Vizcaya
14.03.2019

Arrume a Sua Bagunça e Transforme a Sua Vida

Um dos livros mais legais que li nos últimos tempos, e que tem muito a ver com o momento que tô vivendo, foi o Arrume a Sua Bagunça e Transforme a Sua Vida, da Karen Kingston.

Vi a indicação, lá no Instagram da Barbara (@livinggazette) e comprei no mesmo dia na Amazon.

Falando isso, desisti da Cultura e da Saraiva depois de muitos problemas (na Saraiva até hoje não resolveram!) e demora na entrega. E fiquei bem surpresa com a rapidez da Amazon, viu?

Mas vamos pro livro… e pra bagunça!

arrume a sua bagunça e transforme a sua vida livro

Até alguns anos atrás não tinha ideia de como manter as coisas organizadas. Era a rainha da bagunça, e isso não só refletia muito do que estava acontecendo por dentro como atrapalhava a vida e me fazia perder tempo, muito tempo.

Por causa do TDAH, entendi que precisava de organização pra conseguir render no dia a dia. Hoje vejo que preciso de organização pra viver. E meu Mercúrio em Virgem agradece! rs

Não tinha muita noção de como as coisas chegavam ao estado de caos. Na verdade eu nem percebia, e todos os dias era uma agonia para encontrar minhas coisas.

Isso refletia muito na organização financeira, porque não tinha controle de absolutamente nada, e da minha vida como um todo.

Lembro que em 2015 escrevi um post aqui, falando do livro da Marie Kondo, em que falei que era a desorganizada mais organizada de todas, e que achava que os duendes da bagunça tiravam minhas coisas do lugar rsrs.

Coloquei em prática muitas coisas que aprendi nele e as coisas melhoraram bastante. Mas quando vim morar sozinha percebi que era uma oportunidade de ter uma vida realmente organizada, com tudo no seu devido lugar.

arrume a sua bagunça e transforme a sua vida livro

Daí pra me tornar o que eu mais temia, uma viciada em organização, foi um passo!

E quando Arrume a Sua Bagunça E Transforme a Sua Vida chegou, pude entender e confirmar muitas coisas, além de aprender coisas simples pra manter tudo em ordem no dia a dia, que é a parte mais difícil.

E o legal desse livro é que ele também tem noções básicas de Feng Shui, coisa que uso faz tempo e tenho aplicado muito aqui em casa.

Livro Arrume a Sua Bagunça E Transforme a Sua Vida

O livro é dividido em 3 partes: Entenda a bagunça, Identifique a bagunça e Elimine a bagunça.

1.Entenda a Bagunça

Nessa parte a autora começa falando um pouco do Feng Shui e explicando a importância da limpeza do espaço onde vivemos/trabalhamos, que é essencial para melhorar o fluxo de energia nos ambientes e, consequentemente, na nossa vida.

Sujeira e bagunça fazem a energia estagnar, e isso atrapalha a vida de formas que a maioria sequer imagina.

Depois de explicar o problema da bagunça e tudo o que ela causa, além da eficiência da sua eliminação em cada categoria (são basicamente 4 categorias de bagunça: o que a gente não usa e/ou não gosta, coisas desarrumadas/desorganizadas, excesso de coisas em pequenos espaços e coisas inacabadas), o livro explica como tudo isso pode nos afetar.

Nesse ponto específico é dito que a bagunça pode:

Fazer com que você se sinta cansado e letárgico

  • Retê-lo no passado
  • Congestionar seu corpo e afetar seu peso
  • Impedir que você enxergue as coisas com clareza
  • Afetar a forma como as pessoas o tratam
  • Fazer com que adiemos as coisas
  • Causar desarmonia nos seus relacionamentos
  • Travar a sua vida e muitas outras coisas

Ela explica as razões pelas quais acumulamos tanta coisa e não conseguimos organizá-las e ensina a se desfazer não só do que não faz mais sentido, mas se desfazer do medo que nos mantém apegados a todas essas coisas.

2. Identifique a Bagunça

Essa é a parte onde há informações mais interessantes do Feng Shui, mostrando como a bagunça, em casa local da sua casa, afeta a sua vida.

