigment Corrector

Advanced Pigment Corrector: As Promessas

No site da marca consta que “o Advanced Pigment Corrector está clinicamente testado em todo os tipos de pele para ajudar a corrigir e prevenir a pigmentação.

Este poderoso cuidado multi-camada é um método altamente eficaz, seguro e para todo o rosto, ajudando a reduzir a pigmentação persistente e prevenir a sua recorrência.

Para além da sua eficácia na aparência da hiperpigmentação e manchas da pele, o Advanced Pigment Corrector aumenta a uniformidade e a luminosidade da pele.

Ele é formulado com um cocktail exclusivo e avançado de alta potência que contém ácido salicílico (0.3%), ácido hidroxifenoxi propiônico (1%), ácido elágico (0,5%) e extrato de levedura (5%) que funcionam através de um mecanismo de múltiplas camadas para reduzir significativamente a hiperpigmentação e melhorar a aparência global da pele.”

O ácido salicílico esfolia a pele, ajuda na penetração dos outros ativos e remove o excesso de melanina.

Derivado não tóxico da hidroquinona, o ácido hidroxifenoxi propiônico inibe a transferência da melanina para as células da epiderme, reduzindo a hiperpigmentação.

Advanced Pigment Corrector

O ácido elágico, por sua vez, age não só reduzindo, mas também prevenindo a produção em excesso de melanina, o que evita a formação de novas manchas.

Já o extrato de levedura melhora a resistência da pele e também previne a formação de manchas.

Ou seja, é um produto que age não só no tratamento das manchas. Ele vai além, prevenindo a formação de novas manchas e ajudando a manter os resultados obtidos.

Forma de uso e diferenciais

Uma das coisas que mais gosto desse produto é que ele, mesmo sendo bem potente, pode ser usado durante o dia (com a pele bem protegida, sempre!), coisa rara em clareadores poderosos.

E, além disso, pode ser usado durante todo o ano, pois não é fotossensibilizante. Isso faz muita diferença pra mim, porque sempre foi complicado usar clareadores aqui no verão, mesmo durante a noite.

E como o verão aqui começa na primavera, com 40º, passava praticamente a metade do ano sem poder usar um despigmentante realmente potente, sabe?

Advanced Pigment Corrector

Comecei a usar o Advanced Pigment Corrector em dezembro, em pleno verão, e ele tem feito muita diferença na minha pele!

Pode ser usado 1 ou 2 vezes ao dia, de acordo com a recomendação do seu dermato, mas costumo usar duas vezes ao dia, depende somente da minha rotina de pele do momento.

Ah, vale ressaltar que ele  possui estudo clínico em pele brasileira, que comprova a sua eficácia na redução de manchas e melasma após três meses de tratamento contínuo.

Pode ser usado em todos os tipos de pele, inclusive as sensíveis,  não possui parabenos e é não comedogênico.

Resenha do Advanced Pigment Corrector

A embalagem é branca e bem resistente, tem pump, uma tampinha protetora de acrílico e vem com 30 ml de produto.

Apesar de super resistente, ela não resistiu aos dentes de Ozzynho, que gostou tanto da embalagem que “beliscou” a pontinha, arrancando um pedaço. Mas, sendo um Staff Bull Terrier que destrói um pneu de carro em horas, só aço pra frear os dentes dessa criança! hahaha

Advanced Pigment Corrector

A textura é cremosa e leve, ele é clarinho e o cheiro é bem suave, quase imperceptível.

A quantidade usada é bem pouca, então ele rende muito (o meu tem 6 meses e tá acabando agora), o que é ótimo!

Espalha fácil, é absorvido em segundos e some na pele sem deixar vestígios. O crime perfeito, sabe como é? E que “crime” maravilhoso, porque deixa um toque seco/sedoso que amo pra vida!

Outra coisa bem importa: não sensibiliza e nem irrita a pele, e quem tá acompanhando o Stories lá no Instagram (@jurovalendo, segue lá!) bem sabe como minha pele é sensível e reativa, além de super oleosa.

Esse mês tenho usado apenas pela manhã, sempre após o hidratante, já que estou usando o Epiduo, vulgo arranca couro, para as espinhas. Mas, até o final de abril usei duas vezes ao dia, e os resultados foram muito bons!

