Vizcaya
16.06.2017

Guia de Viagem: Foz do Iguaçu

Mês passado fui pra Foz do Iguaçu a convite do Tarobá Hotel e voltei já planejando a próxima ida, porque, gente, aquilo é bom demais!

Fui com minha mãe, que é bióloga e queria muito conhecer as cataratas, e o pessoal da Combo Iguassu preparou um roteiro na medida pra atender as minhas necessidades e as dela, e, ó, deu pra fazer muita coisa em 4 dias, viu? Fizemos vários passeios, demos uma surtada básica no Paraguay e mainha queria trazer a feirinha de Puerto Iguazú toda! Ô pessoa pra gostar de azeite e azeitona, viu? hahaha

O que fazer em Foz do Iguaçu

Foz do Iguaçu tem muitos lugares incríveis, para todos os gostos, e amei todos os lugares que fui, todas as experiências que tive. Todos os passeios foram organizados pela Combo Iguassu, e no site deles dá pra fazer tudinho. Qualquer coisa procurem por Morgana, melhor pessoa, melhor fotógrafa, melhor companhia!

foz do iguaçu

Cassino Iguazu Grand Club

Sobre o cassino preciso dizer que adorei até o momento em que estava ganhando. Quando comecei a perder fiquei retada e queria brigar com a máquina! hahaha Nunca tinha “brincado” nessas maquininhas e achei o ambiente bem legal: iluminado, com bom atendimento, boa localização e serviço de qualidade.

Vale ir pela diversão mesmo, e a galera de exatas pode se dar melhor que eu, que só sei jogar xadrez e buraco! rs

Parque das Aves

Que lugar lindo, gente, sério! Fiquei enlouquecida com a quantidade de aves, com o tanto que elas são bem cuidadas, com todo o trabalho que é feito ali, sabe? Muitas das aves e outros animais que estão ali foram resgatados, e recriaram ali um ambiente seguro, com uma estrutura imensa (mata nativa) que é similar, na medida do possível, ao ambiente natural de cada um desses animais.

Fica pertinho do Parque Nacional do Iguaçu, onde ficam as cataratas, é só atravessar, e é um dos maiores parques de aves da América Latina, com um trabalho bem legal de conservação e procriação de diversas espécies.

foz do iguaçu parque das aves

O passeio dura, em média, 2 horas, e além de aves vivem lá borboletas e répteis. Lá dentro do parque tem lanchonete, uma no meio da trilha, e uma loja de lembranças.

Da próxima vez quero muito fazer a Forest Experience, com visita a uma aldeia Guarani, e o Backstage Experience, onde a gente vivencia os bastidores, alimenta animais e aprende mais sobre  o trabalho de conservação e de recuperação que o Parque das Aves realiza.

Pra saber mais sobre o Parque das Aves é só clicar aqui.

Cataratas do iguaçu

Saindo do Parque das Aves, fomos para as Cataratas do Iguaçu, e fiquei feliz de ver como o local tem uma estrutura super boa, é organizado, limpo e funcional. Dá pra conhecer o lado brasileiro e o lado argentino, mas fomos apenas no lado brasileiro, que é um absurdo de tão lindo!

Lá dentro tem hotel, estacionamento, centro de visitantes, passeios diversos, lojas de lembranças, praças de alimentação e ônibus internos que nos leva até o início da trilha para acesso às quedas d´água. recomendo roupas leves, calçado confortável e capa plástica, inclusive para celular/câmera, porque vai molhar tudo!

O passeio dura, em média, 2 horas, com trilha no meio da mata e vários espaços para observação das cataratas, sendo que o mais próximo que a gente chega das quedas d´água é na garganta do diabo. Molha tudo, mas vale muito, aquilo é deslumbrante demais. Surreal, de verdade!

Quando terminamos o passeio fomos almoçar no Porto Canoas, mas falo dele em Onde Comer, tá?

Se quiser saber mais sobre as Cataratas do Iguaçu, com todos os detalhes dos passeios, clique aqui.

foz do iguaçu macuco safari cataratas do iguaçu

macuco safari

Saindo das cataratas, fomos fazer o Macuco Safari, um passeio fascinante e muito divertido! A coisa começa com uma trilha na mata atlântica, que é feita em carretas puxadas por carros elétricos. Fiquei louca pra ver as onças que aparecem por ali, mas elas se esconderam de mim hahaha.