Tem muita informação pra ajudar a identificar todo tipo de bagunça e a organizar o que precisa ser organizado de forma que essa organização seja mantida facilmente, o que nos leva para a terceira parte do livro.

3. Elimine a Bagunça

Depois de entender e identificar o que é a bagunça, é hora de eliminá-la, e aí a autora praticamente pega a gente pela mão e vai mostrando como fazer com cada coisa, dando opções das melhores formas para cada caso, como um passo a passo mesmo.

arrume a sua bagunça e transforme a sua vida livro

Nisso ela vai relacionando com os inúmeros aspectos emocionais envolvidos, aborda a bagunça no uso do nosso tempo e como estabelecer prioridades diariamente, a procrastinação, como ficar livre da bagunça e se organizar definitivamente.

Tem também a parte onde ela aborda a desordem no nosso corpo e no nosso emocional especificamente. E, sem sombra de dúvidas, é não só o melhor livro sobre organização que já li, mas o que, no meu caso, se mostrou mais eficaz.

Libertador, aliás!

Estou relendo tudinho novamente e, dessa vez, focando em organizar o meu tempo. Indico demais, demais, demais!

O livro tem 244 páginas, custa R$33,00 na Amazon (compre aqui).

Alguém já leu? Conta aí o que achou! Indicam algum outro? Querem posts sobre organização por aqui? Avisem nos comentários!

E pra ver mais posts com dicas de livros é só clicar aqui.

Beijos, Ju♥

Quer mais dicas como essa? Siga nossas Redes Sociais ⇒ Instagram ♥ Twitter ♥ Pinterest ♥Facebook⇒ @jurovalendo

Vizcaya
26.09.2018

O Poder da Autorresponsabilidade, Paulo Vieira

Faz tempo que recebi do Paulo Vieira o livro O Poder da Autorresponsabilidade, e como tem exercícios e conceitos que acho bem interessantes, vou dividir aqui com vocês.

Estava com saudade de falar de livros por aqui! Vocês também?

Já tinha lido outros livros do Paulo, inclusive O Poder da Ação, que foi indicação da Rê, e o capítulo 3 fala justamente de autorresponsabilizar-se.

E isso é uma coisa que me desperta muito interesse, tanto que já escrevi um post sobre o assunto aqui, e vivo me observando pra não cair na confortável posição de culpar tudo e todos por coisas que aconteceram (ou não) por responsabilidade minha.

livro poder da autorresponsabilidade paulo vieira

E o fato de chamar a responsabilidade pra mim é uma libertação, porque se sou a responsável, está nas minhas mãos o poder de redirecionar as coisas e, assim, mudá-las.

Óbvio que não temos controle sobre uma quantidade imensa de situações que acontecem nas nossas vidas. Mas podemos decidir como lidar, como agir em relação a cada uma dessas coisas. Ou, ao menos, a grande maioria delas.

É fácil? Na grande maioria das vezes não, e bem sei disso. Só que é necessário.

O Poder da Autorresponsabilidade

E O Poder da Autorresponsabilidade trata justamente disso, de trazer pra si a responsabilidade das coisas que acontecem pra nos capacitar a mudar o que precisa e pode ser mudado.

É um livrinho pequeno, em formato de uma espécie de manual com o que o autor chama de “metodologia das 6 leis para a conquista da autorresponsabilidade”:

  1.  Calar-se em vez de criticar.
  2.  Dar sugestão em vez de reclamar.
  3. Buscar a solução em vez de buscar culpados.
  4.  Fazer-se de vencedor ao invés de vitimizar-se.
  5. Aprender com os erros em vez de justificá-los.
  6. Julgar as atitudes, e não as pessoas.

Essas 6 “leis” estão no capítulo 6, e acho muitoooo válidas, sabe?

livro poder da autorresponsabilidade paulo vieira

Em tempos onde criticamos tudo e todos, e apontamos o dedo com a mesma intensidade, é bom parar pra pensar, por exemplo, que ao invés de criticar a gente pode pontuar algo, sempre com delicadeza, ao tempo em que sugere uma forma diferente de fazer aquilo que iríamos criticar.

