27.08.2014

Top 10 da Leitora – Lourena Carvalho

Vocês acreditam que semana passada eu esqueci do Top 10 da Leitora? Passou tão rápido que quando me toquei já estávamos no final de semana! rs

Mas vamos ao Top 10 dessa semana, né? E a leitora da semana é a Lourena Carvalho, baiana de Feira de Santana que  tem 25 anos.

Top-10

10. Base Time Wise,  Mary Kay, R$57,00: “É a minha base queridinha! Amo seu efeito mate, que deixa pele sequinha e disfarça bem as imperfeições.”

Já falei sobre ela aqui.

 9. Óleo Elixir Ultime, Kérastase, R$300,00:  “Este é o meu óleo baphônico multifuncional. Gosto de usá-lo junto com a máscara e como finalizador depois da escova. O precinho não é mui amigo, mas vale muito o investimento.”

 8. Óleo em Creme Cupuaçu e Castanha do Brasil, Avatim, R$28,00: “Possui um cheirinho maravilhoso. Além disso, amo a textura que ele deixa minha pele: sequinha e super hidratada.”

 7. Perfume La Vie Est Belle, Lancôme, R$220,00: “É o meu perfume eleito para o dia (quase sempre “quentes” no interior da Bahia). Um floral intenso, docinho na medida certa e muito marcante.”

 6. Paleta Naked 2, Urban Decay, R$180,00: “É a paleta “tem que ter” de toda mulher. Permite elaborar desde uma make leve para o dia até as mais glamorosas para a noite.”

 5. Máscara Capilar Leite de Cabra, Body Store, R$54,90: “Esta máscara foi um verdadeiro achado, pois se adaptou perfeitamente ao meu tipo de cabelo que é fino, loiro e com pouco volume. Ela deixa meus cabelos macios, com brilho, desembaraçando-os com mais facilidade e sem pesar.”

 4. Uniq One, R$ 108,90: “Não vivo sem esse BB cream dos cabelos. Gosto de utilizá-lo como leave in e apesar de possuir textura de “creminho” não pesa no meu cabelo.”

Já falei sobre ele aqui.

 3. Bepantol Derma Creme, Bayer, R$20,99: “Esta pomadinha é muito útil para áreas que precisam de uma melhor hidratação, como os cotovelos e em locais após a depilação, como a virilha. Amo usá-la nos meus lábios quando estão ressecados.”

Já falei dele aqui.

2. Máscara Elixir Ultime, Kérastase, R$ 249,90: “É a minha aposta certa para aquela festa top e para os jantarzinhos do fim semana. O cabelo fica simplesmente divo, super macio, com cheirinho e brilho incrível.”

1. Sabonete dermatológico Effaclar, La Roche Posay, R$ 26,90: “Este sabonete desobstrui os poros profundamente e dá aquela sensação de pele fresquinha e limpinha.”

♥ Dica Extra

  •  Le Parfum, Ellie Saab, R$380,00 : “Este foi dica da Ju (post aqui)! Cheirinho de mulher glamorosa e sofisticada, foi o perfume escolhido para o dia do meu casamento.”
  • Batom Flat out Fabulous,  M.A.C, R$: 66,00: “É o meu rosa fabuloso e estou usando muito neste inverno. Possui acabamento super mate, então os lábios devem estar hidratados antes da sua aplicação.”

Lore, linda, adorei suas indicações e já quero várias coisas, inclusive o perfume e esse óleo em creme da Avatim, marca que eu amo! Obrigada por ter participado, viu? ♥

Quer participar? É só enviar um e-mail pra [email protected] com seus 10 produtos preferidos (+ o extra), uma foto sua, idade e cidade onde mora. Ah, e não esqueça de explicar (em poucas palavras) porque gosta tanto de cada produto!

Tô esperando os e-mails de vocês, tá? E se quiser conferir os outros Top 10 da Leitora é só clicar aqui!

Beijos

Ju

26.08.2014

Água Termal La Roche Posay: Resenha

Fiz um post aqui semana passada com 9 usos diferentes da água termal e resolvi falar da que estou usando, a água termal La Roche Posay, porque água termal não é tudo igual.

Diz no site da marca que a Água Termal La Roche Posay possui propriedades naturalmente suavizantes e antioxidantes cientificamente provadas graças a uma associação única de  oligoelementos e sais minerais.

água termal la roche posay

Resenha Água Termal La Roche Posay

Tempos atrás me explicaram que o principal diferencial da água termal da La Roche Posay era o alto teor de selênio, que garantia uma ação antioxidante potente, o que ajuda a combater os radicais livres e o envelhecimento precoce. Adoro!