Durante todo o percurso os guias falam sobre os animais e plantas que existem ali, e passam todas as informações necessárias para o passeio. A segunda etapa, de 600 metros, pode ser feita a pé ou de carro elétrico, e escolhemos ir andando mesmo, pois dá pra ver a cachoeira Salto Macuco, muitos animais silvestres e plantas de todo tipo.

Quando chegamos no “cais”, escolhemos se queremos fazer o passeio molhado ou seco, e é claro que quis o molhado, né? Tô gripada até hoje, mas valeu cada segundo!

Subimos o rio, atravessando o cânion, em barcos infláveis, e durante o trajeto dá pra ver bem de pertinho a paisagem, a força daquelas águas. Aí vem a parte “com emoção”: o barco se aproxima das quedas d´água e o “banho de cachoeira” é sensacional, gente, lava o corpo e alma!

Saí de lá “nova”, e encharcada, claro! haha Mas, feliz em ter vivenciado tudo aquilo. Foi maravilhoso!

Pra saber mais sobre o Macuco Safari clique aqui.

Marco das três fronteiras

Não esperava muito do Marco, mas amei tanto, gente! Ele foi completamente revitalizado e, basicamente, é composto por três estruturas, uma em Foz do Iguaçu, uma em Ciudad del Este e outra em Puerto Iguazú, cada uma com as cores da bandeira de cada país.

As construções homenageiam as missões jesuíticas, e durante o passeio noturno tudo fica tão iluminado e lindo, sabe? Amei a apresentação de dança que teve lá, mostrei tudo no Stories, inclusive, a música e a parte “histórica”, que eu adoro. Lá também tem um restaurante bem legal, o Cabeza de Vaca, mas, já sabe, falo dele no “onde comer”, tá?

Vale muito ir durante a noite ou no fim da tarde pra ver o pôr do sol e ficar pra jantar. Ah, e na lojinha tem vários presentinhos legais, inclusive meu vício: moedas! Pra saber mais sobre o Marco das três fronteiras é só clicar aqui.

Itaipu Binacional

Esse passeio foi pra minha mãe, que tinha muita vontade de conhecer a Usina de Itaipu, e fiquei chocada com o tanto que aquilo é grande e lindo! A Itaipu Binacional é a maior usina hidroelétrica em produção do mundo, e tudo lá é imenso.

Existem vários passeios diferentes lá (visita panorâmica, iluminação da barragem, o refúgio biológico, o ecomuseu, o polo astronômico e o Kattamaram), e fizemos o circuito especial, onde visitamos a sala de controles, a galeria dos geradores, a catedral da usina, vimos os condutos forçados e o eixo da turbina em funcionamento, além de irmos no mirante central e contemplarmos o vertedouro da usina, que é imenso e, por sorte, estava aberto, o que garantiu um espetáculo de águas. Sério, é muitaaa água, gente!

Compensa muito, e na próxima vez quero ver a iluminação da barragem e fazer o passeio do Kattamaram! Para saber mais sobre os passeio na Usina de Itaipu clique aqui.

foz do iguaçu usina de itaipu binacional

Mesquita

Passamos rapidamente pela Mesquita, que é bem bonita, e logo em frente tinha uma loja de doces árabes de babar! Achei bem legal ver como pessoas de religiões e culturas tão diferentes convivem bem em um mesmo ambiente, sabe? Vale a visita!

foz do iguaçu foz do iguacu

Templo Budista

Meu último passeio em Foz foi o templo budista e, gente, senti uma paz tão grande… Que lugar lindo! É tudo tão silencioso, tão natural, é tanta paz que senti o divino em cada pedacinho daquele lugar.

Acendi meus incensos, fiz meus pedidos, comprei um monte de coisinhas na lojinha que tem lá, e voltei pra casa com um quentinho no coração, uma sensação boa de conexão comigo mesma, com a luz que habita em mim, sabe? Lógico que quero voltar!

Compras Paraguai

Tivemos pouco tempo no Paraguai, queria uma semana inteira, mais ou menos, sabe? Tem muita coisa e preços super bons, gente, dá pra pirar!

Vi muita publicidade da Monalisa e do Shopping Ciudad Del Este lá em Foz do Iguaçu, mas conversando com o pessoal de lá me indicaram o Shopping China pra comprar eletrônicos e a Casa Americana. Como tinha pouco tempo, priorizei esses dois!