É tão mais produtivo, sabe? E focar em soluções é sempre mais inteligente que ficar “batendo” nos problemas.

A mesma coisa vale para as reclamações… E a gente reclama tanto, né? Mas porquê, ao invés de reclamar, o que não significa se calar diante das coisas, não apresentamos sugestões?

Porquê não usar o nosso poder de impactar o outro, porque sim, as palavras têm muito poder, para ajudá-lo a melhorar, para edificar?

Qual a razão de ficar procurando culpados quando podemos focar a nossa energia em resolver as coisas, que é o que realmente faz diferença?

livro-poder-da-autorresponsabilidade-paulo-vieira

Da mesma forma, porque ao invés de vestir a carapuça da vítima e negar os próprios erros, não podemos encará-los de frente e aprender com eles?

E, por fim, que tal descer do pedestal de semi-deus que não só julga, mas condena o outro como se não fôssemos todos humanos, passíveis de erros e falhas?

Todo mundo comete erros, gente. Pequenos, médios, gigantescos. E isso não pode definir uma pessoa. Então, uma coisa é julgar uma atitude que consideramos errada. Outra, bem diferente, é julgar (e condenar) uma pessoa com base nessa mesma atitude.

Enfim, é um livrinho interessante, que faz pensar e, pra mim, vale ser lido!

Alguém já leu? Ele custa R$9,90 nas livrarias de todo o país (compre aqui).

Beijos, Ju♥

Quer mais dicas como essa?Vamos papear nas redes sociais⇒ Instagram ♥ Twitter ♥ Pinterest ♥Facebook⇒ @jurovalendo

28.01.2018

Mindfulness Atenção Plena: Livro da Semana

O livro dessa semana é bem interessante e, acredito, pode ajudar muita gente! Mindfulness – Atenção Plena, de Padraig O´Morain, é recomendado pelo serviço nacional de saúde britânico e fala sobre o plano que libertou milhões de pessoas do stress e da ansiedade do dia a dia.

Confesso que quando me deparo com promessas desse tipo já fico cismada. Mas, fiquei curiosa e acabei comprando o livro, único sobre o tema que encontrei aqui em Jee.

Mas, o que é mindfulness, afinal?

Logo no comecinho do livro o autor explica que Mindfulness “resume-se a trazer repetidamente a atenção para o que acontece no momento, mas de um modo especial: sem brigar com a realidade.

Ao deixar de lado o descontentamento, você aprende a apreciar o que deve ser apreciado e melhora a habilidade de perceber o que precisa ser mudado, e isso proporciona muitos benefícios em todos os campos da nossa vida.”

livro mindfulness atenção plena resenha juro valendo

Quem já leu O Poder do Agora e, principalmente, os livros do Osho, saca logo que a coisa gira em torno de fazer tudo, absolutamente tudo, de forma consciente, estando no aqui e agora, alerta.

Lembro, inclusive, de uma citação do Osho que fala mais ou menos isso: “Qualquer coisa que você estiver fazendo, faça-a conscientemente. Assuma o controle do robô – com qualquer coisa ordinária. Quando comer, coma conscientemente. Não faça isto mecanicamente, como você tem feito todo dia. Quando fumar, fume conscientemente. Não permita sua mão mover-se para a carteira inconscientemente, não tire o cigarro inconscientemente. Esteja consciente, alerta – e aí há uma diferença.

Se você se move para a paixão, mova-se com consciência; e a paixão se torna oração, e a paixão tem uma qualidade totalmente diferente para ela. No Oriente nós chamamos essa qualidade de tantra.”

Em praticamente todos os seus livros esse conceito está presente, e como leio Osho há mais de 15 anos, a coisa me parece muito natural.

Como praticar Mindfulness

O difícil mesmo é colocar em prática, é estar alerta em cada ação, a todo momento,  o dia todo, todo dia, e de forma natural, sem forçar.

