18.06.2014

O Que Realmente Funciona Pra Evitar as Rugas?

Como vocês sabem, eu já sou uma mocinha de 31 anos de idade, o que significa dizer, dentre outras coisas, que já começo a ter ruguinhas (discretas, tá?) e todas aquelas coisas normais (Oi? São terríveis, isso sim!rs) do processo de envelhecimento.  E justamente por isso, e porque minha pele anda numa fase bem boa, recebo muitas perguntas sobre como evitar que a pele envelheça e coisas do tipo.

Por causa disso resolvi escrever um post com base no que eu aprendi com minha dermato e no que vem funcionando na minha pele. Vamos lá!

Minhas pele com luzes diferentes, em momentos diferentes e de ângulos diferentes. P.S: a praga da mancha do buço ainda não saiu completamente! :(

Minha pele com iluminações diferentes, em momentos diferentes e de ângulos diferentes. P.S: a praga da mancha do buço ainda não saiu completamente! :(

Pra começo de conversa é bom saber que “quase tudo acelera o envelhecimento”, como o  sol em excesso, as noites sem dormir (oi balada!), a  alimentação  rica em tranqueiras (fast food, gorduras e, principalmente, açúcar), o cigarro, a poluição, o estresse e por aí vai.

Mas aqui tem um detalhe que é o pulo de gato: cerca de 80% do envelhecimento é causado pelos raios solares. Ou seja, o cosmético mais importante pra sua pele, aquele que realmente vai retardar o envelhecimento  é o filtro solar, então é nele que você deve investir! E  aprendam a olhar o PPD, que deve ser, preferencialmente, maior que 12, porque é isso que vai dizer o “nível de proteção” contra os raios UVA, principais causadores do envelhecimento (expliquei  isso nesse post aqui).

rugas

Tão entendendo porque eu encho o saco de vocês pra que usem filtro solar? Tem que usar sempre, o tempo todo, sabendo que aquilo é o melhor investimento pra sua pele e que é muito mais “jogo” gastar nele do que em um hidratante que prometa mundos e fundos.

Sim, um bom hidratante, com ativos de ação emoliente e umectante, é importante porque  ajuda  a evitar a perda de água e ajuda também a reduzir a aparência das linhas de expressão. No caso de redução das linhas de expressão os resultados são bem rápidos, mas não duram tanto assim, e é preciso entender que reduzir as linhas de expressão não é o mesmo que reduzir o envelhecimento da pele, e pra esse efeito o mais eficaz é o ácido retinoico e seus derivados.

rugas

Esse é, com certeza, um dos maiores “segredos” da minha pele, porque já tem muitos anos que uso ácido retinoico (post aqui), e com certeza minha pele mudou muito depois dele.

Quanto aos hidratantes, é preciso sim usar e é importante investir num bom produto, mas lembrando que o melhor hidratante pra sua pele é a água que você bebe, porque mais de 90% da hidratação da pele (97%, pra ser mais exata…) deriva da água ingerida (falei disso nesse post aqui). Isso significa que tem que deixar o hidratante de lado? De jeito nenhum! O que acontece é que o hidratante vai criar uma película protetora que vai impedir a perda da água, o que vai manter a pele hidratada. Ou seja, a água ingerida e o hidratante vão “agir em conjunto”.

rugas

E muito cuidado com esses hidratantes caríssimos, viu? Hidratantes de venda livre não penetram na derme, o que significa dizer que agem de maneira superficial, e na maioria dos casos você está pagando não por um ativo incrível, mas sim pela publicidade envolvida, pela modelo contratada e coisas do tipo (olhem esse post aqui).

Simplificando: quer uma pele mais jovem? Invista com gosto no filtro solar, beba muita água e aposte no uso de um bom hidratante (que não é, necessariamente, sinônimo de caro…) que contenha ativos antioxidantes, umectantes, emolientes e que conte, preferencialmente, com  retinoides (ácido retinoico e derivados), um dos poucos ativos que comprovadamente reduzem o envelhecimento da pele.

Beijos

Ju

15.04.2014

Colágeno Funciona Contra a Flacidez?