A Casa Americana fica num shopping logo após a ponte da Amizade, a direita da aduana paraguaia. É uma loja grande, com uma variedade boa de cosméticos, perfumes, acessórios e coisas para casa. Comprei produtos de marcas do Paraguay, porque queria conhecer mesmo, e de marcas como Givenchy e Dior, e achei os preços bem bons.

Como tínhamos pouco tempo, saímos da Casa Americana e fomos pro Shopping China. Enlouqueci nos eletrônicos. Lá é um pouco mais caro que o comércio de rua, claro, mas a gente tem certeza que as coisas são originais, né?

Contudo, os preços são infinitamente melhores que aqui no Brasil e só não comprei mais eletrônicos porque fiquei com receio de ser parada. Pois é.

Tem também muitos cosméticos, perfumes, produtos de cabelo, beleza, maquiagem e roupas, e eu fiz a festa! Usei basicamente dólar, mas aceitava a moeda brasileira em todos os lugares que fui.

Compras na Argentina

Duty Free Shop Puerto Iguazú

Assim que chegamos, no primeiro dia,  fomos para o Duty Free Shop Puerto Iguazú, na Argentina, que fica logo após a Ponte da Fraternidade. Morgana, da Combo Iguassu, foi conosco, e os clientes do Hotel Tarobá têm transporte gratuito pra lá.

foz do iguaçu foz do iguacu

O lugar é bem grande, tem uma ótima estrutura e uma variedade imensa de bebidas, cosméticos, perfumes, eletrônicos, roupas, brinquedos e um monte de coisinhas pra comprar. Dá pra surtar legal!

Os preços são bem bons e os produtos importados são originais, então a gente compra com mais tranquilidade, sabe? Lembro que lá aceita dólar e real, e recomendo dar um sumiço no cartão de crédito, porque a tentação é grande!

Ah, pra tudo vocês vão precisar de documento de identificação, e só tem validade lá a carteira de identidade e a carteira de motorista, então guardem direitinho. Eu perdi a minha por lá, claro (mas encontramos depois rs).

La Feirinha

Ainda em Puerto Iguazú, fomos na feirinha, que é um comércio popular de estrutura simples com uma variedade boa de queijos, azeitonas, azeites, temperos, doce de leite, produtos regionais e vários tipos de alfajor. Encontrei o branco e o preto da La Recoleta e comi de joelhos. Uma delícia!

As bancas ficam abertas o dia todo, até bem tarde, e fiquei surpresa em ver lojas funcionando normalmente às 11 da noite.

Por ali também tem algumas lojas de produtos de couro com bons preços, além de bares e restaurantes. Jantamos em um, aliás, que foi delicioso, mas já falo dele!

Onde Comer

foz do iguaçu foz do iguacu

El Quincho Del Tío Querido

Nossa primeira noite foi nesse restaurante, que fica em Puerto Iguazú e tem pratos diversos: carnes, massas e por aí vai. Ah, e tem vinhos e cervejas bem legais, viu? Voltei amando a tal da Patagônia, super saborosa!

O atendimento é ótimo e rápido, o ambiente é gostoso e acolhedor, a comida é das melhores e o preço é coerente com o ambiente. Quero voltar!

Pra conhecer mais do local, clique aqui.

Porto Canoas

Esse restaurante fica dentro do complexo das Cataratas e eu amei! A vista é incrível, o rio passa “embaixo” e dá pra ver tudinho cá de cima, sabe? Tem carnes, massas, grelhados, peixes, mariscos, saladas e um monte de coisas gostosas por R$59,00 por pessoa.

O ambiente é bem legal, a comida é gostosa, tem uma variedade razoável de pratos, o atendimento é super bom e o custo-benefício compensa. Recomendo!

Pra conferir mais um pouco do restaurante é só clicar aqui.

Restaurante Cabeza de Vaca

O Cabeza de Vaca fica no Marco das Três Fronteiras, tem um ambiente gostoso e aconchegante, ótimo atendimento, bons vinhos e pratos saborosos, embora o buffet não tenha muita variedade. Tem chopp artesanal delicioso e uma vista linda.

Ah, o nome do restaurante leva o apelido do espanhol Alvar Nunez, um desbravador espanhol que foi o primeiro homem branco a ver as cataratas do iguaçu, lá em 1542.