A embalagem é bem resistente, o tubinho tem borrifador (a tampa), ela não tem cheiro e  a textura é líquida (claro! rs).

Não tive nenhum tipo de problema com a tampinha borrifadora nem com a embalagem, e a aplicação é  fácil, porque basta borrifar e esperar secar.

água termal la roche posay

Como expliquei naquele post, uso de muitas formas: pra acalmar e refrescar a pele, após a depilação, quando vou pra praia/piscina, após a esfoliação, antes da maquiagem, antes de aplicar o ácido e quando retiro pela manhã, nas brotoejas, nos cabelos, etc.

Em todos os casos a ação é muito boa, mas o que mais gosto é o tanto que ela suaviza e acalma a pele, sabe?

Vivo “vermelha” e cheia de carocinho por causa do calor, então basta borrifar que tudo se acalma.

Viciei tanto no verão passado que desde então ando com a versão pequena (a de 50 ml) na bolsa.

água termal la roche posay

Não consigo avaliar a ação antioxidante porque uso várias coisas na pele, então não consigo separar o que seria efeito da água termal e o que seria efeito dos demais produtos, mas por ser rica em oligoelementos e sais minerais acredito que ajude sim.

A versão pequena( que vem com 50 ml) custa R$37.90, e a versão grande (que vem com 150 ml) custa R$55.90 e compensa bem mais (Compre aqui).

É vendida em farmácias e lojas virtuais, e também pode ser comprada no site da marca. Alguém aqui usa?

Beijos

Ju

*Produto comprado pelo autor do post.

26.08.2014

10 Dicas Pra Quem Precisa de Pique Extra

No domingo tava organizando a lista de posts da semana e compartilhei no Insta (@jurovalendo, segue lá!) e no Face (curte lá menina!) e várias leitoras deram sugestões. Anotei tudo e já faço todos os posts, e vou começar pelo pedido da Mel, que disse que anda sem energia e pediu um post com dicas pra, simplificando, ter mais pique no dia a dia.

Quem acompanha o blog há mais tempo sabe que eu tenho Fadiga Adrenal Crônica, um problema ainda pouco diagnosticado, e por isso suplemento alguns hormônios e tomo alguns cuidados. Na Fadiga Adrenal você se sente exausto e sobrecarregado sem motivo aparente, então preciso de boas doses de “energia” todos os dias, de forma que acabei aprendendo um tiquinho sobre isso, né?

pique extra

Antes de começar, um aviso óbvio: eu só posso falar da minha experiência, do que funciona pra mim, e o certo é procurar um (bom) médico pra te orientar corretamente, já que as causas do cansaço podem ser muitas e todo tratamento deve ser individualizado.

1. Investigue

A minha primeira dica é investigar esse “cansaço”, porque a primeira tendência é achar que é normal, já que a gente vive no limite e sem tempo pra nada. Eu passei por 2 médicos e ambos, após os resultados dos exames de praxe,  disseram que eu estava estressada. Até que fui em um nutrólogo, que me pediu trocentos exames (além dos “básicos”)  e acabou descobrindo várias anormalidades, como contei nesse post aqui.

Os sintomas mais comuns da Fadiga Adrenal são esses: cansaço constante sem motivo, dificuldade em levantar pela manhã (mesmo que tenha dormido muitas horas), melhor sono é de 7 às 9 hs da manhã, redução dos níveis de energia entre 14 e 17 hs, “desperta” e fica cheio de energia após às 18 hs, redução da libido, desejo por alimentos muito salgados ou muito doces, sistema imunológico enfraquecido, não tem ânimo pra “aproveitar a vida” e dar conta das tarefas diárias passa a ser um desafio.

Pra quem quiser entender um pouco mais sugiro dois artigos: esseesse.

pique extra

2. Durma Bem

Se você não dorme bem nada funciona direito, não tem jeito. E não, não é normal não ter um sono reparador! Nessa confusão da Fadiga Adrenal eu não dormia nada, e em um dos exames foi detectada a baixa da melatonina, que é, simplificando, o hormônio do sono, e foi só regular isso pra voltar a dormir corretamente e não sentir mais tanto cansaço.

Falei mais sobre isso nesse post aqui.

3. Evite Carboidratos de Alto Índice Glicêmico

É muito, muito importante evitar esse tipo de alimento, que gera uma alta de energia momentânea mas causa a hipoglicemia de rebote, resultando  numa queda maior dos níveis de energia pouco tempo depois.