Já começo o post dizendo que eu amo colágeno, quero casar com ele, tomo todos os dias e não vou parar nunca, porque esperança é a última que morre!rs

O fato é que tomo o danado duas vezes ao dia desde os 28 anos, e minha prima, que é nutricionista, falou que eu estava jogando dinheiro fora porque ele,  seja em pó, em cápsulas ou de qualquer outro jeito não vai “entrar” no meu organismo e “correr pra pele” pra melhorar a flacidez.

Juro que fiquei chocada, porque eu sempre tomei acreditando que era isso o que acontecia, sabe? #MeJulguem

colágeno juro valendo

O que é colágeno?

A questão é que o colágeno nada mais é que uma proteína, proteína essa que é “quebrada” no estômago após a ingestão e  transformada em aminoácidos, que é a parte “menor”, por assim dizer, da proteína, sendo que essa parte é que absorvida pelo organismo.

Isso significa que ingerí-lo é o mesmo que ingerir aminoácidos, e o nosso organismo não identifica de onde veio esse aminoácido, se de colágeno, carne, ovo e por aí vai.

Claro que aminoácidos são bons, são essenciais, aliás, tanto pra pele, quanto pro cabelo e pras unhas, afinal eles compõem o tecido. Mas, o que é errado é achar que basta tomar o bonitinho pra que a flacidez da pele melhore, porque a coisa não é por aí!

Funciona Contra a Flacidez?

Simplificando: ele ajuda, como qualquer outra proteína, mas não é uma porção mágica que acaba com a flacidez, entende? E tão importante quanto o colágeno é uma dieta rica em proteínas, coisa um pouco complicada pra mim, que não consumo carnes de nenhum tipo.

colágeno

Outra coisa importante pra quem consome colágeno é procurar opções que sejam enriquecidas com zinco,  vitamina A, C e E, já que esses micronutrientes potencializam a síntese de colágeno e possuem ação antioxidante.

Cápsulas de colágeno: atenção!

Ah, e colágeno não é tudo igual, e nisso vocês precisam prestar MUITA atenção! Aquelas cápsulas que contém 500 mg (Já achei até de 220 mg) de colágeno não compensam, porque essa quantidade é irrisória e não vai fazer a menor diferença.

Procurem produtos que ofereçam pelo menos 9 gramas por porção, e isso a gente só acha nas versões  em pó, porque o máximo que achei em cápsulas foi 1000 mg (1g).

Não faz milagre, mas não abro mão, porque gente, depois dos 30 a coisa complica, né? Vocês costumam usar? O que acham?

Beijos, Ju

17.10.2013

Ácido Retinoico: Faz Maravilhas na Pele!

Postei no insta (@JuroValendo) uma foto com umas tranqueiras que comprei na farmácia ontem, e no meio das coisas tinha a treinoína (tretinoína = ácido retinoico), e como eu disse que ela era “vida pra pele”, muita gente perguntou o que era e pra que servia, daí resolvi fazer um post explicando.

Uso ácido retinoico fez bastante tempo e não dispenso de jeito nenhum porque foi o que transformou minha pele, que era muito mais oleosa, tinha mais manchas e era bem mais  grossa.

Testei todos os ácidos que vocês puderem imaginar, só que minha pele sempre foi grossa e, por isso, só senti mudanças mesmo quando “ataquei” a pele com ácido retinoico 0.05%.

O que é Ácido Retinoico tretinoina, retinoides

Depois que fiz isso consegui alternar com outros ácidos, como o ácido azeláico e o ácido mandélico, e e a coisa funcionou bem, mas o milagre foi feito com a tretinoína/ácido retinoico mesmo.

Para que serve Ácido Retinóico

O ácido retinoico é, com certeza, o queridinho dos dermatologistas, pois ele funciona pra muita coisa e é bastante eficaz pra potencializar o clareamento da pele, estimular a produção de colágeno, melhorar a irrigação da derme, melhorar a firmeza, reorganizar as fibras elásticas e ajudar na renovação celular, controlar a oleosidade e tratar a acne e reduzir rugas e linhas, dentre outras coisas.