É essencial salientar que o uso do protetor solar é indispensável sempre, e que não dá pra usar clareadores sem proteger a pele, tá? As manchas pioram, e pioram muito, então protejam muito a pele, sempre!

Além de melhorar a luminosidade e uniformizar a pele, ele, gradativamente, clareia as manchas, e esse foi um dos raros verões em que, mesmo com muita praia e sol, minha pele não ficou com mais manchas.

Advanced Pigment Corrector

Quanto ao melasma, senti uma boa melhora, coisa de 40%, mais ou menos, o que, pra mim, já é muito, porque esse bendito é resistente e o clima da minha cidade não ajuda, né?

E aí, compensa? Preço e onde comprar

Os resultados maiores comecei a notar a partir do terceiro mês, mas em semanas já percebi a pele mais iluminada e viçosa.

É um investimento, de verdade!

E tô aqui numa agonia só porque fui procurar o produto no site da marca e não encontrei mais. Mas encontrei o Discoloration Defense, lançamento  que minha dermato já tinha falado sobre e que tem uma proposta semelhante por menos da metade do preço do Advanced Pigment Corrector.

Tô sem saber se garanto mais um APC (apelido dele, dá? rs) ou se mudo para o Discoloration Defense… Preciso falar com Dra Clessya já!

Advanced Pigment Corrector

O Advanced Pigment Corrector custa R$413,00 (compre aqui), mas como dura muito (6 meses, uma média de R$68,00 por mês) e me dá um resultado super bom, compensa demais, mesmo tendo um custo bem mais elevado.

Alguém já usou o APC? Já testou o Discoloration Defense? O que acham dos dois? Socorro! rsrs

Se quiserem ver mais dicas e produtos para clarear a pele é só clicar aqui.

Beijos, Ju♥

Bora papear mais? Siga nossas Redes Sociais ⇒ Instagram ♥ Snapchat ♥ Twitter ♥ Pinterest ♥Facebook⇒ @jurovalendo

31.05.2017

Creme Para Manchas Escuras Na Pele Artvitta

Desde que ouvi falar sobre o tal do ácido tranexâmico pela primeira vez tava louca pra usar, porque tenho melasma no buço e ele é ótimo para esse tipo de mancha.  Mas, estava em dúvida por causa do ácido retinoico, meu amor, que sempre volto a usar quando começa a ficar fresquinho por aqui, só que não resisti ao Creme para manchas escuras na pele lá da Artvitta!

Porque né, se ele veio parar em minhas mãos, é um sinal para o consumismo investigativo, eu acho! hahahaha E , além disso, preciso desapegar um pouco das coisas que venho usando há muitos anos e “provar” coisas novas pra vocês, senão daqui a pouco cês não me aguentam mais!

Creme Para Manchas Escuras Na Pele

Ácidos para manchas escuras na pele

Amo ácidos, cês bem sabem disso, porque eles agem mais rápido, e isso pra mim é importante, que não aguento esperar meio mundo de tempo pra ver o resultado das coisas, sabe?

E esse creme da Artvitta tem 3 ácidos diferentes: o tranexâmico (1%), o lactobiônico (2%), e o kójico (1%), além de óleo de jojoba (2%).

O ácido tranexâmico é bem eficaz no tratamento de hipercromias, melasmas e olheiras, e a concentração sugerida é de 0,4 a 3%, puro ou em conjunto com outras substâncias.

O ácido lactobiônico tem potente ação antioxidante, rejuvenescedora e hidratante, além de cicatrizante, o que o torna uma ótima opção de ativo para produtos com ação anti-idade, sobretudo para quem tem peles sensíveis e/ou com acne, já que ele é mais suave,  seguro e não irrita a pele. A concentração usual é de 2 a 10%.

Já o ácido kójico é um despigmentante natural, suave, pouco irritante e que pode, inclusive, ser usado durante o dia, vez que não causa fotossensibilização.

Atua no clareamento das manchas com 4 semanas de uso contínuo, e a concentração indicada varia entre  0,005 e 4% .

Existem outros ácidos e ativos que ajudam a clarear a pele, inclusive já falei deles por aqui, e achei a fórmula bem boa. Mas, vamos tirar a prova dos 9 na resenha, né? rs

Creme Para Manchas Escuras Na Pele

 Creme para manchas escuras no rosto

O produto é manipulado, a embalagem é branca, em bisnaguinha e vem com 30 g. A textura é cremosa, grossinha, ele é branco e o cheiro é bem suave.

