Vizcaya
19.02.2019

Ilía Dual Natura

Dia desses comentei que fazia tempo que não sentia um perfume com “interessância” suficiente pra ganhar um Perfumando… Aí a Natura lançou o Ilía Dual e meu olfato, de fato, “saltou”!

Citadina selvagem de alma audaz e resoluta, Ilía Dual é fada indestrutível, feiticeira na doçura, de ígnea supremacia, força, poder.

ilía dual natura resenha juro valendo

A abertura é melíflua, levemente adocicada, com um certo frescor do acorde hesperídico, de aura gentil e, veja só, tão delicada… Logo uma mimosa glaçada e melada, em taças felpudas, carameliza uma tuberosa majestática e absolutamente imponente, seguida por um jasmim suntuoso, envolto num lírio do vale altivo, orvalhado, adocicado.

Mas não se engane, essa fada tem muitas faces, tudo depende do seu olhar. E do que ela, em cada momento, quer mostrar.

Depois do caminho de flores docinhas, que acolhem e acalentam a alma, ela, com vestido de seda e ombros nus, põe uma jaqueta de couro nas costas, charuto na mão e, insolente que só, mete o pé na porta e invade o salão.

ilía dual natura resenha juro valendo

Aqui a canela frutada, aveludada e quente parece ser costurada em camadas e mais camadas de uma pelica curtida com tabaco e fumeiro. O couro, nesse momento,  é absolutamente íntimo, quase uma segunda pele, e vai evoluindo, ficando mais e mais lascivo, de uma sensualidade sussurrada, insopitável, avassaladora… Animalesca!

Quentura de mãos entrelaçadas, lençóis emaranhados e bem usados, deleite escandaloso que vela pudores… Pele arrepiada e amores, muitos amores.

Há nele uma imantação inexplicável, altamente viciante, que desnorteia e prende enquanto borda doses de uma feminilidade imponente, descortinando tantas faces e partes de cada uma de nós, que é impossível decifrar.

Esfumado de acordes doces, profundo, obscuro e forte, é perfume mulherão. Nada de joguinhos ou indecisão. Ela sabe o que é, quem e o que quer e toma, silenciosamente, sem fazer alarde, deixando um por um na palma da mão… Ou não.

ilía dual natura resenha juro valendo

Sublime, merece, com toda certeza, aplausos de pé!

A projeção é intimista, a fixação é bem boa e dura umas 6 horas na pele.

Custa R$129,90 (tá saindo por R$99,90 nesse link aqui), é vendido na loja virtual da marca e com a as revendedoras.

Alguém já experimentou? A Mirna, lá no nosso grupo fechado, postou falando que amou… Esse #Perfumando é pra você, Mirna!

E pra conferir outros Perfumando é só clicar aqui.

Beijos, Ju♥

Quer mais dicas como essa? Siga nossas Redes Sociais ⇒ Instagram ♥ Twitter ♥ Pinterest ♥Facebook⇒ @jurovalendo

Vizcaya
05.02.2019

Base Sérum Natura Una Nude Me

Mais que make!

Faz muito tempo que não faço resenhas de produtos de maquiagem por aqui, mas esse ano teremos muitas, e vamos começar com a Nude Me, a Base Sérum Natura Una com FPS 18.

Antes de começar a resenha, quero falar um pouquinho sobre um projeto novo aqui do blog, o Mais Que Make, uma junção de muitas coisas que vocês falam nos comentários, sobretudo no Instagram, com a forma como consumo (e uso) maquiagem.

Claro que uma coisa não exclui a outra, mas sempre investi muito mais em produtos para cuidar que pra maquiar, até porque durante a maior parte da vida tive que optar entre produtos para tratar a pele ou as makes que eu queria.

base sérum natura nude me juro valendo

E, apesar de achar maravilhoso nos outros, nunca fui de maquiagens mais elaboradas. Não tem a ver comigo, com o meu dia a dia e com a minha realidade (e isso inclui morar na esquina do sol), não tenho tempo nem paciência e também não sei maquiar.

Então, o que funciona pra mim no dia a dia é uma maquiagem mais natural, que quase não “apareça”, sabe?

Acontece que, com 36 anos na cara e todo o cuidado que tenho com minha pele, que começou com 20 aninhos, me recuso a usar “maquiagem que seja só maquiagem”.

Quero vantagens, gente, quero outros benefícios, quero mais que make, ué!

Porque sim, na imensa maioria dos casos, a maquiagem pode ir além de apenas maquiar, e bem sei o quanto produtos de baixa qualidade (e qualidade não é sinônimo de preço!) fazem mal pra pele.