Churrascaria Rafain Show Iporã

Acho que é a churrascaria mais “típica” de Foz e estava lotada! Tem uma variedade bem boa de pratos, uma mesa imensa de sobremesas, uma cerveja artesanal “no ponto”, um bom atendimento e boa estrutura.

O show é bem turístico mesmo, com danças típicas de vários países, e o pessoal adora, todo mundo aplaudia muito, teve gente que subiu no palco, achei legal. Um lugar que quero voltar, com certeza! Pra conhecer um pouco mais clique aqui.

Onde Ficar: Hotel Tarobá

Foz do Iguaçu tem dezenas de hotéis e indico muito o que fiquei, o Tarobá Hotel. Fica em uma região central, com restaurante ao lado, fácil acesso a transporte público para todos os lugares, tem um café da manhã ótimo, com opções mais saudáveis e mais “gordices”, os quartos são bem confortáveis e preparados para receber idosos e pessoas com necessidades especiais, o que é essencial.

foz do iguaçu

O atendimento foi impecável, tudo é muito limpo e funciona super bem. É, inclusive, um dos hotéis econômicos de Foz do Iguaçu mais bem avaliados no Trip Advisor em, e tem a vantagem de oferecer vários passeios e ter uma agência que funciona lá dentro. Isso facilita tudo!

Pra conferir mais do Tarobá Hotel é só clicar aqui, e aqui dá pra ver as muitas opções de passeios da Combo Iguassu.

O que levar

Roupas e calçados confortáveis, além de repelente, são “de lei”, mas como a temperatura varia bastante é bom olhar a previsão do tempo para os dias em que você estiver por lá.

Em todos os lugares que fui a moeda brasileira era aceita, assim como o dólar, e o cartão de débito funciona de boa no Paraguai e na Argentina, desde que o uso internacional esteja liberado, o que varia a depender do cartão e do banco.

Ufa, o post ficou imenso, mas fiz muitas coisas nos 4 dias que fiquei lá e queria mostrar tudo pra vocês! E você, já conhece Foz do Iguaçu? Indica algum outro passeio imperdível? Quero saber!

E se quiserem mais guias de viagem, avisem aqui nos comentários!

Beijos, Ju♥

Quer mais dicas como essa? Siga nossas Redes Sociais ⇒ Instagram ♥ Snapchat ♥ Twitter ♥ Pinterest ♥Facebook⇒   @jurovalendo

Vizcaya
14.06.2017

Óleo Corporal Com Ouro Lolita Sérum The Body Shop

O que é meu encosto de chacrete mais ama nessa vida, meu povo? Ouro, dourado, brilho, poderrrr! hahaha E quando a gente recebe um óleo corporal com ouro, faz o que? Corre pra tomar banho só pra testar, né não? Eu acho!

E foi exatamente o que fiz quando recebi o tal do Óleo Corporal com Ouro Lolita Sérum, da The Body Shop, marca que eu amo! Já falei disso por aqui algumas vezes, mas vale repetir: fico feliz em usar produtos veganos, de marcas que usam muitos ativos naturais, que não façam testes em animais, que dê preferência a ativos vindos de pequenas comunidades produtoras, que tenha responsabilidade social e busque, de alguma forma, contribuir para a melhora do planeta, sabe?

Acho tão bonito isso, gente. E é aquilo que eu sempre digo: o que a gente e de quem a gente compra faz muita diferença no mundo. Muita.

Óleo Corporal Com Ouro Lolita Sérum The Body Shop

Mas, vamos pra resenha do meu óleo do poder, né?

Óleo Corporal Com Ouro Lolita: As Promessas

De acordo com a marca, trata-se de “um mix de óleos naturais de ação antioxidante e partículas de ouro 24k que forma uma película protetora que retém a umidade da pele, preservando sua hidratação, deixando-a macia, radiante e delicadamente perfumada com fragrância floral, frutal doce.”

É indicado para todos os tipos de pele e vem com 26o ml.

A embalagem é plástica e conta com tampa de rosquear dourada. A textura é de óleo mesmo, e no pote dá a impressão de ser mais grosso, mas na pele ele fica mais leve, mais fino, sabe? Tem partículas de ouro que dissolvem no óleo, e eu adoro isso! haha

Óleo Corporal Com Ouro Lolita Sérum The Body Shop

O produto é laranja e o cheiro é bem gostoso: doce na medida, e gruda na pele. Uma delícia!

Ele pode ser aplicado durante o banho, como “óleo de banho” mesmo, e depois do banho. Basta agitar o produto e aplicar na pele em movimentos circulares.