A indicação de uso é aplicar na pele limpa antes de dormir, deixar agir e lavar na manhã seguinte, usando filtro solar em seguida. O uso do filtro solar é obrigatório, e se não usar as manchas vão ficar ainda piores, porque a pele fica ainda mais sensível.

Ele não desliza tão facilmente, acho que por ser mais grossinho, mas consigo espalhar direitinho. E tem que espalhar rápido, porque a absorção dele também é rápida. Não deixa a pele oleosa, não deixa resíduos e também não mancha minhas fronhas (sério, já usei creme que manchou e não soltou por nada!).

O tratamento mínimo, pelo que vi no site, é de 90 dias, e tô usando há bem menos tempo que isso, mas em poucas semanas já é perceptível a melhora da textura da pele, que fica mais viçosa. Também já notei que a pele está mais “limpa” e  iluminada, sabe?

Nos pontinhos mais escuros das manchas do buço ainda não notei melhora, mas nas partes mais claras sim. Elas não vão sumir, eu sei, mas estão menos visíveis, mais claras.

As manchas “de espinha” na minha bochecha, na parte de baixo, também estão mais claras, mas ainda estão lá.

Não tenho muito problema com olheiras, só quando perco noite mesmo, então não tenho como avaliar corretamente esse quesito.

Ele não irrita a pele, nem na região perto dos olhos, o que é importante pra mim, que tenho a pele mais oleosa e sensível.

Creme Para Manchas Escuras Na Pele

E aí, compensa?

Para o pouco tempo de uso, tô gostando muito do resultado que esse creminho entrega. E acredito que com o tratamento contínuo as manchas vão diminuir muito mais, mas vou atualizando vocês por aqui.

Pra quem tem manchas escuras e mais “resistentes”, é uma ótima opção, assim como para quem não consegue usar ácidos mais “fortes”, como o retinoico, que é mais irritante.

Acho importante avisar que não uso só ele. Durante o dia uso uma vitamina C manipulada, também da Artvitta, aquela que vocês conhecem há anos, lembram? Já usei a versão “tradicional”, com concentração de 20% (resenha aqui), a versão com ácido hialurônico (resenha aqui) e agora tô usando a que tem ácido ferúlico e vitamina E.

Essa última versão tem os mesmos ativos do Sérum CE Ferulic, da Skinceuticals, que é maravilhoso. A diferença é que no C E Ferulic a concentração de vitamina C é de 15%, e no manipulado é de 10%, mas os demais ativos têm a mesma concentração.

Preciso de mais tempo pra avaliá-la direitinho, e assim que tiver uma opinião formada, principalmente em termos comparativos, faço a resenha, tá?

Preço e onde comprar

Ele tem um preço ótimo,  custa R$32,00 lá na Artvitta, e pode ser feito em qualquer farmácia de manipulação de sua confiança.

Creme Para Manchas Escuras Na Pele

Cara limpa e manchinhas visíveis!

E sim, escolham bem a farmácia onde vocês manipulam as coisas, viu? Não são poucas as que vendem gato por lebre! Aqui em Jee manipulo na Fórmula, aquela que fica perto da Hering, e nunca tive problemas.

Mas, não são todos os produtos que consigo formular lá, porque não encontro alguns ativos, e aí formulo com as meninas da Artvitta, que são minhas parceiras desde antes de criar o blog.

Se testar volta pra me contar o que achou, tá? E se conhece algum outro produto para manchas escuras na pele divide com a gente! Ah, um pedido aqui: se gostou do post, clica no coração e/ou comenta, assim sei que é o tipo de coisa que vocês querem ver por aqui e faço mais, tá?

E se quiser mais dicas para manchas na pele, tem esses posts aqui, ó:

Beijos, Ju♥

Quer mais dicas como essa? Vamos papear nas redes sociais⇒ Instagram ♥ Snapchat ♥ Twitter ♥ Pinterest ♥Facebook⇒   @jurovalendo

O que você acha do JV?
Ju, amo seu blog!!! suas dicas!!! vc é maravilhosa com sua opinião honesta!!! Sempre quando quero comprar algum produto venho aqui pra ver o que…