Vizcaya
20.12.2016

Aprenda a Aceitar Elogios Sem Ficar Desconfortável

Já fez tempo que venho observando o quanto nós, mulheres, ficamos desconfortáveis quando somos elogiadas, como se não merecêssemos aquilo, e como ficamos incomodadas quando umas raras mulheres agem de forma contrária e reforçam que sim, se acham maravilhosas.

A Shonda falou sobre isso no livro O Ano Em Que Disse Sim, e é fato que a nossa tendência ao ouvir um elogio é ficar com vergonha, dispensá-lo, negá-lo ou praticamente pedir desculpas, porque nós, e aqui estou generalizando, não aprendemos a nos sentir incríveis, e também não aceitamos que os outros afirmem isso sem que venha aquela sensação de que somos arrogantes, pretensiosas, zero modestas.

Você consegue aceitar elogios?

Não sei quantas vezes me peguei abaixando a cabeça ou gargalhando envergonhada quando alguém falava que eu era inteligente, talentosa, bonita ou algo do tipo, como se aceitar aqueles elogios fosse errado, sabe?

Como se, ao aceitar isso e reforçar que sim, eu sou inteligente mesmo, que trabalho duro mesmo, que sou talentosa e sei aproveitar as oportunidades me tornasse uma pessoa esnobe, prepotente, petulante.

aceitar elogios

Qual é o nosso problema, afinal? Porque que diacho não conseguimos valorizar as nossas conquistas e capacidades, e, mais que isso, porque não conseguimos ficar confortáveis quando elas são reconhecidas?

Porque saímos pela culatra e dizemos “ah, foi muita sorte”, como se nossas conquistas fossem obra do acaso e não do nosso esforço? Como assim sorte, cara pálida? Desde quando trabalhar duro, se empenhar e se dedicar é sorte? Não é, nunca foi.

Mas a gente diz que é, porque se agirmos de forma contrária seremos julgadas, assim como julgamos as outras, porque, digam o que disserem, nós somos cruéis umas com as outras sim, nós nos perguntamos logo “quem ela acha que é? Ela se acha demais!”.

E isso é muito mais comum no universo feminino sim, não dá pra negar. Ou alguém aqui já viu um cara julgando o outro, ou, simplesmente, julgou esse cara porque ele aceita tranquilamente quando alguém o parabeniza por suas conquistas? Nunca vi.

Não tem nada de errado em reconhecer o próprio valor, garanto!

A coisa é tão louca que a gente luta pra se emponderar, a gente gasta tubos de dinheiro em terapia pra se amar mais, se aceitar mais, se compreender mais, mas meio que estabelece um limite pra isso, porque né, que absurdo é se achar maravilhosa, é aceitar e reafirmar isso.  Nossaaaaaa.

Isso tudo é um absurdo mesmo, e me lembra uma citação do Mandela que diz mais ou menos isso: “Nosso maior medo é que sejamos poderosos além da medida. É nossa luz, não nossa escuridão, que mais nos amedronta.
Nos perguntamos: “Quem sou eu para ser brilhante, atraente, talentoso e incrível?”

aceitar elogios

Pois é, quem somos nós?

Nós somos aquelas que fomos ensinadas a não sermos nada disso (brilhantes, incríveis, etc). Lá no nosso inconsciente tá gravadinho que devemos ser abnegadas, tímidas, pudorosas, que devemos negar nossas necessidades pelo bem dos outros, que devemos ficar “atrás”, ao lado, na sombra. Nunca na frente, nunca no centro do palco, né?

Nós, e aqui falo como sociedade, não fomos ensinadas a sermos fortes, independentes, poderosas, competitivas, a lutar por nossos objetivos e crenças, a nos posicionarmos sem abaixar a cabeça, a bater de frente quando necessário. Não fomos, enfim, ensinadas a acreditar, lidar e aceitar a nossa grandeza.

E aí, inconscientemente, nos diminuímos, nos mostramos menores para que os outros se sintam mais confortáveis, quando deveríamos fazer o oposto, reconhecermos o nosso valor, ficarmos orgulhosas das nossas conquistas e sermos sim apaixonadas por nós mesmas.

E não, isso não faz com que sejamos arrogantes, que não tenhamos humildade, nada disso. Você é a pessoa mais importante a sua vida, o básico, então, é que tenha muito amor por si mesma.

Como diz a Shonda, “homens fazem isso o tempo todo. Aceitam os elogios, não se diminuem. Não pedem desculpas por serem poderosos, não diminuem as realizações deles.”  E não tem nada de errado nisso, está absolutamente certo, erradas estamos nós.

Portanto, quando receber um elogio, agradeça e sorria, apenas isso. Se ele veio é porque você merece, é seu, você tem todo direito a ele.

Beijos, Ju♥

Quer mais dicas como essa? Siga nossas Redes Sociais ⇒ Instagram ♥ Snapchat ♥ Twitter ♥ Pinterest ♥Facebook⇒   @jurovalendo

Vizcaya
01.04.2016

Você, a pessoa mais importante da sua vida

Sempre!

Tem coisas que, de tão óbvias, a gente já deveria “nascer sabendo”, mas, na grande maioria dos casos, é preciso uma vida inteira pra aprender, e uma delas é que a pessoa mais importante da sua vida é você.