Aplicar no corpo todo, em movimento circulares, durante o banho. Enxaguar em seguida. Pode ser aplicado após o banho.

Óleo The Body Shop: Resenha

Amo óleo de banho, cês sabem, e garrei um amor doido nesse aqui, porque, veja bem, ele tem partículas de ouro, ele deixa a pele luminosa, cheirosa e linda, e sem melecar ou pesar. Me sinto Ryyycahhhh! hahaha

Óleo Corporal Com Ouro Lolita Sérum The Body Shop

Durante o dia tenho usado no banho, e aplico uma quantidade pequena, espalhando bem, e a coisa flui facilmente: ele espalha fácil, não deixa a pele “escorregando”e garante um iluminado, sem brilho, bem bonito.

Amo o efeito! Amo que não me deixa brilhosa, mas ilumina a pele de forma discreta. Amo que não meleca tudo, que tem um sensorial bom, que não é gorduroso e deixa a pele sedosa. E amo porque garante uma sedosidade das melhores e um cheirinho bem gostoso, que dura um tempão.

Acho que ele é ainda mais maravilhoso no verão, com a pele bronzeada, sabe? Aí deve ser poder dobrado! haha

Óleo Corporal Com Ouro Lolita Sérum The Body Shop

Usando após o banho, com a pele ainda um pouco úmida, tenho um efeito de iluminar um pouco mais potente, e adorei usando no colo e nas pernocas branquelas, deu um “destaque”, sabe como é?

Com certeza entrou pro rol de produtos preferidos, e é daqueles óleos que vou usar vários potinhos.

Custa R$94,00, tem um ótimo rendimento e é vendido nas lojas físicas e na loja virtual da marca. Já conhecia? Qual seu produto preferido da The Body Shop? Tem algum outro óleo corporal que vocês gostem muito?

Óleo Corporal Com Ouro Lolita Sérum The Body Shop

Eu gosto de vários, mas esse óleo corporal com ouro ganhou meu coração! Mas, se quiser opções que “ganhem” o bolso também, aqui tem os melhores óleos corporais bons e baratos.

Beijos, Ju♥

Quer mais dicas como essa? Siga nossas Redes Sociais ⇒ Instagram ♥ Snapchat ♥ Twitter ♥ Pinterest ♥Facebook⇒   @jurovalendo

13.06.2017

Cabelos Finos Após As Luzes: Como Evitar e Tratar

Já faz um tempinho que vocês vêm pedindo pra falar de cabelos finos após as luzes/descoloração, e a gente sabe que qualquer química capilar tende a afinar os fios, sobretudo a descoloração e os alisamentos, incluindo, aqui, a progressiva e “genéricos”.

Nesse tipo de procedimento o cabelo perde massa, e se perde massa fica fraco e fino, então a gente tem que começar a cuidar antes, jogar duro no depois e não vacilar, porque quem faz química, em regra, não para, então o cabelo sempre vai precisar de mais “força”, sabe?

Já tive muitos problemas com isso, de corte químico a fios super finos, mas hoje consigo descolorir com regularidade sem comprometer o volume e sem que o cabelo quebre, e pra isso desenvolvi toda uma estratégia de guerra, que cês sabem que eu gosto da coisa, né? hahaha

Mas é coisa simples, gente, e barata! Tudo é questão de disciplina, de manter uma rotina de tratamento, sabe? Vamos por partes!

cabelos finos após luzes e descoloração

Cabelos Finos: Como Evitar?

1. Não se faz luzes ou descoloração se o cabelo estiver frágil, elástico, partindo. Se os fios estiverem assim, suspenda todas as químicas até que ele melhore.

Ah, e não caia na besteira de fazer uma “selagem”, um “botox” (exceto o da L´Oréal, que é tratamento e não progressiva disfarçada), uma “progressiva” ou similares pra tratar o cabelo que nada disso trata cabelo, viu? É treta pura e já falei sobre isso nesse post aqui.

Esse tipo de procedimento engana demais, porque por fora o cabelo fica uma beleza, mas por dentro os fios ficam cada vez mais fracos.

2. Fazer um teste de mecha é essencial pra ver se o cabelo vai ou não vai aguentar o tranco. Sério, não abram mão disso! Às vezes a gente acha que o cabelo está ótimo, mas ele não aguenta o tranco, e isso a gente só tem como saber pelo teste da mecha ou pelo desastre após a descoloração/luzes.