Portanto, os produtos que me interessam são aqueles que, independente do valor, tenham qualidade e entreguem benefícios para a pele. E são desses produtos que, uma vez por semana, vamos prosear no Mais Que Make, combinado?

Agora vamos pra resenha, e já aviso que estou sem a embalagem porque Matilda e Ozzynho destruíram minha caixa de embalagens durante a reforma. Ahhh, vida real! hahaha

base sérum natura nude me juro valendo

Base Sérum Natura Una: As Promessas

De acordo com a Natura, “a Nude Me Base Sérum FPS 18 é indicada para todos os tipos de pele e pode ser usada todos os dias.

Leve, fluida e aquosa, ela conta com a tecnologia Oxygen, que não prejudica a saúde do rosto, já que essa inovação possibilita que a pele respire tanto quanto se estivesse sem o produto.

Seca em tempo ideal, e deixa um acabamento perfeito: nem matte extremo nem oleoso. Atende desde as pessoas que procuram uma base confortável – que cobre imperfeições sem pesar – até quem prefere alta cobertura. Além disso, é fácil de dosar com seu aplicador conta-gotas.”

Interessou? Pois vamos para os benefícios que a Natura promete:

  • Textura ultrafina.
  • Acabamento natural.
  • Permite que a pele respire.
  • Disfarça imperfeições sem pesar.
  • Não marca poros e linhas de expressão.
  • Seca em tempo ideal.
  • Dura até 24 h.
  • Imediatamente entrega cobertura, uniformidade, vitalidade e acabamento natural.
  • Após 14 dias: recupera a radiância da pele e combate sinais de estresse.
  • Após 28 dias: melhora a oxigenação da pele e aumenta a produção de energia.

No mais, a composição conta, além da tecnologia Oxygen (complexo de ativos que aumenta a oxigenação da pele), com alfa bisabolol, extrato de cacau e chá-verde, que estimulam a produção de energia e recuperam a vitalidade.

Por fim, possui pigmentos tratados, que garantem adaptação perfeita de cor, maior uniformidade, alta fixação e efeito supernatural.

base sérum natura una nude me fps 18

Base Sérum Nude Me FPS 18: Apresentação

A Base Sérum Natura Una possui 8 opções de cores (poderia ser mais, hein, Natura?) e a que mais se adaptou ao meu tom de pele foi a Claro 24.

A embalagem é clean e bonita. O frasco é de vidro e a tampinha, de rosquear, tem uma espécie de conta-gotas.

O cheiro é suave e vem com 30 ml de produto, que rende bem.

Resenha da Base Sérum Natura Una FPS 18

A textura é extremamente leve, líquida mesmo. É fácil de espalhar e aplico com os dedos mesmo. Geralmente depois uso a esponjinha preta da Klasme (maravilhosa!) pra “dar o acabamento”.

Aplicando assim, o efeito, em mim, é de segunda pele, o que garante um resultado muito natural, confortável e bonito. Não tem nada de efeito máscara, parece que não tem nada ali, entende?

Seca e assenta rapidinho, não deixa nada melequento ou artificial e garante uma pele sequinha, mas ainda assim natural, com viço.

Não pesa e não acumula nos poros, nas linhas nem nos vincos, o que é uma maravilha pra peles mais maduras.

A cobertura é leve, mas dá pra ir construindo em camadas caso a gente precise de uma cobertura média, por exemplo.

Ela uniformiza bem a minha pele e consegue cobrir as manchinhas e o avermelhado, mas não dá conta, com uma única camada, de cobrir o meu melasma (acima dos lábios).

Sem base X com base

Transfere bem pouco e não interfere na oleosidade, mas também não ajuda a controlar. Contudo, como ela não vem com essa promessa, não posso cobrar, né?

Apesar disso, mesmo nos dias mais quentes, e aqui é sempreeeee muito quente (mas essa semana tá um fervo!), ela segura bem na pele, perdendo pouco da cobertura, por umas 6 horas durante o dia, e isso suando horrores.

De noite a cobertura se mantém intacta por mais tempo.

E aí, é Mais que make?

Não acho que uma base, isoladamente, vá melhorar o estado da pele. Também não consigo avaliar se ela realmente recupera a radiância e vitalidade, melhora a oxigenação e combate os sinais do estresse, porque aí teria que deixar de lado os produtos que uso para cuidar da pele e usar somente ela por 28 dias, o que não rola por aqui.