Eu sei que, a primeira vista, até por causa da nossa cultura, pela forma como fomos criadas, parece egoísmo, já que fomos educadas para servir, para agradar, para, simplificando, ficar em último lugar. Mas não, não é, e sabe porque? Porque se você não se colocar em primeiro lugar, se você não se priorizar e fizer primeiro por você, não tem como fazer pelo outro, porque, como já disse por aqui, a gente só dá o que tem, o que é, e se você tá lá em último lugar no seu pódio pessoal, você vai dar o que para os outros?

a pessoa mais importante da sua vida

A sobra da sobra do que você deveria ser, mas não é.

E nem vem com esse papo de que isso é coisa de leonino egocêntrico, como me disseram dia desses. É puro bom senso e, claro, autoamor.

E, olha, eu sei que não é fácil chegar nesse “entendimento”, eu sei. A gente passa a vida toda tentando ser bom o bastante pra todo mundo, tentando agradar a todos e acabamos sempre em último lugar. Nós sacrificamos a nós mesmas muitas e muitas vezes, sem sequer percebermos, pra viver de acordo com o que esperam de nós, e quando, no fim, olhamos pra dentro com muita sinceridade, percebemos que não fomos boas o bastante com nós mesmas.

E isso é tão, tão triste…

E falo isso porque, como quase todo mundo, passei a vida inteira sendo exatamente assim, e quando finalmente entendi que isso estava errado e comecei a mudar, o choque das pessoas ao redor foi enorme, e elas começaram a cobrar, e nisso eu “perdi” muita gente, mas ganhei a mim mesma, e isso não tem preço, porque é exatamente como diz a Clarissa Pinkola Estes em Mulheres Que Correm Com os Lobos: “ser nós mesmas faz com que nos isolemos de muitos outros e, entretanto, ceder aos desejos dos outros faz com que nos isolemos de nós mesmas.”

a-pessoa-mais-importante-da-sua-vida

E eu não quero, nunca mais, me isolar de mim mesma. Eu quero, cada vez mais, gostar de mim, fazer por mim, me respeitar e me aceitar incondicionalmente, exatamente como eu sou. Eu quero e vou, sempre, me colocar em primeiro lugar, e você deveria fazer o mesmo.

Porque sim, você é a pessoa mais importante da sua vida. Porque você não está aqui para satisfazer ao ideal de ninguém. Porque você não deve ser o que querem que você seja. Porque você não precisa vestir uma máscara social. Porque você precisa ser autêntico, ser verdadeiro. Porque você precisa ser você, apenas isso.

Beijos, Ju♥

08.03.2016

Seja a Mulher Que Você Sempre Quis Ser

Porque você pode!

Todos os dias venho aqui e converso sobre um mundo de coisas com vocês. Coisas divertidas, coisas sérias. Coisas alegres, coisas tristes. Coisas, coisas da vida. E o que eu quero com cada uma dessas coisas é que você, que tá aí do outro lado da telinha, seja a mulher que você sempre quis ser, a mulher incrível que tá aí dentro abafada por tantas, tantas coisas.

Falar de beleza é legal, e todo esse universo é incrível sim, mas o mais importante é o que está na entrelinhas: eu não quero falar de beleza pra que você tente se enquadrar em um padrão, pra que você compre 100 milhões de produtos ou coisas do tipo. Não, eu não. Eu quero falar de beleza pra que você coloque pra fora toda a beleza que tem aí dentro, pra que você se aceite, se ame, se respeite. Pra que você consiga ser a mulher que você quer – e pode- ser.  É isso que me interessa.

Me interessa que você entenda que é incrível sim, e que pode tudo, que pode mais, sempre mais. E pode todos os dias, porque a vida não espera, ela vai acontecer quer você participe e faça acontecer ou se acomode e fique sentadinha vendo a banda passar.

Nada contra. Cada um faz o que quer, mas, sabe, eu sei do potencial que você tem, eu sei que você pode construir uma história incrível, eu acredito em você e quero que você acredite também. Eu preciso disso, aliás. Preciso porque quero acreditar que o que eu falo e faço por aqui todos os dias te inspira de alguma forma, e inspira não só a se cuidar por fora, mas por dentro, que é o que realmente faz diferença.

Eu quero que você saiba que sentir medo é normal e que, assim como todo mundo, eu já me apavorei muitas vezes. Que dificuldades existem, e que matar um leão por dia, talvez, faça parte da sua trajetória. Que quase nunca é fácil olhar pra dentro e dar ouvido aos próprios anseios, e que o barulho do burburinho alheio vai tentar o tempo todo abafar os teus sonhos, mas você não pode deixar.

Seja a Mulher Que Você Sempre Quis Ser

Créditos: Shutterstock

Não pode porque no fundo, por trás de todas as máscaras, você, em essência, é forte, é corajosa, é determinada, é livre. Você pode até não saber, mas você é, eu te garanto.Você sonha, você deseja, você quer, e pode sim realizar, e pode sim ser quem você é, e, mais ainda, pode ser quem você sempre quis ser.

Você é mulher, é quem tem o poder de criar, de gestar, de carregar outra vida dentro de si. Você tem o poder, ele é seu e é muito maior do que você imagina, não precisa ter medo não, não precisa, como disse o Zack Magiezi, deixar seus sonhos se prostituindo na zona de conforto.

Vá a luta, hoje e sempre, e faça acontecer. Seja, sempre, a mulher que você quiser ser.

Um beijo enorme e feliz dia pra nós, as donas do mundo! Ju ♥ 

 

O que você acha do JV?
Ju, amo seu blog!!! suas dicas!!! vc é maravilhosa com sua opinião honesta!!! Sempre quando quero comprar algum produto venho aqui pra ver o que…