3. Estando ou não seu cabelo fraco antes do procedimento, invista em uma rotina de cuidados com doses mais altas de reconstrução, porque se o cabelo vai perder massa, a gente já “devolve” o que ele nem perdeu ainda pra que os danos sejam menores. Prevenir é sempre melhor que remediar, vai por mim!

Tem posts antiguinhos aqui sobre como preparar a o cabelo para as mechas, vale conferir, ó:

Suplementos para fortalecer os fios

Cabelo é alimentado de dentro para fora, e senti uma diferença absurda quando comecei a usar suplementos de forma constante para fortalecer os fios. E, gente, existem dezenas, você escolhe o que funciona melhor pra você!

cabelos finos após luzes e descoloração

Tomei por longos anos, mas dando pausas, o Pill Food, aí desenvolvi com as meninas da Art Vitta o Pill Food turbinado, que é meu preferido, já tomei Biotina, e hoje uso o enxofre orgânico e o silício.

Ah, também tomo colágeno, que colágeno é super bom para o cabelo, mas o intuito é mesmo me iludir de que ele vai fazer o milagre de deixar tudo durinho, sabe como é? hahaha

Tem meses que vario um pouco, experimento alguma outra coisa, mas nunca deixo de tomar o enxofre, e é só ler o post sobre ele pra entender porque ele é tão importante para os fios. Vai por mim que tenho quase 20 anos como dependente química do descolorante, vai por mim!

Como Tratar Cabelos Finos?

Afinou e bateu o desespero? Calma que tem jeito! Além do uso de algum suplemento, pra nutrir pro dentro, dando força aos fios, é preciso estabelecer uma rotina de cuidados que vá repondo tudo o que o cabelo precisa, e isso inclui hidratação, nutrição e reconstrução.

Reconstrução, pra mim, é o mais importante nesses casos. Mas, não foquem só na queratina. O ideal é apostar em produtos ricos em aminoácidos que atuem na redensificação da fibra capilar, como a treonina, a serina e a tirosina, que, além disso, ajudam no fortalecimento e a na resistência dos fios.

Existem alguns produtos específicos para “engrossar” os fios, por aumentarem a densidade na parte interna do cabelo, e falei deles nesse post aqui, ó.

O uso do enxofre orgânico, de forma contínua, também ajuda demais, gente. Além de ser essencial para a construção de dois dos mais importantes aminoácidos para o cabelo, a cisteína e a metionina, não podemos esquecer que o fio do cabelo é formado, basicamente, por queratina.

E o que isso tem a ver com o enxofre? Bom, a resistência da queratina é explicada principalmente pelas ligações de enxofre que existem entre as cadeias de polipeptídeo, e se há deficiência de enxofre o cabelo não aguenta, e aí não há reconstrução que dê jeito!

cabelos finos

Além de fortalecer, ele ajuda na redensificação, aumentando a espessura dos fios, o que significa cabelos mais grossos e resistentes.

A coisa é simples, só tem mesmo que ter disciplina, e é fazendo isso que mantenho os fios grossos mesmo com descolorações constantes.

+ dicas para recuperar o cabelo após a descoloração

Vou deixar alguns links de posts importantes pra quem está com fios finos e frágeis, e se você tiver mais alguma dica é só dividir com a gente, tá? E se quiserem sugestões de produtos, uma coisa bem detalhada, pra engrossar o cabelo, avisem nos comentários!

  1. Cabelo elástico: guia rápido para recuperar o cabelo!
  2. Como saber se o cabelo precisa de hidratação, nutrição ou reconstrução?
  3. Quanto tempo demora para o cabelo melhorar?
  4. Cronograma capilar: o guia completo!
  5. Corte químico: o que fazer pra salvar o cabelo?
  6. Não é o que você quer, é o que seu cabelo precisa!
  7. O produto que vai salvar o seu cabelo!
  8. Como saber do que o cabelo precisa?

Beijos, Ju ♥

Quer mais dicas como essa? Siga nossas Redes Sociais ⇒ Instagram ♥ Snapchat ♥ Twitter ♥ Pinterest ♥Facebook⇒   @jurovalendo

O que você acha do JV?
Ju, amo seu blog!!! suas dicas!!! vc é maravilhosa com sua opinião honesta!!! Sempre quando quero comprar algum produto venho aqui pra ver o que…