Mas, das bases nacionais é, pro que a minha pele precisa e pro efeito que gosto, das melhores bases que já testei.

O fato de ser muito leve e confortável, de “aderir” rapidamente e funcionar como uma segunda pele me agrada demais.

A proteção contra os raios UVB poderia ser maior, mas o FPS 18 já é um benefício a mais, e, como a gente sabe, pigmento protege a pele da luz visível (e isso vale pra qualquer base), coisa que já falei por aqui.

Falando nisso, ela é excelente para usar depois do protetor sem cor, viu?

base sérum natura
Maquiada, com a sobrancelha desastrosa (meu lápis acabou, com sombra fica esse desastre!) e bem mais “coradinha” no colo…Preciso igualar issaê! hahaha

Também não entope os poros, não piora a oleosidade, não marca “imperfeições”, não sensibilizou a pele nem causou acne cosmética (e eu já tive muito problema com isso por causa de bases!).

Então, sim, a Base Sérum Natura é mais que make.

Preço e onde comprar

Custa R$87,90 na loja virtual da Natura (e com as consultoras), o que não é barato, mas pro meu caso, que gosto de um efeito mais leve e natural, e levando em conta os benefícios que proporciona, compensa sim.

Quem gosta desse tipo de acabamento/cobertura/efeito, assim como meninas de peles mais maduras, vai gostar. Já quem procura por bases com alta cobertura, com efeito matte ou que ajude no controle da oleosidade pode pular pra próxima rs.

Alguém já usou? Conta aí o que achou! E deixem sugestões de produtos pra gente resenhar, tá?

Beijos, Ju♥

Quer mais dicas como essa? Siga nossas Redes Sociais ⇒ Instagram ♥ Twitter ♥ Pinterest ♥Facebook⇒ @jurovalendo

30.07.2018

Magia da Floresta Natura Ekos: Perfumando

Já colocou os pés na floresta, sentiu a força da terra e lavou a alma em suas águas sagradas? Já sentiu o cheiro de uma ciranda de raízes, frutos, sementes, folhas secas, orvalhadas sendo transformadas? Eu já, e é com a Magia da Floresta, estrela do nosso Perfumando de hoje,  que vou te levar pra lá.

Respira fundo e fecha os olhos, o sol vai nascer. Tudo é calmaria, uma calmaria doce e, ao mesmo tempo, profunda, soturna, que desabrocha vagarosamente num caldeirão de terra róscida, madeira úmida, caules verdes, sementes e flores frescas.

Da margem do rio a flor de lótus brota da lama e sinto, na abertura, o frescor doce e a umidade da raiz. A priprioca vem com força, as nuvens pesam, o céu escurece e um damasco amendoado, caudaloso e suculento, com o toque intenso, mas discreto, da pimenta rosa, lança um bálsamo doce e resinado no ar.

Magia da Floresta Natura Ekos

perfume magia da floresta natura ekos resenha juro valendo

O tempo muda e, numa evolução muito bem construída, um amadeirado esfumaçado, pastoso e denso (ahh, a raiz terrosa do vetiver!) se mistura a uma peônia orvalhada e tenra, temperada com calda de jasmim.

Aqui ele fica atalcado, mas por pouco tempo. Um vento de cedro árido (acho que juniperus virginiana, o atlantida é adocicado e pungente) e nobre faz todas as folhas se mexerem, e é aí que a magia realmente acontece.

As notas balsâmicas, junto com a fava tonka, saltam e parecem acalmar a aridez doce, revelando um amadeirado melífluo, terroso e quente que consegue, ao mesmo tempo, ser denso, animalesco, intimista e misteriosamente aconchegante.

Amadeirado de uma feminilidade muito segura e serena, e, ainda assim, compartilhável, é um gáudio que fica mais rente a pele, projetando de forma extremamente calculada e durando bem.

Vem com 100 ml, custa R$89,90 e, embora não seja o meu tipo de perfume, é uma criação rica e muito bem executada.

Cês gostam dos amadeirados? Já sentiram esse? Contem aí o que acharam! E pra ver os outros perfumando clique aqui.

Beijos, Ju♥

Bora papear mais? Siga nossas Redes Sociais ⇒ Instagram ♥ Snapchat ♥ Twitter ♥ Pinterest ♥Facebook⇒ @jurovalendo

O que você acha do JV?
Eu simplesmente amo esse blog!!! Já perdi a conta de quantos produtos comprei depois de ver resenhas daqui, porque sei que são reais. Bioextratus foi…