E é justamente nesse ponto que acho que esse livro pode ajudar, porque ele ensina muitas técnicas e sugestões extremamente simples de como praticar a atenção plena em cada momento sem precisar “arranjar tempo” ou mudar a nossa rotina pra isso, sabe?

livro mindfulness atenção plena resenha juro valendo

É um livro bem interessante (e didático) pra quem nunca teve contato com a atenção plena, bem como pra quem já leu muito sobre, entende bem como a coisa funciona mas, como eu, não pratica tanto quanto deveria.

E claro que fazendo as coisas de forma consciente muita coisa muda, o relaxamento vem e, com isso, a gente consegue, naturalmente, viver com mais inteligência emocional, leveza e foco, dentre outras coisas, e menos ansiedade e estresse.

Ao contrário do que já ouvi muito por aqui em grupo de meditação, concordo com a visão oriental de que a meditação não deve começar pelo relaxamento, e sim pela consciência. Dessa forma, estando consciente, o relaxamento vem por si só, não existe a tensão de forçá-lo, sabe?

O livro é dividido em 13 capítulos e mostra como praticar mindfulness em casa, nos relacionamentos, com a alimentação, com o nosso corpo, no trabalho, em casos de desgaste emocional, com os filhos, dentre outros, além de de abordar o papel essencial da respiração e listar 10 estratégias simples e eficazes para a prática diária de mindfulness.

Minha experiência com o livro Mindfulness Atenção Plena

Comprei  esse livro em setembro do ano passado e fui lendo aos poucos, procurando relacionar com coisas que já tinha lido no Osho, e aí fui reler O Poder do Agora, que li pela primeira vez há 9 anos atrás, e só agora em janeiro consegui começar a colocar em prática.

E o que percebo é que tudo é uma questão de se habituar a prestar atenção, a sair do piloto automático. Mas, tudo da forma mais espontânea e natural possível.

E falo da importância disso aqui mais uma vez citando Osho: “quando a espontaneidade esta lá e o fundo da consciência está consciente; quando a consciência está lá e entretanto você não interfere com o espontâneo… Você está tão disciplinado em sua consciência que você não cria qualquer disciplina não natural para si mesmo; sua consciência lhe ajuda a ser natural, ser espontâneo, não-interferente, não-repressor, mas ainda assim você está ciente.

livro mindfulness atenção plena resenha juro valendo

 Há pessoas que estão conscientes e se tornam não naturais; por causa de sua consciência elas começaram a interferir na vida natural delas.

É necessária uma nova combinação, uma síntese nova: consciência com espontaneidade. Isso é o que Kabir quer dizer quando ele diz sahaj samadhi. Sahaj significa espontaneidade, samadhi significa consciência: consciência espontânea. Se a consciência interfere com sua espontaneidade, você perdeu. Se sua espontaneidade vai contra a consciência, você perdeu.”

Então, tenho estado atenta a minha respiração, que sempre fui ruim, a minha forma acelerada de falar e fazer todas as coisas, e já consigo perceber quando não estou falando calma e pausadamente, quando estou reagindo ao invés de agir, quando minhas ações são uma resposta a um conjunto de coisas que já vivi e não a questão/momento em si e por aí vai.

Tô um pouco menos ansiosa e mais centrada, vivendo, em boa parte do tempo, no aqui e agora, mas plenamente consciente de que tem muito caminho pela frente.

Não é mágica, gente. Tudo é um processo, que leva tempo, e cada um tem o seu. Pra alguns a coisa é mais fácil e rápida, para outros não, e está tudo certo, não é uma competição.

Preço e onde comprar

Então, acredito que o livro, quando entendido e colocado em prática, seja bem valioso. Recomendo!

O meu comprei aqui em Jee, mas na vende nas grandes livrarias, inclusive na Cultura e na Saraiva por, em média, R$30,00.

Alguém já leu? Conta aí o que achou! E se quiser ver mais resenhas de livros é só clicar aqui.

Beijos, Ju♥

Bora papear mais? Siga nossas Redes Sociais ⇒ Instagram ♥ Snapchat ♥ Twitter ♥ Pinterest ♥Facebook⇒   @jurovalendo

 

O que você acha do JV?
Ju, amo seu blog!!! suas dicas!!! vc é maravilhosa com sua opinião honesta!!! Sempre quando quero comprar algum produto venho aqui pra ver o que…