Parece besteira, mas a alimentação é determinante pra ter níveis adequados (e estáveis) de energia ao longo do dia. Portanto, reduza os industrializados, aposte em cereais, em carboidratos de baixo índice glicêmico, nos integrais, nas verduras, frutas e legumes.

Uma coisa que entrou na minha rotina e fez diferença foram as farinhas funcionais (maracujá, maça, banana verde, etc), que, simplificando,  ajudam a reduzir o índice glicêmico e evitam o pico tanto da insulina quanto do cortisol.

pique extra

4. Tome Sol!

Vocês já repararam que quando tomamos sol ficamos mais “vivas”? Não é por acaso, já que a falta de vitamina D  leva a perda da vitalidade, ao cansaço. O problema é que a grande maioria das pessoas têm deficiência de vitamina D, que interfere, direta ou indiretamente, em mais de 200 genes e em cerca de 10% das funções orgânicas.

Pra ter níveis adequados de vitamina D tem que tomar sol, e bastam 15 minutinhos por dia. Eu, por exemplo, não gosto de tomar sol, e mesmo suplementando a vitamina D (tópica) tento fazer esse esforço todos os dias. Faz muita diferença!

5. Reposição de minerais e vitaminas

É interessante medir os níveis de minerais no sangue e, caso seja necessário, repor o zinco, o manganês, o magnésio e o cálcio, além das vitaminas do complexo B e a vitamina D, que falei acima, já que essas substâncias estão relacionadas com a “energia”.

pique extra

6. Invista nos ômegas

É uma “cápsula” que não abro mão por vários motivos, inclusive porque a deficiência dos ômegas  torna as transmissões nervosas mais lentas, o que resulta em falta de concentração, cansaço e “preguiça”. Alguns alimentos são fontes ricas dos Ômegas, como o salmão e o atum,  mas suplemento porque não como peixe.

7. Reduza o café e aposte no gengibre!

Eu sou louca por café, mas precisei reduzir porque sim, ele dá energia, mas também “rouba energia” do organismo, e em pouco tempo você está cansada de novo. Aí aprendi a substituir o café pelo chá de gengibre (e coloco nos sucos também), que é um “tônico geral”, dá ânimo e energia.

pique extra

8. Compostos energéticos

Existem algumas substâncias que aumentam os níveis de energia, mas é preciso muito cuidado com o consumo até por causa do “efeito rebote”, porque você fica com muita energia num primeiro momento e depois fica mais cansada ainda.

Já tomei um de açaí, que vende em cápsulas e em pó, e gostei, e  gosto do ginseng e do ginkgo (dizem que atuam como tônico geral do organismo). O guaraná em pó tem, em mim, um efeito similar ao da cafeína e logo depois fico mais cansada, então não acho interessante.

Tem também a marapuama e a maca peruana (vende em forma de chá também), e até acho interessante em casos pontuais, mas não pra uso constante. Fora que não se deve tomar nada disso sem indicação médica, porque mesmo sendo substâncias naturais existem efeitos colaterais e contra-indicações, né?

9. Faça exercícios

Pois é, tem que fazer! Eu tenho preguiça, não vou negar, mas é fato que quando a gente se exercita fica mais disposto e, aos poucos, a sensação de cansaço vai reduzindo.

pique extra

Pra quem, como eu, não é muito chegado na coisa recomendo escolher uma coisa que você realmente goste de fazer, sabe? Tente dançar, andar de bicicleta ou algo do tipo. E se for ao ar livre melhor ainda, porque já aproveita e toma um solzinho pra ajudar nos níveis de vitamina D!

10. O Essencial

O essencial é tirar, todos os dias, um tempo pra você, só pra você. Se você não fizer isso, se não relaxar um pouco fazendo alguma coisa que gosta, a cabeça não aguenta e, claro, você vai ficar esgotada.

Ah, e faça o favor (pra si mesma) de se afastar de gente que te suga, tá? Isso cansa mais que qualquer coisa na vida e a gente acaba ficando sem força e ânimo pra nada!

Alguém tem mais alguma dica?

Beijos

Ju

O que você acha do JV?
Eu acho esse blog maravilhoso. A Ju fala de tudo com muita emoção, muito carinho e ao mesmo tempo muita verdade, muita seriedade. Isso é…
Dicas para o perfume durar mais na pele! O Fim dos Cabelos Ressecados! Dicas de Beleza Rápidas Pro Inverno! Pontas estragadas nunca mais!