Fora isso, é o melhor renovador que existe e deixa a pele viçosa e bonita. Pra tratar e evitar o envelhecimento esse ácido é “babadeiro”, porque faz tudo de uma vez e, melhor, rápido.

Melhor ainda: dá pra usar no rosto, nas mãos, no colo, no pescoço e também nas estrias (tem um post aqui sobre o tratamento da Lilly com esse ácido nas estrias).

cuidados-uso-acido-retinoico1

Ácido retinoico para o rosto: meu tratamento

Ácido retinoico  tem que ser indicado por um dermatologista, pois existem efeitos colaterais e se os devidos cuidados não forem tomados a pele fica pior, muito pior.

Sim, mas farmácias dá pra comprar esse ácido livremente na concentração de 0.025% e 0.05%, mas ele é um medicamento, não é um creme que você usa de “qualquer jeito”.

Quando comecei a usar esse ácido, foi na concentração de 0.05% em gel (tem em gel e em creme), que é intermediária, até a minha pele se acostumar.

Depois fui pra concentração de 0.1%, e hoje eu alterno, pois no inverno uso uma concentração maior, já que moro em um lugar muito quente, e no resto do ano fico na concentração mais baixa, que é de 0.025%.

Logo no início do tratamento é comum que a pele fique vermelhada, descamando e “ardendo”, por isso é importante ter acompanhamento de um dermato pra que ele veja qual a melhor forma de uso pra você.

No início eu usava três vezes na semana e misturava com algum hidratante  ou um pouco de água termal até que a pele “acostumou”.

ácido retinoico

Ele só deve ser usado no período noturno, e assim que você acordar corra pra lavar o rosto e se entupa de filtro solar pois ele aumenta a sensibilidade ao sol, o que pode, literalmente, queimar a pele, mas é queimar mesmo, de formar bolhinha. Ou seja, não dá pra brincar e nem pra esquecer!

Outra coisa que é bom falar é que, sendo  fotossensível, ele estimula a produção de melanina em contato direto com o sol, e se você não proteger a pele muito bem vai acabar cheia de manchas.

Coisas que aprendi usando ácido retinoico

Como já uso esse ácido faz tempo, tem umas coisinhas que fui aprendendo, como, por exemplo, a não usar nenhum produto que contenha álcool, enxofre ou ativo irritante (inclusive esfoliantes) enquanto estou usando o ácido, pois a pele irrita absurdamente e, em alguns casos, “queima”, e isso já aconteceu comigo.

ácido retinoico

No início do tratamento não use o ácido na pele úmida pois ele é forte e a pele úmida absorve muito mais, o que pode causar irritações.

Além disso, cuidado com a quantidade e cuidado com a concentração, que deve ser sempre a menor pra ver como a pele vai reagir ao produto. Se a pele estiver irritada, sensibilizada ou machucada não use ácido, porque o quadro vai piorar!

Tem muito mais coisas pra falar sobre esse ácido, mas tudo que lembrei agora coloquei aqui.

Onde comprar ácido retinoico?

Ah, ele pode ser manipulado e na maioria das vezes uso assim, já que minha dermato insere ele nas minhas fórmulas, mas nas farmácias vende (Vitanol A, Vitacid, etc) e ele não é caro.

Comprei o Vitacid (0.025%) ontem por 15,50 Dilmas, e ele rende muito pois só pode usar pouquinho, sabe?

Enfim, é o meu ativo preferido (também amo argila, mas aí é outra coisa!), e mesmo sendo um ativo bem antigo, é imbatível!

Quando não uso o de farmácia, que mostrei no Top 10 Produtos de Farmácia Para o Rosto, uso manipulado, como na fórmula passada pela minha dermato (post aqui).

Outros Ácidos Que Salvam a Pele

Beijos

Ju

Siga nossas Redes Sociais ⇒ Instagram ♥ Snapchat ♥ Twitter ♥ Pinterest ♥Facebook⇒   @jurovalendo

O que você acha do JV?
Ju, amo seu blog!!! suas dicas!!! vc é maravilhosa com sua opinião honesta!!! Sempre quando quero comprar algum produto venho aqui pra ver o que…